All Blue RPG

Um RPG narrativo baseado no universo de One Piece, obra criada por Eiichiro Oda.
 
InícioCalendárioFAQProcurarMembrosGruposRegistarEntrar
Últimos assuntos
» [Narrada/Fechada] 1 - Vozes
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Ryanletony Sáb Abr 20, 2024 11:15 pm

» [Narrada/Fechada] Força x Magnética
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Shiro Sáb Abr 20, 2024 12:33 pm

» [Narrada/Fechada] Sigam as Borboletas
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Wesker Sex Abr 19, 2024 7:42 pm

» Zulkras
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Takamoto Lisandro Ter Abr 16, 2024 1:40 pm

» [TUTORIAL] - MAURICE
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Maurice Seg Abr 15, 2024 12:06 am

» [Narrada/Aberta] Lia, a Guerreira do Mar
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor mestrej Sáb Abr 13, 2024 6:07 pm

» Cap 1 ~ Piratas Indomáveis em Sabaody
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Blind1 Ter Abr 09, 2024 7:00 pm

» [TUTORIAL] - Erj Euclid
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Erj Euclid Ter Abr 09, 2024 3:28 pm

» [Autonarrada/Fechada] - A Duke's Return and a Queen's Will.
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Kenshin Sex Abr 05, 2024 11:58 pm

» RP Player - Ficha Yang (Douglas)
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Takamoto Lisandro Sex Abr 05, 2024 8:44 pm

» Crie sua Forma Zoan
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Jonas Hatake 007 Sex Abr 05, 2024 7:38 am

» [FICHA] - Kuro Dragunov
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor OverLord Qua Abr 03, 2024 9:08 pm

» Mr.Joy
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor gmasterX Qua Abr 03, 2024 2:46 pm

» [Ficha NPC Companheiro] Meghan Strongbody
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Tanaka Qua Abr 03, 2024 12:10 pm

» Registro de Photoplayer
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:50 am

» [FICHA] Meera
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:45 am

» Meera
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:45 am

» [FP] - Ajaw "Jack" K'iin
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:12 am

» [Narrada/Aberta] Mei Homi, Mei Fera. Revo Total
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor Sagashi Ter Abr 02, 2024 9:51 pm

» Claire Allim Rac
II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Emptypor King Ter Abr 02, 2024 6:21 pm


------------
- NOSSO BANNER-

------------


 

 II - Today, We continue our lives together under the same roof

Ir para baixo 
4 participantes
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
AutorMensagem
Achiles
Pirata
Achiles


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 U5pAFvq
Créditos : 12
Localização : Farol - Grand Line

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQua Abr 27, 2022 12:08 pm

Relembrando a primeira mensagem :

II - Today, We continue our lives together under the same roof

Aqui ocorrerá a aventura das Marinheiras Rael Kronin & Luciferanna Von Brilliant. A qual não possui narrador definido.
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2432-i-a-gata-solitaria-e-o-robo-rabudo#27937

AutorMensagem
Shiori

Shiori


Créditos : 93

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptySáb Jul 16, 2022 3:56 am




As duas iam aos poucos vendo suas novas companheiras, que de alguma forma, pareciam ser bem interessantes ao seu modo, mas a que rapidamente chamou atenção de Rael era nossa fofa raposinha, que claro, tinha ali seu charme completo, mas não era só ela, é claro, por que a verdadeira vitima caiu do céu literalmente.

Ela então avançou na cauda de Myuu que recebeu o carinho, soltando um barulho parecendo um ronronado, então ela abraçou o rosto de Rael colocando encostado no peito dela e esfregando o rosto no dela. -Garchu!!- era um cumprimento em Zou aquilo que ela fez, o que era certamente algo de total lugar comum para nossa pequenina, mas talvez fosse algo que a nossa marinheira do espadão estranhasse.

Enquanto isso Luci avisava a raposinha mais tímida da uvinha presa na garra que ela rapidamente levava a garrinha a boca e mastigava, arregalando os olhos quando percebeu e fazendo um movimento e cabeça em agradecimento depois sentou-se na cama, e ficou agarradinha com a cauda, olhando para elas de forma curiosa, mas ainda tímida no seu canto, talvez ela tivesse realmente que se acostumar mais as mocinhas já que tinham acabado e se conhecer.

Então a de pelos brancos ia explicando pra Rael do que se tratava o lugar que elas vinham, de modo a deixar bem simples pra todas ali.-A gente vem de Zou!! É uma ilha beeeeeeeem longe daqui eu cresci lá, mas minha irmã ficou pouco tempo comigo lá, ela teve que vir cedo pra ajudar minha mãe, eu fiquei com meu pai até vir pra cá. - explicou ela mais ou menos por cima de onde elas vinham, apesar de citar o nome da ilha a localização não era lá muito precisa exceto que era bem distante, tão tão distante.

Ela apenas informava mais uma coisinha sobre a terra que era o fato de existirem muitos como elas duas por lá.-Lá todo mundo é peludo igual a gente, achei até estranho quando vim pra cá e descobri que tinham minks sem pelo.- disse como uma curiosidade pessoal dela sobre sua visão de mundo, afinal ela esteve numa bolha formada por minks por muito tempo.

E nesse momento Luci puxou a camisola, aquela camisola que não cobria muita coisa, naquele momento de todas as pessoas que poderiam ver, a moça que realmente notou aquilo foi a moça do pistolão que colou do lado dela quase que de forma instantânea, onde ela logo disse.-Ara Ara... Luci-chan, parece que alguém veio preparada pra uma bela noite por aqui em?- disse em um tom bastante provocativo, parecia que aquilo tinha ativado quase um gatilho na moça.

Histórico:

Legenda:


_________________

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 TdL7Dnm

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Cu3VnKr
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Garota Cavalo

Garota Cavalo


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Obxh0ww
Créditos : 20
Localização : Rota 3 - Grand Line

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyTer Jul 19, 2022 5:53 pm

Ken no Yuusha



Ga-ga-gar-garchu?! O que isso quer dizer? — Embora fosse eu que tivesse dado o bote de predadora, era a pequena Myyu que me dava um golpe surpresa e fatal. Como esperado seu pelo era macio e fofinho, potencializado pelo gesto de se alisar em meu rosto. Que pensamento tolo aquele do casaco de pele, eu conheço essas duas há poucos minutos mas se algo acontecer com elas eu mataria todos neste navio e depois eu mesma!


Entendo entendo, é um ótimo cumprimento de fato — Comentaria caso me fosse explicado o que costume é esse, quase que imediatamente cruzando o quarto e fazendo com Lucy o mesmo que a pequena raposa tinha feito comigo — Garchu!!! — Soltava ela gargalhando enquanto considerava seriamente em adotar o cumprimento.


Mas mink sem pelo… Gishishishi… que conceito interessante. Parece legal esse lugar, Zou — Tentava imaginar uma ilha inteira de meninas-bichinho fazendo esse tal Garchu e era melhor parar antes que minha mente entrasse em colapso.


O comentário de Lucy me deixava um pouco confusa, cocei a cabeça tentando lembrar o que poderia ter surpreendido a Loira em meio as nossas coisas — Aah! Não é exatamente pra mim — Expliquei — O que você me disse no outro dia me fez pensar um pouco no assunto, daí vou usar com um chicote mais tarde.


Talvez fosse mesmo uma surpresa eu estar carregando um creminho hidratante depois de não ter demonstrado muito interesse antes, mas uma reação dessas? Eu não imaginava que a Lucy gostasse tanto dessas coisas.


Você pode usar também quando quiser, eu não me incomodo. Aliás, não é melhor a gente ir indo? — Concluía enquanto apontava com o polegar para a porta — Eu não quero estressar mais a Tenente do que hoje mais cedo, ela deve estar bem tensa com essa coisa toda de por a tripulação em risco.
Ir para o topo Ir para baixo
Scylla
Soldado
Scylla


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 RE4wkxu
Créditos : 05
Localização : Las Camp

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyTer Jul 19, 2022 7:27 pm

Twin Souls




Vendo Myuu e Rael se entendendo fazia um sorriso todo bobinho surgir no meu rosto, era bem reconfortante sentir a atmosfera amigável no quarto, apesar de eu ficar com um pouquinho de inveja, a pequena raposa parecia ser feita de pelúcia bem fofa, isso me deixava com vontade de apertá-la também.


Então a situação tomava um rumo que eu não previa, de algum jeito a pequena raposinha parecia ganhar a dominância ali, me fazendo pensar que poderia haver algum tipo de truque por trás daquele cumprimento. Foi quando ela veio se aproximando com os braços abertos e dei por mim eu já estava sendo afagada. — Pyoon… — Soltava um gemidinho bem peculiar totalmente no instinto, era um ataque muito poderoso e antes que eu pudesse pensar em resistir fui completamente derrotada pelo gesto de afeto. — Gaar..chuuu. — Respondia suspirando bem relaxada e com os olhos fechadinhos começava a esfregar a bochecha em Rael pedindo por mais carinho, sem muito pensar eu acabava retribuindo o abraço e fazendo cafuné nos cabelos azulados da marinheira.


A repentina aparição da loira quase me fazia dar um pulinho de susto, a surpresa foi tanta a ponto de interromper meus soluços. — Irrk!  Pistoluda! Digo, Mary, não, na verdade esse babydoll não é meu. — Um tanto desconcertada tentava me justificar gaguejando um pouco enquanto formulava as frases na cabeça. — Mas não posso negar que é bem estimulante, se fosse branquinho eu até ficaria com vontade de experimentar. —  De fato eu era obrigada a admitir que o corte da peça era muito bonito, mas ainda não atendia minhas preferências. — E também eu só posso aproveitar as manhãs… E faz um bom tempo desde a última diversão matinal. — Dizia em meio a resmungos e suspiros enquanto abraçava a barriga e com a mão do do braço livre apoiava a lateral do queixo na palma, minha imaginação se perdia um pouquinho nas palavras da moça do pistolão, meu olhar distante da loira me fazia permanecer imóvel com as bochechinhas levemente avermelhadas.


Eu esperava que a justificativa de Rael fosse esclarecer minhas dúvidas porém causava o exato oposto, como assim, uma conversa poderia ter feito ela comprar esse tipo de pijama, talvez tenha sido a minha outra versão, porém ainda assim era difícil acreditar, e a camisola nem era o pior. — Chi..Chicote? — Minha voz falhava por um instante, nesta hora automaticamente comecei a imaginar uma visão. "Luucy! Você vem se comportando como uma menina muito má." Rael trajava o babydoll e com um chicote ameaçava me disciplinar. — Waaa! Não, não! — Agitava freneticamente a cabeça em negação tentando deletar a imagem da Rael Dominatrix, era uma ideia muito perigosa para deixar fluir. — Com certeza aconteceu algum mal entendido aqui. — Dizia ofegante com a respiração quente e o coração batendo acelerado. Sim, tinha de ser um equívoco, não há possibilidade de uma pessoa tão ingênua ter esse tipo de comportamento… Eu acho.


Sem muita força nos joelhos eu acabava soltando o peso do corpo caindo sentada no beliche. — Vamos. — Concordava em deixar o quarto afinal uma Tenente irritada pode ser um risco a vida. — Acho que eu vou precisar de outra dose daquelas mãos firmes me massageando. — Suspirava retomando um pouco de ar antes de me levantar. Eu ainda tinha interesse em descobrir o porquê daquele pijama tão pequeno, porém no momento me falta tenacidade emocional para tentar deduzir, então apenas seguiria o grupelho para fora do quarto.



Última edição por Scylla em Qua Jul 20, 2022 9:49 pm, editado 1 vez(es)
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t1207-luciferanna-von-brilliant#11238 https://www.allbluerpg.com/t1004-a-sailor-who-enlisted-because-she-didn-t-want-to-get-married
Shiori

Shiori


Créditos : 93

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQua Jul 20, 2022 12:04 am




O Garchu era certamente uma arma poderosa, algo a se usar com cautela, ou ao menos era assim que pensava Luci ao ver aquilo sendo realizado, enquanto a nossa fofa Myuu explicava o que era aquele cumprimento. -Esse é um cumprimento comum e onde venho, as pessoas em Zou são bem receptivas e calorosas.-disse ela bastante orgulhosa do seu cumprimento naquele momento, mas a loira não ia ter apenas um susto, com certeza não, mais coisas iam acontecer com ela naquele curto espaço, o que certamente estavam tentando acabar com o coração da coitada.

Aquele garchu bem nesse momento, fez ela se perder novamente, e deixou a Rael confusa, afinal era só um cumprimento divertido e bem caloroso. E a pobre moça não ia ter paz, pois a pistoluda chegou na cola dela, a intimando sobre aquelas roupas em questão, algo que ela respondeu do seu jeitinho, na verdade seu problema era muito mais com a cor.-Oh, entendi, parece realmente uma peça de roupa bem interessante- disse ela ficando de olho na moça enquanto prestava bastante atenção no que ela ia fazendo naquele momento.

E era agora que o papo do chicote entrava em cena, algo completamente fora dos domínios do que a pequena Luci podia conceber. A força de seu pensamento ia longe, criando uma singularidade no espaço e tempo quando sua imaginação imaginava a Rael Dominatrix, uma imagem que fez sua mente quase que travar depois de ver todo esse poder em ação na sua imaginação, aquilo era muito acima do que os meros mortais poderiam ter, uma coisa como essa entrava na escala dos Deuses, e certamente um universo a parte.

E era aí que ela parava por alguns momentos se sentando, mas não demorava muito até a moça dos cabelos azuis convidar elas para se retirarem do ambiente juntas, já que tinham ainda muito trabalho a fazer, algo que todas concordavam, inclusive Luci. Todas elas iam aos poucos se organizando pegando as armas, se preparando e saindo uma a uma, então indo finalmente para o local em que a tenente se encontrava.

A ruiva não demorava para começar a delegar as funções de cada uma delas e como os turnos deveriam acontecer. -Muito bem, como é uma missão importante, irei organizar vocês com as duplas com que já tem afinidade e trabalham juntas, assim não vão precisar se adaptar a um estilo diferente de trabalho agora de última hora. Então vocês já sabem suas duplas.- então ela falava agora as regiões de proteção e patrulha que teriam de fazer.

Estabelecendo como iriam se organizar através desse tempo, explicando onde cada uma teria de marcar sua vigília e trocar com o outro.-Rael e Luci vocês cuidam do convez, e os arredores, vocês alternarão em turnos de quatro horas com Myyu e Kyuu que vão substituir vocês quando pararem pra descansar. Erika e Mary, vocês ficam na Proa e Popa, fazendo rondas ativas nessa região. E serão substituídas por Aren e Shimizu, enquanto Georgious e Tarkus ficam no interior do barco, e eu substituirei junto de Michael.- ela explicou as posições para que todos soubessem onde o outro estava e pudessem buscar ajuda se precisassem eventualmente.

Histórico:

Legenda:


_________________

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 TdL7Dnm

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Cu3VnKr
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Garota Cavalo

Garota Cavalo


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Obxh0ww
Créditos : 20
Localização : Rota 3 - Grand Line

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQua Jul 20, 2022 9:39 pm

Ken no Yuusha



Olhava com preocupação para a loira, parecia um tanto abalada — Ei Lucy, tá tudo bem? Você tá meio pálida, é enjôo marítimo? — Perguntei no caminho de volta para o convés — Se não estiver se sentindo bem talvez seja melhor descansar no quarto, eu falo com a Tenente.


Não parecia ser o caso, apesar de ser um pouco difícil ignorar sua aparência exausta, talvez fosse nervosismo ou uma noite de sono ruim — Okay, mas me avise se precisar de algo.

[...]


As instruções da Tenente eram simples o suficiente, na verdade a missão até então não parecia ser muito diferente da vigília na mansão, o que me deixava um tanto contente visto que a minha ideia anterior de turnos parece ser o método correto utilizado até mesmo por alguém mais experiente.


Entendido! — Confirmava minha compreensão das ordens com uma continência e pronta para tomar meu posto. Enquanto a Tenente delegava as funções, eu tentava gravar os nomes dos rapazes que ainda não conhecia, tendo eles divididos em duplas, a chance de acertar um nome agora é de pelo menos 50%!


Apanhava o binóculo fornecido para a vigia enquanto me reunia brevemente com minha dupla — Eu acho que é pra cada uma olhar um lado? — Olhava pra ambas as laterais do navio, e estando cercada por água de todos os lados… — Errr, eu acho que tanto faz quem vigia qual né?


Tomava posição no lado esquerdo da embarcação e começava a vigiar periodicamente com os binóculos à procura de alguma coisa no horizonte — Eu espio com meus olhinhos… água… A gente era pra ser a isca né? Será que tem outro barco da Marinha logo atrás? — Esticava o pescoço tentando observar com o binóculo se tinha outra embarcação nos seguindo.


Luuucy! — Falava alto pra que a loira escutasse do outro lado do convés — É pra avisar qualquer barco que eu ver ou só os que tiverem bandeira preta? [...] Tá bem, se eu ver qualquer coisa eu te aviso primeiro.


Última edição por Garota Cavalo em Qui Jul 21, 2022 5:12 am, editado 1 vez(es) (Motivo da edição : "Portugrês")
Ir para o topo Ir para baixo
Scylla
Soldado
Scylla


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 RE4wkxu
Créditos : 05
Localização : Las Camp

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQui Jul 21, 2022 4:40 am

Twin Souls




Me dava um apertozinho no peito ver o quão Rael ficava preocupada comigo. — Tá tudo bem, só precisava tomar um pouco de ar, acho que toda a agitação desde que a gente acordou me deixou bem quente. — Tentava disfarçar coçando a bochecha com a do dedo indicador. De certa forma era reconfortante ver que a marinheira do espadão ainda continuava com a mesma doçura e inocência de sempre, e sem dúvida alguma a versão dominadora deveria ficar muito bem guardada dentro da minha imaginação, preferia arriscar um ataque cardíaco no auge da juventude.


Conforme a Tenente delegava as funções eu acabava deixando um discreto sorriso transparecer em meu semblante, a função era simples, patrulhar, não quer dizer que seria fácil, mas também não exigiria muito esforço físico e mental. Quando a ruiva dizia que as duplas foram selecionadas pela afinidade, eu direcionava meu olhar para Rael exibindo um grande com os dentinhos à mostra, o Time Coelhinho seguia unido.


Com a Tenente terminando o pronunciamento eu dava um passo lateral na direção de Mary querendo encurtar a distância entre nós. — Conto com você para cuidar da retaguarda. — Comentava baixinho num ar divertido, ao mesmo tempo a observava com olhos interessados, seguido do sorriso provocativo. Assim prosseguia girando o corpo em torno do próprio eixo e começava a caminhar me afastando da senhorita pistoluda, afinal o convés não iria se patrulhar sozinho.


Parando na frente de Rael minhas orbes esverdeada se estreitavam como se sorrisse con o olhar. — Eu não poderia ter uma parceira melhor kaskaskas. — Brincava com as palavras antes de ouvir o que minha dupla tinha a dizer. — Vigiar ambos os lados da embarcação deve ser o ideal, também tava pensando se não é possível ficarmos em algum lugar mais alto e enxergar tudo de cima. — Durante a sugestão eu aproveitava para observar o terreno da embarcação procurando por alguma estrutura elevada na parte externa convés, mas claro que para isso o local precisaria ter uma visão livre de obstáculos como mastros e velas, além de possuir um acesso relativamente fácil, afinal eventualmente precisaríamos descer para checar o interior do convés.


E como Rael optava pelo lado esquerdo da embarcação eu prosseguia até o lado oposto, e havendo um local alto que me permitisse ter ampla visão do oceano eu tentaria subir até o topo da superfície, talvez precisasse utilizar algum outro objeto para me impulsionar, por exemplo as cordas presas na vela, onde caminharia como se estivesse numa corda bomba equilibrando meu peso igualmente em ambos lados do corpo, ou então então puxando um pouco a corda em minha direção afim de gerar impulso suficiente para conseguir saltar até a superfície desejada. Mas caso não houvesse uma estrutura alta que atendesse minhas exigências iria me contentar em observar da parte mais baixa, caminhando próximo a margem externa da lateral esquerda do navio e observando o mar com o auxílio dos binóculos.


Caso escutasse o grito de Rael clamando por mim. — Tsc! Mas já? – Não queria acreditar que a patrulha mal havia começado e estávamos sobre ameaça, mas nem me atrevia esperar por alguma confirmação, escutar meu nome aos gritos era motivo suficiente para me fazer sair correndo que nem louca até a origem do som. Quando alcançasse Rael imediatamente começaria a olhar para todos os cantos no horizonte esperando encontrar algum navio pirata. — Arrrfff… Você me assustou. — Felizmente minha parceira só queria confirmar alguns detalhes do trabalho, a corrida não teria me cansado mas o alívio me fazia cursar o corpo apoiando as mãos nos joelhos agora que a adrenalina diminuía.


Antes de responder coçava brevementea lateral da cabeça estando bem pensativa. — Acredito que um navio com bandeira preta seja motivo mais do que suficiente para soarmos o apito, assim como qualquer outra embarcação que esteja se locomovendo em nossa direção, pensando que no pior dos casos pode ser um navio sequestrado por piratas. — Não que eu seja uma exímia conhecedora sobre o mundo da pirataria, mas experiências do passado me faziam crer que os piratas podem ser bem ardilosos e traiçoeiros. Essa foi a parte fácil de responder.


Entretanto Rael fazia outro levantamento bem pertinente para o sucesso da missão. — Na verdade, a Tenente não mencionou de onde o outro navio vem, ele pode ter partido de alguma ilha sem ser Las Camp, nesse caso acredito que devemos relatar pessoalmente a ela sobre qualquer embarcação que avistamos, mas sem soar o apito, para não causar tumulto desnecessário aos civis. — O comentário era mais uma sugestão do que qualquer outro coisa, afinal minhas ideias possuíam pontos fortes e fracos, tudo acabava dependendo situação, então a opinião de Rael era muito bem vinda.

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t1207-luciferanna-von-brilliant#11238 https://www.allbluerpg.com/t1004-a-sailor-who-enlisted-because-she-didn-t-want-to-get-married
Shiori

Shiori


Créditos : 93

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptySáb Jul 23, 2022 10:02 pm




As duas moças estavam naquele momento vigiando as calmas ondas, o mar parecia certamente apenas mais um ambiente pacifico, nada vinha nas laterais, a correnteza estava tão calma por enquanto que o barco mal balançava, e além disso, mesmo no convés tinha pouca movimentação, poucas vezes eles viam alguma pessoa por ali, já que o barco só parecia ter alguns funcionários.

Elas discutiam ali como tomar alguma atitude, e sim, elas tinham de vigiar tudo, e nessa hora que a loira procurava, o local mais alto disponível, vendo que ali perto ficava o caralho, uma zona que normalmente não gostavam de ficar por ser um local que balança muito, mas também é bom para checar corretamente o que está se aproximando.

E aí ficava a dúvida, será que a loira iria subir no caralho? De qualquer forma, aquela primeira vigília delas se passava duas horas, sem muito acontecer e então as duas minks fofuxas chegavam no lugar, ambas começavam a se mover bem devagarinho, e enquanto Myyu se espreguiçava, Kyuu estava mais seria e pronta pra o que estava por vir.

Então quando chegava perto das duas ali ela começava dizendo. -Bom dia, eu tirei um bom cochilo, preciso dormir muito, pra me manter bem hihi é a hora de almoço, depois vão na cozinha, vamos assumir um tempo aqui.- disse ela se preparando pra assumir o posto de vigia, pegando o binóculos, que era bem grande.

Ela escalava com gigante facilidade o convés, quase como se tivesse apenas caminhando numa superfície plana, ficando na parte de cima sentada colocando os binóculos, a raposinha fazia o mesmo ficando de costas pra ela e olhando pro outro lado. Se as duas seguissem para a cozinha encontrariam a comida que tinha lá para o almoço, era uma macarronada feita com carne moída e bastante queijo.

Suco de abacaxi com hortelã, e pra sobremesa tinha um sorvete de chocolate, que poderiam aproveitar após a refeição. O ambiente era como elas já haviam visto antes, com a diferença que agora tinham algumas pessoas na região da cozinha de onde vinha o bom cheiro. Era o momento certo para reabastecerem suas forças nesse tempo.

Histórico:

Legenda:


_________________

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 TdL7Dnm

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Cu3VnKr
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Scylla
Soldado
Scylla


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 RE4wkxu
Créditos : 05
Localização : Las Camp

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptySeg Jul 25, 2022 10:51 pm

Twin Souls




De baixo para cima eu dava uma bela olhada no mastro mais alto do navio, boquiaberta um sorriso satisfatório se formou em meus lábios tendo encontrado o que eu tanto buscava. — Tão grande, e tão encorpado, sem dúvidas esse é um caralho capaz de me aguentar no topo. — Meus olhos esverdeados tinham um brilho contente enquanto eram fixados no pico. Tudo bem que ficar em cima do caralho por muito tempo eventualmente poderia ser desconfortável, mas subir até a parte mais alta era um exercício que eu fazia com muito apreço. — Você vem? — Perguntava a Rael se ela me faria companhia na escalada, pois os privilégios de galgar naquele mastro eram bem tentadores.


Tendo chegado ao topo. — Woou! É mais difícil do que eu pensava. — O constante balançar do caralho me deixava com as pernas bambas, por instinto eu me agarrava com força no pilar envolvendo um dos braços ao seu redor. — Acho que tô pegando o jeito. — Depois de um tempo em cima do caralho eu conseguiria me acostumar ao ritmo dos movimentos a ponto de manter o equilíbrio sem tanta dificuldade, e a recompensa fazia todo o esforço valer a pena, a visão de cima era realmente incrível, dava para enxergar todo o convés e toda a imensidão do oceano.


Com o passar do tempo. Eu vejo com meus olhinhos… Hmm… — Toda a calmaria me fazia relaxar e sem perceber eu começava a inventar brincadeiras para passar o tempo. — Muitas ondas no mar azulzinho… Urff… — Apesar da monotonia eu me encontrava aliviada por nenhuma ameaça ter surgido durante as primeiras horas de viagem.


Assim num momento bem oportuno a dupla de meninas bichinho nos agraciou com sua presença, eu já estava sentindo a barriga começando a doer de fome. — TO IIIIINDO!! — Gritava de cima do mastro para ter certeza que Kyuu e Myuu me escutariam, em seguida teria descido ao encontro delas. — Ainda bem que vocês vieram, eu estava mesmo precisando de uma pausa, lá em cima é muito intenso. — Dizia apontando para o topo do mastro, observar o mar não era exatamente cansativo, mas ficar muito tempo com os binóculos com todo aquele vai e vem me deixou um pouquinho enjoada.


No caminho até a cantina eu ficava arremessando o corpo de um lado para outro num ritmo divertido sem conseguir esconder o sorriso meio infantil. — Elas são tão fofinhas, com aqueles binóculos enormes a marinha podia fazer uma pelúcia em tamanho real da Myuu, seria uma propaganda muito boa. — Acenava algumas vezes em afirmação durante comentário destinado a Rael. — E um travesseiro de corpo da Kyuu… Na verdade, melhor não, certa vez me contaram que travesseiros desse tipo causaram muitos problemas… — Era melhor apenas seguir com a ideia da pelúcia mesmo.


Só de sentir o aroma da refeição minha boca se enchia de água e o estômago roncando um tantinho alto me fazendo apertar a barriga com o rosto ruborizado de vergonha. — É que o almoço de hoje parece bem gostoso… — Dizia meio encabulada tentando me justificar o fato de eu estar parecendo uma morta de fome. Como de costume começava pelo prato principal junto da bebida, porém eu não via a hora de abocanhar o precioso sorvete de chocolate, o meu desejo pelo doce só fazia crescer o que parecia deixar a sobremesa cada vez mais apetitosa. — Nhhhhhhmmm! Ele vai desmanchando na boca é delicioso. — A temperatura geladinha me arrepiava e depois vinha o sabor doce na língua, talvez o sorvete não fosse tão bom quanto o de um restaurante grã fino, mas depois daquela manhã mentalmente exaustivamente eu me sentia recompensada com uma pequena amostra do paraíso.


Sem muita pressa eu apreciava cada pedacinho daquela sobremesa, porém caso Rael tivesse comido tudo e demonstrasse querer mais sorvete. — Toma, estou satisfeita, pode ficar com minha parte. — Entregava a ela metade do meu sorvete, empunhando uma colher bem cheia da sobremesa fazendo aviãozinho. O que eu posso dizer? Apesar do sorvete ser bem docinho eu provavelmente sentiria um sabor bem amargo sabendo que Rael passava vontade.


Terminando de comer. — Devemos perguntar a Tenente sobre quais navios alertar? Acho que a gente consegue resolver isso rapidinho antes de voltar ao trabalho. — Comentava aguardando pela resposta da marinheira do espadão.


E tendo ou não ido até a Tenente nós deveríamos voltar até o convés afinal tinham duas raposinhas muito amáveis nos cobrindo. — Certo, é hora de voltar para a casa do caralho! — Cerrava os punhos convicta, afinal teria aguardado um tempo na parte baixa até o estômago fazer a digestão e eu conseguir novamente subir no grande mastro sem sofrer com náuseas intensas, mesmo que de tempo eu tempo eu precise tirar os binóculos para evitar que o enjoo piore até eu realmente me acostumar.


Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t1207-luciferanna-von-brilliant#11238 https://www.allbluerpg.com/t1004-a-sailor-who-enlisted-because-she-didn-t-want-to-get-married
Garota Cavalo

Garota Cavalo


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Obxh0ww
Créditos : 20
Localização : Rota 3 - Grand Line

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQua Jul 27, 2022 3:57 am

Ken no Yuusha



Abanava as mãos em negação com a pergunta de Lucy — Eu vou passar dessa vez — já fazia pouco mais de uma semana que eu estava em terra firme, e já até estava me esquecendo dessa sensação de balançar e piso em falso o tempo todo — Se eu tentar subir aí eu com certeza vou acabar caindo.


Observava a loira escalar o que ela chamava de caralho, palavra estranha pra se chamar o mastro, mas eu não sou de julgar. Ainda assim, não conseguia deixar e observar aquela com uma certa estranheza, com ambas as mãos na cintura enquanto deixava a vigília de lado por alguns minutos enquanto olhava para cima ouvindo todos aqueles gritos e insinuações.


Eu sinto que tem algo errado acontecendo aqui, só não sei bem dizer o que… — No fim não me restava opções senão dar de ombros e voltar à minha tarefa lá em baixo no convés mesmo.

[...]


Finalmente era a hora do almoço e troca de turnos, embora o tempo tivesse passado mais rápido do que eu imaginava, observar o mesmo horizonte por horas não era lá a atividade mais interessante, o que me faz pensar que se não forem os piratas os meus executores, acho que a Marinha pode acabar me matando de tédio nos próximos dias.


Lucy por outro lado parecia extraordinariamente feliz, me pergunto se isso seria ao fato do exercício de escalada ou talvez só a visão das meninas-bichinho era o suficiente para preencher seu coração, sinceramente, os dois casos pra mim pareciam válidos, especialmente porque eu concordava com tudo o que ela dizia no corredor, balançando a cabeça junto de um murmúrio de concordância.


É mesmo. Não teve aquele caso em Illusia de um falecido por ser sufocado com um travesseiro desses pela própria família ou algo assim? Não me lembro bem, já faz algum tempo.


E apesar do cenário não tão diferente assim, a boa comida continuava a mesma, felizmente.


Lucy Lucy, me mostra aquilo que você me disse no café da manhã — Pedia com os olhos brilhantes uma demonstração de sua teoria sobre a sétima técnica secreta, e então tentava replicar eu mesma, prendendo a respiração e comendo o mais rápido possível, o fato de ser macarrão ajudava muito. E arrogante com o meu aparente sucesso, acaba cometendo e erro de fazer o mesmo com a sobremesa.


Droga! — Batia com o punho na mesa encenando quase um choro — Eu aprendi a técnica, mas a que preço?! Já nem sinto mais o gosto de chocolate na minha boca — É claro que eu estava sendo dramática, e ver o ato de altruísmo de Lucy me pegava de surpresa — Ah! Não precisa não eu só tava brinc…


Mas como eu poderia resistir a chantagem emocional que é receber a comida direto na boca? — Ne-nesse caso não me resta escolha senão aceitar — Abocanhava a colher oferecida pela loira, deixando o sorvete derreter na língua e dessa vez apreciando o sabor — Hmmm tão bom… — comentava levando as mãos até as bochechas — Lucy, minha dívida com ti será eterna, nunca esquecerei desse ato de bondade.

[...]


A oferta de ir ver a Tenente para tirar nossas dúvidas não era uma má ideia, por outro lado quando eu paro pra pensar um pouco melhor… — Acho que encontrar outro navio em mar aberto deve ser tão ocasional que não faz mal reportar todos eles. Mas se você estiver com vontade de ir ver a Tenente Kat eu não me oponho. [...] Seu ânimo pra voltar pro turno é uma surpresa pra mim gishishishi… é tão bom assim esse… hmmm… subir lá em cima?
Ir para o topo Ir para baixo
Shiori

Shiori


Créditos : 93

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQui Jul 28, 2022 9:38 pm




A subida no caralho, era algo que a loira parecia completamente empolgada, sentindo o balanço do navio, ela ia pra frente e pra trás, subindo naquele lugar e aproveitando, enquanto Rael até perdia uns minutinhos olhando O que foi suficiente pare receber uma bala de canhão de um submarino inimigo, tankar ela no peito, dominar e mandar de Trivela na água. percebendo que bem, Luci era a Luci, talvez ela não devesse entender mesmo o que estava acontecendo.

Mas não durava muito seu tempo em cima do caralho, ela sempre era atrapalhada quando queria subir no caralho, que vida difícil. Mesmo assim ela estava muito feliz, ainda mais com a fofura das duas pequeninas que certamente iluminava o dia. –Bom almoço todos vocês- disse balançando a patinha, que era bem fofinha chacoalhando no ar enquanto as moças saiam.

De toda forma, naquele momento Luci expressava seu amor pelas fofinhas, talvez um travesseiro de corpo da Kyuu fosse uma boa, e uma pelúcia da Myyu também, com toda certeza fariam a marinha arrecadar bastante dinheiro. Enquanto isso a orelha de Myyu coçava.-Que coceirinha estranha na orelha?- falou ela nesse momento.

Mas o almoço das duas eras ainda melhores, Luci aproveitava bem, enquanto Rael aprendia a técnica secreta ao preço do seu paladar, amaldiçoando a mesa e tudo que ali estava, mas num ato de bondade e piedade, aquele momento receber a comida na boca era um ato despertava a extrema gratidão.

Um sorvete nunca seria tão gostoso quanto aquele, era o tipo de coisa, que gerava uma divida eterna na mente da moça do espadão, que se sentia muito feliz com aquilo, e de fato com razão para tal, era um momento de aproximação, em que elas se sentiam mais próximas, quase estando no mesmo mundo.

Aquela era a passagem do bastão, da grande técnica secreta pra conseguir engolir tudo, uma técnica que poucas dominavam, e aparentemente a loira era mestre, assim como a Tenente, um poder que aproximava Rael dessa grande capacidade.

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Sem_titulo

Mas com tudo isso terminado, elas haviam forrado a barriga, sobrava uns quarenta minutos livres ainda se quisessem andar um pouco pelo barco, procurar a Tenente, ou simplesmente descansarem nesse primeiro momento, o dia estava avançando devagar, e logo logo seria seu turno de novo, mas era suficiente para dispersarem um pouco da atenção.

Enquanto isso, um dos rapazes que estava de folga caminhava por ali, se aproximando das duas, era um homem loiro, alto, bem apessoado, que vendo elas, vinha se apresentar já que até agora não tinha tido tempo. -Finalmente, vi vocês em um momento que não estamos na hora do trabalho, prazer me chamo Lucius Stanford Stronggate de Delfus- disse ele jogando a capa sobre os ombros e se aproximando pousando o espadão dele na lateral e apoiando o braço.

Ele vestia uma camisa preta bonita, e usava duas manoplas de ferro, ele deveria além de espadachim saber como aplicar bons socos. E pelo seu nome devia carregar alguma casa nobre assim como a loira. Enquanto ele se aproximava dava pra sentir ele crescendo, já que ele era maior que a tenente, um verdadeiro gorila em espessura, ombros largos, corpo forte e definido, medindo dois metros e oitenta e cinco centímetros, era realmente monstruoso.

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Saber.%28Gawain%29.full.3422716

Entretanto, apesar de talvez ele ser da nobreza, não deveria ser de Illusia, já que a loira não havia escutado nenhum desses nomes antes, afinal, ela lembraria certamente de qualquer nome como esse, e de uma aparência marcante como essa. Além de tudo sua voz era bem gostosa de ouvir, era grossa, porem melódica.

Histórico:

Legenda:


_________________

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 TdL7Dnm

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Cu3VnKr
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Scylla
Soldado
Scylla


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 RE4wkxu
Créditos : 05
Localização : Las Camp

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptySex Jul 29, 2022 7:45 pm

Twin Souls




Rael pedia a demonstração, na verdade isso me pegou um pouco desprevenida porque eu não pensava que tal pedido viria tão rápido. — Hm… Macarrão não é a melhor comida para essa demonstração, mas acho que consigo. — Então eu espetava o macarrão com um garfo e girava um pouquinho, formando uma pequena bolota. — Como eu disse antes o segredo é prender a respiração e colocar até o fundo da boca, também precisa relaxar porque nas primeiras vezes pode ser desconfortável, eu aprendi essa técnica deixando a ponta da língua encostando no lábio inferior, e então vai deslizando por cima da própria língua até a garganta, assim eu acho mais fácil de encaixar sem encostar no "sininho" dentro boca para não engasgar ou ficar com vontade de tossir. — Depois da explicação eu abria a boca com a pontinha da língua para fora dos lábio assim como havia descrito. Em seguida eu virava de perfil e colocava a bolinha de macarrão na extremidadeda língua e ia empurrando o talher com a língua servindo como uma superfície de apoio até chegar no fundinho da garganta com o garfo praticamente desaparecendo dentro da minha boca, nessa hora eu fechava os olhos tendo de me concentrar em encaixar direitinho o conteúdo até o fundo da boca.


Por fim eu usava a musculatura da própria garganta para engolir enquanto puxava o garfo para fora da boca sem nenhuma gota de saliva. — Ai é só engolir. — Comentava num ar contente, afinal poder ensinar de ensinar algo novo é uma sensação muito gratificante, em seguida eu abria novamente a boca com a língua posta para fora dos lábios mostrando para Rael que havia conseguido engolir tudinho da forma como ela esperava. — Mas eu só consegui fazer porque o macarrão é macio e fino, para conseguir enfiar algo maior e espesso até a garganta igual a Tenente faz aconselho abrir bem a boca para os dentes de cima não atrapalharem, a técnica da dela está em um nível muito superior. — Comentava de braços cruzados acenando afirmativamente com a cabeça, era nítido o tom de admiração em minha voz ao mencionar a exímia condenação que nossa superiora tem na boca e garganta, assim concluía toda a teoria que conheço a respeito da sétima técnica secreta, porém Rael teria de conversar com a Tenente se para descobrir os segredos de tal poder.


Todo aquele agradecimento grandioso por um pouco de sorvete me deixava bastante desconcertada, ao mesmo tempo que fiquei contente pela felicidade de Rael também não me parecia isso ser motivo de uma dívida eterna, então com as bochechas tingidas com um tom rosado sem muito pensar iria enfiar outra colher bem cheia de sorvete na boca de Rael, era uma estratégia para cortar a fala dela. — Você não precisa sempre comer tudo rápido, a técnica é funcional, mas também existem momentos que valem a pena apreciar cada pedacinho. — Comentava ainda meio desconcertada.


E como eu não teria sido muito cautelosa com o sorvete talvez Rarl acabasse se sujando um pouco. — Tem chocolate, na sua bochecha. — Comentava apontado na direção da mancha. — Deixa que eu limpo. — Com cuidadinho eu apoiava a ponta dos dedos no queixo de Rael e usando o polegar da mão oposta esfregava bem de leve o pedaço de sorvete. — Prontinho. — Comentava sorridente antes de levar o dedo com sorvete até os lábios chupando o chocolate que ali estava.


O comentário de Rael sobre quais embarcações alertar me ajudava a formular uma opinião própria. — Acho que você tem razão, e nós também não devemos estar fazendo uma rota comum de navegação. — Talvez fosse mesmo bem raro encontrar outros navios em alto e pensando assim ficava fácil tomar uma decisão. — Hmmm… A Tenente deve ter muitas outras obrigações, coordenar a missão e também patrulha, vamos dar um descanso para ela kaskas. — Terminava o comentário numa risada divertida.


Percebendo que a marinheira do espadão tinha um pensamento equivocado sobre eu gostar de subir no mastro. — Na verdade ficar lá em cima não é nada confortável, apesar da visão incrível, mas ao mesmo a patrulha do mar é mais eficiente por causa do campo de visão maior, na verdade eu estou mais tentando me dar uma injeção de determinação para escalar o mastro novamente. — Acredito que assim meu ponto de vista ficaria mais claro. — E também, eu não poderei me chamar de marinheira se não conseguir ficar em cima do caralho balançando, aposto que a Tenente consegue sem nenhuma. — Sim sim, como eu poderia me orgulhar de ser marinheira se nem mesmo ser capaz de assumir um posto de vigília só porque o local é desconfortável, claro que nessa hora a imagem da Tenente montando no mastro se formou em minha mente, afinal ela era um figura de grande inspiração por sua experiência.


Com o surgimento do rapaz eu fitava atentamente dos pés a cintura? Peitoral? Mesmo com a cabeça inclinada em ascensão eu ainda precisava me afastar meio passo para conseguir enxergar seu rosto. — Lucius, é um prazer conhecê-lo, meu nome é Luciferanna Zahara von Brilliant Éden, mas pode me chamar somente por Luci. — Me apresentava num ar amigável, deixando Rael fazer sua introdução da maneira que julgasse melhor. — O que trás sua graça a nós? — Questionava com uma das sobrancelhas erguidas, minha única certeza era não ter certeza alguma ao respeito dele, então optava por deixá-lo falar antes de tirar conclusões preciptadas.


Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t1207-luciferanna-von-brilliant#11238 https://www.allbluerpg.com/t1004-a-sailor-who-enlisted-because-she-didn-t-want-to-get-married
Garota Cavalo

Garota Cavalo


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Obxh0ww
Créditos : 20
Localização : Rota 3 - Grand Line

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptySex Jul 29, 2022 11:35 pm

Ken no Yuusha



Ohoooo… — Realmente a demonstração de Lucy era impressionante, era graça aos seus conselhos que, apesar de com uma dificuldade inicial, eu conseguia pelo menos acelerar o ritmo — Como esperado de alguém mais experiente — Tentava imaginar qual seria o tipo de comida mais apropriado pra uma demonstração daquela, mas nada me vinha à mente.


É você tem razão, mas não se preocupe, juro não desperdiçar nenhum estímulo de sabor desse nosso sorvete! — Esperava ansiosamente pela próxima colher voadora de sorvete aterrissar minha boca — hmm hmm… tão bom — Vendo no canto do olho sua mãos se aproximando eu fechava os olhos e abria a boca novamente.


Sendo surpreendida pelo seu toque em minha bochecha, abri os olhos e acompanhei o movimento enquanto a loira limpava o canto da minha boca. Sorri em resposta, pra mim era reconfortante suas constantes demonstrações de gentileza, mesmo se fosse sua persona noturna, ela provavelmente faria o mesmo sobre o pretexto de “Seria vergonhoso e antiprofissional se a minha dupla saísse suja por aí” ou alguma abobrinha do tipo, era no mínimo divertido ficar pensando em suas possíveis desculpas.


Quando o assunto mudava para a Tenente, eu não conseguia me imaginar em seu lugar todas aquelas responsabilidades — Hrrmm… realmente parece muito trabalhoso, eu acho que ainda falta muito pra chegar numa posição assim — Tinha muitas coisas que eu me observava ainda não sendo capaz de fazer. A medida que a conversa desenrolava meu pensamento focava na possibilidade da Tenente ser ainda melhor do que a Lucy em escalar o mastro, e então pensei comigo mesma, que se eu quisesse ser uma Marinheira exemplar eu teria que eventualmente domar meu medo e aprender a subir no caralho igual a essas duas!


O que interrompia minha introspecção de carreira era o homem que se apresentava na nossa frente, enquanto ele falava, eu me perguntava como era possível a capa dele se mover tanto num ambiente interno sem vento, esse certamente era o poder de uma apresentação poderosa, e ele mesmo tinha bastante presença, um homem grande, de nome grande e equipamento grande, tudo nele parecia ser enorme, provavelmente até o mesmo o seu… espírito e senso de justiça.


É um prazer — dizia enquanto erguia a mão direita na menção de que ele como um nobre a beijasse — Meu nome é Rael Kro… — Toda a situação de duas pessoas com nomes enormes se apresentando e suas atitudes de classe me levava de volta ao modo automático de operação que eu mantinha antes de fugir de casa, o que quase me fazia escorregar e dizer meu nome completo — Krof… Kof… Cof… — Fingia uma tosse ao mesmo que recolhia a mão, constrangida, me dando conta do que estava fazendo — É Rael de Illusia.


Aiii… que vergonha, mas não faz mal, ele nem deve ter notado! — Lucius né? se me lembro bem você fez dupla com… Hmm? Eu não me lembro da Tenente mencionando seu nome na instrução… Você é de outro pelotão ou algo assim?
Ir para o topo Ir para baixo
Shiori

Shiori


Créditos : 93

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptySeg Ago 01, 2022 7:39 am




As garotas se viam em testes interessantes, sua brincadeira com macarrão e sorvete não era nada tão usual de se ver no dia a dia, sendo algo que a loira ressaltava já que, nem sempre era preciso sair engolindo coisas, existiam momentos importantes em que isso precisava acontecer, e talvez eles pudessem ser mais frequentes, mas o mundo nem sempre nos dá essas oportunidades direto.

Então as duas partiam dali depois do momento doce e tranquilo, enquanto ela falava sobre suas habilidades de ficar no topo do caralho, algo que ela se orgulhava de suas capacidades, de se segurar, e supunha que a tenente talvez tivesse uma habilidade ainda maior nesse aspecto. A capacidade de ficar ali sem nem mesmo usar mãos.

Era com toda certeza o tipo de skill quase no limite das capacidades que alguém poderia apresentar nessa arte. Entretanto era sempre difícil dizer se Luci e Rael estão pensando e falando da mesma coisa, talvez devesse supor que não, em outros momentos talvez supor que sim... Era uma linha tênue que essa conversa trazia para os assuntos abordados nesse barco.

Era chegado o momento, no entanto, em que elas encontravam o loiro e as apresentações aconteciam, ela falava o nome grande, e todo mundo ia se apresentando até que nossa moça do espadão, acabava por gafe quase falando seu nome completo, e acabando por fazer algum fingimento bem estranho.

Aquilo foi algo que o rapaz tentou deixar pra lá, ele não sabia o por que, apenas tinha fico meio... Confuso, ele sabia que ela tentou maquiar alguma coisa, só não a razão disso, e foi nesse âmbito que ele seguiu o raciocínio. -É um prazer conhecer vocês duas. Na verdade, eu não faço parte das duplas de vigia, eu estive com vocês na entrada e durante esse momento, mas apenas pra que eu soubesse quem estava onde, eu normalmente trabalho com Michael. Que está com a Tenente nas vigias, eu estou aqui para pilotar o barco, e tentar evitar problemas durante o percurso, para nossa sorte estamos nos blues, então o mar aqui é bem tranquilo- explicou ele com certa tranquilidade sobre a viagem que estavam fazendo naquele ponto.

E era verdade que ele tinha uma tarefa realmente bem importante, mas um tanto quanto tranquila dado o mar em que eles estavam, então dava um leve sorriso naquele instante, agora respondendo a pergunta da loira.-Na verdade estou dando uma volta e checando os arredores, pra me familiarizar com esse barco, eu não pilotei ele antes.- e se ele notasse que elas haviam ficado levemente preocupadas em seu olhar com o fato de esse ser um barco do qual o navegador não estava tão acostumado, poderia ser um problema afinal...

Então ele novamente explicaria um pouco mais sobre o assunto, que bem, não era na realidade que ele tivesse falta de experiencia, mas não era aquele navio de forma mais especifica.-Há, mas não precisam se preocupar shishishi eu já naveguei barcos praticamente igual, só não eram esse aqui, e eu gosto de me familiarizar o máximo possível com todos os barcos que costumo por as mãos, por que isso facilita caso algo aconteça, eu saber a posição de cada coisa memorizada.- explicou agora de uma maneira muito mais eficiente, o que ele quis dizer, ele parecia estar apenas muito muito tranquilo naquele momento, o que provavelmente indicava uma certa experiencia, ou loucura, já que eles podiam ser atacados a qualquer hora, estar tão calmo era uma habilidade bem rara nessas situações.

Histórico:

Legenda:


_________________

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 TdL7Dnm

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Cu3VnKr
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Garota Cavalo

Garota Cavalo


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Obxh0ww
Créditos : 20
Localização : Rota 3 - Grand Line

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQui Ago 11, 2022 1:54 am

Ken no Yuusha



Hmmm… Faz sentido, bem que seu rosto até que me era familiar — Respondi casualmente à explicação de Lucius, apesar de ser uma mentira, visto que a única coisa que lembro dos rostos dos rapazes desta manhã são apenas borrões, mas ei! Pelo menos a espada me é familiar, eu não me esqueceria de uma peça assim tão facilmente.


Que sortudo que você não precisa ficar na vigia, pode cochilar quando quiser. Não… se bem que é bem o contrário né? Tendo que pilotar essa coisa enorme o tempo todo… Espera aí… Se nós estamos aqui embaixo, e você é o piloto… Quem é que tá controlando isso tudo?!!!


Pulava agarrando um dos braços de Luci e fechava um dos olhos como se estivesse me preparando para algum tipo de impacto imaginário, levando alguns segundos de nada antes que eu abrisse ambos os olhos e soltasse a loira.


Ahem! Peço perdão por isso, talvez eu tenha exagerado um pouquinho hehe — Após limpar a garganta respirava profundamente, já mais aliviada, se me fosse explicado algo como um segundo piloto ou sei lá se o barco tem vida própria e se navega sozinho, eu não sou especialista em barcos, ele é.


Aliás, você chegou em boa hora. Nós duas estávamos nos perguntando nossa linha de ação se avistasse alguma embarcação vindo na nossa direção, a Luci aqui sugeriu: “Vamos perguntar pra tenente.” Mas aí eu respondi: “Não não, a Tenente é muito ocupada, é melhor só soar o alarme pra qualquer embarcação.” E aí a Luci mandou: “Na verdade não deve ser muito comum encontrar outros barcos longe das ilhas.” E logo em seguida eu mandei: “É faz sentido, talvez a gente esteja até mesmo usando uma rota secreta pra ninguém interceptar a gente.” — Tomava uma pausa para finalmente respirar e organizar os pensamentos, percebendo que minha apresentação dos fatos não estavam bem fidedignas.


Não, não foi bem assim, eu acho que inverti a ordem… Ah tanto faz! E aí?! — Sem mais nenhuma explicação, encarava o homem esperando pela resposta de algo que nunca cheguei a perguntar diretamente. E se ele demorasse muito para me entender eu complementaria.


Sobre a rota secreta, digo. Você é o piloto, né? Deve saber por onde estamos indo, ou se é comum encontrar civis pelo caminho — No entanto percebendo uma falha crucial na minha lógica, assim que percebesse Lucius abrindo a boca para falar eu o calaria selando seus lábios com meu dedo indicador — Que grosseria a minha! Se é uma rota secreta então é segredo né?! Você não pode falar é óbvio, mas tudo bem eu entendo, não precisa responder mais nada, essa conversa nunca existiu! A gente nem se conhece.


Por fim retirava a mão de sua boca e começava a me distanciar, indo em direção ao convés — Por falar nisso já deve ser a hora da nossa vigília, se acontecer alguma coisa a primeira coisa que você vai ouvir vai ser meu grito gishishishi… Até mais ver, Lucius Stanford Stronggate de Delfus.
Ir para o topo Ir para baixo
Scylla
Soldado
Scylla


Imagem : II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 RE4wkxu
Créditos : 05
Localização : Las Camp

II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 Empty
MensagemAssunto: Re: II - Today, We continue our lives together under the same roof   II - Today, We continue our lives together under the same roof - Página 6 EmptyQui Ago 18, 2022 8:34 pm

Twin Souls




Quando Lucius começou a falar motivo de sua aproximação eu fui ficando mais relaxada abaixando os ombros, a princípio ele não trazia problemas e só queria nos conhecer. — Ah sim… Se ater a todos os detalhes é importante mesmo... — Nessa hora eu fiquei sem graça de encarar o piloto, memorizar todos os detalhes é algo que eu naturalmente faço com tudo, se me perguntassem eu conseguiria mencionar cada detalhe de qualquer navio que já estive, porém não compartilhava a mesma paixão que Lucius e por isso me sentia um pouco mal. — Se você tiver alguma dúvida sobre o convés pode me perguntar… — Talvez assim eu poderia emprestar a minha capacidade de memorização ao loiro.


Porém como Lucius era todo "classudo" e sereno eu acabava sentindo uma vontadezinha de implicar, talvez eu quisesse testá-lo a fim de descobrir como ele reagiria ao ser tirado da zona de conforto. — Mas todo esse interesse por navios é algum tipo de obsessão? — Comentava num tom mais atrevido enquanto cobria a boca com uma das mãos fitando o piloto com olhos de julgamento. — Ksks.. Kaskaskas! Só estou brincando com você. — Era difícil sustentar teatrinho por muito tempo, e logo eu acabava engasgando com a risada até não aguentar mais.— Na verdade é bem romântico, me sinto mais segura em saber que você possui tanto carinho com os navios controlados por suas mãos. — Comentava com um sorriso singelo encarando os olhos do piloto.


Quando Rael agarrou meu braço eu precisei de muito autocontrole para conter a vontade de rir. — Então quer dizer que agora mesmo o navio pode estar indo direto para um redemoinho gigante… — Dizia com toda a tranquilidade do mundo sem me preocupar com a possibilidade do navio desgovernado estar prestes a sofrer um acidente. Então após nada acontecer eu afagava os cabelos de Rael com a outra mão. — Acho que estamos seguras por enquanto, o mar é calmo e nosso experiente piloto não abandonaria o timão do navio sem deixar alguém vigiando. — Confortável a marinheira do espadão agora dando minha opinião sincera apesar do semblante risonho. — Eu acho… — Dizia a última parte bem baixinho, querendo muito acreditar na responsabilidade de Lucius.


A princípio o questionamento de Rael me fazia arquear uma sobrancelha confusa com o acontecimento dos fatos apresentado, mas logo entendia que ela apenas estava trocando a ordem dos diálogos, e quando a marinheira terminou de falar eu apenas acenei em afirmação com a cabeça, como se quisesse dizer. "Foi exatamente isso que aconteceu." Afinal a ordem dos fatores não afetava a compreensão da mensagem. Mas se o piloto ficasse confuso com a explicação. — Em outras palavras queremos saber sua opinião se devemos soar o apito para qualquer embarcação avistada ou somente se for um navio pirata. —


Como já estávamos um tempinho no intervalo imaginava ser a hora de retornar, me despedia do loiro acenando com a mão. — Até logo. — Assim me virava caminhando junto de Rael. — Você gostou mesmo dele, até acertou o nome inteiro de primeira. — Não resistia ao comentário divertido após termos nos afastado alguns passos do loiro, talvez eu estivesse sentindo uma certa invejinha nessa hora.


Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t1207-luciferanna-von-brilliant#11238 https://www.allbluerpg.com/t1004-a-sailor-who-enlisted-because-she-didn-t-want-to-get-married
 
II - Today, We continue our lives together under the same roof
Ir para o topo 
Página 6 de 8Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Permissões neste sub-fórumNão podes responder a tópicos
All Blue RPG :: Oceanos :: Blues :: West Blue :: Las Camp-
Ir para: