Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
Criação de AventurasOntem à(s) 11:33 pmporShioriII - Procura-se um BobôOntem à(s) 11:32 pmporShioriBad KarmaOntem à(s) 6:56 pmporMendoncaÚltimo Baile Antes da GuerraOntem à(s) 6:00 pmporMendoncaLolo BanditoOntem à(s) 4:41 pmporVrowkÉmile SixthornnOntem à(s) 12:13 pmporGrenyAlvorecerOntem à(s) 10:21 amporAuroraCaitlyn G.Ontem à(s) 7:49 amporAchilesCap. 6 - TerritorialOntem à(s) 12:30 amporDeepCausamortis I - Damnatio.Sab Fev 04, 2023 9:52 pmporShiori

Hellhounds 7 - Born to Hunt

Shiori
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt EEEWL0c
Créditos :
24
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Hellhounds 7 - Born to Hunt Seg Out 31, 2022 9:18 pm


Hellhounds 7 - Born to Hunt


Às Volkerbäll, Shimizu D. Akira [Caçadores de Recompensas]

Não possui narrador definido.
Aberta

_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt YHVeK1M

Hellhounds 7 - Born to Hunt VYrwji0
Às
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt BcOqz4N
Créditos :
21
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Dom Nov 06, 2022 11:43 pm



»» Born to Hunt ««

- Às Volkerbäll -


♠


Com a promessa de mais informações a respeito dos fragmentos de minha mãe e seus possíveis portadores, saia do navio de Sam com algumas novas melhorias. - É estranho, mas me sinto estranhamento melhor. - pensava, entre passos tranquilos pelo porto, sentindo minha respiração melhor assim como uma leveza bem incomum, o que poderia logo deduzir se tratar do novo mecanismo presente em mim e a maneira como Sirius me sinalizava logo que sentia os “sintomas” descritos. - Então ele utiliza agulhas quentes? Eu me lembro de ser tratada com algo parecido, a sensação é de fato muito agradável. - pensava, como se conversasse com Sirius. Não havia no entanto um caminho definido para a ocasião, mas em vista do iminente confronto que estava à nossa espera, trocava de rumo e seguia pelo porto até meu navio, onde entraria apenas para recolher algo que havia mantido guardado por lá, uma roupa desenhada por Íris e confeccionada por Sam. - Elástica, porém resistente o suficiente para batalhas… - repetiria as palavras da cientista, tomando o tecido em minhas mãos antes de guardá-lo comigo, escondido da vista de curiosos.

Retornaria assim para o palácio, caminhando com bastante tranquilidade pelas ruas de Alabasta, atenta aos arredores porém bastante perceptiva ao cotidiano daquela ilha. Podia sentir uma estranheza típica das batalhas, um inquietude que alimentava a ansiedade e que só cessaria quando atravessa os portões e chegasse até Akira, onde notaria com meu irmão as encomendas enviadas por Sasha. - Já chegaram!? - diria com uma ponta de animação na voz, aproximando-me do rapaz e dos demais que por lá estivessem. - O que ela fez pra você? - perguntaria com notável interesse, observando e admirando o trabalho de minha irmã conforme o tritão o explicasse para mim. - Você deu um nome para elas? - diria, mas não antes de apontar para o que seria a minha encomenda. - Devem ser as minhas, certo? - diria com um sorriso de animação, como uma criança ansiosa por um presente, caminhando até elas para só então as desembrulhar e observar a beleza do trabalho. - Elas são magníficas… - diria, tomando as lâminas em minhas mãos, admirando o trabalho de Sasha por completo, desde a empunhadura firme, ao fio de corte perfeito e o peso bem balanceado. - Deixe-me sentí-las. - diria afastando-me sutilmente dos demais, para que pudesse manipular as lâminas em movimentos precisos e velozes, brincando com elas com uma simplicidade e intimidade ímpar.

Hellhounds 7 - Born to Hunt Demon-slayer-tengen-uzui

Elas são tão leves durante o manuseio, ao mesmo tempo que posso sentir seu peso sempre que as seguro com firmeza… - olharia para meu irmão. - Características distintas, como se fossem duas coisas diferentes… - suspirava antes de mostrar um suave sorriso. - Héstia e Skadi. Esses nomes combinam bem com vocês. - falaria como se dissesse diretamente para as lâminas, retornando para perto dos demais, embrulhando minha nova arma com as ataduras que vieram junto a elas e as amarrando em minhas costas, de forma que pudesse facilmente liberá-las das ataduras assim que as puxasse. - Vocês acordaram tarde. - diria após todo o exibicionismo. - Melhor irmos até Nep, talvez tenhamos novas informações a respeito de Rá. - sugeria, antes de sair em busca da princesa, esperando encontrá-la já de pé. - Alguma novidade? - diria de maneira simpática, aproximando-me da mulher ou de quem estivesse junto a ela. - Estamos prontos. - diria, observando Akira de soslaio. - Prontos para qualquer desafio.















Histórico:





_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt Z0zQdpF

Hellhounds 7 - Born to Hunt ZaT0xpq
Yami
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt Giphy
Créditos :
36
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2273-hellhounds-7-born-to-hunt
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Seg Nov 07, 2022 7:54 pm

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



A barriga saliente por debaixo da camisa destacava a satisfação enorme em me empanturrar com mais um pouco da culinária local. A alegria que me cercava alimentava meu espírito, me deixando forte para o que viesse naquele grandioso dia. — Yaaa! Chegou a hora, gente. Curtiram o bastante? — Comentaria para Rango e Luna após nossa pequena confraternização na taverna nos arredores do castelo. O fato de terem sido barrados na entrada não me desmotivava, muito pelo contrário. Estar em meio à rejeitados, marginais e diferentes faziam meu coração bater mais forte, pois sabia que ali também seria o meu lugar!

Antes de maiores movimentações, acabava sendo abordado pelo entregador, trazendo presentes de terras distantes. — Sasha e Shiori?! — Avançava na direção da caixa a abraçando, esfregando contra meu rosto. — Só pelo cheiro sei que é uma das invenções de minha irmã. Deve ter ficado incrível! — Comentava animado, entregando para que Rango abrisse o pacote enquanto eu assinava a papelada. Agradecendo imensamente ao mensageiro, voltaria minha atenção para o par de manoplas que agora estava adiante de mim, ou melhor, do par de braceletes. — Huh…? Será que isso é um aviso delas que estou fora de moda? — Diria, colocando os utensílios, que pareciam apenas decorativos. Entretanto, a curiosidade era algo intrínseco meu, e cutucando os aparelhos, imediatamente me surpreendia com o nível de sua tecnologia.

Hellhounds 7 - Born to Hunt Giphy

Sabia que Sasha nunca me decepcionaria, GHYAHAHAHAHA! Essa sim é das boas. Parece feita para mim! — Socava o ar, sabendo que elas eram, de fato, feitas sob medida para mim. Abraçava a mim mesmo, como se estivesse abraçando as criações de minha irmã e, consequentemente, abraçando a ela também. Caso dali conseguisse notar a presença de Às, a saudaria à distância na medida em que me aproximava, mostrando as manoplas recebidas. — Parece tecido, mas é muuuuuuito resistente! E tá vendo essa textura aqui? Parece mágico! — Comentaria, mostrando as manoplas que se encaixavam super bem em meus punhos. — Nome? Hm… Não sou muito bom com isso. Mas considerando o nosso contexto atual e da diferença que elas farão na história dessa ilha, que tanto precisa de esperança, por que não chamá-las de Hope?! Achei bem coerente, GHYAHAHAHAHA! — Diria erguendo-as no ar, como se elas fossem capazes de segurar o sol.

Observando as armas de minha irmã, notaria que as mesmas eram muito bem trabalhadas também, tendo um design peculiar para uma espada. — Ei, cuidado com isso, vai acabar pegando no olho de alguém! — Comentaria após ver as piruetas que ela estava fazendo, toda animada com o novo brinquedo. Quando enfim sossegasse, comentaria do motivo de estarmos ali fora. — Havia recebido um alarme falso de que Mizuki estaria passando mal, mas ela está bem. Mas quando chegamos ao castelo, falaram que eles estariam proibidos de entrar. Acredita?! — Apontaria para Rango e Mizuki, para que Às soubesse de quem estava me referindo. — Por isso, preferi vir para a taverna para descansarmos. Melhor do que ficar cercado de gente de nariz em pé que não sabe receber bem seus salvadores! — Diria gritando em direção ao castelo, como se quisesse que todos por lá pudessem ouvir.

Caso a atitude dos guardas fosse a mesma de outrora, manteria o pé firme na entrada, achando um absurdo aquele tipo de recepção para alguém que estava arriscando a vida por eles. — Então digam pra Rainha que os caçadores dela ficarão parados bem aqui até que aprendam a tratá-los do jeito que merecem! — Sentaria no chão ali mesmo, de braços cruzados e pernas também cruzadas, em sinal de protesto. — Se quiser, avise para Nep enquanto fico por aqui. Só entro onde o Sarnento e Mizuki também podem entrar! — Diria, deixando claro as minhas prioridades quanto aos locais onde frequentava.


  • Posts: 1
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Alterações:
  • Contagem Caçador: B$ 845.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 103.380/103.380
STA: 2.400/2.400
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1710 +80 +480 +1500 +1440 +450 [Shigan] = 5.660 [Extravagante]
Destreza: 1360 +1500 = 2.860 [Perito]
Acerto: 3900 +80 +480 +1200 +1260 Jujutsu = 6.920 [Magnífico]
Reflexo: 188 +480 +1200 +1260 Jujutsu +450 [Kami-e] = 3.578 [Perito]
Constituição: 1460 +80 = 1.540 [Talentoso]

Agilidade: 5294 +450 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1500 +450 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1500

Formas Zoans:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum, antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até 10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt V8upj2D

Hellhounds 7 - Born to Hunt YDNzcDa
Blindao
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt ZDZLMTU
Créditos :
15
Localização :
Segunda Rota ~ Lotda
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t296-thorkell-dragnar-godheim https://www.allbluerpg.com/t1057-4-capitulo-gigantorines-em-altai
Blindao
Tenente
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Ter Nov 08, 2022 10:36 pm

Narração
Aventura

Caminhando pelas ruas de Alabasta, Às notava que o povo estava trabalhando como de costume. Havia alguns turistas, mas nem tanto quanto o normal. Havia feiras, vendedores e compradores para toda parte. Já cedo de manhã, os civis estavam de um lado para o outro, não sabendo que uma guerra poderia emergir entre os revolucionários e o palácio.

De qualquer forma, calcorreando tranquilamente, Volkerball se depararia com Akira e Mizuki. Logo pode notar que se tratava de uma encomenda que o tritão havia recebido, por sinal, referente as armas solicitadas outrora.

A caçadora logo apanhou o conjunto feito para ela enquanto manejou as lâminas com intuito de testar suas características, deixando algumas cidadãs observando e desviando das lâminas que se deslocavam de um lado para o outro. Akira por sua vez, estava animado e bastante empolgado com o par de manoplas que havia recebido. Deslocava alguns golpes no ar para sentir o forjamento de seu armamento.

Os caçadores dialogavam enquanto estavam próximo do castelo, tanto é que, Nephthy surgirá com proposito de encontrar os caçadores. – Ah! Que ótimo que encontrei vocês. Ela diria enquanto andava e se aproximava. – Peço desculpas pelos guardas, infelizmente minha mãe é bem precavida neste tipo de situação. Ela diria um pouco constrangida, já que, sua mãe que havia dado a ordem de apenas “Akira” e “Às” terem passo livre ao castelo.

A princesa então fez um sinal para os caçadores lhes convocando. – Vamos, comigo eles não interditaram vocês. Então se o grupo seguisse a princesa, poderiam adentrar no castelo sem que os guardas impedissem. Afinal, seria ela a responsável por eles.

Durante a caminhada até os portões principais do castelo, que seria breve, Akira com seu fenomenal Haki da Observação conseguira notar uma presença familiar, está por sinal, seria da revolucionaria Isis. Ela estava com um capuz por cima do rosto e escondida em um dos becos da cidade, próximo a uma livraria. Ela percebeu que havia sido notada pelo tritão e logo seu vulto foi para mais o interior da viela.

Shimizu havia parado para observar, até que Nephthy chamou sua atenção novamente. – Akira você não vem? A princesa perguntava, talvez achando que o tritão estivesse irritado ou rancoroso pelos acontecimentos de antes. Mas a irmã dele, Às, sabia que ele havia notado algo e podia notar para onde ele estava olhando. Algo que foi rápido, mas com sua percepção e sagacidade seria compreensível a situação; exceto a identificação de quem, ou o que, seria.


[spoiler=Avaliação]Post: 01

Ganhos: ~x~

Perdas: ~x~

Ferimentos: ~x~

Npcs:

Histórico Às:


_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt Kd8ijKy_d
Yami
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt Giphy
Créditos :
36
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2273-hellhounds-7-born-to-hunt
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Sab Nov 26, 2022 12:55 am

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



A expressão de ofendido estampada em minha cara não durava muito, afinal eu não conseguia guardar mágoas tempo demais em meu corpo. Quando vi Neph surgir pela porta do castelo, meu corpo imediatamente irradiava alegria, como um cachorro magoado que esquecia de tudo após receber um carinho entre as orelhas. — Eeeeei, bom dia!! — Diria, já me levantando do chão. A princesa de fato conhecia bem a mãe que tinha… E acabava por nos tranquilizar e nos levar para dentro junto aos demais. Quando passasse pelos guardas, botaria a língua para fora e puxaria minha pálpebra inferior para baixo, fazendo uma careta. — Viu?! Avisei!! — Sairia rindo baixinho, satisfeito pelo fim daquela história.

O castelo não deixava de me surpreender e, apesar de ter estado por lá algumas horas antes, observava com certa admiração a arquitetura única do lugar. Não que eu fosse um especialista ou amante de design de interiores, mas algo naquele lugar me atraía como uma criança olhando uma loja de brinquedos. Talvez meu olhar curioso acabasse por me levar a lugares muito distantes, além de minha mente, além de minha visão.

Uma figura familiar captou minha atenção. Sua silhueta e o tipo de energia que emanava me dizia muito sobre seu estado de espírito. Acabava por parar, hesitando em continuar minha caminhada, imaginando o que eu poderia fazer naquela circunstância. Sentia-me num impasse, mas não demorava para tomar uma decisão ágil para o momento. — Er… Vão na frente! Estou com dor de barriga. — Comentava de forma espontânea, pois era a primeira coisa que vinha em minha cabeça. Um segundo olhar para mim determinaria que seria uma mentira, pois nunca gostei de mentir e nunca aprimorei habilidades persuasivas a este ponto, mas para meio entendedor, aquilo seria o bastante para me livrar da reunião em grupo.

Um olhar para Às e Rango e sabia que ambos entenderiam minhas intenções. Assim, sairia dali sem mais delongas, botando a mão na barriga para simular a extremamente falsa dor intestinal. Acabaria vasculhando o lugar para identificar alguma janela, varanda ou porta para me levar próximo ao lugar no qual havia identificado Isis, me enfiando entre becos e vielas atrás de seu sinal. Puxando meu capuz, também típico daquela região, esperava ser capaz de me misturar com maior facilidade, até que acabasse notando a presença da mulher. — Hey! Estive me perguntando como estava. — De forma amigável, me aproximaria dela para que notasse que não havia motivos para fugir de mim e que estaria tudo bem ali agora.

Sabia que Isis era discreta, portanto a possibilidade de estarmos em um local muito agitado seria mínima. Claro que o Haki da Observação faria seu papel em manter tudo sob vigilância, me certificando que as coisas a se falar poderiam ser ditas sem maiores problemas. — E então, o que anda sabendo? Aconteceu tanta coisa… O Major tem planos bem grandes. Algumas coisas vão começar a se movimentar agora. — Diria de maneira superficial. Inicialmente, escutaria tudo o que ela havia para dizer, mas estava disposto a compartilhar minha versão dos últimos dias também para ela, afinal era uma aliada valorosa e havia se provado digna de minha confiança.


  • Posts: 2
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Alterações:
  • Contagem Caçador: B$ 845.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 103.380/103.380
STA: 2.400/2.400
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1710 +80 +480 +1500 +1440 +450 [Shigan] = 5.660 [Extravagante]
Destreza: 1360 +1500 = 2.860 [Perito]
Acerto: 3900 +80 +480 +1200 +1260 Jujutsu = 6.920 [Magnífico]
Reflexo: 188 +480 +1200 +1260 Jujutsu +450 [Kami-e] = 3.578 [Perito]
Constituição: 1460 +80 = 1.540 [Talentoso]

Agilidade: 5294 +450 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1500 +450 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1500

Formas Zoans:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum, antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até 10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt V8upj2D

Hellhounds 7 - Born to Hunt YDNzcDa
Às
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt BcOqz4N
Créditos :
21
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Dom Dez 11, 2022 11:20 pm



»» Born to Hunt ««

- Às Volkerbäll -


♠


Com Nep junto de nós, não seria um problema retornar ao Palácio e muito menos sofrer com a indisposição dos soldados em aceitar que mais de nossos companheiros adentrassem ao local sem grandes desconfortos. - Vamos então. - concordava, caminhando ao lado da princesa, não antes de ter a certeza de que minhas novas espadas estavam muito bem presas as minhas costas. - Lamento pela ausência do Palácio tão cedo, mas haviam assuntos a serem resolvidos aqui do lado de fora, devo imaginar que isso não deixou os guardas muito contentes. - comentava em um tom bastante sutil de voz, oscilando meu olhar pelo caminho que seguíamos e pelos arredores, notando as pessoas e os espaços coloridos de Alabasta. Embora ainda estivesse com minha atenção voltada para o porto e Sam, não podia deixar-me muito tempo longe de pensar em Nep e em obviamente a situação na qual precisávamos resolver. - Tudo a seu tempo. - pensava, como se contivesse minha indignação somente com aquilo.

Em dado momento, Akira parecia sentir alguma coisa, reclamando abertamente e forçando-me a observá-lo de soslaio em um rompante de preocupação, mas que logo se emudeceu, ao notar tão claramente em seu tom de voz a mentira que estava contando. - Hmm - avaliava, observando os arredores e novamente o tritão. - Tudo bem, só não demore para se limpar e nem cause dor de cabeça a quem te oferecer um local para se aliviar. - respondia como se houvesse aceitado aquela verdade, mas naquela relação fraterna, o ruivo saberia muito bem que havia compreendido a situação e dava corda para que ele agisse como quisesse. - Haja com cautela, irmão. - pensava em meu íntimo, enquanto continuaria a acompanhar Nep até o Palácio. - Não se preocupe, ele deve ter comido abacate em conserva. - lembrava do banquete e de como éramos bem servidos no palácio, seria fácil justificar embora tudo o que pudesse ser capaz de fazer fosse isso.

Ao chegar ao palácio, não tardaria em questionar Nep a respeito da reunião. - O Major já está aqui? Junto de Galahad e da Rainha? - olharia fixamente em seus olhos. - Vamos conversar com eles a respeito da investida. - diria, deixando-me ser guiada pela princesa até o local da reunião.















Histórico:






_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt Z0zQdpF

Hellhounds 7 - Born to Hunt ZaT0xpq
Jean Fraga
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt 0eae7937a59e215aa08ddd3aa5edc78b
Créditos :
11
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2452-ellie#27532 https://www.allbluerpg.com/t2453-i-edgerunners#27537
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Qua Jan 11, 2023 2:50 am


Shimizu D. Akira

Akira não tinha muito tempo para se impressionar com o local, algo tão importante quanto acabava cativando sua curiosidade, uma aura, uma sensação, uma pessoa que não aparecia há algum tempo finalmente era sentida.

Sua passagem foi rápida para que ela sumisse logo em seguida, mas lenta o suficiente para que Shimizu pudesse acompanhar. A desculpa não era das melhoras, principalmente após demonstrar tanta animação.

Mas fato era, ele enviava um sinal simples para Às e Rango, partindo então sem perder mais tempo. Cobrindo seu rosto com o capuz, o jovem desaparecia no meio daquela multidão.

O horário era o pior possível, as ruas eram bem movimentas e barulhentas, sorte sua ter um sexto sentido tão agudo, não perdendo o rastro de Isis, ele passava por algumas tendas de especiarias e era virando a rua que se deparava com a garota.

Ela se apoiava contra uma parede, em sua mão direita uma maça com apenas uma mordida, seu olhar voltava-se para o garoto e um sutil sorriso surgia.

Lentamente ela ia sumindo, com suas pernas ficando invisíveis pelo provável efeito de sua akuma, porém a leveza nas falas de D. eram o necessário para que aquilo parasse e ela se sentisse confortável.

Bem eu não estive... quem estaria bem num inferno como esse? — Resmungando ela cuspia o pedaço que havia mordido, lentamente pisando até que sobrasse apenas uma papinha — Vem... já deve ter percebido que tem mais pessoas chegando — E fato era, Akira nunca havia parado de prestar atenção, assim, sentindo uma aproximação de um grupo, as intenções não eram hostis, mas talvez para continuar aquela conversa, o local teria que ser mais silencioso e privado.

Isis se jogava para a frente, rumando para mais dentro naquela rua, seu caminhar era lento e leve, encontrando ao fim, uma escada que levava para o topo do prédio a frente.

Ela subia, então aguardando pelo tritão — Nada deu certo... eu não consegui convencer eles e bom, as coisas só estão piorando, ou melhor, indo para o caminho errado — Soltando o ar dos pulmões ela chutava um montinho de areia, olhando então para o garoto — E com vocês? Por favor... me traga boas noticias.

Às E. Volkerbäll

Partindo com a princesa, eles com certeza não passariam por nenhum tipo de chatice, as espadas estavam bem presas e Às poderia seguir sem preocupações — Não se preocupe — Nep disse — Imprevistos acontecem, eles não são muito receptivos a mudanças repentinas... mas você sabe muito bem o porquê — Um sorriso sutil surgia no rosto da princesa que parava ao ouvir as falas de Akira.

Ela se preparava para contesta-lo, mas Às tinha um papel importante em tornar a situação constrangedora para os ouvidos de uma princesa, que Nep dava uma leve risada com suas bochechas começando a corar — Pois bem, então continuemos só nos duas — Era possível perceber uma movimentação dos guardas em direção de Akira, não como se fossem atacar, mas ao menos escolta-lo até a saída.

Adentrando no palácio, Nep parava, abaixando a cabeça, e então olhando para as pontas dos próprios pés — O Major está desaparecido — Em um tom seco, ela continuava caminhando — Venha comigo — Com o dedo indicador indo até a boca, ela fazia um sinal de silencio conforme olhava para os guardas a volta, talvez as coisas por ali não estariam as mais seguras.

Era então que um detalhe se mostrava mais presentes, os rostos dos guardas eram tão hostis quanto antes, não só com ela e Rango, até mesmo com a princesa.

Eles subiam por longas escadas até que entravam em um quarto, um quarto lindo, com acabamentos em ouro, uma longa sacada que dava vista para toda Alabasta e uma grande cama ao centro.

Não estamos seguras aqui... A reunião ainda acontecerá como o previsto..., mas não passará de uma encenação com ideias falsas... essa célula vem se preparando a tanto tempo que sequer percebemos suas raízes bem debaixo de nossos narizes — Respirando, a princesa se sentava sobre a ponta da cama — Galahad e a Rainha estão chegando... foram eles que descobriram um dos soldados infiltrados... o maldito sequer sabia mentir e acabou se enrolando durante o que falava... Você precisa saber disso para que a reunião acontecesse sem mistérios — Novamente respirando ela enchia um copo d’agua, então bebendo-o.

Por isso precisava que Akira estivesse aqui conosco, tomara que ela não faça perguntas indesejadas... afinal, não sabemos quantos infiltrados existem dentro desse castelo — Indo até a sacada e olhando a cidade, ela soltava o ar lentamente — Vocês estão indo fundo demais nessa situação toda... porque não vão embora? Viver o bom da vida? Porque continuar nos ajudando? — Era notável que naquele momento a princesa chegava até a esquecer da presença da moça, desabafando sozinha, tendo como resposta os sons dos ventos.


Histórico Akira:
Histórico Às:

_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt YQAIlvY
Yami
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt Giphy
Créditos :
36
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2273-hellhounds-7-born-to-hunt
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Qua Jan 11, 2023 8:02 pm

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



Ficava alegre ao enfim chegar na presença de Isis. Em meio àquele turbilhão de acontecimentos, tramoias, facada pelas costas, sequestro de irmão-cachorro e tudo, a figura da revolucionária acabava sendo uma imagem de conforto. Quando pensava nela, não associava à ideia da revolução, mas sim daquela simples garota que ajudava crianças necessitadas em situação de rua. Ela não me ofereceu comida ou me convidou para uma festa, como é o caso de 99% das pessoas no qual eu possuo um afeto inesgotável, mas ainda assim ela me trazia bons sentimentos. — É, está calor mesmo. — Minha inocência acabava associado a ideia do inferno com um lugar quente e, apesar de não estar sofrendo mais tanto com as mazelas do clima após devorar a maldita fruta, ainda era desconfortável para um homem-peixe como eu viver em condições desérticas.

A menção da presença de outras pessoas me fez notar sobre o que ela estava se referindo. O alcance de meu Haki havia se expandido significativamente desde que chegamos naquela ilha, me permitindo tal varredura sem muito esforço. — Ah, certo. Se preferir, podemos voar para longe daqui. — Mencionava, caminhando junto com ela para um local mais privado. O que me chamava atenção, entretanto, era seu desperdício com aquela maçã, me fazendo interpretar que realmente havia algo muito errado.

Buscando não chamar atenção, usufruindo do anonimato no qual o capuz me concedia, seguia pela escadaria atrás de Isis, imaginando sobre o tipo de coisa que ela enfrentou todo esse tempo após o embate contra Ras, no qual nossos grupos se separaram. Quando enfim estivéssemos a sós, sondaria mais uma vez nossos arredores, antes de retirar o capuz e sorrir para ela. — E então, por que a cara feia? — Tentava descontrair, mas a mesma me respondia de imediato. — Seus amigos da revolução? Bem, talvez alguns estejam do lado errado, huh? — Pensava, imaginando se o que ela passou para eles não havia sido demais, podendo comprometer parte do plano.

Olharia para os lados, deixando que a luz do sol aquecesse meu rosto e iluminasse minha mente, que não era tão estratégica assim. — Bem, confesso que estou por fora de algumas coisas. Depois que eu e meu irmão fomos impedidos de entrar no castelo na última noite, fiquei do lado de fora em protesto. Pode ser que algumas novidades tivessem surgido. — E me lembrava sobre o que estava acontecendo antes da partir até ali. — A princesa estava prestes a nos levar para uma reunião quando te identifiquei. Às está com ela, então provavelmente estão debatendo sobre o plano. A princípio, o Major Balroth irá nos ajudar, focando os esforços num contra-ataque durante o jantar do golpe. — Dizia o que sabia, mas era sincero quanto à menção de que boa parte dos assuntos eu estava por fora. Por ser um sujeito de mente mais simples, planos costumavam me fugir os detalhes, motivo pelo qual deixava essas questões para minha irmã lidar. — Mas e você? Me conta direito com quem falou, sobre o que descobriu… Talvez seja hora de ser apresentada para Neph como nossa amiga. Tenho certeza que ela te tratará bem. — Me lembrava da saída às pressas de Isis quando soube que a guarda real estaria a caminho do local da batalha contra Ras, esperando que aquilo pudesse lhe dar confiança o bastante para tentar.


  • Posts: 3
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Alterações:
  • Contagem Caçador: B$ 845.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 103.380/103.380
STA: 2.400/2.400
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1710 +80 +480 +1500 +1440 +450 [Shigan] = 5.660 [Extravagante]
Destreza: 1360 +1500 = 2.860 [Perito]
Acerto: 3900 +80 +480 +1200 +1260 Jujutsu = 6.920 [Magnífico]
Reflexo: 188 +480 +1200 +1260 Jujutsu +450 [Kami-e] = 3.578 [Perito]
Constituição: 1460 +80 = 1.540 [Talentoso]

Agilidade: 5294 +450 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1500 +450 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1500

Formas Zoans:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum, antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até 10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt V8upj2D

Hellhounds 7 - Born to Hunt YDNzcDa
Às
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt BcOqz4N
Créditos :
21
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Qua Jan 11, 2023 11:08 pm



»» Born to Hunt ««

- Às Volkerbäll -


♠


Eu sei bem… - respondia a Nep com a naturalidade de quem não se importava muito com o olhar torto das pessoas, a despreocupação com Akira era provinda da confiança de que o ruivo ouviria com atenção minhas palavras, especialmente naquele momento em que nada extremamente pessoal lhe afetava, como havia sido com o rapto de Rango. - Oh, parece que lhe arranquei um sorriso. - comentava com a princesa, feliz pela quebra daquela rigidez, embora ainda sem compreender por completo a razão de tudo aquilo. Fato era que mesmo no interior do palácio a mulher permanecia estranha, uma situação que se confirmava somente ao ouvir suas palavras secas pela apreensão. - Hmmm, vamos então. - sussurrava-lhe, como se pudesse entender suas intenções, seguindo-a silenciosamente até um dos quartos, não deixando de perceber naquele momento os olhares hostis dos guardas, ainda que suas intenções sequer sugerissem tal coisa. Subimos por escadas longas até chegarmos a um dos quartos, onde podia indicar a Rango para que tivesse atenção à porta, enquanto calmamente andava até a cama, sentando-me na mesma. - Pode falar agora. O que houve? - comentava, curiosa e preocupada.

Então achávamos que estávamos nos colocando à frente deles, mas estávamos enganados pelo visto. - comentava de imediato, cruzando os braços enquanto podia observar Nep sentar-se à beirada da cama, coberta de apreensão. - Eu não preciso saber disso Nep, eu preciso saber o que sua mãe quer esconder de nós. O que aconteceu no passado que a faz querer esconder de tudo, mesmo que custe a vida dela e sua. - as palavras eram fortes, mas o sentimento era claro nelas. Os inimigos estando ou não extremamente próximos de nós, estava pronta para lutar a qualquer momento, eu só precisava saber unicamente de tudo o que havia acontecido no passado para assim compreender com totalidade as razões que levavam Alabasta a tal situação. - Akira estará bem, pode ficar tranquila com relação a isso. - respondia em um tom mais ameno, notando-a caminhar até a sacada, onde começava a desabafar em voz alta. Naquele momento, olhava para Rango, como se dissesse mediante o olhar que, talvez de fato estivéssemos fazendo algo desnecessário, mas que aquilo era o que fazíamos por essência. - Ouviu essa? - balbuciava para o mink, com um meio sorriso, antes de levantar-me e começar a caminhar até a sacada.

O vento não vai te dar essas respostas. - diria ao pé do ouvido de Nep, colocando meu braços ao redor dela, com as mãos tocando a sacada. - Antes de ser uma caçadora, eu vivi como uma revolucionária, bem minha família sempre foi até eu decidi vir para os Blues e traçar minha própria história. Mas nas histórias do passado, eu sempre quis entender porque minha mãe protegeu Alabasta e a família nobre que governava essa ilha, é claro vir até aqui e ver que a “revolução” que aqui se instaurou, sequer chega perto do que ela deveria ser e por isso, eu me sinto no dever de corrigir a situação e proteger o povo de Alabasta e os bons líderes que governam esse local. - continuava a falar em sussurro, com uma calmaria na voz e uma sinceridade irrestrita. - O que é bom da vida Nep? As coisas boas, só se tornam boas quando superamos as difíceis. É assim que sempre funciona, por isso que a bebida sempre parece mais gelada, os risos são tão gostosos e os beijos tão inesquecíveis. Enxergamos aqui uma luta que vale a pena ser lutada, uma pessoa que vale a pena ser salva, um inimigo que vale a pena ser derrotado muito mais pelo dinheiro que ele possa nos dar. Mas também estou aqui para saber mais das aventuras de minha mãe e consequentemente dos seus motivos, para fazer tudo o que fez. - faria uma leve pausa, até enfim comentar. - E claro, tem você…

Retiraria as mãos da sacada, afastando-me sutilmente da princesa. - Você parece presa a esse local e ao suposto fardo de ser quem é. - sorriria, pois lembrava de Akira. - Acho que é por isso que Akira também quer estar nisso. Lutar por Alabasta não envolve toda a complexidade dessa ilha, mas também envolve você. Akira o faz de coração, eu por honra. Libertar você para ser e fazer o que quer e deseja. - Olharia pela sacada. - Para ver o que está além dessa ilha, e não mais ouvir de forasteiros. - sorriria, arrumando os cabelos de Nep antes de suavemente me afastar dela. - Receio que as lutas nos encontrarão em breve, por isso acho melhor me preparar antes que sua mãe e Galahand cheguem. - comentaria, antes de espontaneamente começar a me despir das roupas que vestia, para que asim pudesse utilizar o traje que Íris havia desenhado e Sam, confeccionado para mim. - Acha que ficou bom Rango? - diria ao coiote, antes de cobrir-me com o sobretudo que vestia, deixando as espadas entre o traje e a roupa.

Quando a rainha chegasse junto de seu protetor, permaneceria sentada na cama, deixando-a livre para dar início a reunião, mas não perdendo a oportunidade de questioná-la. - Ninguém planeja isso sem um longo período de tempo e preparo. O que acha de abrir o jogo com seus poucos aliados que restaram? - olharia para Nep, como se pedisse para ela apoio naquela requisição. - O que aconteceu no passado entre o rei e os revolucionários que você não quer falar para ninguém, mesmo que custe o reino?















Histórico:






_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt Z0zQdpF

Hellhounds 7 - Born to Hunt ZaT0xpq
Jean Fraga
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt 0eae7937a59e215aa08ddd3aa5edc78b
Créditos :
11
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2452-ellie#27532 https://www.allbluerpg.com/t2453-i-edgerunners#27537
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Ter Jan 17, 2023 4:04 am


Shimizu D. Akira

Já mais isolados, o papo começava a fluir e lentamente Akira iria notando Isis lentamente relaxando, deixando o estresse de lado e começando a ouvir o garoto, fato que demonstrava como a moça se sentia bem em sua companhia.

Era quando Isis ouvia o começo daquele nome que junto de Shimizu, o completava — Balroth... — Sobre sua testa escorriam algumas gotas de suor, por causa do sol ? Ou talvez ela sabia algo — Eu não tenho certeza, mas hoje mais cedo estavam falando dele... Mas não cheguei a dar atenção... — Pousando a mão sobre o ombro de Akira, Isis olhava-a nos olhos — Mas eu sinto que coisa boa não era...

Afastando-se, ela voltava o olhar para a cidade vista de cima do predio que estavam, então, o caçador voltava a falar. Por alguns instantes após o fim, um silencio se propagava, como se ela estivesse planejando como falaria — Então... meus irmãos seguem convictos dessa revolta e... se preciso eu vou lutar por eles! Eu sei... não faz sentindo nenhum com tudo que conversamos até agora, mas... Eu não posso trair meus irmãos.

Por isso... peço que você e Às fiquem fora dessa guerra, eu não quero ver o sangue derramado de vocês... afinal, eu já os considero meus amigos — Num tom seco e um olhar frio, Isis não tirava o olhar do horizonte — As coisas poderiam ter sido tão diferente... e se tivéssemos nós conhecido de outra forma, por outros motivos... — Soltava o ar contido nos pulmões — Eu poderia ter ficado calada, ido com você e então matado a princesa, mas eu não quero jogar sujo.

É isso? Creio que não temos mais o que falar... Já que somos inimigos agora... — Diferente de antes, a voz de Isis mostrava sua insatisfação com tudo aquilo, como se buscasse naquela conversa ajuda.

Às E. Volkerbäll

A princesa suspirava ao ouvir as palavras de Às, algo estava entalado na sua garganta e os dedos nervosos buscando pedaços soltos de cutícula comprovavam isso — A rainha, minha mãe... Teve um caso a muito tempo atrás, muito antes de ser rainha... com um revolucionario... Nascendo desse amor um garoto, com uma chamava de mudança imensa, tudo se potencializou quando o garoto já mais velho descobriu ser filho da então Rainha... — Dando uma respirada, Nep relaxava os ombros — Foi nessa época que sua mãe pode ajudar a Rainha, alguém precisava matar o amante e foi sua mãe que fez o trabalho, quase tudo foi perfeito, mas ela não teve coragem em matar uma criança...

O rei jamais pode saber disso tudo... eu te contei porque você precisa saber... Mas por favor, prometa-me que não vai contar disso para ninguém — A preocupação era notavel em seu rosto.

Nep se arrepiava ao ouvir as palavras de Às, o calor da sua fala contra a pele gelada da Princesa mesmo num dia quente como aquele, era a faisca para que o arrepio corresse por todo seu corpo. Soltando a cabeça sobre o braço esquerdo da caçadora, a moça inspirava e expirava o ar com calma — Eu sei... Mas eu gostaria de poder ser como o vento... E simplesmente ir embora daqui... — Voltando ao silencio, ela ouvia agora um pouco do passado da caçadora.

Minha mãe se tornou uma grande amiga de sua mãe... amigas o suficiente para se pedir um favor como aquele, eu não sei porque era pequena na época, mas elas eram inseparáveis... — Sua voz agora mais calma ia respondendo Às.

E-Eu? — Com as bochechas se rosando, a princesa dava uma leve risadinha de nervoso — Não brinque com os sentimentos de uma princesa... sabia que isso é proibido? Passivel de morte nessa ilha Guihihi... — Era com o afastamento da caçadora, que a princesa se virava olhando-a.

Ficando sem palavras após tudo que era dito, ela já estava cansada de se lamentar, sorrindo e afirmando com o rosto — Sim! Quando tudo isso acabar eu vou tomar as redeas da minha vida... esse mundo é grande demais para eu ficar presa para sempre numa caixa de areia!!

Vou descendo para recebe-lós... eles devem estar chegando... te vejo lá embaixo, na sala de reunião, descendo as escadas, siga o corredor a direita, ao fim terá uma grande porta, estaremos lá. — Passando por Ás e Rango, a moça demonstrava-se determinada em trilhar seu futuro.

Com um certo tempo, a caçadora podia se trocar, com Rango sorrindo e falando — Está ótimo senhorita... na verdade, não está quente demais para essas roupas?

Histórico Akira:
Histórico Às:



_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt YQAIlvY
Yami
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt Giphy
Créditos :
36
Localização :
Alabasta - 7ª Rota
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t343-shimizu-d-akira#1013 https://www.allbluerpg.com/t2273-hellhounds-7-born-to-hunt
Yami
Avaliador
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Qui Jan 19, 2023 7:30 pm

Sands and Tears
- Falas | ~ Pensamentos



Não havia sido necessário uso de Haki nenhum para identificar a tensão que havia se formado na mente de Isis quando o nome de Balroth foi mencionado. No início, suspeitei demais da aparição do Major, ainda mais considerando que sua presença havia sido em decorrência do desaparecimento de outro… — Algum problema com Balroth? Ele é esquisitão, mas não parece má pessoa. — Comentava de coração, não de cérebro. Se eu tivesse um pensamento mais crítico, talvez suspeitasse mais do velhote. Mas quando ele me ofereceu festas após toda aquela história, além de me dar comida boa, não pude deixar de gostar do sujeito.

Prosseguia acompanhando minha linha de raciocínio, e a conclusão de Isis me causava certo espanto. Por mais que fossem irmãos, Ísis havia deixado claro que jamais compactuaria com suas visões radicais de revolução. Havia algo errado… Algo que ela estava se recusando a admitir. — Eu ouvi direito? — Meu tom de voz era mais sério, menos brincalhão, como costumava ser. Dava um passo adiante em direção de Ísis, demonstrando no olhar meu descontentamento com aquela frase e inexistindo qualquer gota de medo ou hesitação quanto à mulher que estava na minha frente, cuja amizade eu prezava. — Eu odeio…

Quando me aproximasse de Ísis, a seguraria pelos ombros, olhando no fundo de seus olhos, numa tentativa de enxergar o que estava dentro de sua alma. — Eu odeio pessoas que mentem para elas mesmas! — Era um tom frio, desagradável e completamente diferente daquilo que eu costumava ser.

Hellhounds 7 - Born to Hunt AEQEywD

A soltaria, buscando identificar suas reações para com a minha investida. Abriria os braços, em sua direção, como se a convidasse para um abraço. — Se está disposta a isso, façamos logo. Me mate! — O blefe era arriscado. Ísis era uma revolucionária e, como a maioria deles, estavam dispostos a sacrificarem suas próprias vidas em prol de sua causa. A questão é: estaria ela disposta a sacrificar a vida daqueles que ela sentia apreço? Esperaria sua atitude e, em caso de hesitação ou recusa para vir, prosseguiria. — Você não está pronta para largar aquilo que é e as coisas que acredita, ísis. Nenhum de seus irmãos hesitariam em me matar, tampouco em aproveitar a oportunidade de matar a princesa. Se você o faz, apenas deixa claro o quão diferente deles se tornou. — Abrindo um sorriso de canto de boca, transmitindo um olhar mais tenro, tentaria aquecer sua alma, tranquilizar sua mente. — E é por isso que somos amigos!

Ela poderia estar confusa, agitada e até mesmo agressiva após tê-la confrontado, mas achava necessário para lhe gerar um pensamento crítico. — Sou um Caçador de Recompensas que não está caçando uma recompensa, mesmo que ela esteja na minha frente. O fato de você ser uma revolucionária não apaga aquilo que você é. Sua causa continua nobre, e não precisa da companhia de seus irmãos para ser feita. — Esperaria que ela se pronunciasse ou acabasse saindo do ambiente, deixando que ela pensasse a respeito de tudo o que havia sido dito.

Caso houvesse um ataque por parte da mesma no momento em que lhe dei a oportunidade, deixaria que o ataque me atingisse. Não que eu estivesse pensando nas chamas da fênix me salvando de um ferimento fatal, mas eu acreditava que uma ferida profunda era um preço pequeno a pagar pela dissipação de sua fúria. Mas, caso isso viesse de fato a acontecer, a seguraria em um abraço novamente, rangendo os dentes pelo cenário que havíamos chegado. — Entendo… Peço desculpas, Ísis-kun. — Com o punho em suas costas, como se estivesse me apoiando após o golpe, faria com que a água de seu corpo fosse drenada até a palma de minha mão, lhe causando náuseas pela desidratação na medida em que minhas asas flamejantes surgiriam em minhas em uma explosão de labaredas. A seguraria pela nuca, girando meu corpo para arremessá-la por cima de meu ombro, impulsionando-a contra a parede mais próxima num potente golpe.


  • Posts: 4
  • Ganhos:
  • Perdas:
  • Alterações:
  • Contagem Caçador: B$ 845.500.000 - Rank B
  • Players/NPCs:
  • Localização: Alabasta - 7ª Rota - Grand Line



PDV: 103.380/103.380
STA: 2.400/2.400
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N/A

Força: 1710 +80 +480 +1500 +1440 +450 [Shigan] = 5.660 [Extravagante]
Destreza: 1360 +1500 = 2.860 [Perito]
Acerto: 3900 +80 +480 +1200 +1260 Jujutsu = 6.920 [Magnífico]
Reflexo: 188 +480 +1200 +1260 Jujutsu +450 [Kami-e] = 3.578 [Perito]
Constituição: 1460 +80 = 1.540 [Talentoso]

Agilidade: 5294 +450 [Soru/Geppou]
Oportunidade de Ataque: 3
Armadura: 0 +1500 +450 [Tekkai] +10% Força [Jujutsu]
Penetração: 0 +1500

Formas Zoans:

Qualidades:

Defeitos:

Primeiros SocorrosVocê sabe tratar ferimentos externos, de gravidade simples ou moderada, além de ser capaz de ministrar o tratamento inicial de qualquer tipo de ferimento. A proficiência primeiros socorros contempla ações como: parar sangramentos, fazer curativos, mitigar danos e similares.

CirurgiaVocê é capaz de tratar ferimentos graves e internos, desde que esteja em posse dos instrumentos apropriados.

AnatomiaVocê conhece o funcionamento e estrutura do corpo dos humanóides, sabendo identificar órgãos, artérias, veias, músculos e todo o resto.

DiagnoseVocê conhece diversas doenças, sabendo identificar seus sintomas e quadro de evolução, além disso, sabe ministrar os tratamentos para frear ou erradicar a doença, se existentes.

AcrobaciaVocê possui um corpo flexível e é capaz de dar saltos elaborados e piruetas, além disso, consegue equilibrar-se em várias superfícies, fazer malabarismo e sabe como amortecer suas quedas.

FarmáciaCom os instrumentos corretos, você é capaz de criar e manipular remédios, seja através de ingredientes orgânicos ou químicos..

HerbalismoVocê conhece plantas, ervas e suas propriedades. Sabe onde encontrar a planta ou erva que deseja, como cultivá-la, se elas têm propriedades venenosas, características curativas ou alucinógenas. Você pode utilizar as propriedades in natura das plantas e ervas que encontrar, mas essa proficiência não permite a manipulação das mesmas.

ToxicologiaVocê conhece e sabe identificar diversos venenos, sejam eles orgânicos ou não. Além disso, é capaz de produzir venenos, com os materiais e matéria prima necessários. Essa proficiência também contempla a criação de antídotos.

HipnoseAtravés de sugestões mentais, você pode tentar manipular o comportamento de um indivíduo.

FísicaVocê conhece a natureza e as suas leis, sendo capaz de realizar cálculos para prever fenômenos.

DançaVocê conhece diversos estilos de dança e é capaz de executá-los com maestria.


Profissão:
MédicoOs médicos são especialistas em saúde humana e/ou animal, sabendo preservar a saúde de seus companheiros e sendo capaz de tratar os mais diversos ferimentos.

Bônus: Jogadores médicos são extremos conhecedores do corpo humano, assim sendo, são capazes de aplicar e encerrar condições por meio de tratamentos, criações e técnicas, além disso, podem tratar qualquer ferimento.


Médico de GuerraBônus: Ao estar sob os cuidados de um Médico de Guerra em meio a uma urgência, o jogador poderá receber um tratamento extremamente veloz (mas não necessariamente o ideal) para solucionar o problema que está enfrentando naquele instante. Entretanto, a solução é ilusória, gerando uma espécie de Pontos de Vida Temporários (narrativo) para que a pessoa possa procurar por um tratamento melhor ou finalizar um combate difícil de lidar. Além disso, remédios produzidos pelo Médico de Guerra são capazes de garantir efeitos bônus em capacidades físicas em uma maior duração durante um combate.


Arma: BubblesArma: Bubbles
Descrição: Um par de manoplas cuidadosamente forjado para garantir uma boa proteção, com a base de tungstênio puro, mostra-se extremamente resistente ao calor, seu design parece carregar consigo alguma característica hidrodinâmica, sendo pensada para um tritão usar.
Tipo da Arma: Manopla
Qualidade: Forjada
Durabilidade: Alta
Dano: 1000
Estado: Nova


Maleta Médica
Kit de Bandagens: Contém 26 bandagens para tratamento de feridos e 10 talas junto deles para caso haja necessidade.
Espaço no inventário: 2 por unidade
Bisturi: Extremamente afiado e fino, feito para uso cirúrgico.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Kit de Agulha Esterilizada: 10 agulhas pré esterilizadas para facilitar tratamentos rápidos, são vendidas num pacote lacrado e com invólucros as separando...
Usos: 10 usos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Álcool: Uma garrafa de 2l de álcool para fins diversos.
Usos: 18 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Estetoscópio: Um instrumento usado por médicos para ouvir as batidas do coração entre outros barulhos internos.
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Medidor de Pressão: Um medidor de pressão arterial para fins médicos.
Espaço no inventário: 1 por unidade
Remédios: Remédios de uso comum, antigripal, antiinflamatório, remédio para tosse e Soro fisiológico.
Usos: 5 usos. (um uso para cada um)
Espaço no inventário: 0.5 por unidade.
Sedativos: Aqui se encontram sedativos, como morfina e afins. Especifique qual o sedativo na hora da compra. (Morfina)
Usos: 4 usos
Espaço no inventário: 0.5 por unidade
Matéria Prima para Criação de Remédios:
Itens diversos para a produção de fármacos.
Usos: 9 usos.
Espaço no inventário: 1 por unidade


Insígnia da PurezaDescrição: Essa insígnia emana um brilho colorido, como uma espécie de aura que envolve o portador. A aura pode assumir qualquer cor que o usuário escolher. Porém, é apenas visual, não sendo capaz de causar condições ao utilizar disso.


Den Den Mushi BebêDescrição: Diferentemente do Regular, esses são usados pela sua portabilidade, é normal levar eles tranquilamente na mochila, o que ajuda a se comunicar com pessoas da mesma ilha que estejam longe de você, mas seu alcance não vai além de uma mesma ilha.


Water DialDescrição: São dials capazes de armazenar e liberar água, eles conseguem guardar um total de até 20l dentro deles de forma compactada, podendo liberar de forma controlada, ou pressurizada, dependendo do usuário. Ao ser usado para combate para disparos pressurizados, a água pode ir até 10m a frente, tendo 10 usos até a necessidade de recarga.


Enciclopédia Akuma no MiDescrição: O livro que contém o nome de todas as akumas conhecidas. O livro possui uma breve descrição de cada uma das akumas sem se aprofundar em suas capacidades ou fraquezas mas explicando o básico delas. Dessa forma um jogador com esse livro pode ver o código de sua akuma antes de comer ela, já sabendo das capacidades.


Roupas Típicas de AlabastaDescrição: Roupas Típicas de Alabasta, um turbante de cor azul claro e trajes confortáveis e folgados (calça, camisa de manga na cor branca e um lenço preso na cintura na cor azul). Todas bem resistentes, costuradas e aptas a vagar pelo deserto.



_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt V8upj2D

Hellhounds 7 - Born to Hunt YDNzcDa
Às
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt BcOqz4N
Créditos :
21
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t271-as-e-volkerball#780 https://www.allbluerpg.com/t742-sharp-teeth-and-hard-fists
Às
Designer
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Qui Jan 19, 2023 11:47 pm



»» Born to Hunt ««

- Às Volkerbäll -


♠


Está sim, de fato. Com os novos aprimoramentos que Sam realizou em mim, as sensações de temperatura estão melhor ajustadas. - comentava para com Rango, após Nep sair do quarto em busca de sua mãe, a rainha. - No entanto, para o que vamos enfrentar, eu preciso de uma roupa que não atrapalhe minha mobilidade, nem mesmo o bom funcionamento dos meus mecanismos. - complementava em um meio sorriso tímido, enquanto terminava de vestir-me com as roupas comuns. Fato era que após a resposta, não podia deixar de pensar no que a mulher havia me dito e em como não tive reação alguma para respondê-la naquele momento específico, embora agora pudesse compreender bem o imenso receio que a rainha possuía em contar aquela verdade ao alcance dos ouvidos alheios. - É óbvio que não sairia perfeito… - sussurrava, a uma altura que Rango pudesse me ouvir. - …matar uma criança? Minha mãe nunca teria feito isso. - dizia, especialmente por saber que havia sido adotada quando Elsa havia saído de Alabasta.

Eu conheço bem a pessoa que me criou, sei que certa vez ela já lutou por vingança, mas nunca coloquei gente inocente em perigo e muito menos se sujeitaria a algo assim. Mesmo que soubesse das consequências que sua decisão traria. - continuava a comentar com o coiote, respirando profundamente quando passava a imaginar quem era tal pessoa. - Se a criança que ela se recusou a matar está viva e está sendo o principal causador desse mal em Alabasta, então de fato, estamos no lugar e momento certo. - encarava-o com um olhar tenaz e convicto, caminhando até a porta mas não antes de tocar-lhe o ombro. - Vamos, temos uma reunião para participar. - diria com um ar de confiança, saindo do quarto rumo a sala. - Mas já lhe aviso, existe uma grande possibilidade das coisas saírem de controle rapidamente, a partir de agora. - balbuciava entre passos lentos e tranquilos, não gastando muito esforço na caminhada e muito menos em evitar possíveis olhares tortos.

Desceria as escadas, seguindo o corredor a direita rumo a grande porta descrita por Nep. Se fosse parada no caminho por algum guarda, apenas comentaria. - Só estamos seguindo nosso rumo, beleza? Convidados da realeza lembra? - não diria com um ar de deboche, apenas seria sincera embora torcesse para que ninguém tentasse testar minha paciência ou boa vontade. Se chegasse sem grandes problemas à sala de reunião, me dirigiria até a Rainha e Galahad sem rodeios. - Desculpe a demora, mas soubemos de problemas internos, então decidimos resolvê-los primeiro antes de virmos até vocês. - não era exatamente uma mentira, apenas uma verdade transformada para que não chamasse atenção de ouvidos curiosos. - Eu já sei do passado, agora quero entender o que está acontecendo, exatamente. - frisaria a última palavra, dando a rainha e ao seu principal guardião a palavra para a ocasião, enquanto atentamente permaneceria alerta com os arredores.















Histórico:






_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt Z0zQdpF

Hellhounds 7 - Born to Hunt ZaT0xpq
Jean Fraga
Imagem :
Hellhounds 7 - Born to Hunt 0eae7937a59e215aa08ddd3aa5edc78b
Créditos :
11
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2452-ellie#27532 https://www.allbluerpg.com/t2453-i-edgerunners#27537
Re: Hellhounds 7 - Born to Hunt Qui Jan 26, 2023 2:52 am


Shimizu D. Akira

Isis congelava quando sentia as mãos de Shimizu em seus ombros, ela até pensava em se afastar, mas era presa pelo olhar penetrante de Akira. Somente desviando quando era descoberta na mentira, então sendo solta ela dava três passos para trás, apoiando-se com as costas contra a sacada do prédio.

Seus olhos se arregalavam quando ele abria a guarda, algo nunca antes esperado pela garota, suas mãos tremulavam quando ela sacava uma faca de seu bolso, então soltando-a contra o chão conforme o canto de seus olhos enchiam de lagrimas.

A-Amigos? — Suas bochechas rosavam conforme limpava as pequenas lagrimas que escorriam pelo seu rosto — Eu posso não concordar com eles e isso você sabe muito bem... por mais que eles não se importem comigo e como você disse, facilmente me matariam...

Eu ainda não sou como eles... eu não conseguiria matar nenhum dos dois, nem mesmo se fosse a única oportunidade — Apertava os punhos com força — Talvez eu tenha medo da minha fraqueza e por isso, acabe cogitando ficar a mercê do que eles desejam... — Se aproximando e sem tocar em Akira, ela passava pelo seu lado — Obrigada, eu tenho uma noção de como seu útil nessa guerra... eu preciso ir e imagino que você tenha uma reunião.

Até logo amigo, vou ver se volto com informações uteis... e não com linhas e mais linhas de desabafo... desculpa fazer você perder seu tempo dessa forma — Entrando nas sombras, ela sumia e sua presença ainda que sentida por Akira, ia se diminuindo conforme ela se distanciava.

Akira podia decidir para onde seguiria, mas era com uma presença maldosa surgindo que um arrepio subia da lombar até sua nuca, algo não estava certo, mas antes mesmo que pudesse ter certeza de qual direção vinha, a sensação se espalhava no ambiente, como se tudo a sua volta estivesse carregado de uma aura maligna, então num piscar de olhos, tudo voltava ao normal.

Às E. Volkerbäll

Rango mantinha-se em silencio, dessa forma acompanhando o raciocínio de Volkerbäll, uma linha de pensamento que ia fazendo mais sentido a cada minuto pensado.

Dizem que não existe coincidências...  — O coite sorria, fechando os olhos e finalizando o que pensava após tudo — Mas se estamos aqui... no fim vamos finalizar o trabalho de sua mãe

Era sentindo o toque sobre o ombro que Rango se inclinava para a frente desencostando-se da parede — Fica o questionamento, Às... O que você teria feito no lugar da sua mãe? — Acendendo um cigarro, ele seguia a moça, sempre ficando atrás dela durante a caminhada.

Os soldados já sabiam da presença dos dois e por isso, não faziam nada, eles continuavam seu caminho sem maiores problemas, finalmente passando pelas portas que ainda que grandes, eram bem leves, uma madeira de aparência resistente mas de peso baixo.

Sua falta de etiqueta em frente a uma rainha espantava alguns guardas que até cogitavam se aproximar, mas logo Galahand com um gesto os fazia parar, eles voltavam a suas posições.

Seu rosto se fechava ao ouvir a fala final, já não havendo mais nada a esconder, ela relaxava os ombros, então começando a falar — Vamos reunir nossas tropas nas próximas horas e iremos atacar ao meio dia! Momento ideal para pega-los de surpresa, afinal, todo mundo espera ser atacado pela noite, mas jamais na hora do almoço.

O major já está inspecionando o ambiente do ataque e por enquanto, cabe a nós se prepararmos para a guerra que está por vir — Em olhar para Às e Rango ela passava outra mensagem, como se tentasse os relembrar que tudo aquilo não passava de um encenação.

No ambiente tudo parecia normal até que uma presença assassina aumentava em um dos cantos escuros da sala, um canto sem pontos de iluminação e que ficava na diagonal direita da rainha, lado contrario ao qual Galahand estava.


Histórico Akira:
Histórico Às:

_________________

Hellhounds 7 - Born to Hunt YQAIlvY