Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos

Hellhounds 6 - Sands and Tears

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte
Sasha
Imagem :
Berserker
Créditos :
58
Localização :
Rota 6 - 4ª Ilha Vedde
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Sasha
Rank B
Hellhounds 6 - Sands and Tears Qui 18 Ago 2022, 23:10


Hellhounds 6 - Sands and Tears


[ Caçadores de recompensa]Shimizu D. Akira e Às E. Volkerbäll

não possui narrador definido.
Aberta

_________________



Hellhounds 6 - Sands and Tears 9g2joTh

Yami
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears Giphy
Créditos :
25
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2089-hellhounds-6-sands-and-tears
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Qui 18 Ago 2022, 23:18

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



Força de vontade, seu merda! — Comentava enquanto socava sem parar aquele maldito gato e sua marionete esquisita. O fato do veneno ter surtido pouco efeito era por conta daquela terrível maldição, era verdade, mas confessava que suas habilidades acabavam vindo a calhar nesse momento, ainda mais pelo fato de ter conseguido salvar outros naquela oportunidade. Quando enfim parava o giro, e notava tudo aos pedaços, bem como o inimigo derrotado, erguia o punho sentindo ele quente, com um olhar determinado em sua direção. — E da próxima vez que vier pra cima de mim e de meus amigos, eu te chuto a bunda! — Gritava, mas não sabendo se ele tinha capacidades para compreender.

Voltava minha atenção para Rango e Snark, notando que estavam bem melhores do que antes em decorrência da influência de minhas chamas. — Eu quem agradeço! Você é sensacional, cara. — Comentava com um largo sorriso no rosto, erguendo o punho em sua direção para um cumprimento. — E peça desculpas ao Tot por mim depois. Se quiserem comemorar depois que a poeira abaixar, só perguntar sobre mim no porto, fechado?! — E, com isso, auxiliaria meu irmão para ir até o lado de fora, deixando que os problemas pudessem ser resolvidos pelo homem-peixe.

Com as asas já surgindo em minhas costas, olharia em volta em busca de Laika, que talvez ainda estivesse ali depois de tudo. Caso estivesse, ergueria a mão em sua direção, mesmo que fosse uma inimiga que tivesse contribuído com a captura de meu irmão — Se deseja ser livre, sua chance é essa. A vida é sua e de mais ninguém, e jamais precisará se submeter a esse tipo de crueldade se pegar em minha mão. Essa é uma daquelas oportunidades que aparece uma vez na vida. — Comentava, pronto para levá-la comigo se assim desejasse. Transmitiria minha devoção e certeza através da minha fala, deixando claro que se ela escolhesse ser livre, nada mais poderia prendê-la. Entretanto, a iniciativa precisaria partir dela, e não iria obrigá-la a se submeter a uma vida na qual ela estivesse hesitante.

Por fim, com ou sem a passageira extra, abriria minhas asas de fogo, envolvendo meu corpo em uma luz anil. Manteria meu irmão seguro em minhas costas enquanto éramos elevados no ar, deixando para trás o caótico acampamento. A terra desaparecia debaixo de nós enquanto as asas de fogo batiam ao vento, impulsionando-nos para a frente. O deserto se estendia adiante de nós, num tapete de areia amarela e branca enquanto sentia o coração mais leve por estar carregando comigo aquele que eu tanto prezava. — Sabe, Sarnento, Às ficou bem agitada com o seu sumiço. Pega o Den Den Mushi e dá um toque pra ela pra saber onde estão. Vamos encontrá-la logo. — Dizia, retornando para o local de encontro com a máxima velocidade adiante.


  • Posts: 1
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Contagem Caçador: B$ 547.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 91.180/91.180
STA: 2.120/2.200
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1500 +80 +440 +1000 +1000 +350 [Shigan] = 4.370 [Extravagante]
Destreza: 1685 +1000 = 2685 [Perito]
Acerto: 3670 +80 +440 +1200 +1155 Jujutsu = 6545 [Magnífico]
Reflexo: 188 +440 +1200 +1155 Jujutsu +350 [Kami-e] = 3333 [Perito]
Constituição: 1200 +80 = 1280 [Talentoso]

Agilidade: 4939 +350 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1000 +350 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1000

Formas Zoans: Tori Tori no Mi - Model Phoenix:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum, antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até 10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears V8upj2D

Hellhounds 6 - Sands and Tears YDNzcDa
Às
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears BcOqz4N
Créditos :
08
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Qui 18 Ago 2022, 23:36



»» Sands and Tears ««

- Às Volkerbäll -


Ж


A cada passo dado havia uma dúvida crescente a respeito do que teria de lidar quando chegasse em meu objetivo. Ainda que palavras confiantes arrancassem do homem que me guiava pela propriedade risos abafados, compreendia que bastaria um passo fora da linha para me colocar em perigo em uma jaula de leões. O temor surgia não por mim, mas por Ísis e seus companheiros, caso os mesmos ainda estivessem vivos até aquele momento, ter-me em perigo sozinha era uma situação pouco temerosa, porém preocupar-me com terceiros seria inevitavelmente apanhar-me em uma situação onde estaria muito mais em risco de ser explorada e posta em um dilema. - Quanto mais eu penso mais a minha cabeça doi. - reclamava em um silêncio profundo, guardando a lamentação apenas em meus pensamentos conforme vislumbrava os jardins daquele local, tal qual o trio que nele já se encontravam.

Minha mão apertava contra o tecido da roupa de Ísis, um sinal silencioso de alerta para o qual a revolucionária poderia permanecer como estava. Sirius em sua silenciosa análise, mostrava-me as informações que necessitava para um combate, acessos, construções, vegetação, porém igualmente mostrava os livros em uma mesa, algo que normalmente passaria despercebido até perceber a capa característica. - Merda… - o pensamento carregava um misto de surpresa, incredulidade e raiva. Se o fragmento estava ali, isso significava duas coisas, a primeira que seu portador original talvez estivesse morto, ou mesmo capturado e a segunda, era de que aquele livro agora servia meramente como um enfeite em uma coleção, ao invés de ser o que ele se propunha, uma ferramenta capaz de salvar vidas.

A voz de Zakiyah pode enfim ser ouvida, seu tom de extrema tranquilidade parecia querer exercer um controle da situação. Meu silêncio era a única resposta plausível a qual poderia oferecer naquele instante, pois sabia que uma linha dita me colocaria em problemas, ainda mais tendo encontrado o que era do meu interesse. Observei um dos encapuzados ir até o homem e falar-lhe algo. - Não, obrigado pela gentileza. Mas estou sem sede. - educadamente, declinava a oferta de chá enquanto vislumbrava o homem dos pés à cabeça. Ligado a família real ou não, ele não parecia alguém muito afável. - Pela quantidade de gente que colocou atrás dela. Seria bom matar minha curiosidade. Porque quer tanto ela? Normalmente apenas Tenryuubitos tem prazer com escravas. - brigava contra minha própria língua, cerrando os dentes após as palavras a fim de não cuspir qualquer outra desnecessária.

Aguardava uma resposta, respirando fundo antes de continuar. - Ela parecia bem abalada pelos companheiros que perdeu. Me pergunto se todos foram mortos de fato. Eles devem dar uma boa recompensa se entregues aos montes. - tomava cuidado com as palavras, tentando induzir o homem a pensar que meu interesse estava nas recompensas de possíveis prisioneiros. Porém, caso não convencesse o homem, comentaria com um sorriso cínico. - Tem tanta coisa que eu gostaria em troca. - neste momento, olharia para o fragmento sem hesitação. - Me pergunto se tudo aqui está de fato à disposição para eu levar? - Não tentaria gerar qualquer ameaça, o mesmo ocorreria caso algum dos dois encapuzados viessem até mim, tentando pegar Ísis. - Se tocarem nela, enquanto eu não terminar a negociação, vou fazer vocês comerem areia por todos os buracos dos seus corpos. - diria, com real e imensa sinceridade.

















Histórico:






_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears Z0zQdpF

Hellhounds 6 - Sands and Tears ZaT0xpq
Blindao
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears ZDZLMTU
Créditos :
1
Localização :
Segunda Rota ~ Lotda
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t296-thorkell-dragnar-godheim https://www.allbluerpg.com/t1057-4-capitulo-gigantorines-em-altai
Blindao
Tenente
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Sex 19 Ago 2022, 21:57

Narração
Aventura

Com o fim da luta entre Akira e Vex, o tritão ajudava seu valoroso amigo a se por de pé, enquanto suas chamas ajudavam na recuperação do mesmo. – Pode crer, essas chamas são uteis parça. Ele diria sentindo seu corpo melhor que antes. Shimizu tentava avistar Laika, mas sua presença já haveria desaparecido, ela era proficiente quanto a isso.

Quando enfim Akira levantasse voou, Snark acenaria para o ruivo observando sua impulsão ao ar. – Pode deixar, irmão! Ele gritava em resposta sobre encontrar outra vez o tritão, o que provavelmente ele desejaria. Afinal de contas, não haviam muitos tritões naquela base e principalmente em Alabasta, o motivo? Bem... obviamente pelo extremo calor.

Durante o voou, Rango se apoiava nas costas de Akira enquanto transformado e comentava sobre a preocupação de Volkerball. – Beleza, truta. Ele diria apanhando no bolso o Den mushi e fazia contato para Às.

Algum tempo antes, a caçadora cibernética estava na mansão de Zakiyah com objetivo de ajudar Isis a recuperar seus colegas revolucionários. Durante a conversa sentados a mesa, um de frente para o outro, Às questionava os motivos de Zakiyah cobiçar as habilidades de Isis. – Ora, mas que pergunta sem sentido... simplesmente porque "eu" posso. Mas não que isso lhe diz respeito, afinal. Ele respondia enquanto apreciava seu chá e fintava nos olhos da caçadora.

Às estava afiada, tão afiada quanto uma lâmina. Suas perguntas e deduções começavam a aporrinhar o homem a sua frente. – O que você acha. Ele diria quase como uma afirmação, seu olhar era centrado, logo largando sua xícara de chá. – Você parece bastante afeiçoada a mulher em sua posse, um pouco incomum para gente do seu tipo. O homem comentava quase como insultando Às. - Enfim, melhor levar ela para meus aposentos. Então o homem diria ao fazer um gesto para o chefe da segurança, o mesmo que havia trazido a caçadora.

Quanto Volkerball comentou sobre o que desejava, e que desejava incontáveis coisas, o homem sorria com comentário. – É logico, se não fosse o caso... não seria uma caçadora. Ele diria com um olhar calculista e destemido. – Exceto meus homens, qualquer obra vale o preço pela posse dela. Apenas diga... e eu providenciarei para que sua recompensa seja adequada. Ele então cruzava as pernas e fintava nos olhos de Às, tornando difícil para a caçadora decifrar se ele estava sendo honesto, cínico ou ardiloso. Contudo, era inegável sua classe para se comportar.

Enquanto o homem de terno e cabelos rosados se aproximava para apanhar Isis nos braços, a mesma começou a suar frio, pois, a situação não estava muito favorável a ela. Entretanto, ela estava disposta a ir até a toca do leão em busca de encontrar vestígios de seus aliados. A tensão emergiria por alguns instantes, até que o Den Den Mushi da caçadora começou a tocar.

O comunicador tocou e tocou até que Zakiyah apoiou suas mãos sobre os joelhos e recostou suas costas na cadeira. – Sinta-se à vontade para atender... caçadora. Seu tom era calmo, centrado e quase artístico. Talvez fosse um humano fraco, talvez um humano forte, ou até mesmo um homem resistente. De qualquer forma, sua confiança viria de seu lucro, conhecimento e contatos em Alabasta.

Quando Às viesse a atender o Den Den Mushi, caso assim optasse em fazer, ouviria a voz de Rango e o vento desértico soar forte no fundo. – E aí Chaiene(gíria para chamar mulher bonita)! O mano Akira disse que sentiu minha falta Hahaha. Rango diria de forma carismática junto a sua expressão do interior. Foi nesse momento que Zakiyah esboçou um sorriso mais largo e apoiou os cotovelos na mesa enquanto suas mãos apoiavam seu queixo. – Hoh, interessante. Ele diria em um tom baixo, mas não manifestava hostilidade ou qualquer coisa do gênero.

Do outro lado do comunicador, Akira ouviria uma voz incomum. Quase como um instinto, ou premonição, o tritão sentirá que algo estava de errado, mesmo não podendo dizer o que exatamente. Por outro lado, Rango nada perceberia. Estava animado em falar com sua amiga após tudo que passou. – Estamos voltando para a cidade, está por onde? Ele perguntaria com inocência, já que, mal sabia ele a situação em que Às se encontrava.


Enquanto isso, o tritão poderia avistar já a cidade de longe, inclusive notando uma certa agitação. O estranho era que ninguém gritava ou corria, simplesmente estavam se movendo para fora da cidade. Pelo menos uma parte do lado nordeste. Se Akira tivesse que chutar, provavelmente seria algum tipo de evento; semelhante aquelas festas onde se molda o cenário em prol de construir um local adequado para o show.

Histórico Akira:

Histórico Às:



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears 2uAvx3T_d
Às
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears BcOqz4N
Créditos :
08
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Sab 20 Ago 2022, 19:25



»» Sands and Tears ««

- Às Volkerbäll -


Ж


Em face do anfitrião daquele local, poderia dizer que estava beirando talvez o limite da paciência, especialmente quando ouvia dele uma resposta que suficientemente parecia preencher todos os requisitos de alguém que realmente merecia tomar uma surra. Sua simples concepção de posse atrelada a seu aparente ‘status’ em nada parecia diferente do que o Governo Mundial fazia, em especial sua parcela mais asquerosa de nobres e dragões celestiais, o tipo de gente que parecia incomodar qualquer um por sua prepotência. - Hmm tem razão, eu esperava uma resposta mais acima da média. - comentava, dando suavemente de ombros, o tom de desdém era sutil tal como a resiliência em permanecer o encarando sem avançar contra seu pescoço. Podia sentir seu incômodo com minhas palavras e talvez por isso continuasse no tom provocativo. - Gente do meu tipo? O tipo que consegue as coisas que você não é capaz de alcançar? - sorriria, sabendo bem que aquele era o tipo de resposta que justificaria uma possível retaliação.

Com um aceno, sinalizava o chefe da segurança para esperar, não havia concluído nenhum assunto ali para que desse a eles o direito de levar Ísis a lugar algum. - É, mas você já deve ter notado que sou uma caçadora bem peculiar. Nem sempre o dinheiro paga o que desejo, mas sim, todo trabalho precisa ser adequadamente remunerado. - sorriria. - Seus homens que não conseguiram capturar ela? Hmm… - olhava para os dois encapuzados. - …Se toda obra vale o preço dela, ela sequer precisa ser providenciada, basta eu pegar e sair correto? - reconhecia não ser a melhor naquele tipo de jogo, a ardilosidade das palavras era um campo potencialmente perigoso cujos detalhes necessitavam ser minuciosamente analisados no menor espaço de tempo, funcionava pouquíssimas vezes comigo que não tinha qualidade alguma para negociar, mas naquele instante podia deduzir que talvez não fosse da vontade real de Zakiyah, pagar-me por nada. - Bom…talvez tenha duas coisas que eu queira… - com a aproximação da ameaça, parecia pronta para irromper em uma besteira, porém um inesperado toque chamava toda a atenção.

Huh?! - olhava para minha cintura, onde preso entre o tecido negro estava o Den Den Mushi que tocava sem parar, gerando um clima bastante inesperado. - Hmm espero que não seja algum vendedor. - respondia a Zakiyah, pegando o objeto e atendendo-o após alguns segundos. Admitia esperar ouvir a voz de Akira, falando algo completamente comprometedor, porém acabava por escutar algo muito melhor. - A vida não é a mesma sem o cheiro de cachorro molhado e as pulgas. Bom ouvir sua voz irmão! - dizia com um largo sorriso, enquanto podia notar a distância um sussurro de Zakiyah. - Estou onde todo pistoleiro das histórias que seu pai contava estão. Oeste, cão! Onde o oásis brota do solo infértil dessa terra assolada pelo calor! Haverá festa então traga as bebidas! - as palavras eram animadas, como quem falasse de algo completamente casual, mas sabia que o que falava seria o suficiente para Akira se orientar. Especificidades seriam banais para orientar o tritão, uma direção seria o suficiente.

Desligava o Den Den Mushi, guardando-o em minhas vestes, enquanto suspirava profundamente. - Mas que merda eu to fazendo desde que cheguei aqui? - pensava, relutante de que talvez a situação em que me encontrava, havia me obrigado ou pelo menos me motivado a agir de maneira mais cautelosa, não possuindo qualquer capacidade de manter-me em cautela. Nunca fui do tipo ultra ponderada e só agia assim, por levar a sério demais uma questão com os revolucionários, os quais já há algum tempo acabavam meu humor com suas atitudes fora das conformidades com o que já tinha vivido. - Eu sou tipo o meu irmão sabe, só tenho um pouco mais de juízo e não levo tudo sempre na brincadeira. - sussurrava, o suficiente para Ísis me ouvir. - Os revolucionários que você atacou, eu os quero. Assim como aquele livro. - apontaria para o fragmento. - O que está nele, não serve para ficar em uma coleção pessoal, só porque “você quer”. - dava um leve tapinha em Ísis, para que a mulher agisse e usasse sua habilidade no chefe da segurança, antes de colocá-la no chão. - Pode acordar, já estamos aqui e já cansei de me comportar. Isso não vai me levar a nada. - sorriria. - Você quer? Vai ter de buscar! Desculpa…você vai ter de mandar que venham buscar! - estalava o pescoço, enquanto silenciosamente conversava com Sirius. - Avise a Sam que achei o fragmento e prepare os mecanismos! - chamava Zakiyah e seus seguranças. - Como preferem apanhar?

















Histórico:






_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears Z0zQdpF

Hellhounds 6 - Sands and Tears ZaT0xpq
Yami
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears Giphy
Créditos :
25
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2089-hellhounds-6-sands-and-tears
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Dom 21 Ago 2022, 16:40

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



A liberdade daquele voo era algo que me lembrava dos tempos onde pegava uma corrente marítima e me deixava levar por centenas de metros mar adentro. Claro que o fundo do mar era extremamente mais belo e rico em vida do que as alturas, mas a vista era algo de encher o coração, de fato. Talvez todo aquele acidente não fosse uma catástrofe, no fim das contas e, por mais que agora tivesse me tornado um filho indesejado do mar, ele ainda vivia em mim assim como eu vivia nele. — Huh…? — Notava a voz de Às e um mau-presságio surgia ao escutar seu tom de voz. Por um momento imaginei ser interferência, uma má-interpretação do caramujo ou algo do tipo, mas algo em minha espinha me dizia do contrário.

A imagem em terra me animaria se fosse outra circunstância, e até mesmo poderia chamar minha irmã para nos encontrar no lugar onde a festa aconteceria, mas sabia que havíamos de encontrá-la logo. Assim que Rango desligasse, observaria nos arredores tentando me localizar, talvez falhando um pouco na questão de localizar o Oeste. — Sarnento, alguma ideia de onde é o Oeste? Sei que os pássaros sabem bem desse negócio, mas estou numa crise de identidade ainda. — Diria olhando em volta, seguindo na direção por onde ele me indicasse. — Além disso… Fique pronto. Pode ser besteira minha, mas sinto que Às vai precisar de nossos reforços quando chegarmos. — Deixando claro para meu irmão da possível necessidade de um combate, deixaria que ele se preparasse enquanto se recuperava em minhas chamas para posteriormente.

Claro que a ideia de “seguir a oeste” era muito vaga, e por isso eu penaria um pouco para encontrá-la. Mas, da mesma forma que pressenti um perigo vindo de sua voz, confiava em meus instintos de que a encontraria sem muito trabalho. Com o Arrepio do Akira, vasculhando as redondezas próximos, seguiria para um voo rasteiro, a poucos metros do chão, sondando toda a região atrás de um traço familiar. Também relembrava das palavras “onde o oasis brota do solo infértil dessa terra assolada pelo calor”, imaginando que aquela descrição pudesse me ajudar a localizá-la melhor. Com o auxílio de Rango para servir como um par de olhos extras, buscaria nos arredores até me certificar de um lugar por onde minha irmã poderia estar, me aproximando para confirmar a hipótese.

E, caso confirmado, avançaria até a porta da frente junto de meu irmão, pouco me preocupado para a chamada de atenção que seria um pássaro incandescente gigante surgindo dos céus junto com um cachorro em suas costas. — Toc toc… — Mencionava no momento em que encheria o punho de água, indo com tudo pra cima da entrada por onde minha irmã poderia estar. — Não precisam se preocupar mais, pois o Rei da Festa está aqui!! — Gritava em plenos pulmões, mesmo que estivesse destruindo parte da propriedade ao arrombar a porta com toda minha força.

Hellhounds 6 - Sands and Tears Shrek-somebody

Da mesma maneira que lidei na base de Tot com os revolucionários, trataria qualquer marmanjo que cogitasse me impedir com a mesma hospitalidade. Um tapa na cara, um chute na bunda e um soco no estômago seriam meus convites para a grande festa que estaria chegando, causando um enorme caos por todo canto que andasse atrás de minha irmã. Com Rango em minha retaguarda, sabia que nada poderia nos parar, como se fôssemos uma força da natureza, destruindo paredes e pessoas que se colocassem em nosso caminho. Caso chegasse até o local pretendido, chegaria com punhos erguidos, costas coladas com meu irmão e um gigantesco sorriso de satisfação estampado no rosto. — Espero que a festa aqui seja animada, Às, pois em breve começará outra e não gosto de me atrasar, GHYAHAHAHA!!


  • Posts: 2
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Contagem Caçador: B$ 547.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 91.180/91.180
STA: 2.120/2.200
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1500 +80 +440 +1000 +1000 +350 [Shigan] = 4.370 [Extravagante]
Destreza: 1685 +1000 = 2685 [Perito]
Acerto: 3670 +80 +440 +1200 +1155 Jujutsu = 6545 [Magnífico]
Reflexo: 188 +440 +1200 +1155 Jujutsu +350 [Kami-e] = 3333 [Perito]
Constituição: 1200 +80 = 1280 [Talentoso]

Agilidade: 4939 +350 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1000 +350 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1000

Formas Zoans: Tori Tori no Mi - Model Phoenix:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum, antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até 10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears V8upj2D

Hellhounds 6 - Sands and Tears YDNzcDa
Blindao
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears ZDZLMTU
Créditos :
1
Localização :
Segunda Rota ~ Lotda
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t296-thorkell-dragnar-godheim https://www.allbluerpg.com/t1057-4-capitulo-gigantorines-em-altai
Blindao
Tenente
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Seg 22 Ago 2022, 00:29

Narração
Aventura

Quando Às alfinetou o homem a sua frente, imediatamente um dos guardas, o que possuía um corpo um pouco menor e esbelto, acabou soltando um sorriso em deboche baixinho. Mas logo se recompôs, deixando o comprador sem jeito pelo deboche.

A situação prosseguia conforme o dialogo se estendia, mas antes que o segurança pudesse apanhar Isis em seus braços, a caçadora intervinha com sua mão sinalizando para o mesmo parar. – O que? O homem de terno e cabelo rosado diria, um pouco confuso e olhando para Zakiyah, sem saber exatamente o que fazer.

Às estava afiada, ousada e irônica. Chegando até mesmo dizer que levaria ela como forme de pagamento, sendo que ela seria o prêmio do homem a sua frente. Ouvido as palavras da boca do caçador, imediatamente era perceptível um ar irritado no rosto de Mesbah ao tempo que ele ficará em silencio. Foi então que Volkerball podia notar um bate de pé, baixo e discreto, porem perceptível aos seus ouvidos e olhar. Viria do guarda encapuzado que antes havia soltado um deboche, parecia estar ansioso ou nervoso com o decorrer da negociação.

O soar do comunicador faria o silencio se quebrar, pois, as palavras de Zakiyah insinuavam para que a caçadora atendesse. Conforme Isis falava com Rango, o homem a sua frente começava a suar frio, mudando totalmente seus ares, mas isso porque ele provavelmente sentiria na pele o que viria a seguir.

Às teria exigido as pessoas capturadas de Isis, meio que sem sentido, mas logo entregando o seu jogo, afinal de contas, não havia motivo algum para ela querer os subalternos de Isis; exceto se tivesse à ínfimo possibilidade de elas estarem juntas. Uma vez concluído isso, como outros pontos como os tapinhas e as indiretas da parte da caçadora, um dos guardas se aproximava e puxava uma pistola e apontava para a cabeça de Zakiyah. – Inútil. A voz diria, podendo supor que era uma mulher e não homem de baixo daquele manto.

O tiro seria rápido como um lampejo e fatal como deveria ser, ficando visível o corpo caído no chão e uma poça de sangue. O tiro alertaria Isis que se assustava sutilmente, mas tornando visível seu estado, ou pelo menos assim Às poderia deduzir. Dito isto uma vez, o guarda sentava na cadeira e colocava seus pés em cima da mesa, mostrando botas de couro não tão luxuosas.

Apontava a arma para a cabeça de Volkerball ao tempo que retirava seu capuz e exibia um rosto jovem e inocente, apesar de nada disso haver nele. – Tchu-tchu-tchu. Ela fazia um som de estalos com sua boca. - Você me deixou bem irritada com essas suas indiretas, então vamos cortar esse lenga-lenga de uma vez. Ela então retirava de sua arma 4 munições e deixava apenas uma no cartucho, logo girando e girando o tambor até por fim pará-lo. – Porque está interessado nos fragmentos? Foi algo meio difícil para obter. O líder dos assassinos pode confirmar isso... não é mesmo Ras Alh Gul? Ela diria e em seguida o homem atrás dela tirava seu manto e mostrava seu rosto com um sorriso um pouco sádico.

A caçadora talvez ficasse um pouco confusa, mas logo a resposta para isso seria dada. – Aé... prazer em lhe conhecer, Às Volkerball. Sou Zakiyah Mesbah, a colecionadora. Bom, eu gosto de me chamar assim. Ela então mostrava uma face inexpressiva.

A caçadora poderia deduzir que aquele homem a sua frente era meramente um capacho, um artista feito para caso algo do tipo acontecesse, não da parte da verdadeira autora do nome, mas sim por parte de seus inimigos. No entanto, pelo visto ela havia perdido a paciência pela falta de atuação ou por algo que havia chamado sua atenção. De qualquer forma, sua imprevisibilidade era muito notória. – Vamos fazer um jogo, enquanto aguardamos seus amigos! Suas palavras mostravam que ela entendia mais do que Às pensaria. - Ah você até pode tentar tirar minha vida, mas saiba que Ras é rápido, beeem rápido. Não é à toa que sua cabeça vale 298 milhões. Ela diria quase que se gabando disso, apesar de que era ele quem valia o valor. - Onde é que estávamos... aé mesmo, o jogo! Uma resposta para uma pergunta, senão quiser responder, eu apertarei o gatilho. Claro que isso também é válido para mim. Ela diria mostrando estar séria, apesar de sua tonalidade vocal quase ser infantil. Contudo, era uma boa oportunidade para a caçadora descobrir qualquer coisa que desejasse.

Talvez fosse tédio ou alguma estratégia, seja o que fosse, a pessoa a sua frente era bem diferente do que a caçadora imaginaria; talvez por isso o fantoche existisse, para dar esse tipo de visão aos inimigos. Se Às aceitasse, a mulher começaria o jogo. – Dizem por aí que alguém está juntando todos os fragmentos da imperatriz. O que faz sentido..., mas a pergunta é: você é as cordas ou a mão por trás disso? Ela perguntaria como se indagasse que Às seria a marionete ou a controladora em busca das obras primas.

Enquanto isso, Rango e Akira estavam quase chegando na cidade de Rainbase quando o tritão decidiu ir para Oeste, perguntando para seu fiel amigo se ele saberia para onde ir. – Osh. Cê não sabe não?! Ele diria rindo e continuaria. – Siga para lá, truta. Ele então apontava para a direção e em seguida deitava de forma relaxada. Mas foi logo Akira comentar para o Mink estar pronto que o tritão estava sentindo um pressagio. – Ow, vira essa boca para lá. A Chaiene vai ficar bem, confia nela. Afinal, eu confiei em você e estou vivo então. Ele diria dando uma cutucada nas costas flamejantes do tritão-fênix.

Passaram-se alguns minutos em voou baixo até o tritão terminar de passar por toda cidade, ignorando um certo tumulto próximo do centro. Pouco tempo depois, Akira visaria uma enorme mansão em um grande campo. O local era prospero, talvez o mais prospero que havia visto; exceto pela base de Tot.

Haviam guardas, chafariz, coqueiros e cactos por toda parte. Vegetação por alguns cantos e um raso rio algumas centenas de metros da mansão. Quando Akira adentrou o território do dono daquele local, inesperadamente percebeu correntes cercarem seu corpo e ele ser puxado para baixo e aterrissar abruptamente. – Invasor! Invasor! Um dos guardas gritava e logo mais alguns surgiam. Deveria ter por volta de uns quinze homens.

Rango havia escorregado e caído para o lado, mas não se machucado com a queda graças a força de resistência que Akira teria usado. Ainda que houvesse sido puxado, pelo menos não havia se machucado com a forçada colisão. – Eita. O Mink diria batendo em suas calças para retirar um pouco da poeira e terra.

Os homens a frente de Akira certamente não intimidariam ou exibiriam imponência para Akira. Entretanto, quando o chefe dos guardas surgiu, Shimizu poderia notar a diferença entre ele e seus subalternos. – Você veio mais rápido que o esperado. Ele diria, já que, sua mandante havia calculado a chegada; apenas errado na passagem de tempo. – Recuem, é uma ordem. O homem de terno e cabelos rosados diria, mostrando um semblante sério e destemido, logos os guardas recuando e soltando as correntes. – Não estou interessando em lutar, mas o tempo estimado são de 3 minutos de erro. Então você deve esperar aqui esse tempo, depois poderá ir. Ficou claro? Ele diria, talvez Akira achasse que era piada ou mentira, mas o homem falava sério e com seu Haki poderia notar isso. – Você já ouviu falar da cantora Esley Presle? Ele puxaria papo, talvez acreditando que o tritão optaria por esperar o tempo, mesmo que sua irmã talvez estivesse correndo perigo.

Poderia notar também que a aura do homem era diferente, diferente de todos que ele havia visto em Alabasta. O homem falava algo nada haver com o momento, talvez curioso ou querendo transmitir algum conhecimento da cantora que ele idolatrava, de qualquer forma, ele era bastante peculiar com sua curiosidade e conversas.


Histórico Akira:

Histórico Às:



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears 2uAvx3T_d
Às
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears BcOqz4N
Créditos :
08
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Seg 22 Ago 2022, 13:21



»» Sands and Tears ««

- Às Volkerbäll -


Ж


O curso daquela conversa estava próximo de mudar, sentindo-me bem para falar o que queria dentro das possibilidades, começava a repetidamente alfinetar meu anfitrião que pouco a pouco parecia gradativamente ceder não apenas a irritação como também a ansiedade. As figuras encapuzadas pareciam mais tranquilas naquela situação, até mesmo pareciam rir de deboche quando confrontava Zakiyah em uma crítica mais ácida. - Ele parece apenas alguém tentando demonstrar superioridade. - pensava, antes de atender o Den Den Mushi para falar com Rango e Akira, em uma breve conversa que, ao chegar em seu final, me fazia contemplar uma figura realmente temerosa, como se toda aquela cortina de segurança e tranquilidade desse espaço para um desespero velado. - O que me diz? - pressionava-o, mesmo tendo a certeza de que não estava em posição alguma de realizar grandes exigências, porém uma imprevisibilidade quebrava a estrutura daquela situação.

Um disparo seco e a queima roupa, um insulto em uma vez feminina e o homem ia ao chão. A surpresa da situação no entanto não saltou-me a face, uma vez que podia ver integralmente o começo e o desenrolar do assassinato a sangue frio. O silêncio era o melhor comentário que poderia fazer naquela ocasião, enquanto observava a figura que tomava a situação para se sentar e enfim se revelar. - Oh, parece que você esteve se escondendo esse tempo todo… - o comentário nada mais era que uma rápida dedução, que tipo de mercenário irritado com indiretas que não eram proferidas a ele, atiraria contra o ‘alvo’ daquelas palavras? - … Zakiyah. - não era necessário uma apresentação formal, mas podia notar pelo olhar daquela mulher que realmente, ela parecia ser alguém com mais vivência e experiência do que aquele que havia levado o disparo, - Lamento se te incomodei, mas normalmente se fosse uma mentira você não teria sequer se destemperado. - não arredava o tom, baixando Ísis uma vez que o disparo havia a assustado e seu movimento claramente havia chamado a atenção de quem estivesse próximo.

Então você não é a portadora original deles? Isso explica bastante, do porquê desta pergunta tão estúpida. - comentava, coçando a cabeça de maneira suave antes de observar o mercenário que acompanhava Zakiyah enfim se revelar. - Dá pra colocar o capuz? Você fica melhor com ele. - dizia, apontando para Ras, não me deixando intimidar com sua aparência e sorriso. - É claro que gosta, meu comentário continua o mesmo, gosta de colecionar o que não consegue capturar sozinha e pelo vista também não parece saber muito das coisas que possui. - audaciosa, me mantinha naquele jogo de palavras, porém a mulher parecia saber que Akira e Rango já estavam a caminho, convidando-me para um jogo, ao qual eu incapaz de recusar, aceitei com um movimento afirmativo com a face. - 149 milhões. - cortava-lhe, quando a mesma se gabava da recompensa de seu capacho. - Normalmente eu divido por dois a recompensa com meu irmão. Então são 149 milhões, você só está me dando mais motivos para atacá-la. - sorriria, estendendo minha mão, como se pedisse para ela prosseguir. - Faça a pergunta que quiser. Também tenho algumas para fazer. - colocava minhas mãos na cintura, sem apresentar qualquer objeção ao começo daquele ‘jogo’.

A pergunta de Zakiyah era estranha. O quanto ela sabia daquele livro? O epíteto de Imperatriz de Prata poderia facilmente enganar as pessoas, mas se ela fosse de fato a portadora original daquele fragmento, alguém que de fato havia aprendido com a criadora do livro, saberia de imediato minha relação, uma vez que ela já se mostraria explícita somente com meu nome. - Dizem? Eu não sou muito bem informada das coisas. - respondia de forma calma, não tendo pressa em organizar minha resposta. - Bem, você fez uma pergunta bastante complicada. Eu sou a corda, mas também sou a mão. Posso dizer que sou um pouco de cada, eu tenho uma relação com esses documentos, mas não tenho o interesse de colecioná-los. - respondia, tomando atenção para não revelar Sam em minha resposta. - Como conseguiram esse fragmento? - fazia agora uma pergunta direta e livre de rodeios, com Ísis próxima de mim a mantinha próxima de meu toque, com minha mão na altura de sua cintura, como se estivesse pronta para agir em sua segurança. Ao mesmo tempo, mantinha meu olhar fixo em Zakiyah, atenta a sua arma e a uma possibilidade de disparo, ao qual caso ocorresse, tentaria me antecipar com Sirius, esquivando-me de uma possível agressão.

















Histórico:






_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears Z0zQdpF

Hellhounds 6 - Sands and Tears ZaT0xpq
Yami
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears Giphy
Créditos :
25
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2089-hellhounds-6-sands-and-tears
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Seg 22 Ago 2022, 23:38

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



Não imaginava ser recebido com correntes e sendo levado ao chão com tanta brutalidade. Com certeza imaginei ser recebido a tiros, mas não com correntes. Era um sentimento muito merda, confesso, pois me lembrava do sentimento que os peixes sofriam ao serem pescados. — Ei, ei, ei, me soltem seus doidos! Vocês acham que eu sou algum tipo de peixe por acaso?! — Comentava enquanto retomava para minha forma de homem-peixe, ainda não associando minha frase com essa realidade. Entretanto, via que o homem de cabelos rosa imediatamente ordenava que me soltasse, fazendo com que meu sentimento de perigo desaparecesse um pouco. — Er… Valeu? Eu sou convidado ou algo assim? — Comentava enquanto me afastava das correntes, ajudando Rango a se levantar para ficar próximo de mim.

Tirando o pó da roupa, o homem deixava claro que não pretendia lutar, mesmo demonstrando uma aura ameaçadora enquanto dizia isso. Ele apenas mencionava que precisava me manter por ali por 3 minutos, o que me fazia erguer uma das sombrancelhas. — Espera… Então você realmente vai deixar a gente entrar? — Era estranho pensar numa pessoa que estivesse aceitando me deixar passar, mesmo que minhas intenções fossem causar tanto problema. — Assim fico até sem jeito de falar que estava planejando chegar aqui e chutar a bunda de todo mundo. O povo de Alabasta é realmente divertido, GHYAHAHAHA! — Ria animado, mas meu semblante ia se fechando, até que meu olhar ficasse tão firme quanto do homem. — Mas não pense que irei deixar minha irmã em perigo por 3 minutos enquanto eu fico batendo papo no lado de fora. — Diria de forma direta.

E mesmo que esboçasse uma aura de perigo, o mesmo puxava assunto sobre alguma espécie de cantora. Seria relevante para o que Às estava fazendo ali? Talvez eu tivesse interpretado tudo errado e Às estivesse apenas fazendo os preparativos para a festa, e por isso falou para chegarmos com bebida. Mas meu tique não me enganava, algo errado havia por ali. — Não conheço… E você conhece o Akira? — Comentava de forma despretensiosa, sem esboçar intenção alguma. No momento em que ele repetisse o nome ou falasse “Quem é Akira?”, eu sorriria enquanto avançava em velocidade máxima em sua direção, pegando-o desprevenido por acreditar que estava fazendo parte do seu jogo. — Aquele que te dá uma bica!

Hellhounds 6 - Sands and Tears Phoenix_Kick

Não me importava em nada no homem defender o ataque, o importante era arremessá-lo com tudo na direção da porta da frente, arrombando a entrada e me dando acesso livre para onde eu queria ir. Se o golpe fosse efetivo o bastante para fazer isso, sorriria enquanto minhas asas surgiam novamente. — Vamos começar essa festa, Rango. — Diria, com um sinal para que meu irmão começasse seus disparos frenéticos para todos os lados, acabando por completo com qualquer outra tentativa de nos impedir.

Ainda que o homem resistisse bem, desviasse ou não fosse empurrado, não desistiria fácil. Após o primeiro chute, não conseguindo avançar portas adentro, dispararia dois rápidos jatos de água de meus punhos em direção do homem, fazendo com que a água se modelasse até circundar sua cabeça, envolvendo-o como um aquário flutuante. Assim, tendo sua fonte de oxigênio restrita, avançaria mais uma vez para golpear-lhe nas costelas com um poderoso chute, ao mesmo tempo em que deixava brecha para que meu irmão avançasse também.

Assim, concluiria minhas tentativas com o avanço para o interior do lugar, onde vasculharia a presença de minha irmã para seguir até ela. Caso a alcançasse, chegaria com um sorriso ávido no rosto. — Espero que tenha deixado um pouco de diversão pra mim, irmã! GHYAHAHAHAHA! E vocês aí… — Apontava para as pessoas que estivessem causando problemas pra ela. — Preparem-se para a encrenca… — Falava, deixando que Rango completasse o ditado para maior impacto.


  • Posts: 3
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Contagem Caçador: B$ 547.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 91.180/91.180
STA: 2.120/2.200
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1500 +80 +440 +1000 +1000 +350 [Shigan] = 4.370 [Extravagante]
Destreza: 1685 +1000 = 2685 [Perito]
Acerto: 3670 +80 +440 +1200 +1155 Jujutsu = 6545 [Magnífico]
Reflexo: 188 +440 +1200 +1155 Jujutsu +350 [Kami-e] = 3333 [Perito]
Constituição: 1200 +80 = 1280 [Talentoso]

Agilidade: 4939 +350 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1000 +350 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1000

Formas Zoans:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.  
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...  
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum,  antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até  10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears V8upj2D

Hellhounds 6 - Sands and Tears YDNzcDa
Blindao
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears ZDZLMTU
Créditos :
1
Localização :
Segunda Rota ~ Lotda
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t296-thorkell-dragnar-godheim https://www.allbluerpg.com/t1057-4-capitulo-gigantorines-em-altai
Blindao
Tenente
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Ter 23 Ago 2022, 23:59

Narração
Aventura

A alfinetada de Às para com Ras certamente lhe fez soltar um ar risonho, apesar de ter atingido seu ego, sem dúvidas. – Cuidado... pode ser o ultimo rosto a ver. Ele diria em um tom calmo e sereno, mesmo que tivesse sido provocado, não havia caído em tentação para com sua lâmina na garganta da caçadora.

Após aceitar o desafio de Zakiyah, que se gabava da recompensa de seu associado, Às novamente era ousada e nem um pouco cordial ao se vangloriar de suas caçadas. – Ahá! Hahahahahahaha! Ela ria em sua frente com a resposta da caçadora. – Você ouviu isso, Ras? Parece que sua cabeça está sendo visada... cuidado para mantê-la sobre os ombros. A mulher diria fazendo um gesto para o assassino, enquanto movimentava sua arma de forma brincalhona. – Estarei com isso em mente, mesmo que ameaças desse tipo sejam inúteis para mim. Ele encarava de forma fria, preservando sua compostura acima de tudo.

Com o inicio do jogo, Mesbah tomava a frente ao perguntar para a caçadora sobre o livro em questão. A resposta de Às era sincera, mas pouco informativa. Isto pelo menos assim ela poderia achar, já que, para Zakiyah era uma informação útil. – Sei, sei. Acho que agora entendi. Então o governo está por trás disso, ótimo saber. Ela diria certa disto, mesmo que Volkerball nada havia dito para deixar isso claro, a mulher parecia ser astuta ao ponto de concluir de forma rápida seu raciocínio.

Hellhounds 6 - Sands and Tears Tumblr_93ec70bd4eb26824007253b21de8e1fb_8f87c543_540

Em seguida, começava a roletar o tambor da arma enquanto ouvirá a pergunta da caçadora. – Humm... Zakiyah se mostrava pensativo enquanto fintava nos olhos de Às com certa intensidade. – Negado. Ela diria e então apontaria a arma para sua cabeça e apertava o gatilho sem um pingo de medo ou consequência. *Poft. O tambor mostrava-se vazio e um sorriso no rosto da mulher emergiu. – Hahahaha! Uffa, que sorte... que sorte. Suas palavras pareciam empolgadas com jogo, como se adorasse a infantilidade naquele jogo. Então ela rodava outra vez o tambor do revólver e então apontava para Volkerball. – Sua vez. Porque mandaram aquela mulher chamada de Luna me espionar? Ainda que Às estivesse confusa para com a pergunta, provavelmente Zakiyah suspeitava de algo da caçadora, mesmo não ficando claro o que exatamente.

Neste meio tempo, Akira havia sido trazido ao chão a força, por razão de estar sobrevoando o território da mansão. Quando o tritão comentou sobre lhe deixar passar, caso esperasse o tempo determinado, o chefe da segurança acenava com a cabeça de forma afirmativa ao tempo que diria. – Exatamente, por hora essas são as ordens. Ele era direto quanto sua resposta, e não parecia mentir.

O guarda por algum momento até pensou que o ruivo a sua frente aceitaria aguardar enquanto conversariam coisas alheias. Entretanto, a súbita resposta de Akira dizia o contrário. – Hun, se insiste tanto. Ele diria um pouco acorçoado e relutante a enfrentar seu oponente. Mas para ele ordens eram ordens, mesmo relutante, como um profissional ele executaria sua missão como chefe lá.

Quando Shimizu perguntou se o guarda conhecia alguém chamado de Akira, o homem arqueava uma de suas sobrancelhas e responderá. – Que Akir... Antes de terminar sua frase o tritão voava em direção ao homem e desferia uma bicuda na ponta do estomâgo.

Hellhounds 6 - Sands and Tears Baki-martial-arts

O tritão havia atingido com um bom golpe o guarda, mas recebia outra como contra medida. A porrada do homem era poderosa, viria como um Counter de Boxe que havia o corpo de Akira ser ricocheteado e dar algumas voltas em pleno ar. Ambos haviam colidido e arremessados para trás. O homem não era rápido, não tanto quanto Akira, isto havia ficado obvio. Mas sua força compensa e muito. Se não fosse as habilidades curativas do tritão, provavelmente seu maxilar teria recebido sérios danos.

Com a queda do homem de terno e o intruso, os seguranças se colocavam de prontidão para atacar Akira, mas eram interrompidos por Rango. – Calma aí cambada... tão achando que vão atrapalhar meu parça? Nem pensar. O canino diria ao atingir três de uma vez e nocautear eles, mostrando que não eram habilidosos, apenas numerosos.


Histórico Akira:

Histórico Às:



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears 2uAvx3T_d
Às
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears BcOqz4N
Créditos :
08
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Qua 24 Ago 2022, 11:39



»» Sands and Tears ««

- Às Volkerbäll -


Ж


Ras parecia ter algum senso de humor, prova disso era sua ameaça, deixando bem evidente que sim, havia conseguido entrar em sua mente a ponto de causar-lhe incômodo real. Seja pela frieza ou pela experiência, o homem optou por permanecer próximo de Zakiyah, mantendo-se firme em resistir à sua vontade de matar. Em contrapartida, Mesbah parecia divertir-se bastante com o leve atrito entre mim e seu capacho, mostrando ainda que brevemente um certo desequilíbrio. - Resolveremos isso em breve. - comentava, esboçando um suave sorriso, enquanto permanecia em espera ao jogo proposto pela mulher. Uma vez com tudo revelado, não precisava ficar ocultado as coisas e isso se traduziu na primeira resposta, a qual apesar da sinceridade, tinha meramente por finalidade proteger Sam, o que pareceu surtir efeito, uma vez que a dedução de Zakiyah era absurdamente deturpada e incoerente. - Que merda ela tá falando? - pensava, com um claro sinal de confusão em minha face.

Deduzir-me como alguém ligada ao Governo Mundial era tão absurdo que podia facilmente me revirar os olhos de desprezo. Estaria ela atuando tal como havia feito inicialmente com aquele ator, ou suas deduções eram assim mesmo, completamente irreais? Na dúvida, permanecia em silêncio, ainda que deixasse claro pelo olhar que atrelar-me ao governo havia me desagradado bastante. A oportunidade surgia e uma pergunta era feita sem rompantes, esperava dela talvez a mesma sinceridade e comprometimento, porém seu olhar e suas ações em resposta me entregavam uma resposta bastante satisfatória. - Não vai me responder né? - pensava, com um suspiro longo e suave. - Luna não foi lhe espionar. - respondia de imediato. - Quando estávamos em Pyatidrov, solicitei a ela que buscasse informações sobre Alabasta. Vocês entrarem nisso foi um mero acaso. - uma notória verdade, sequer sabia de Zakiyah e muito menos Luna podia supor a origem da mulher quando buscou por informações. - Você ter surgido foi um mero acaso. Talvez devesse parar de dar muita importância a sua figura. - comentava, mantendo minha atenção aos poucos mais elevada, em conjunto com Sirirus.

Minha vez? - perguntaria, dando de ombros de maneira suave, intercalando o olhar pela dupla, como se esperasse uma permissão. - Vocês estão com um revolucionário chamado Alfred? - manteria o olhar fixo na mulher, embora cogitasse que ela repetisse a mesma coisa da pergunta anterior. Se fosse esse o caso, ao notar o movimento da arma, gesticularia. - Prefere apontar pra mim? Acho que ficaria mais interessante se fizermos dessa forma não acha? - daria um passo à frente. - Cada pergunta, um tiro? Quantas balas sobram? - destemida, continuaria o caminhar, dando um passo à frente a cada pergunta. - Deixe-me queimar minhas perguntas, que não serão respondidas mesmo. Você tem ligação com a família real de Alabasta? - um novo passo a frente e uma afronta. - Pode atirar, eu já não disse?! Você tem alguma relação com o desaparecimento do Rei? - olhava de soslaio para Ísis, a fim de observar como a mulher estava antes de continuar. - Vocês entraram em conflito com os revolucionários, por que? - continuaria a dar mais alguns passos, cessando o avanço no limite do alcance, sem desviar o olhar da mulher. - Não precisa apontar essa arma pra você. Me faz a pergunta que você quer e dispara de uma vez. - diria, com bastante convicção e preparada para reagir ao menor sinal de perigo.

Com o auxílio de Sirius e movida pelo instinto, permaneceria preparada para reagir a qualquer agressão, fosse um tiro disparado, fosse o avanço de Ras. Fato era que tinha por prioridade esquivar-me de uma eventual ameaça, deslocando-me para os lados, porém caso não reconhecesse a possibilidade para tal, cobriria meus braços com o Haki, usando-o para interceptar qualquer ataque direcionado a mim. No entanto, caso Zakiyah respondesse a pergunta normalmente, continuaria o jogo, fazendo logo em seguida as mesmas perguntas subsequentes.

















Histórico:






_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears Z0zQdpF

Hellhounds 6 - Sands and Tears ZaT0xpq
Yami
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears Giphy
Créditos :
25
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2089-hellhounds-6-sands-and-tears
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Qua 24 Ago 2022, 12:15

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



O golpe havia sido certeiro, como planejado, mas nem minha previsão havia sido capaz de me alertar sobre o contragolpe do homem, que me levava voando para longe enquanto girava no ar. Meu maxilar estalava de um jeito diferente, mas as chamas imediatamente lidavam com a dor e com o impacto. — Belo gancho, belo gancho. — Comentava enquanto cuspia um dente. — Sabe, eu amaria ficar trocando soco assim com quem entende do assunto, mas estou meio com pressa, sim? Reunião de família, sabe como é. — Com o comentário, deixaria me levar junto com o meu lado mais bestial, deixando que as chamas me envolvessem de vez e me transformasse na forma completa do meu demônio interior.

Hellhounds 6 - Sands and Tears 7fe56921dd950a2fb1338d2ad179c72713c30b1e_00

Era uma forma sem braços, o que me incomodava pela falta de flexibilidade em causar socos, mas a amplitude daquelas asas, misturado com a extrema velocidade que alcançava, faria com que eu conseguisse encaminhar aquele combate para uma disputa de agilidade, sequer deixando tempo para o homem reagir apropriadamente. Além do mais, a água ainda era minha aliada ali, mesmo naquela forma amaldiçoada pelo mar. — Vamos dar um passeio. — Com um rasante, utilizando do Geppou para me dar um impulsionamento em meio do ar para avançar em uma velocidade supersônica, envolvido em esferas de água como se fossem luas orbitando ao meu redor.

Com um bater de asas, arremessando uma rajada de vento e penas, dispararia também as duas esferas de água para um movimento rasteiro e discreto. Enquanto o homem reagia ao ataque pela frente, moldaria a água através de minha hidrocinese para que ela se erguesse pelo chão, como um gêiser, com potência o bastante ao menos para retirá-lo do chão. Aquilo me daria a brecha necessária para que eu também avançasse num movimento rente ao chão, para girar meu corpo e aplicar um forte chute em seu corpo mirando para cima, tentando jogá-lo ainda mais para o alto. Não me importaria com disparos, ataques ou qualquer coisa parecida em minha direção, deixando o trabalho de lidar com as ofensivas diretamente com minhas chamas. E assim, com o homem erguido no ar, avançaria em sua direção como um foguete, apanhando-o com minhas patas e partindo num movimento em espiral para cima, tentando alcançar uma incrível altitude em questão de instantes. Com tanta rotação, esperava fazer o homem ficar enjoado e confuso e, quando tivesse a iniciativa de reagir, já estaríamos a centenas de metros do chão. — Bela vista, hein? Mas acho que está na hora de descer…

Hellhounds 6 - Sands and Tears Tumblr_m6v2p9zGJx1r12d1bo7_250

E, da mesma forma que teria subido naquela espiral, começaria a descer enquanto agarrava o homem com minhas patas e envolveria-o em minhas asas para evitar escapatória. Com uma descida naquela velocidade, e em um movimento de espiral tão rápida como um parafuso, duvidava que ele fosse capaz de reagir de alguma forma, ao menos não de maneira efetiva até que chegássemos ao chão. Olhando em direção ao solo, miraria em cima do telhado da grande casa, numa tentativa de destruir tudo e ainda por cima entrar por uma via nada convencional no lugar onde minha irmã estava. Não me importava nem um pouco em me machucar junto com aquele movimento, pois garantia que as chamas fossem me recuperar logo depois, diferente do que aconteceria com o homem de cabelos rosas…

Hellhounds 6 - Sands and Tears Tumblr_m6v2p9zGJx1r12d1bo8_250

Caso assim conseguisse, ergueria-me dos escombros, mesmo completamente quebrado e destruído, esperando que meu adversário estivesse pior. — Tudo certo por aí, Sarnento?! Vamos acelerar logo com isso! — Gritaria, me certificando que meu irmão também estava bem.


  • Posts: 4
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Contagem Caçador: B$ 547.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 91.180/91.180
STA: 2.120/2.200
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1500 +80 +440 +1000 +1000 +350 [Shigan] = 4.370 [Extravagante]
Destreza: 1685 +1000 = 2685 [Perito]
Acerto: 3670 +80 +440 +1200 +1155 Jujutsu = 6545 [Magnífico]
Reflexo: 188 +440 +1200 +1155 Jujutsu +350 [Kami-e] = 3333 [Perito]
Constituição: 1200 +80 = 1280 [Talentoso]

Agilidade: 4939 +350 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1000 +350 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1000

Formas Zoans: Tori Tori no Mi - Model Phoenix:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum, antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até 10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.







_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears V8upj2D

Hellhounds 6 - Sands and Tears YDNzcDa
Blindao
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears ZDZLMTU
Créditos :
1
Localização :
Segunda Rota ~ Lotda
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t296-thorkell-dragnar-godheim https://www.allbluerpg.com/t1057-4-capitulo-gigantorines-em-altai
Blindao
Tenente
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Qua 24 Ago 2022, 23:44

Narração
Aventura

A caçadora parecia confusa com as palavras e ações de Zakiyah, será que era este o proposito dela? Ou seria meramente louca a este ponto. Seja o que for, a próxima pergunta da colecionadora faria com que a resposta viesse por parte de Às. – Entendo, entendo. Mesbah diria enquanto demonstrava-se pensativa. – Pode se livrar dela então depois, Ras. Ela diria contorcendo sua cabeça e fintando rapidamente seu aliado. Já o assassino apenas acenava com a cabeça de forma positiva enquanto emanava uma sede de sangue em vista das respostas de Volkerball anteriormente.

O jogo continuava e então Às frisava ser sua vez. – Sim, sim. Este jogo está muito interessante. Ela diria com um sorriso deturpado no rosto, direcionando a ponta do revólver para sua cabeça desta vez. – Pergunte, vamos. Ela diria ansiosa para saber o que a mulher cibernética a sua frente estava interessada em saber.

A pergunta de Volkerball era sobre Alfred, o mais fiel subordinado de Isis. O sorriso da mulher a sua frente demonstrava suas intenções, Às havia entendido que a mulher apenas continuaria negando sem propósito algum, mas antes de responder a caçadora se colocava de pé, largando até mesmo a revolucionaria e pouco-a-pouco se aproximando de Mesbah.

Uma rajada de perguntas era feita e a única resposta por parte de Zakiyah era. – Então é “Game Over”. Que pena. Ela diria com uma piscadinha para Às. Ainda que a caçadora fosse rápida e detivesse um arsenal tático cibernético, acabaria sendo pega por um ataque extremamente rápido. Seja por instinto, sorte ou experiência, a caçadora havia usado o haki do armamento para fortificar seus braços e assim conseguir evitar maiores danos.

Hellhounds 6 - Sands and Tears C59f89fdd771d9601ab0bad79b75d1b574b5e643r1-500-285_hq

Ras havia arremessado a caçadora até seu corpo colidir com uma das colunas da enorme mansão, destruindo boa parte dela. Quando Isis se assustou e ficou de pé, Mesbah pegava ela de surpresa e apontava arma para a cabeça da revolucionaria. – Não se mexa, você é minha e só minha. A mulher diria no ouvido da revolucionaria. – Depois que resolver aqui, nos encontramos na sua base. Zakiyah diria para o assassino enquanto levaria embora Isis que estava em uma situação delicada.

O ataque não havia sido poderoso, mas de uma certa forma ele havia causado um peso extremamente estranho. Tão estranho que provavelmente era a primeira vez que a caçadora se deparava com aquele tipo de força. Era como se o golpe se entrelaçasse por meio da sinergia e gerasse uma propulsão na hora da colisão. Gerando um peso e um rompimento no ar, gerando um golpe quase invisível a olho nu. – Rurururu. Confesso que você é bem audaciosa... apenas me dará mais gosto em tomar sua vida. O asasssino diria com um olhar bastante horripilante. - Farei uma boa grana com seu corpo. Ele diria com um sorriso sínico e bastante destemido ao tempo que retirava um par de adagas de suas vestes.

A visão estava um pouco turva, mas logo retornava ao normal e Às poderia notar Isis ser levada antes que pudesse socorre-la. Por outro lado, mesmo se conseguisse com todas suas forças avançar, diante dela estava alguém bastante habilidoso, isso como caçadora ela não poderia negar.

Durante este tempo, Akira confrontava o chefe dos guardas da mansão. Um homem peculiar e com uma bela força de ataque. No entanto, apesar de sua notável força, diante as aptidões do tritão-fênix, apenas se mostrava irrelevante. Afinal de contas, Shimizu mostraria isto em primeira mão. Transformando-se em sua forma completa, não havendo quase nenhum traço a mais de tritão, seu azul celeste emitirá uma graciosidade singular para qualquer um que olhasse pela primeira vez.

Com um combo de ataques de todos os lados, até mesmo por baixo e por cima, Akira desferia golpes fulminantes e tão rápidos quanto os olhos do homem a sua frente se quer conseguiam acompanhar. O guarda era arremessado de um lado para o outro até ser cravado no chão igual prego na madeira. Inconsciente, mas ainda vivo, Akira poderia ver que o homem respirava, porém, não se mexia um milímetro; nem se quisesse.

Do outro ponto estava Rango, através de seus ataques imbuídos com Eletro, os guardas eram derrubados um após o outro. Até os últimos simplesmente fugirem por perceberem a diferença de níveis. – Isso aí memo! Corram, suas buchas de canhão. O canino diria, apesar de sentir alguns músculos latejarem de dor. Afinal, ele não havia se recuperado completamente.

O companheiro de Akira então sinalizava com a cabeça até que um estrondo ensurdecedor chamaria atenção da dupla invasora. – Osh... o que foi isso? Rango diria com os olhos arregalados até que ele e o tritão poderiam avistar parte da mansão se romper e começar a cair alguns pedaços, subindo uma poeira para o alto.

Se o tritão fosse até o outro lado da mansão, seja por cima ou por baixo, avistaria sua aliada em meio alguns escombros que provinham da mansão. Alguns metros dela estava uma mesa e próximo um homem de corpo esguio, rabo de cavalo e um olhar bastante sanguinário. Não precisava ser nenhum ser bestial para conseguir sentir a implacável hostilidade do assassino. Shimizu com seu haki da observação poderia sentir um arrepio ao avistar a aura desumana do estranho. Nunca havia visto isso em sua vida, mas se tivesse que chutar... seria uma cor especifica para quem já havia matado muitas, mas muitas pessoas em sua vida.


Histórico Akira:

Histórico Às:



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears 2uAvx3T_d
Yami
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears Giphy
Créditos :
25
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2089-hellhounds-6-sands-and-tears
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Qui 25 Ago 2022, 17:30

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



Com o corpo todo estalando depois de sair do chão com o homem de cabelos rosas, notava que o mesmo ainda dava sinais de vida, apesar de não aparentar mais ser uma ameaça para lidarmos. — E acho bom você ficar por aí mesmo! — Dizia chutando o pé do homem. Notava que Rango estava a todo vapor, apesar de ainda demonstrar fraquezas por conta do tempo que ficou encarcerado pelos revolucionários. — Hey, pega leve, cowboy. Não vai se quebrar de novo nem nada do tipo. — Dizia, retomando a minha forma humanóide novamente, sentindo até mesmo meus sentidos ficarem mais claros do que anteriormente.

O estouro me relembrava do motivo de estarmos ali, e da necessidade de urgência em nosso avanço. — Segura firme! — Transformando meus braços em um par de asas, alçaria voo com Rango em meus pés, sobrevoando a casa para ir até a origem do grande barulho. Rapidamente, através do Kenbunshoku e da rápida revoada, conseguia identificar Às por debaixo dos escombros da casa. — Ajude a irmã e eu seguro o esquisito! — Largava Rango de uma altura segura para que ele se aproximasse de nossa irmã e a ajudasse, além de dar a cobertura que precisávamos. Quanto a figura esguia que se aproximava dela, acabaria voando rapidamente para me direcionar em direção ao chão em extrema velocidade, retornando à minha forma normal assim que estivesse próximo do solo, caindo com um forte impacto e me colocando no meio deles.

Hellhounds 6 - Sands and Tears Superhero-landing-luffy

Me erguendo da nuvem de fumaça, olharia para o assassino com a mesma intensidade do olhar, mas com uma determinação infinitamente superior. — Só eu posso bater na Às, esquisitão! Dê meia volta ou chutarei sua bunda daqui até o deserto! — Gritava para deixá-lo perplexo com tamanha ousadia e falta de hesitação, mesmo com aquele nível de periculosidade tão visível. Era fácil de notar que aquela criatura já havia matado muitas pessoas ao longo de sua vida. Mas adivinha só? Eu não era uma pessoa, eu era um homem-peixe!

Ouvindo minha irmã se recuperando dos escombros, a escutava sobre ir atrás de Ísis e da mulher esquisita que havia levado ela de refém. — Bem, se está tão certa disso… Ao menos fique com isso. — Com um bater de asas, ainda sem tirar meus olhos do homem esguio, envolveria minha irmã em chamas azuladas, fazendo com que seu vigor e vitalidade se recuperassem o suficiente para aguentar um bom tempo a mais de combate.

Hellhounds 6 - Sands and Tears Ezgif.com-gif-maker_1

Com um novo bater de asas, seguiria um rasante atrás de Isis e de sua sequestradora, utilizando do Kenbunshoku para rastreá-la quase como um predador. Depois dos treinos realizados para aprimorar o Arrepio do Akira, havia me tornado um rastreador por completo, conseguindo distinguir detalhes incríveis mesmo em longas distâncias. E, conhecendo ainda a aura de Isis, seria fácil identificar seus traços e seguí-la, ainda mais que haviam saído há pouco tempo. Voando em alta velocidade, utilizando do Geppou e Soru para manter a aceleração ainda mais elevada, tentaria me aproximar tão rapidamente que pudesse gerar alguma surpresa, já girando em pleno ar para aproveitar o momentum e aplicar um chute na altura da cabeça dela, como se fosse fazer um chute de bicicleta.

Hellhounds 6 - Sands and Tears Phoenix-marco

Atingindo ou não, com certeza chamaria a atenção dela. Tentaria inicialmente me certificar da segurança de Ísis, para em seguida sorrir para a mulher maluca que estava causando confusão. — Foi mal, moça, mas essa daí é minha convidada de honra da minha festa. — Diria sorrindo, irradiando o sentimento de que, no fim, tudo terminaria bem e em uma grande festa.


  • Posts: 5
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Contagem Caçador: B$ 547.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 91.180/91.180
STA: 2.120/2.200
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1500 +80 +440 +1000 +1000 +350 [Shigan] = 4.370 [Extravagante]
Destreza: 1685 +1000 = 2685 [Perito]
Acerto: 3670 +80 +440 +1200 +1155 Jujutsu = 6545 [Magnífico]
Reflexo: 188 +440 +1200 +1155 Jujutsu +350 [Kami-e] = 3333 [Perito]
Constituição: 1200 +80 = 1280 [Talentoso]

Agilidade: 4939 +350 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1000 +350 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1000

Formas Zoans:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.  
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...  
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum,  antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até  10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears V8upj2D

Hellhounds 6 - Sands and Tears YDNzcDa
Às
Imagem :
Hellhounds 6 - Sands and Tears BcOqz4N
Créditos :
08
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 6 - Sands and Tears Sex 26 Ago 2022, 12:05



»» Sands and Tears ««

- Às Volkerbäll -


Ж


Havia deduzido de maneira correta, não era do desejo de Zakiyah responder qualquer pergunta que fizesse a ela. Se pudesse arriscar, diria que sua aposta era fazer todas as perguntas que queria antes de disparar contra mim a única bala no tambor de seu revólver. Por isso, antecipei-me aos seus jogos e avancei em um ímpeto impaciente, o qual era respondido por Ras após a mulher claramente dizer que não tinha mais interesse em continuar com aquela brincadeira. A situação então se desenrolou mais rapidamente do que poderia imaginar, com Ras golpeando-me rápido o suficiente para tirar-me qualquer possibilidade de esquiva, porém não de bloqueio. O Haki do armamento plenamente apurado revestia meus braços a fim de evitar maiores danos enquanto era empurrada contra as pilastras da mansão, destruindo boa parte delas antes de ser coberta pelos escombros. - Sirius, você pegou isso? - pensava, em comunicação com o mecanismo, procurava revisar ainda que rapidamente como havia funcionado aquele ataque, antes de dar uma ordem mais direta. - Iniciar análise. - dizia com um suspiro, antes de levantar-me abruptamente, jogando boa parte daquele concreto para longe dado o ímpeto e a raiva que sentia e usava para tirar-me dali.

Hellhounds 6 - Sands and Tears FQrn7v

Ao sair dos escombros, podia notar a presença não apenas de Rango como também de Akira, um fato que por alguns poucos segundos quebrava minha seriedade. - Ah, bom te ver bem irmão! - diria ao coiote, pedindo ajuda dele para apoiar-me em seus ombros, apenas para remover os sapatos que usava. O vestido como um todo já havia sido parcialmente detonado e por isso, usava a faixa que antes cobria meus braços para cobrir minha cintura, antes de rasgar boa parte da saia, caminhando descalça até próximo de Akira. - A prioridade é Ísis, você vai chegar nele muito mais rápido do que eu. - diria ao ruivo, deixando bem claro pelo meu olhar que não estava muito disposta a abrir mão do conflito que ali se desenrolava. - Deixa essa comigo. - complementaria, antes de receber as chamas azuis da fênix. - Não tem nem uma garrafa de rum com você? - perguntaria ao tritão, mas não o fazendo perder tempo demais comigo. - Vai lá, confio em você.

Com a partida de Akira, passaria a concentrar-me somente em Ras e em suas provocações. - Aparentemente ser caduco é um pré-requisito para trabalhar com ela. - o alfinetava, notando o mesmo remover duas adagas de suas vestes. - Para de fazer essas caras e bocas, Isso só tá te deixando mais feio do que você já é. - reclamava cerrando os punhos e os colocando em posição de combate. - Aquele ataque foi estranho…será um saco ter de defender aquilo uma segunda vez, embora eu não sinta que os danos foram severos. Se há algum segredo, conseguirei descobrir junto de Sirius. - deduzia, antes de lançar-me ao ataque, deslocando-me em velocidade graças ao Soru e aproveitando de minha alta agilidade para encurtar rapidamente a distância. Não executaria um golpe direto, pois em meio ao trajeto, usaria Sirius para analisar a movimentação do mercenário e assim, reagir ao menor sinal de movimento do mesmo, fintando-o antes de realizar um chute rasteiro, revestido em Haki.

Se conseguisse conectar o chute, prosseguiria com a ofensiva, girando meu corpo para golpeá-lo com um soco nas costas antes mesmo que ele caísse no chão, prosseguindo com um cruzado na altura de seu queixo antes de afastar-me novamente. No entanto, caso Ras conseguisse se esquivar da rasteira, usaria o impulso do movimento para girar meu corpo, realizando um chute alto contra seu queixo, usando o armamento a todo momento para potencializar não apenas meu ataque, como minha defesa. Caso a esquiva ou o bloqueio de Ras me impedisse de conectar a sequência de golpes, usaria de imediato Orion, disparando um dos cabos com o gancho de perfuração revestido, mirando seus braços ou ombro para assim prendê-lo a mim antes de fazer o mecanismo puxá-lo em minha direção, onde tentaria conectar um potente soco contra seu estômago ou face..

Usaria do Kami-E, junto de Sirius para tentar me antecipar as ações do homem, assim como esquivar-me de seus ataques, usando até mesmo o Geppou, caso notasse um ataque cuja área fosse ampla demais para esquivar-me normalmente. Não me incomodaria com o auxílio de Rango, usando até mesmo sua ajuda para tentar encaixar meus ataques da melhor maneira possível, antes de recuar alguns metros, removendo o cabo de Orion, caso o mesmo ainda estivesse preso ao mercenário, no pior dos casos, procuraria evadir-me dos ataques da melhor maneira, enquanto dava a Sirius tempo para analisar a luta.










Histórico:






_________________

Hellhounds 6 - Sands and Tears Z0zQdpF

Hellhounds 6 - Sands and Tears ZaT0xpq