Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
[FP] Radgar ValrakHoje à(s) 3:41 pmporYami[FP] Radgar ValrakHoje à(s) 3:40 pmporRadgarI - Anjo CaídoHoje à(s) 1:42 pmporKiraCidade do Pecado, 罪市Hoje à(s) 12:50 pmporNekkyotoCréditosHoje à(s) 12:40 pmporKira[TUTORIAL] - GrimHoje à(s) 12:23 pmporNekkyotoSpear & Shield - 01Hoje à(s) 11:01 amporMinduimIII - Death or ParadiseHoje à(s) 10:28 amporAchilesPerpétuos I - Malfeito FeitoHoje à(s) 10:24 amporTerryO Bando da Rainha CaolhaHoje à(s) 8:52 amporWolfgang

Outlaws from the East

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte
Kenshin
Imagem :
Outlaws from the East Ahri
Créditos :
36
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t360-agatha-harkness https://www.allbluerpg.com/t1510-capitulo-ii-sonho-de-uma-noite-de-verao
Kenshin
Desenvolvedor
Outlaws from the East Qua Maio 12, 2021 12:12 am
Outlaws from the East

Aqui ocorrerá a aventura dos(as) Civis Shinoda Ryotaro e Axell B. Vogel. A qual não possui narrador definido.

_________________

Outlaws from the East J09J2lK

"Ah, mas eu não quero ter dois caminhos ou ah, mas eu não quero ter caminho nenhum. Ué, você já pode porra, a única coisa que te impede de fazer isso é ser zé metinha e querer ficar comparando o tamanho do pau com o coleguinha pra compensar o ego frustrado." - Luquinhas, 2022
avatar
Imagem :
Outlaws from the East 350x120
Créditos :
05
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/
Axell
Civil
Re: Outlaws from the East Qua Maio 12, 2021 5:31 pm




TETSU NO AGO

- A.B.VOGEL -


Ж


Um novo dia e uma nova chance para arrumar algum problema.

Depois de tantos dias pacatos em Dawn Island finalmente chegou o momento do nosso grupo sair da pilha de corpos da extinta Black Dragons e começar a caminhar com suas próprias pernas. Por enquanto tudo o que temos é apenas a vontade inabalável de quatro homens, mas eu tenho certeza que em pouco tempo a nossa sombra vai ser tão grande que vai encobrir até mesmo o sol.

Um passo de cada vez. - Dizia pra mim mesmo enquanto brincava com minha faca quase inconscientemente fazendo a lâmina dançar de um dedo para o outro. À minha frente estava todo o subúrbio da ilha  e até um cego podia ver que isso daqui é um barril de pólvora prestes a explodir. - Vamos fazer algum dinheiro e acender o pavio desse lugar. - Diria para Ryo, Ken e Izumi.

Já conhecendo bem a geografia do lugar, também ficava um pouco mais fácil de conhecer os podres dali, ainda assim contaria com a ajuda de Ryo e Izumi e seus dedos podres para achar alguns desgraçados gananciosos que precisassem do serviço que tínhamos para oferecer e isso incluía desde um simples furto, até um grande contrabando… as possibilidades são praticamente infinitas. Particularmente me agradava a ideia do roubo e do contrabando, talvez até pudessemos roubar algo legal dessa vez como algum bom barco ou algumas peças para eu trabalhar mais tarde.

Guardaria a faca na cintura e a encobriria com o grande casaco preto que cobria meu dorso. Na minha cara estaria estampado a feição de poucos amigos e quem ousasse a desafiar receberia uma única frase sútil não importando quem fosse. - Perdeu o cu na minha cara?






Histórico:






Última edição por Axell em Qua Maio 12, 2021 10:55 pm, editado 2 vez(es)
Tidus
Imagem :
Outlaws from the East Arataki-itto-bull
Créditos :
12
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1205-kenma-shirou-hasegawa https://www.allbluerpg.com/t1441-2-caneco-double-trouble
Re: Outlaws from the East Qua Maio 12, 2021 8:32 pm




TETSU NO AGO

- Shinoda Ryotaro -


Ж

Dawn Island, um lugar que foi meu lar desde que me lembro por gente, mas conforme o tempo passou ele foi se tornando cada vez mais ínfimo, aquele monte de entulho não era a vida que eu queria, a vida que meus companheiros mereciam. - Dinheiro? - As palavras de Vogel me tiravam do meu transe, com os olhos em volta e me dei conta de que não estava sozinho. - Claro, a dívida com aqueles merdas não vai se pagar sozinha, e já estou farto da vista desse lixão. - Levei as mãos para trás da cabeça para organizar alguns fios de cabelo soltos. - A Baía Pirata pode ser um bom lugar se quiser tirar dinheiro de uns piratas idiotas, mas também temos os bandidos das montanhas, eles sempre estão metidos em alguma confusão e podemos usá-los para começar uma confusão com os pirata. - Dei de ombros. - Sabe, tirar proveito do caos generalizado. - Um largo sorriso se abriu em meu rosto, no fundo quem me conhecia sabia que só queria me meter na confusão em vez de me aproveitar.

Recolhi as mãos para dentro dos bolsos da calça escondendo os braços sob o sobretudo jogado nos ombros. - O que acha Ken? Ouvi dizer por aí que a líder dos bandidos é uma gorila que foi criada na floresta. - Minha postura transmitia certa neutralidade, quase como uma criança aproveitando o ar livre ao lado de alguns marginais, talvez um desavisado até pudesse me confundir com uma, isso claro se não fosse conhecido por essas bandas como um dos maiores lixos que ali habitavam. - Bem, bem, vamos ver o que achamos por ai então, não vamos chegar a lugar nenhum parados aqui. - Ainda com as mãos dentro dos bolsos começaria a caminhar em direção ao terminal, um local onde pessoas como nós estavam habituadas.






Histórico:

_________________

Outlaws from the East SignGojo
Shroud
Imagem :
Outlaws from the East DeMbUHj
Créditos :
43
Localização :
Las Camp
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1358-michelle-johnson#13920 https://www.allbluerpg.com/t1363-um-bom-argumento#14023
Shroud
Soldado
Re: Outlaws from the East Qui Maio 13, 2021 7:22 am




TETSU NO AGO

- Izumi Kujo -


Ж

Naquele instante nada parecia ser mais divertido do que aproveitar o momento, assim como fora com a já extinta Black Dragons. Izumi não era idiota, sabia bem da sua situação junto a organização criminosa que lhe caçava, o infame Desfile Noturno de Cem Dêmonios, permancer vagando sozinho apenas lhe tornaria um alvo fácil, por essa razão, construir um novo grupo junto a remanescentes dos dragões negros se tornou a opção mais sábia para o momento. Se tinha expectativas no crescimento daqueles quatro indivíduos? Nenhum, entretanto, enquanto pudesse acumular tempo e poder não havia muito sobre o que pensar.

Hey, vamos com calma, eu ainda nem me preparei — suspirou o garoto espreguiçando-se na tentativa de livrar-se de toda a preguiça acumulada em seu corpo, logo em seguida sua boca abriu-se em um longo bocejo — algum de vocês não teria um jornal por aí? Não?! Tudo bem, tudo bem, eu volto logo — em um salto, Izumi colocaria a andar em direção a algum comércio, a destra afundaria-se em seu bolso buscando o dinheiro necessário para adquirir aquele amontoado de papel — Poderia me vender um dos jornais? — a quantia necessária seria ofertada rapidamente, assim como a aquisição do jornal do qual os ágeis dedos do Kujō folheariam na busca das páginas mais importantes, as referentes ao horóscopo.

Não tardaria a retornar ao grupo ao mesmo tempo em que seus olhos negros e foscos manteriam-se fixos nas linhas descritivas relacionadas a seu signo, a serpente. Normalmente o dia de Izumi se baseava completamente no que o horóscopo tinha a lhe dizer, uma boa previsão para o dia o tornaria confiante e bem humorado, enquanto uma previsão ruim poderia tirá-lo de ação ou tornar a convivência junto a si muito mais complicada, tudo dependência de um pequeno trecho registrado nos cadernos intermediários do jornal — Kukuku! Hoje o dia vai ser mesmo interessante, — constatou ele sem muito mistério — querem que eu leia o signo de vocês? Você parece ser alguém que nasceu sob o signo no cavalo Axell-chan, e você, imagino que seja o tigre Ryocchi, e o Ken-chan o dragão. Acertei?

Izumi tinha o péssimo costume de criar intimidade onde não havia, com pessoas que sequer conhecia direito, por isso era muito comum vê-lo dar apelidos a terceiros, mas de uma maneira ou de outra, tinha consciência que muitos sequer se importavam com suas tentativas importantes de ser inconveniente — O que querem fazer, capturar um membro da família real?! A rainha até que é bem bonitinha, você poderia seduzi-la Axell-chan, ofereça seu coração — comentou desdenhosamente com um sorriso divertido nos lábios — Eu gostei mais da minha ideia, mas a sua também é válida Ryo, no melhor dos casos poderemos saquear os piratas, os bandidos das montanhas e dar o fora daqui em um barco roubado...ah, algum de vocês por acaso sabe navegar?! — por mais que a empolgação fosse evidente o questionamento de Izumi era válido, não sabia sobre os demais, mas ele de fato não fazia ideia de como fazer um barco se mover.


Histórico:

Onegai Pepe:

_________________

Outlaws from the East RZdtC5v
Pepe
Imagem :
Outlaws from the East PdK88pd
Créditos :
15
Localização :
Masquerade – 4ª rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t321-aiko-saito#935 https://www.allbluerpg.com/t1723-operacao-p-a-r-a-d-i-s-e
Pepe
Avaliador
Re: Outlaws from the East Sab Maio 15, 2021 2:16 am


Narração

Axell, Izumi e Shinoda
Localização: Dawn – East Blue
Período do dia: Manhã

Naquela manhã que se iniciava, sentiam que o ar não estava muito quente, o sol não castigava seus rostos e despertavam no local deplorável que se encontravam com grandes promessas de um dia incrível que estava por vir...

O local fedia e não era dos mais agradáveis, obviamente, vivendo naquela região do reino de Goa não podia se esperar muito mais. Cada um dos colegas acordava ao seu próprio modo e pensavam em coisas diferentes. Axell parecia querer focar em como começariam sua jornada para pagar a dívida que possuíam e por isso indagava seus colegas sobre o que poderiam fazer. No entanto, antes mesmo de ouvir a resposta de Ryo, Izumi perguntava sobre possuírem um jornal e vendo que seus colegas não possuíam um acabava partindo a procura dele.

Saindo do barraco que estavam começou a andar na cidade que aos poucos ia acordando. O povo ia aos poucos despertando nas ruas e todos pareciam olhar receosos para o céu, como se fosse chover. Nada chamava muito a atenção de Izumi que logo chegava a um jornaleiro e comprava o jornal diário que tanto desejava, aquele papel era caro, mas o menino precisava disso. Começava a retornar rapidamente para o local de seus colegas.

Enquanto Izumi ia comprar o jornal, Ryo respondia Axell com várias sugestões iniciais, piratas, bandidos, mas não tinha uma ideia real do que seria melhor, por isso acabava perguntando para Ken. — Vamos deixar a gorila em paz. Não tem por que perdermos nossos dentes à toa — comentava ele ao mesmo tempo que o jovem voltava com seu jornal. — Fiquei sabendo de um grande roubo que pode rolar no cais essa onite, é uma boa forma de conseguir dinheiro... — Enquanto ouvia Ken falando, Izumi começava a folhear a procura do horóscopo e quando finalmente encontrava lia com atenção o que estava escrito.

Hoje não será um bom dia para o signo da serpente. Tenha cuidado com as pessoas do signo do coelho e tente se dar bem com pessoas que possuam peixes, pois é provável que vá se molhar. Faça o possível para não vetar seus olhos, não perca a trilha do seu objetivo diário, minimize o seu prejuízo hoje que terá um bom dia amanhã. Sobreviver a este dia é necessário, pessoas podem julgar suas decisões de forma errônea por causa disso, mas faça o que for necessário para passar do dia de hoje da melhor maneira possível, pois o mundo jogará tudo o que puder contra você.

Item da Sorte: Coleira

Após ler a sorte diária, Izumi indagava sobre os outros e perguntava se queriam que ele lê-se o signo. Só Ken se pronunciou pedindo para que ele contasse.

Hoje será o melhor dia do ano para o signo do dragão. Faça o que for preciso para atingir seus objetivos. Não pense muito nos outros e nem os ouça, siga seus instintos. Tenha cuidado com pessoas do signo do rato e da serpente, elas tentarão barrar o seu destino. Siga firme com pessoas do signo do cavalo.

Item da Sorte: Canivete suíço

Após a leitura viu o jovem se levantando. — Se é para seguir os instintos, então vamos na direção do cais. Acho que molhando os bolsos de algumas pessoas vamos conseguir informação sobre um roubo que vai acontecer a noite — falava sorrindo já se levantando para partir em direção ao cais.

Como não havia ouvido a fala de Ryo, o pobre Izumi não podia reagir muito a ela e só comentava fazendo um pouco de piada sobre outras opções, como Axell pegar a rainha, ou roubarem um barco.

A cidade aos poucos ia ficando mais agitada, com exceção do cheiro do lixo, o Belmont e os Shinoda sentiam no ar o cheiro da chuva que se aproximava. Somente Izumi passava batido por isso. O cais estava agitado e percebiam diversas pessoas das mais diversas classes andando por ele. — Bom... estamos a procura de um cara chamado Kaneki. Ele é um mink coelho — falava Ken olhando para os lados, como procurariam por ele, bem, ficava a cargo dos três sugerirem suas próprias escolhas.



Legenda:

Histórico:

Icons made by Freepik from www.flaticon.com
Shroud
Imagem :
Outlaws from the East DeMbUHj
Créditos :
43
Localização :
Las Camp
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1358-michelle-johnson#13920 https://www.allbluerpg.com/t1363-um-bom-argumento#14023
Shroud
Soldado
Re: Outlaws from the East Sab Maio 15, 2021 6:12 am




TETSU NO AGO

- Izumi Kujo -


Ж

Cautela. Era isso que o seu signo sugeria para as próximas horas, Izumi deu de ombros, era bem comum que previsões como aquela acontecessem durante a semana e sabia lidar o desfavorável, pelo menos acreditava que sim, — Ken-chan, parece que a sorte sorriu para você hoje não é mesmo, que inveja — suspirou ao lembrar-se de seu signo — por isso acredito que sua ideia seja a melhor para o momento de fato kukuku! E não ligue para a parte da serpente, eu prometo que não irei atrapalhar — os arredores eram tão precários quando a índole do quarteto, aquela ilha desde que se lembrava sempre fora um grande poço de desigualdade e isso ficava muito claro diante os cenários, quanto mais longe do centro, mais marginalizado se tornavam os moradores, contudo o Kujō pouco se importava com a “justiça” feita naquele lugar, desde que estivesse bem, nada mais importava.

Algum de vocês tem uma coleira? É meu item da sorte, com uma previsão como àquelas seria legal ter um pouco de sorte me acompanhando kukuku! — questionou mesmo sabendo que da grande improbabilidade de algum de seus companheiros carregarem algo como aquilo e, no ritmo em que seguiam parar em algum lugar para fazer uma comprinha não era uma opção — Um coelho? Que grande problemática, o horóscopo me disse exatamente para tomar cuidado com pessoas sobre esse signo, não seria cômico um coelho sobre o signo do coelho? Kukuku! Podemos arrancar o pé dele? Um pé de coelho traria sorte para desafortunados como nós — deu de ombros, pensativo sobre a possibilidade.

Ken, explique um pouco mais sobre esse roubo no cais, eu não estou fiquei sabendo de nada do tipo nem escutei nada nos últimos dias, — indagou o garoto — sabe, é meio perigoso ficar se enfiando em situações como essa sem muitas informações, nunca se sabe quando uma organização criminosa em ascensão possa estar te caçando com um grupo sedento para enfiar uma estaca em sua garganta — comentou despretensiosamente lembrando-se do fato de estar vivendo uma longa caçada, infelizmente, do lado frágil da situação — de toda forma eu irei seguir o nosso querido dragão sortudo, com aquela previsão não há como as coisas darem erradas enquanto estivermos com ele, minha única sugestão é chegarmos antes do anoitecer para analisar melhor o terreno e avaliar nossos obstáculos, claro, logo depois de acharmos o coelho. Não deve ser difícil achar um coelho, não é?! — sorriu meticulosamente enquanto sentia a ansiedade tomar conta de seu corpo.


Histórico:

Leia:


Última edição por Shroud em Ter Maio 18, 2021 2:48 pm, editado 2 vez(es)

_________________

Outlaws from the East RZdtC5v
avatar
Imagem :
Outlaws from the East 350x120
Créditos :
05
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/
Axell
Civil
Re: Outlaws from the East Sab Maio 15, 2021 5:28 pm




TETSU NO AGO

- A.B.VOGEL -


Ж


Era impressionante o tanto de energia gasta por Izumi em toda aquela baboseira de horóscopo. Se eu era do signo de marte alinhado com um monte de merda o que importava? De qualquer forma aquilo parecia estar rendendo algo de útil graças á Ken e seu ouvido atento, o rapaz parecia ter o faro apurado para problemas e era só o que precisávamos no momento. Ainda assim diria sem empolgação nenhuma na voz. - Sim, acho que cavalo faz sentido... - A mente iria longe em lembranças quase já enterradas trazendo a imagem de meu pai, o Cavalo Louco. Grande homem, grande guerreiro e grande idiota.

Eu gosto da ideia de conhecer a rainha… Será que ela sabe lutar? Dizem que ela matou a própria família a sangue frio, talvez também saiba trocar alguns socos ziahaha. - Com ambas as mãos no bolso caminhava tranquilamente pelas ruas. - Acho que  a pista de Ken pode dar em algo, e se não der a gente improvisa por lá mesmo roubando algo menor… Na nossa atual situação qualquer grana já é alguma coisa. Além disso eu to cansado de caminhar, que tipo de fracassado nós somos pra andar por aí??? - A melhor parte de estar em uma gangue como essa eram os veículos e simplesmente não entrava na minha mente estar andando como um civil normal.

Assim que chegássemos no cais eu observaria bem o ambiente agitado e com duas fungadas já me arrependeria de ter sentido seu cheiro. - As vezes queria poder não sentir esse fedor. Você tem sorte, Izumi. - Apesar do comentário despretensioso, minha atenção estaria no ritmo daquelas pessoas, se estava acontecendo uma grande entrega, se algum navio estava chegando ou saindo, se elas pareciam calmas como em um dia comum ou se estavam agitadas como se algo estivesse prestes a acontecer.  - Bom. Eu vou procurar o coelho no bar mais próximo daqui, talvez seja uma boa ideia nos dividirmos, ou não, vocês que sabem. Paz. - Faria um sinal com as mãos e procuraria o bar mais próximo dali. Geralmente era aonde as coisas aconteciam e alguém falava demais.

Assim que chegasse procuraria um lugar com boa visibilidade e pediria uma bebida. - Me dê algo forte e barato. - Me encostaria de maneira relaxada na cadeira com ambas botas cruzadas sob a mesa, cruzaria os braços e aproveitaria minha própria presença e de algum de meus amigos, caso tivessem vindo. Minha atenção estaria principalmente na aparência, afinal um mink não passava tão despercebido assim, mas também focaria no nome “Kaneki” e em qualquer assunto que envolvesse o cais ou um roubo nesta noite.






Histórico:



_________________

Outlaws from the East Tc69If2
Tidus
Imagem :
Outlaws from the East Arataki-itto-bull
Créditos :
12
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1205-kenma-shirou-hasegawa https://www.allbluerpg.com/t1441-2-caneco-double-trouble
Re: Outlaws from the East Dom Maio 16, 2021 1:21 am




TETSU NO AGO

- Shinoda Ryotaro -


Ж

Em algum momento da vida tinha certeza de já ter ouvido alguém dizer: “você se acostuma com o cheiro ruim” e isso era uma puta mentira, já estava vivendo a cerca de vinte anos naquele lugar e o cheiro parecia ficar pior cada dia que passava. - Signo? Você diz aquela coisa que dita nosso destino desde o momento em que nascemos? - Comentei em meio a certa curiosidade. - Eu adoraria te dizer, mas existe um problema, eu sequer sei quando nasci. - Dei de ombros. - Mas esse foi um bom chute. - Concordei meneando a cabeça.

Nossos planos iniciais foram frustrados por Ken, o que me fez suspirar e virar o rosto para o lado fazendo um beicinho claramente frustrado. - Ta, ta. - Confesso que estava um pouco decepcionado, mas tudo bem já que um roubo ainda parecia um bom plano. Nesse meio tempo, Izumi começou a ler sua sorte - se é que podia ser chamada assim, bem como a de Ken. - Ehn? Tão enigmático. - Tombei a cabeça de lado como se não tivesse entendido direito todas aquelas palavras e frases rebuscadas. - São animais demais, serpente, peixe, coelho, dragão, rato… Tô esquecendo alguma coisa? - Cocei a cabeça enquanto inutilmente tentava lembrar de alguma coisa. - Eeerr… Enfim, e não, Izumi, eu não tenho uma... Coleira. -  Arqueei uma das sobrancelhas curioso com seu pedido, mas quem era eu para julgá-lo? Esse não foi o primeiro e certamente não seria o ultimo de seus pedidos exóticos.

Bem, de qualquer forma tínhamos um destino agora: o cais, os outros planos eram igualmente tentadores, mas por hora seguir o que Ken tinha sugerido parecia a melhor opção, quer dizer, no fim qualquer plano que nos tirasse daquele lixão já era um bom plano. Durante o caminho Vogel reclamava como de costume, mas dessa vez tinha seu ar de verdade. - Do tipo que não tem dinheiro. - Respondi com ironia. - Mas isso vai mudar, o roubo de hoje será o primeiro passo para sair desse lixão e mudarmos de vida, deixar toda essa merda pra trás e conquistar o que é nosso por direito! - Um discurso motivacional, não era muito minha praia mas acabou saindo, talvez fosse parte do meu horóscopo? Aaarg, foco! Aquela loucura do Izumi já estava começando a me afetar.

Em pouco tempo chegamos ao nosso destino e tínhamos um alvo definido. - Um mink coelho deve realmente se destacar. - Concordei. - Quer dizer, a menos que ele não queira. - Encontrar uma pessoa específica no meio da multidão ainda era como buscar por uma agulha em um palheiro, mesmo que fosse uma agulha orelhuda. Vogel por sua vez decidiu se separar e ir buscar informação no bar, como de praxe o lobo solitário. - Se acabar se perdendo vai nos encontrar no lugar mais barulhento como de costume. - Me virei para Ken e Izumi. - Já nós talvez devêssemos tentar procurar mais perto do cais, aquela coisa que você leu mencionou algo que envolvia peixes, não é? Talvez encontremos algo próximo aos barcos de pesca. - Sinceramente eu não ligava muito para aquela maluquice de horóscopo e sequer tinha entendido direito o que queria dizer, mas isso provavelmente ajudaria com Izumi e nos daria um destino inicial. Durante a caminhada olharia em volta com certa cautela, não éramos exatamente os queridinhos da vizinhança e por hora seria melhor apenas observar até encontrar algo que valesse meu tempo.



Histórico:

_________________

Outlaws from the East SignGojo
Pepe
Imagem :
Outlaws from the East PdK88pd
Créditos :
15
Localização :
Masquerade – 4ª rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t321-aiko-saito#935 https://www.allbluerpg.com/t1723-operacao-p-a-r-a-d-i-s-e
Pepe
Avaliador
Re: Outlaws from the East Ter Maio 18, 2021 4:36 am


Narração

Axell, Izumi e Ryotaro
Localização: Dawn – East Blue
Período do dia: Manhã

A reação a falta de sorte de Izumi era rapidamente manejada, não só era comum este tipo de sorte, como a previsão incrivelmente sortuda de Ken acabava animando-o mais.

Porém a leitura de sorte era o último ponto importante ali. Seguiram em direção ao cais, cada um com algo diferente em mente. A conversa ia rolando de forma normal, Izumi indagava sobre possuírem uma coleira ou qualquer coisa do tipo. Ken simplesmente balançava a cabeça, enquanto Ryo respondia de forma mais verbal. Já Axell parecia ignorar a pergunta e reclamava de ter que simplesmente andar até o cais enquanto sentia aquele fedor horrível.

Ao chegarem Ken explicava que estavam atrás de um mink coelho, o primeiro a reagir era o próprio Izumi, que movido pela simples força da superstição já cogitava arrancar a pata do mink para conseguir sorte. O jovem deveria ter cuidado ao falar aquilo, pois após terminar e enquanto ouvia a resposta de Ken. — Não acho que é assim que funciona a sorte... — acabava sentindo um forte pontapé em suas costas. Acabava caindo no chão e quando se virava para olhar quem havia o acertado acabava por ver um mink coelho olhando-o com raiva e se aproximando para acertá-lo mais uma vez. — Você vai fazer o que com uma pata de um mink coelho?! — perguntava o mink raivoso preparando-se para socar o jovem supersticioso. Ken entrava na frente e falava com um sorriso um pouco assustado pelo que Ryo poderia dizer, claramente seu irmão conhecia esse mink. — Desculpe meu amigo, ele tem um parafuso a menos na cabeça. Ele nem tem força para fazer isso que falou, estamos só a procura de Kaneki... — informava Ken. — Pff, vocês têm coragem de chamar aquele merda de mink? Devem realmente ter um parafuso a menos na cabeça — falava ele se distanciando aos poucos ainda raivoso.

Após aquele pequeno sinal de azar de Izumi, Vogel decidia se separar dos outros três e ir beber um pouco para procurar pelo tal mink não tão mink Kaneki.

Axell
Localização: Dawn – East Blue
Período do dia: Manhã

O bar mais próximo não era muito longe e por isso Axell chegava no local com certa rapidez. O local não era bonito e nem mesmo sofisticado. Porém ao entrar no local acabou por ser atendido por uma bonita maid, talvez até bonita demais para estar num bar daquele nível. Ela destoava completamente do ambiente decadente que cercava a moça e o Vogel.

Outlaws from the East 07tvws1

A moça ouvia o pedido dele e saía por um tempo. Axell olhava seus arredores no bar, e por causa de ser bem cedo acabava que o local estava bem vazio. Havia alguns bêbados que pareciam ter virado a noite no local e nem se aguentavam em pé.

A maid se aproximava e entregava um copo para ele com um líquido escuro que o próprio cheiro já batia com força na narina do jovem. Enquanto ele recebia o copo percebia que havia algo estranho no colar dela, ele parecia tampar alguma marca no pescoço da maid.

Via a jovem maid se distanciando e limpando o balcão com um pano que provavelmente estava mais sujo do que o próprio balcão. Não parecia haver chance real de encontrar algo relacionado ao tal mink Kaneki.

Izumi e Ryotaro
Localização: Dawn – East Blue
Período do dia: Manhã

Já ficando no cais Izumi se levantava sentindo as costas da forte pancada. Ryo comentava sobre irem procurar mais a fundo já que não só realmente ele estaria por ali, como o próprio simbolismo com peixes seria mais simples de se encontrar por lá. — Bem, não tem muito o que eu possa falar realmente — falava o homem rindo virando-se para Izumi. — Eu ouvi de alguns vagabundos por aí que o Kaneki estava planejando roubar alguns nobres bundões. Como é para seguir meus instintos e eu sinto que não é nada absurdamente perigoso, não poderia recusar a chance não é? — falava ele sorrindo com a possibilidade e com a possível reação de Izumi. — Podemos conseguir uma parte se participarmos e eu não sinto que será tão perigoso assim.

Se aproximando mais e mais dos pescadores o cheiro acabava ficando melhor para Ryo, o lixo ia sumindo para dar lugar ao forte cheiro de peixe, não que fosse um bom cheiro, mas já era melhor do que o cheiro do chorume. — Bom, eu vou perguntar para aqueles pescadores ali — falava Ken apontando para um barco logo ao lado e já indicando outros barcos para os dois continuava. — Perguntem por aí, ele deve estar por aqui, aquele outro mink conhecia ele de nome, então não deve estar muito longe.

Ao sair de perto dos dois não demorou para que Izumi e Ryo vissem um homem com orelhas de coelho carregando um cesto de peixes.

Outlaws from the East ZR80e1A

Seria ele o tal Kaneki?

Legenda:

Situação do HP:

Histórico:

Icons made by Freepik from www.flaticon.com

Shroud
Imagem :
Outlaws from the East DeMbUHj
Créditos :
43
Localização :
Las Camp
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1358-michelle-johnson#13920 https://www.allbluerpg.com/t1363-um-bom-argumento#14023
Shroud
Soldado
Re: Outlaws from the East Ter Maio 18, 2021 2:42 pm




TETSU NO AGO

- Izumi Kujo -


Ж

Izumi olhava ao redor, o local ao qual estavam realmente era deplorável, mas ao menos estava isento de sentir o cheiro que seus companheiros tanto reclamavam — Fico aliviado por não ter que lidar com isso kukuku! — estava aliviado, sentia-se confortável mesmo pelos reveses previstos pelo horóscopo, contudo, o rumo das coisas começaram a mudar. Izumi sentiu um impacto em suas costas que o jogou no chão, não entendeu nada até encontrar um momento para virar-se e seus negros olhos fitarem a figura de um coelho, deu um salto um tanto incrédulo e seu indicador se virava na direção da criatura — É ele, é o maldito Kaneki, vamos tirar o pé dele — um tanto quanto extravagante, Izumi ergueu os punhos em resposta a atitude agressiva que o lagomorfo apresentava — Pés de coelho trazem sorte, todos sabem disso, oras — se justificou a indagação do adversário.

Estava pronto para trocar socos com o desconhecido quando Ken interviu, — Ken-chan, não se preocupe, acabar tudo com um soco, ou dois, talvez três — não tardou a perceber que àquele não se tratava do coelho que procuravam, cruzou os braços escutando Ken fazer pouco de si, mas calou-se optando não contrariar o que havia lido mais cedo. Quando percebeu que o coelho se distanciava do grupo, ergueu a voz a fim de chamar sua atenção — Hey, coelho, qual é o seu signo?! — sua faceta era séria, por mais bobo que pudesse soar, Izumi de fato levava aquelas coisas a sério, a depender de sua resposta, muitas coisas poderiam ser esclarecidas.

[...] — Quem é esse maluco, ele me deu um chute, doeu — dizia ele passando a mão no local atingido — Não é como se eu pudesse dizer alguma coisa com a minha sorte de hoje não é?! Eu estou dentro — deu de ombros aceitando a ideia, mesmo que raptar a rainha ainda insistisse como uma ideia mais divertida em sua mente. Já no porto, deixando o cenário precário para trás, o grupo ainda tinha a missão de encontrar o misterioso Kaneki — Bom, então eu vou procurar por aí também, talvez conversar com as pessoas que conhecem melhor a região, até mais — antes que pudesse dar um passo para longe dos demais encontrou próximo de si um enorme par de orelhas, orelhas grandes, orelhas de coelho — É ele, é tal do Kaneki — gritou o jovem novamente apontando para o indivíduo sem a certeza do que estava falando, seus passos se dirigiram em encontro do possível Kaneki, não disse nada, apenas o fitou de cima abaixo notando uma grande discrepância entre ele e o outro coelho que lhe acertará momentos mais cedo — Você não se parece com aquele outro coelho, talvez fosse isso que ele quisesse dizer com aquela frase? Kukuku! Entendo, os seus amigos minks te zoam por você não ser como eles? Pobrezinho — Izumi o provocava fazendo uma cara de choro — Vamos, Ken quer discutir assuntos com você!


Histórico:

_________________

Outlaws from the East RZdtC5v
Tidus
Imagem :
Outlaws from the East Arataki-itto-bull
Créditos :
12
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1205-kenma-shirou-hasegawa https://www.allbluerpg.com/t1441-2-caneco-double-trouble
Re: Outlaws from the East Qua Maio 19, 2021 1:45 am




TETSU NO AGO

- Shinoda Ryotaro -


Ж

Nossa busca por um mink coelho acabou sendo mais curta do que imaginei, pois quase como se fosse uma dádiva dos céus Izumi recebeu exatamente o que tanto ansiava: um pé de coelho. - Olha seu pé de coelho ai. - Esbocei um sorriso zombeteiro, mas a graça durou pouco e a expressão de meu rosto se fechou, apoiei o peso sobre a perna esquerda me preparando para erguer a direita, entretanto antes de ter a chance de prosseguir Ken interviu de uma forma estranha e apaziguou a situação. - Tsc. - Resmunguei ainda encarando o coelho enquanto ele se distanciava. - Você deve ter seus motivos para fazer o que fez, mas da próxima vez que aquele orelhudo fizer algo assim vamos descobrir se pé de coelho dá sorte mesmo. - A expressão de poucos amigos em meu rosto desapareceu poucos instantes depois, se Kentaro não estivesse ali provavelmente teríamos colocado a superstição a prova.

Após uma breve explicação do plano - se é que aquilo podia ser considerado um, chegamos a um local com um cheiro um pouco melhor, quer dizer, era quase como trocar seis por meia dúzia, mas cavalo dado não se olha os dentes. - Existe algum tipo de gangue de coelhos por aqui? - Um questionamento retórico, a essa altura não importava na verdade. - Então boa sorte pra você, não que você precise, né? - Dei de ombros fazendo graça de toda aquela história de superstição que parecia estar nos rodeando mais do que de costume.

Bem, sorte ou não, não demorou muito para encontrarmos outro possível candidato a Kaneki. - Uma gangue de coelhos… - Resmunguei comigo mesmo, não me lembrava de tantos mink coelhos por ali, mas não é como se lembrasse de muitos rostos mesmo. - Ei, Izumi... - Antes mesmo que tivesse chance de falar com o rapaz o mesmo saiu correndo, apontando e gritando. - Deixa pra lá. - Balancei a cabeça de um lado para o outro, discrição não era realmente o forte dele - ou o meu.  

Observei a abordagem de Kujo enquanto me aproximava vagarosamente com as mãos nos bolsos e ombros levemente para frente. - Vai com calma, Izumi. - Comentaria assim que estivesse próximo o suficiente esboçando um leve sorriso no rosto. - Meu amigo aqui acordou animado hoje. - Pararia de caminhar mantendo certa distância entre nós. - Estamos procurando um sujeito chamado Kaneki, por acaso esse nome lhe é familiar? - Um questionamento direto, mas que poderia soar suspeito. - Estamos apenas querendo tratar de negócios com ele, acho que podemos nos ajudar. - Era difícil saber qual seria sua reação, depois do nosso primeiro contato com um mink coelho minhas expectativas não eram das melhores.  

Se porventura o coelho fugisse após nossa abordagem eu não pensaria duas vezes e correria atrás dele. - Avise o Ken! - Diria a Izumi enquanto corria atrás do sujeito. - Ei, espera! Nós queremos apenas conversar, temos um objetivo em comum aqui! - Exclamaria durante a perseguição tentando fazer com que o sujeito pelo menos nos ouvisse. Mas se o mink não fugisse da nossa abordagem pouco suspeita, prosseguiria tentando uma conversa minimamente civilizada. - Ouvimos alguns boatos interessantes por aí, algo envolvendo alguns nobres e talvez possamos nos ajudar quanto a esse assunto, uma mão lava a outra, sabe? - Comentaria em um tom ameno. Por fim existia a possibilidade de estarmos cometendo um grande erro e se aquele não fosse Kaneki e/ou não soubesse nada sobre seu paradeiro, apenas seguiria em busca de mais informações pela região.



Histórico:

_________________

Outlaws from the East SignGojo
avatar
Imagem :
Outlaws from the East 350x120
Créditos :
05
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/
Axell
Civil
Re: Outlaws from the East Qua Maio 19, 2021 12:57 pm




TETSU NO AGO

- A.B.VOGEL -


Ж


Depois de usar uma boa desculpa para deixar aquele bando de degenerados para trás e ter um pouco de paz na cabeça eu chegava no bar, e bem, era exatamente o que se espera de um bar de porto a essa hora da manhã. Uma rápida olhada e ficava claro que seria bem difícil encontrar alguma informação sobre possíveis crimes aqui, a não ser é claro que um desses bêbados tivesse o hábito de falar dormindo. ~ Não faz mal descansar um pouco… eles vão acabar encontrando o coelho mesmo. ~ No entanto uma coisa claramente se destacava naquele ambiente medíocre, uma linda garçonete. Sem tirar os pés da mesa ou mesmo mover minha cabeça eu a vislumbrava pelo canto dos olhos e quanto mais eu a olhava mais estranho aquilo parecia.

Completamente a vontade eu permitia a forte bebida descer pela garganta, um gole de cada vez. O estômago embrulhava e como um motor em ignição a azia subia pela garganta até ser expelida pelo nariz num arroto implodido. Erguia o copo para realmente prestar atenção no que eu estava bebendo. - Ei. - Chamaria a atenção da mulher. - O que é isso? - Na verdade não importava tanto assim. Daria de ombros e caminharia em direção ao balcão onde puxaria uma cadeira e me sentaria próximo a garçonete.

- Me chamo Vogel. V-O-G-E-L. Geralmente colocam um U no meio disso… é um nome estrangeiro. - E então a olharia fixamente, um misto de intimidação, interesse e cordialidade. - E você, qual seu nome? - Daria mais uma chance para a bebida, dessa vez mais preparado para seu sabor e efeito. - Você deve passar por esse tipo de situação todos os dias e eu não quero ser mais um desses idiotas. - Apontaria  com o polegar para os bêbados atrás de mim. - Então se não quiser falar… tudo bem pra mim. - A olharia fixamente, dessa vez claramente a analisando. - Acho que ou você é parente do dono/ ou então tem alguma responsabilidade com esse lugar, mais do que só ganhar dinheiro para sobreviver. Ou então realmente está juntando dinheiro como pode e não vê a hora de se mandar daqui a quanto antes, e quanto a isso, eu a entendo completamente. Acertei?

Se a garota respondesse ou não, pouco importava. Tudo isso era só papo furado para onde realmente estava minha curiosidade. - Esse colar. Qual a história dele? - Durante toda essa falação minha atenção estaria em seus trejeitos, se algo do que eu havia dito tinha a afetado de alguma maneira.






Histórico:



_________________

Outlaws from the East Tc69If2
Pepe
Imagem :
Outlaws from the East PdK88pd
Créditos :
15
Localização :
Masquerade – 4ª rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t321-aiko-saito#935 https://www.allbluerpg.com/t1723-operacao-p-a-r-a-d-i-s-e
Pepe
Avaliador
Re: Outlaws from the East Qui Maio 20, 2021 4:30 am


Narração

Izumi e Ryotaro
Localização: Dawn – East Blue
Período do dia: Manhã

Enquanto o coelho se afastava Ryo zoava Izumi pelo chute que havia levado, já este indagava ao coelho qual era o signo dele. O mink se virava ainda com um pouco de raiva, mas a pergunta fora tão aleatória que a resposta saía bem mais neutra. — Sou do signo de dragão — e sem entender o motivo daquilo continuava a andar para tomar o seu caminho.

Os dois que queriam brigar com o mink começavam a fazer diversas perguntas sobre aquele mink específico. — Não tem gangue alguma de coelhos. O Kaneki tá aqui por causa do roubo... já esse outro... sabe a moça gorila que você falou mais cedo? — perguntou o irmão para Ryo, mas não esperava uma resposta verbal, no máximo algum tipo de concordância física antes de continuar falando. — Ele está pensando em pegar o posto dela de líder — comentou Ken. — E já falei que não é bom de arrumar briga com ela, arrumar briga com quem quer arrumar briga com ela é loucura... a não ser que vocês queiram ajudar ela ou ele na tentativa... eu acho melhor evita-los. Principalmente porque ele está no dia de sorte dele também, não é Izumi? — pergunta o jovem olhando para o supersticioso azarado do dia.

Após aquela conversa mais descontraída e seguirem acabaram se separando. Não demorou para que encontrassem outro mink coelho e foi quando Izumi foi até o suposto Kaneki sem pensar muito. A forma que o supersticioso falava com o moço impressionava não só o provável não tão mink, como também ao próprio Ryo que já ia intervindo na tentativa tentando explicar melhor a situação.

O povo no barco olhava para os três que chamavam atenção, mas o orelhudo indicava que podiam continuar andando, foi quando respondeu os dois. — Eu sou o Kaneki mesmo... e não tenho nenhum amigo mink — começava ele a responder, mas a segunda frase era bem mais raivosa, como se não gostasse de tocar naquele assunto. — E se você disse ajudar, então me ajude a descarregar os peixes — falou o homem indicando com a cabeça os diversos cestos cheios de peixes que havia no barco. — Afinal... não podemos falar de outro assunto aqui e eu não posso sair sem ter acabado meu trabalho, não é? — falava mais baixo perto dos dois. — Depois podemos conversar onde vocês quiserem... — falava continuando a andar para descarregar o cesto dos peixes.

Izumi e Ryo percebiam que ele levava o cesto para uma carroça que havia no cais.

Axell
Localização: Dawn – East Blue
Período do dia: Manhã

O bar não possuía muitas coisas que chamavam a atenção, ou melhor dizendo, havia algo que chamava tanta atenção que o resto era normal demais. E aquilo chamava tanta a atenção que Axell simplesmente não pensava mais em Kaneki e pensava em como abordar aquele ser angelical naquele lugar de merda.

Por isso sua primeira tentativa era perguntando sobre a bebida, para isso experimentava o líquido e sentia o sabor da bebida. Após a pergunta a moça o olhava por um instante, onde Axell via aqueles grandes olhos azuis fitando-o por um tempo antes dela abrir a boca e falar pela primeira vez com o cliente. — É rum — respondia ela de forma simples, sem demonstrar muito interesse. — O mais forte que temos aqui, setenta porcento — complementava a maid querendo demonstrar que lembrava do pedido de Vogel.

Tendo quebrado o gelo, o jovem se aproximava e se apresentava. — Nossa, mas que tipo de idiota colocaria um ‘U’ no seu nome? Perguntava então o nome da garçonete e a ouvia falando. — Asami — ao terminar de responder voltava a passar o trapo sujo no balcão. — Na verdade eles sabem que é inútil tem um tempo já — respondia ainda sem mostrar muito interesse pelo jovem. — Na verdade eu sou a dona — discordava Asami. — Todos tem que começar de algum lugar, então eu preciso cuidar do local da melhor forma que posso e chamar a atenção para cá como posso — respondia ainda neutra, mas parecia que Axell havia a insultado demonstrado que o lugar estava caindo aos pedaços e que deveria desejar sair de lá.

Talvez querendo mudar o assunto porque falara besteira, talvez porque era o interesse dele desde o começo, acabava perguntando sobre o colar. Naquele momento foi a primeira vez que a moça demonstrou uma reação mais real, seus olhos esbugalhavam por um instante, enquanto as sobrancelhas subiam, a mão direita rapidamente ia até o colar e o segurava enquanto se distanciava de Axell. — Você não vai roubá-lo — falava na defensiva. A mão esquerda dela ia até o pescoço também, mas o jovem percebia que não era no colar, esta mão ia tampando a marca que o próprio colar também tampava.

Asami se afastava um pouco de Axell, ainda com medo de que ele tentasse roubá-la. A maid ia aos poucos tentando passar para a parte detrás do balcão, será que havia alguma arma lá? Ou só queria que houvesse algum objeto entre ela e o moço?


Legenda:

Situação do HP:

Histórico:

Icons made by Freepik from www.flaticon.com

Shroud
Imagem :
Outlaws from the East DeMbUHj
Créditos :
43
Localização :
Las Camp
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1358-michelle-johnson#13920 https://www.allbluerpg.com/t1363-um-bom-argumento#14023
Shroud
Soldado
Re: Outlaws from the East Qui Maio 20, 2021 2:53 pm




TETSU NO AGO

- Izumi Kujo -


Ж

De fato aquele indivíduo era quem procuravam e Izumi se orgulhava por ter sido o primeiro a abordá-lo, queria provocá-lo mais, entretanto Ryotaro interviu antes que pudesse pensar em algo a mais. As mãos se afundaram no bolso enquanto se atentava no desenrolar da conversa, o apaziguar do qual seu companheiro conduzia em meio ao diálogo era tedioso, não poderiam ser um grupo temido se tratassem todos com cordialidade e, talvez a falta de firmeza na abordagem abrisse brechas para que Kaneki se sentisse no direito se pedir ajuda com seu trabalho. Izumi arqueou sua sobrancelha direita e franziu a testa, definitivamente não estava nem um pouco a fim de realizar um serviço braçal naquele instante e, se para ele a oferta parecesse ruim, para Ryotaro deveria ser ainda pior, afinal, ele também teria que lidar com o cheiro de peixe inundando sua narinas. Levou a destra à testa refletindo, resgatou então a memória do que seu horóscopo dizia Tente se dar bem com pessoas que possuam peixes [...] não perca a trilha do seu objetivo diário, e aquilo bastou para que sua atitude mudasse repentinamente.

Claro, claro. Ryotaro e eu somos especialistas em carregar peixes — contou alegre com um sorriso no rosto, ambas as mãos se colocaram nas costas do companheiro empurrando-o em direção ao serviço evitando com que ele pudesse ficar e contestar o pedido.

Espreguiçou-se tentando livrar-se da preguiça acumulada em seu corpo, — Vamos acabar com isso logo, infelizmente eu não posso confrontar meu destino e mandar ele terminar isso sozinho — abaixou-se para carregar uma caixa, se possível duas, dependeria do peso e tamanho  — onde está nosso estimado companheiro Vogel, Vogel parece o nome de uma revista, parando para pensar kukuku!  — observaria seu redor procurando algum vestígio de Axell, eles já haviam encontrado Kaneki, não tinha motivos a mais para que ele continuasse sua busca por informação  — se tivéssemos aqueles Den Den Mushi poderíamos nos comunicar mesmo de longe  —  ponderou o garoto já levantando outra caixa. Mesmo a contragosto, manteria o ritmo de trabalho para terminar o mais breve possível até que pudesse de fato ter o expediente de Kaneki como concluído.

Que dor nas costas, não sei dizer se é resultado de carregar tantas caixas ou então do chute que aquele maldito me acertou kukuku! — disse bem humorado  — agora vamos ao que interessa orelhudo,  — cruzou os braços e tornou sua feição séria, cada minuto que passava parado em um mesmo local era tempo hábil que oferecia para que o Desfile Noturno de Cem Demônios o localiza-se, sabia que cedo ou tarde eles iriam encontrá-lo, porém dentre as opções, tardar o reencontro era o ideal  — Qual é o plano? Se não tiver um, tudo bem, eu sou muito bom em improviso kukuku! Além disso, quero discutir os termos dessa “ajuda” mútua que faremos nessa breve aventura, primeiro de tudo — ergueu o indicador da destra  — se tivermos a oportunidade de ficar com a embarcação ele é nosso, sabe como é, precisamos deixar essa terra que meus amigos tanto odeiam — disse lançando um olhar para a dupla de feras — segundo, a repartição das riquezas e tesouros será divida em igual para as partes, cinquenta-cinquenta — concluiu esperando a resposta de Kaneki.


Histórico:

_________________

Outlaws from the East RZdtC5v
Tidus
Imagem :
Outlaws from the East Arataki-itto-bull
Créditos :
12
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1205-kenma-shirou-hasegawa https://www.allbluerpg.com/t1441-2-caneco-double-trouble
Re: Outlaws from the East Sex Maio 21, 2021 12:33 am




TETSU NO AGO

- Shinoda Ryotaro -


Ж

O dia mal tinha começado e já estava começando a odiar coelhos, primeiro o folgado que queria apanhar da gorila das montanhas e agora outro nos pedindo ajuda para carregar peixes, peixes?! Arqueei uma das sobrancelhas e uma veia chegou a saltar em minha testa, quem aquele orelhudo achava que eu era para ficar carregando peixes por aí?! - Ehn? E- Antes que pudesse questionar senti Izumi me empurrando enquanto aceitava o pedido por nós dois. - Ei ei espera, Izumi…! - Nesse meio tempo não pude negar que Kaneki tinha um ponto, eu tinha lhe oferecido ajuda. Mesmo que o sujeito estivesse apenas usando o que disse a seu favor, a culpa era toda minha e voltar atrás no que falei seria uma desgraça para meu orgulho. - Vamos fazer isso rápido então… - Murmurei, a expressão em meu rosto deixava claro o descontentamento, como quem estava tendo de se rebaixar a uma posição inferior.

Dos lixões da cidade para um barco de pesca fedido, o cenário continuava mudando mas não sabia dizer se estava progredindo, pelo menos Izumi estava se divertindo. - Agora que você comentou parece mesmo. - Um leve sorriso se formou ao ouvir seu comentário a respeito do nome Vogel. - Ele só deve estar enchendo a cara no bar e fugindo do trabalho pra variar. - E falando em trabalho coloquei a mão na massa, ou melhor, nas caixas de peixe. - Se tivéssemos um den den mushi, Vogel já teria deixado o dele morrer de alguma forma estúpida. - Dei de ombros e voltei ao trabalho, um que me lembrava dos velhos tempos quando tínhamos de fazer qualquer coisa pra sobreviver - na verdade não era tão diferente da atualidade.

Assim que terminasse de ajudar com o descarregamento me reuniria com Kaneki e Kujo. - Antes de começar vamos nos encontrar com Ken, afinal de contas foi ele quem nos deu a dica. - Indicaria com a cabeça a direção que tinha visto meu irmão ir na ultima vez que nos encontramos. - Kaneki, você por acaso tem um local onde possamos conversar? Nós podemos nos reunir no nosso barraco se preciso, mas digamos que a vizinhança não é das mais agradáveis. - Falar sobre um roubo no meio da cidade era estupido e até mesmo eu entendia isso, mesmo que seguir planos não fosse exatamente minha especialidade.

Se encontrássemos Kentaro acenaria para ele de longe. - Ei, Ken! Aqui, aqui! - Chamaria sua atenção. - Encontramos o famigerado. - Indicaria na direção do mink com a cabeça. - Querem buscar Vogel antes de começar ou ele nos encontra mais tarde? Não é como se ele fosse seguir qualquer plano mesmo. - O sujo falando do mal lavado, mas o caso de Axell era diferente, ele parecia sentir a necessidade de agir por conta própria, o que as vezes era um pouco frustrante tenho de admitir, mas de novo: eu não era exatamente um bom exemplo pra critica-lo por isso.

De qualquer forma caminharia até um local adequado para a conversa começar, fosse nosso "esconderijo" vulgo barraco ou um local indicado por Kaneki. - Ok, ouvimos uns boatos sobre um lance envolvendo nobres babacas, se envolver uma grana maneira que possa nos tirar desse maldito lixão eu to dentro. - Comentaria assim que fosse seguro. - Mas acredito que Izumi e Ken vão querer detalhes sobre esse plano.



Histórico:

_________________

Outlaws from the East SignGojo