Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
Aventura dois: trabalhando até desmaiar.Hoje à(s) 1:18 ampormestrejCriação de TécnicasHoje à(s) 12:50 amporDiego KaminariBad KarmaHoje à(s) 12:10 amporNoskireOs Seis CaminhosHoje à(s) 12:01 amporToji3º - A Liberdade Que Atravessa a Ponte LupinaOntem à(s) 11:52 pmporSubaé[TDN] Yuuma D. YukinagaOntem à(s) 11:49 pmporDreamstainÚltimo Baile Antes da GuerraOntem à(s) 11:25 pmporNoskireCréditosOntem à(s) 11:13 pmporKenshinIII - RagnarökOntem à(s) 11:01 pmporNoskire[PEDIDO DE INSTRUTOR] UhtredOntem à(s) 9:28 pmporUhtred

III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!

Página 6 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
Sasha
Imagem :
Berserker
Créditos :
76
Localização :
Rota 6 - 4ª Ilha Vedde
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Sasha
Rank B
Relembrando a primeira mensagem :

III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!

Aqui ocorrerá a aventura do(s) Revolucionários Lucy Von Kral & Mary Van Tassel. A qual não possui narrador definido.


Última edição por Sasha em Ter Jan 25, 2022 1:10 pm, editado 1 vez(es)

_________________



 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 HGWnxh1

Formiga
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Teste
Créditos :
16
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


A missão era um sucesso, mesmo com algumas baixas por parte da revolução, eles agora contavam com um número significativo de membros. A adrenalina baixou entre aqueles que foram libertos pelo grupo de Mary e Lucy, mostrando que se não fosse aquele pico de energia, quiçá eles não conseguiriam ter saído de lá. Os corpos de algum dos ex-prisioneiros estavam visivelmente debilitados, era possível contar as costelas da maioria deles, mostrando o quanto sofreram nas mãos dos marinheiros. Não apenas isso, marcas de ferimentos estavam espalhado pelos seus corpos, hematomas do tamanho de uma mão fechava pintavam toda a extensão daqueles homens. Com as palavras de Mary foi possível ajudar alguns dos homens que nadavam na direção do barco, enquanto outros acabaram ficando à deriva, tendo que arcar com sua própria fuga.

A ruiva estava debilitada por conta do veneno, como supracitado não era nada que traria grandes riscos a sua vida, porém, ainda sim causava um desconforto alarmante. Sua companheiro pediu para alguns homens carregá-la e assim eles fizeram, já que ela não se mostrava com forças o bastante para continuar o trajeto pela mata e bom, eles não podiam dar brecha para a desgraça. Antes que apagasse de fato, a médica conseguiu passar algumas informações para os poucos homens que estavam ligeiramente bem, para fazer o que foi pedido. Os conhecimentos de toxicologia e herbalismo valeram a pena o estudo de Mary , mesmo que ela não tivesse conseguido ficar acordada para ver as plantas chegando.

De qualquer modo, após um bom tempo de caminhada, o grupo conseguiu chegar no assentamento. Alguns dos ex-prisioneiros usavam o pingo de força que lhes restavam para correr em direção aos conhecidos, inclusive, um deles partiu em direção a senhora domadora dos animais, que se derramou em lágrimas ao ver o estado do rapaz – Filho... meu filho... – Foram as únicas palavras que Lucy e Vesra conseguiram ouvir da boca da mulher. Ela se recompôs rapidamente porque sabia que seus conhecimentos eram necessários, usando alguma das plantas – e descartando outras que eram venenosas, ai ai esses NPCs quase matam o jogador – ela conseguiu fazer rapidamente um antídoto, que tratou do veneno presente no corpo de Mary como um todo.

Lucy estava bem, ela tinha tomado um gole do café que tanto amava e só precisava descansar para que seu corpo fosse recuperado da exaustão. Caso desejasse descansar naquele momento, teria um quarto disponível ao lado do que Mary foi levada, em uma casa simples de madeira existente no assentamento, sem nenhum luxo e muito menos conforto e sim, Gigi estava por ali também. O lugar estava ligeiramente animado, o sucesso da missão foi aclamado pelos membros da revolução no lugar e também algumas pessoas que não eram tão adeptas assim à revolução, mas que estavam agradecidos pelos companheiros que acabaram sendo salvos no processo. Após algumas horas mais pessoas chegaram, pequenos grupos na verdade, aumentando o número de pessoas ali e também aumentando a necessidade de recursos básicos como água, comida e armas.

Após algumas horas Mary acordaria bem, sentiria seu corpo latejar um pouco, mas os sintomas em si já tinham ido embora. Vesra estava no quarto, sentada em uma cadeira no canto do lugar, um pouco na frente da única janela existente por ali, usando o fraco brilho do sol para clarear o livro que estava lendo. Em cima da escrivaninha ao lado da cama, a ruiva poderia ver um pequeno bolo de dinheiro – Esse é o pagamento pela missão. – Falou a mulher sem tirar os olhos do livro – Kat quer falar conosco e Lucy, mas não pediu pressa. – Continuou a mulher em um tom sereno. Com Lucy não foi muito diferente, caso a garota estivesse dormido por ali, acordaria vendo também um bolo de dinheiro com o valor exato da missão, mas se encontraria no quarto ainda com Gigi, sem nenhuma presença diferente por ali. Aliás, uma conseguia ouvir a outra caso falasse muito alto, já que seus quartos eram divididos pela mesma parede de madeira.



Histórico:

Legendas:



Achiles
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Bf3w3iH
Créditos :
38
Localização :
Farol - Grand Line
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2060-iv-you-ll-never-see-me-cry#22235
Achiles
Pirata





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!




Com tudo correto pelo lado dos revolucionários, rapidamente correria para abraçar a minha grande paixão e o amor da minha vida, Gigipsta, apertando-a com uma delicadeza para que não viesse a machucá-la e quase derramando lágrimas em vê-la bem. – Senti tantas saudades. Você é a melhor coisa da minha vida! – Faria um carinho em sua cabeça. – É tão ruim ficar longe de você, mesmo sabendo que você estaria bem. – Comentaria, como se ela pudesse me ouvir. – Argh! As batalhas estão ficando cada vez mais cansativas! – Dizia, sentindo meu corpo cada vez mais pesado agora que a adrenalina tinha passado e meu olhos aos poucos fechavam-se involuntariamente e um bocejo que surgia para tentar acordar meu corpo mais uma vez.

Ver a velha reencontrar com o meu filho que era um dos membros da revolução presos pelos marinheiros era um tanto reconfortante, trazia uma alegria em meu coração do qual poderia comemorar aquela vitória. Sentia um sentimento de acolhimento, era onde eu queria estar, o que eu queria fazer da minha vida. Ajudar as pessoas sabendo que o objetivo é correto, a causa é justa mesmo que algumas vidas venham a perecer em meio a esse caminho.

De toda forma, isso me lembrava um pouco mais de Gigipsta e meu desejo de continuar mais e mais tempo ao seu lado só aumentava. Meu sorriso poderia ser enxergado de longe enquanto eu fazia um carinho em suas penugens. – Hey bebê, deixem eles se ajeitarem. Vamos descansar. – Diria, me direcionando para um dos quartos perto de Mary, deitando-me em minha cama e chamando a minha Lady para se juntar a mim e assim dormir abraçado a ela, aproveitando de suas penas para gerar o calor necessário sem o auxílio de uma coberta.

Apenas acordaria quando sentisse que todo aquele cansaço finalmente teria ido embora, ficando tempo o suficiente para descansar tudo o que precisasse e me recuperar por completo já que a próxima missão seria ainda mais exaustiva. Ao acordar, olharia para os lados e principalmente para cima, me aconchegando um pouco mais em Gigipsta. – Bom dia! – Me espreguiçaria, tomando mais uma dose de meu café e então prosseguindo para um banho. – Você não precisa de um banho, né bebê? – Sorriria, me despindo e lavando as mesmas roupas que tinha usado, mesmo que elas já se encontrassem bem rasgadas. – Talvez eu devesse comprar novas roupas ou pedir para o exército... Hm... Foda é que duvido que vão ter algo que me sirva... Já sei, vou fazer uma nova roupa para mim. – Diria, feliz vendo que o dinheiro do pagamento da primeira missão havia chego, recolhendo-o para dentro da maleta como a minha outra quantia. – Com isso deve dar para comprar bons materiais. – Concluía.

- Mary! Já acordou?! – Gritaria, esperando que ela pudesse me ouvir e chamando Gigipsta para sair junto a mim e então adentrar o quarto da ruiva. – Acorda para cuspir! Caraí! Já deitou tempo suficiente, simbora! – Diria, demonstrando uma felicidade que não sentia há um tempinho já que muito do que tínhamos feito foi em pouco tempo. – Tô morta de fome, bora encontrar um rango. – Passaria a mão em minha barriga ouvindo meu estômago roncar. Dado a confirmação, prosseguiria para um rango.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 26
Ganhos:
- Proficiência: Química – Post 03
- Proficiência: Explosivos – Post 04
- Maleta Azul – 15U – Post 06
- Garrafa Térmica 1L (08/10) – Post 06
- Missão 01 – Buscar Suprimentos – Post 16
- Salário da Missão 01 (3.000.000 B$) – Post 25
- Missão 02 – Resgate da Prisão – Post 25

Perdas:
- 2.700.000 B$ - Post 06

Dinheiro – Bolso: 8.640.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
- Ai! ai! Ai!
- Escoriações pelo Corpo – Saradas
- Tiro de Raspão no Braço – Saradas
- Tiro de Raspão na Coxa Direita – Saradas
- Exaustão I

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
Fabricar ou encontrar Explosivos
Capturar Zev
Executar quatro missões em nome do Exército
Chegar no Farol


Vício: 01/10



_________________

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 BhECXT7
Kerigus
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 350x120
Créditos :
5
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Kerigus
Marinheiro
Mary Van Tassel


Durante a viagem foi estranho, depois de apagar eu simplesmente sonhei que estava andando em uma escuridão sem fim, era confuso, pois eu conseguia enxergar o meu corpo se eu olhasse minhas mãos por exemplo, mas o horizonte e tudo mais, era somente preto, até o chão era preto, não existia nada, somente o vazio. Aquilo me deixava ansiosa não fazia sentido, mas mesmo assim eu sentia que não devia correr somente seguia caminhando procurando algo naquela escuridão sem fim.

Até que no dia seguinte eu acordava, estava em um quarto com Vesra, ela sentava na janela lendo um livro. - Ai carai… parece que fui atropelada por um trem… - Apesar de não sentir dores nem nada demais, me sentia estranha, talvez fosse o sonho que tive durante a noite ou o veneno mesmo… ou talvez até mesmo o sonho foi por causa do veneno, mas isso tudo era irrelevante agora, a missão deu certo, uma galera foi salva e Lucy chegava no quarto toda feliz e empolgada.

- Ta, ta não precisa de tanta felicidade, vamo com calma. - Diria para Lucy quando ela entrou no quarto falando que estava com fome, estava com um certo mal humor depois de apagar como veneno, preciso me preparar melhor para isso da próxima vez, talvez pegar menos remédios e colocar umas ervas para tratamento de venenos na minha lista de coisas de médico. O Velho estava num canto somente me observando, era estranho aquilo, normalmente ele estava mais próximo, mas daquela vez ele parecia um pouco distante. Mantinha meu olhar nele antes de levantar esperando alguma reação mas era como se ele estivesse ali mas não estivesse, aquilo me deixava um pouco confusa, ainda não preocupada, mas confusa, ele nunca tinha feito aquilo então era algo novo para mim.

Depois de terminar de acordar e me espreguiçar o suficiente para ter certeza que não tenho dores musculares, levantaria e iria com Lucy comer algo não antes de perguntar para Vesra se ela queria ir junto. - Versa tá com fome? Vamo come algo? Depois de comer vamos falar com Kat. - Olhava para ela com um semblante confuso, apesar de ser boa em manter o que eu estava pensando ou sentindo escondido, quando se tratava do Velho as coisas podiam mudar de rumo as vezes, afinal ele foi o único que esteve ao meu lado por muito tempo.

No caminho para a cantina fumava um cigarro, afinal ninguém era de ferro e depois daquele dia estressante e cansativo que eu tive anteriormente eu podia me dar ao luxo de fumar um antes de comer algo. Na cantina não importava o que tinha, o que importava era a minha fome e ela era relativamente chamativa, então comeria muito bem não importa o que tivesse para comer ali.

Histórico:

Infos:
Legenda:
Formiga
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Teste
Créditos :
16
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


O descanso era algo necessário para os corpos da dupla revolucionária, o tempo de repouso foi o bastante para curar toda e qualquer tipo de condição negativa, o que fazia a ruiva principalmente acordar bem melhor, mesmo que ainda sentisse alguns resquícios do dia anterior. O sol parecia ter recém surgido no céu, no entanto, era possível escutar um burburinho do lado de fora da simplória casa onde a dupla se encontrava. Lucy estava feliz e aquilo era estranho, mas seu mau humor foi causado pelas adversidades da vida, além de um toque de azar, contudo, a cena do reencontro acendeu uma chama que parecia ter se apagado.

De qualquer forma, o cheiro do café tomado pela pequena Lucy se espalhou por toda casa, dando um sinal do seu despertar antes mesmo da sua fala em direção a Mary. Bem, a dupla se reencontrou e interagiu de maneira simples, inclusive, rolavam algumas falas em direção a Vesra – No momento não, ficarei de jejum por mais algumas horas. Podem ir! – Falou a mulher em um tom tranquilo, voltando sua atenção para o livro em sua mão. A dupla revolucionária sentia o ar puro logo que saísse da casa onde estavam, no entanto, seus narizes seriam tomados por um forte cheiro de sopa e rapidamente elas podiam notar uma enorme fila que possivelmente saia até mesmo dos limites do assentamento, isso é, se ninguém com o mínimo de QI tivesse feito uma “curva” na fila.

A senhora com boa relação com os animais estava atrás de uma grande mesa de madeira, mexendo em uma panela enorme e metálica, que era aquecida pelo fogo a lenha. Ela colocava duas conchas bem fartas de sopa, seu filho estava do seu lado e ofertava pão, biscoito e algumas frutas mais simples como banana, laranja, maçã e manga; era o que tinha para o café da manhã. Claro, também havia café preto por ali. Ao notar a presença de Lucy e Mary a mulher acenou na direção da dupla, o que direcionou a atenção de todos na fila para as protagonistas, que começaram a bater palma e assobiar em comemoração a presença das duas – As salvadoras! – Gritou um dos homens que estavam na fila – Vocês não precisam esperar, podem furar fila hoje! – Brincou um outro homem, mas aquilo era verdade, já que o primeiro da fila estava parado olhando para elas, cedendo o espaço.

Se elas topariam aquele café da manhã ou não? Só Deus sabe! Mas a velhinha chamava as duas com um grande sorriso no rosto, era nítido que ela estava daquela forma por ter seu filho de volta. Além de tudo isso, parecia que enquanto a dupla dormia havia chovido bastante, já que o cheiro de terra molhada ainda era presente, mesmo com o forte odor da sopa, que parecia estar deliciosa, diga-se de passagem.


Histórico:

Legendas:

Achiles
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Bf3w3iH
Créditos :
38
Localização :
Farol - Grand Line
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2060-iv-you-ll-never-see-me-cry#22235
Achiles
Pirata





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



Vesra parecia não estar com fome ou apenas não queria comer conosco, de toda forma, não me importava, aquela mulher ainda me era estranha e por mais que Mary confiava plenamente nela, eu ainda não a entendia muito bem seus costumes ou objetivos já que claramente permanecia junto a nós.

Ao sairmos do lado de fora, encontrávamos uma grande surpresa, os revolucionários estavam fazendo um sopão que estendia uma fila até os limites de nossas terras e o cheiro era delicioso, além disso, eles nos chamavam de “Salvadoras” o que me deixava ainda mais envergonhada com aquela situação. Rapidamente me esconderia debaixo das penas de Gigipsta e pediria para que ela andasse em direção as sopas.

Nunca me acostumei muito a ter as atenções voltadas a mim, sempre gostei de ajudar as pessoas e ficar na miúda, entretanto, aquilo não tinha acontecido e não sabia se era uma boa sensação ou ruim. - Obrigada? - Comentava, começando a caminhar com o rosto mais avermelhado e de cabeça baixa em passos mais rápidos que o comum para que saísse do foco de atenção rapidamente.

Pegaria uma tigela grande de sopa pegando as duas conchas bem fartas de sopa e o pão, não exagerando já que não tinha conhecimento de como estavam so recursos alimentícios da revolução e julgava ser baixo. Prosseguindo em direção a uma mesa para sentar e comer tudo com as minhas companheiras. Quando as visse chegar, gritaria acenando com a mão. - Aqui, Mary!

Primeiro começaria pelas costas mais simples, chuchando o pão na sopa e então comendo ele até que o finalizasse para então tomar a sopa com uma colher, assoprando ela para não queimar a boca complementando com alguns goles de café, pois não havia nada melhor do que um cafézinho e a compania de Gigipsta.

- Hehe, sopinha. - Comentava. - Logo mais estaremos comendo um belo pedaço de carne. - Sorriria comemorando os nossos sucessos recentes. - Gigipsta! - Passaria a mão debaixo de sua cabeça fazendo um carinho. - Bebê, estamos sem ração aqui, se estiver com fome pode ir buscar comida. - Abraçaria ela terminando a minha refeição. - Hey Mary, qual é da Vesra? - Perguntaria se ela não estivesse por perto. Caso contrário, perguntaria outra coisa: - Quem diabos te deixou daquele jeito?


 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 27
Ganhos:
- Proficiência: Química – Post 03
- Proficiência: Explosivos – Post 04
- Maleta Azul – 15U – Post 06
- Garrafa Térmica 1L (08/10) – Post 06
- Missão 01 – Buscar Suprimentos – Post 16
- Salário da Missão 01 (3.000.000 B$)  – Post 25
- Missão 02 – Resgate da Prisão – Post 25

Perdas:
- 2.700.000 B$ - Post 06

Dinheiro – Bolso: 8.640.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz
- Maleta Azul - (+) 15U
- Garrafa Térmica - 08/10 (Café) - 1U

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
-  Nada que um bom café da manhã não resolva!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
Fabricar ou encontrar Explosivos
Capturar Zev
Executar quatro missões em nome do Exército
Chegar no Farol


Vício: 02/10


_________________

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 BhECXT7
Kerigus
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 350x120
Créditos :
5
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Kerigus
Marinheiro
Mary Van Tassel


Apesar da pancadaria do dia anterior eu tinha dormido que nem um bebê foca obeso, ainda tinha algumas consequências espalhadas pelo meu corpo, tipo uma dorzinha aqui e ali mas no geral já estava bem. Lucy parecia mais bem humorada naquele dia e o cheiro de seu café se espalhava pelo local me dando mais fome ainda, já Vesra parecia completamente na dela ignorando o mundo enquanto focava no seu livro.

- Bom eu estou morta de fome… Logo vou comer um boi ou dois… Talvez três… - Falava enquanto saia do local com Lucy, o problema começava logo que nos aproximávamos do local onde estavam fazendo sopa, a fila era gigantemente gigante, talvez toda a base dos revolucionários estivesse ali, tirando os cozinheiros… Mas aquilo era só o início dos meus problemas. Elogios, agradecimentos e palmas, foram as coisas que me chocaram mais, ja tinha sido agradecida antes por moribundos feridos em hospitais, mas aquilo era diferente, tava todo mundo bem e feliz, acho que era mais difícil lidar com aquilo do que invadir a prisão, Lucy também parecia não ser muito boa em lidar com aquilo afinal ela se escondia no meio de gigi, um privilégio que eu não tinha naquele momento tudo que me restava era manter a compostura e dar sorrisos sem jeito enquanto coçava minha cabeça envergonhada com aquilo tudo. - HAHAHAHA esse dia já começou divertido, vou pegar pipoca pra assistir… - O Velho já se divertia da minha desgraça e depois de desaparecer por um momento voltava com um pote de pipoca, ver aquilo fez eu me perguntar de onde ele tirou a pipoca, depois eu lembrei que ele sempre dava um jeito de conseguir o que queria, então voltei ao meu pequeno inferno momentâneo, que parecia somente piorar a cada momento, eu simplesmente não sabia muito bem como reagir então somente segui o fluxo e não neguei furar a fila, afinal eu nem pensando muito tava só fui.

A sopa parecia ótima, apesar de eu querer muita carne para mastigar, estava satisfeita com um prato bem farto de sopa gostosa, e isso me ajudava a mudar meu foco a toda aquela atenção que estava recebendo. Depois de me servir seguia ainda sem jeito, mas demonstrando um pouco menos isso, até onde Lucy estava e me sentava para comer. A pequena me perguntava sobre Vesra e eu tranquilamente respondia, já me acalmando de todo aquele pequeno inferno de atenção que eu havia recebido. - A religião dela tem algo relacionado com as ruínas que meus pais pesquisavam quando o governo matou eles, eu tenho um livro de contos que meus pais escreveram. - Dava uma pausa para a sopa, antes de continuar. - Nesse livro eles contam a história de um império antigo que dominou o mundo a milhares de anos, e aparentemente a religião dela é baseada nesse império, então ela resolveu me seguir para tentar descobrir mais coisas sobre esse império. - Voltava para a minha sopa e, esperando uma resposta da pequena antes de ela perguntar quem fez aquilo comigo no dia anterior. - A... aquilo foi um anão que usava umas agulhas envenenadas, o veneno não pareceu ser muito letal, mas o problema é que ele me fazia sentir muita dor no corpo todo e com tempo perder a consciência, mas no fim com uma ajuda da Vesra e do caos da fuga eu cortei ele no meio antes de fugirmos da prisão, a dor eu consegui resolver com morfina na hora do combate mas o resto não tinha como resolver no momento. - Depois de responder para Lucy terminaria minha sopa e se fosse possível pegaria um segundo prato de sopa, mas faria isso somente caso alguém me ofereça ou eu perceba que existem outras pessoas repetindo.

Histórico:

Infos:
Legenda:



Formiga
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Teste
Créditos :
16
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


As protagonistas estavam sem jeito perante aquela situação, não era algo habitual receberem elogios, mas suas ações valeram aquelas palavras e palmas dos membros do exército. Não demorou para que elas se servissem e encontrassem um lugar não muito longe da fila para comer, já que existiam algumas cadeiras e mesas de madeira pelo ambiente, assim como haviam pessoas sentadas nos degraus – de madeira também – das casas construídas naquele assentamento. De qualquer forma, a interação das duas ocorreu com tranquilidade, tendo Mary explicado alguns pontos da religião e Vesra e como tudo aquilo conectava as garotas, assim como citou também o oponente que enfrentou anteriormente na prisão.

O clima estava bem mais agradável do que aquele primeiro momento no assentamento, as pessoas estavam felizes, coisa que não conseguiram ver até então. Até mesmo aqueles que não faziam parte da revolução pareciam animados, algumas faces novas estavam por ali também e outras era possível lembrar que vieram da prisão, seja no grupo que navegou pela costa junto com Mary e Lucy ou aqueles que vieram a pé. Gigi não estava mais por ali, ela havia voado em busca da sua refeição, afinal, também estava com fome e precisava de alimentar, seguindo seus instintos como uma verdadeira predadora.

Era possível para a ruiva e a pequena observarem o lugar como um todo, dando a brecha que Mary queria para repetir o café da manhã, colocando mais sopa dentro da sua tigela/prato. O tempo de descanso foi importante e renovador, seus corpos pareciam prontos para mais uma rodada de ação, já que elas ainda precisavam concluir a missão que as levou até Lvneel: capturar ou matar Zev. Porém, por enquanto elas aproveitavam aquele clima de tranquilidade e também tinham um gostinho de serem consideradas verdadeiras heroínas entre os membros do exército, já que foram responsáveis por encabeçar toda aquela missão.


Histórico:

Legendas:





Achiles
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Bf3w3iH
Créditos :
38
Localização :
Farol - Grand Line
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2060-iv-you-ll-never-see-me-cry#22235
Achiles
Pirata





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



- Um anão?! Carai... Esses caras baixinhos são fodas e covardes. Ainda bem que eu não sou assim. – Terminava a minha refeição olhando para os céus e vendo se Gigipsta já estava prestes a voltar ou não, de qualquer forma, era questão de tempo ela estar até mim. Além disso, era uma alegria vê-la conseguir voar livremente novamente depois de terem a acertado no dia anterior.

- Bom, vamos deixar de procrastinar, temos trabalho a fazer. – Diria me levantando da mesa e então começando a me direcionar até a cabana de Kat onde provavelmente aconteceria a reunião. – Kat! – Diria, entrando, anunciando a minha presença. – O que você precisava nos dizer? – Estralava o pescoço como uma preparativa para o combate que teríamos a seguir.

Ainda me sentia desconfortável utilizando apenas uma arma e que certamente já tinha vistos dias melhores depois da última batalha e o tanto de golpe desferidos. Eu tinha que fabricar algumas novas, principalmente uma maior variedade, não era uma mulher de ficar presa a apenas uma forma de atacar meus inimigos.

- Já estamos prontos para capturar o Zev? – Perguntava, ficando atenta as respostas e ao que Mary tivesse a dizer se ela tivesse alguma coisa, esperando pelas ordens da nossa líder revolucionária enquanto esperava alguma coisa além.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 28
Ganhos:
- Proficiência: Química – Post 03
- Proficiência: Explosivos – Post 04
- Maleta Azul – 15U – Post 06
- Garrafa Térmica 1L (08/10) – Post 06
- Missão 01 – Buscar Suprimentos – Post 16
- Salário da Missão 01 (3.000.000 B$) – Post 25
- Missão 02 – Resgate da Prisão – Post 25

Perdas:
- 2.700.000 B$ - Post 06

Dinheiro – Bolso: 8.640.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz
- Maleta Azul - (+) 15U
- Garrafa Térmica - 08/10 (Café) - 1U

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
- Nada que um bom café da manhã não resolva!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
Fabricar ou encontrar Explosivos
Capturar Zev
Executar quatro missões em nome do Exército
Chegar no Farol


Vício: 03/10



_________________

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 BhECXT7
Kerigus
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 350x120
Créditos :
5
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Kerigus
Marinheiro
Mary Van Tassel


Tudo estava mais tranquilo, a comida me fazia mudar meu foco para o rango e esquecer aquela fila de gente me elogiando e agradecendo, e para a minha alegria, tinha mais gente repetindo a sopa, logo eu pude aproveitar o momento e pegar mais comida, o que obviamente me trouxe mais alegria, apesar de não ter carne. - Pow falto uma carne nisso eim, na época que eu tinha um corpo físico eu adorava mastigar um bife mal passado… fiquei até com água na boca só de pensa nisso… apesar de eu não ter boca.. enfim… - O Velho parece que tinha esquecido a minha vergonha, mas isso era momentâneo, outra hora ele vai lembrar disso e joga na minha cara o momento em que eu tive vergonha.

Depois de comer e falar com Lucy tudo que nos restava era ir à procura de Kat. O que de certa forma me deixava orgulhosa, afinal a minha tentativa de salvar ela deu certo, apesar da falta de recursos que tinha no momento. Saía do local onde estávamos comendo deixando os pratos na mesa ou em algum local onde eu tenha notado que todos deixavam, tipo um local para acumular todos os pratos sujos que iam sendo lavados conforme eles chegavam.

Chegando onde Kat estava Lucy já tomava a dianteira perguntando o que ela queria conosco, já eu tinha outras perguntas em mente, mas eu as fazia somente após a pequena falar. - E como você está depois de todo aquele combate maluco que tivemos contra os agentes? - Como médica me sentia de certa forma responsável pelo bem estar dela, talvez seja algo de médico, como se ela fosse uma paciente minha, afinal era eu quem havia tratado ela quando chegamos na base após toda aquela treta contra os agentes.

Depois da resposta dela provavelmente Lucy iria perguntar sobre Zev e isso era algo que eu também estava interessada. - Pois é, ele ainda está na ilha? Depois de ser envenenada ontem, acho que fiquei tempo demais dormindo agora to querendo um pouco de ação e sangue dessa gente… - Talvez eu estivesse parecendo uma louca, mas eu tinha motivos justos para querer o sangue do governo, e sabe como é, depois de passar anos trabalhando como médica presa sempre em um hospital improvisado ou um hospital decente, dependendo de onde eu estava, agora eu sentia a alegria da liberdade , e tirava umas vidas para compensar as que salves, talvez isso estivesse subindo na minha cabeça, mas não era hora de pensar nisso.

Histórico:

Infos:
Legenda:



Formiga
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Teste
Créditos :
16
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


A dupla continuava sua interação de maneira simples e direta, enquanto se alimentavam naquela bela manhã. Como citado anteriormente, o assentamento estava diferente do normal, afinal, há muito tempo eles não tinham uma vitória, principalmente por parte do exército revolucionário alocado ali. Sem mais delongas, logo após estarem definitivamente bem alimentadas, partiram em direção onde Kat foi atendida no dia anterior, já que ela havia sofrido danos severos no embate contra os agentes. O lugar estava com a porta entreaberta, o que facilitou a entrada da dupla naquele ambiente já conhecido por elas. O odor fétido estava espalhado pela casa, parecia que algo havia estragado ou que alguém estava morrendo por ali, não demorou para que a dupla pudesse ver a situação deplorável que Kat se encontrava.

A mulher estava deitada na cama, as veias do seu corpo estavam destacadas e com uma coloração amarronzada, seus olhos estavam completamente brancos, não existia mais aquela luz que a figura de liderança emanava. Uma segunda existência estava no quarto e parecia realizar os cuidados paliativos da mulher, que parecia está em seus últimos momentos – Oi, vocês são Lucy e Mary, certo? – Falou o homem de cabelos e barba preta, ele utilizava uma roupa da mesma cor das suas madeixas – Kat, elas estão aqui... consegue falar? – Continuou o homem falando bem próximo ao ouvido da mulher, fazendo ela “despertar”, ela tentava buscar as meninas com seus olhos, mas como citado, não conseguia mais enxergar.

Ela tentou falar e inicialmente sua voz não saiu, era como se seu corpo estivesse completamente falhando – E-eu não posso... ajudar m-mais vocês... Lihito está a caminho... o líder do lugar. O co-co-comandante irá ligar...falem com ele... por mim. – A voz era quase inaudível se elas não prestassem atenção, sua voz estava rouca e falhando – Ela disse que Lihito está vindo, Jean Lihito é considerado o líder de todo assentamento. Ele estava fora realizando um serviço, junto com alguns dos poucos homens que sobraram por aqui até então. – A dupla podia ver na sala uma espécie de grande caramujo, provavelmente já sabiam que se tratava de um Den Den Mushi – Ela repetiu algumas vezes que o comandante ligaria, mas não sei se é verdade ou apenas um devaneio da sua mente. Aliás, me chamo Gallardin Pompeu, sou o médico chefe do assentamento. Kat não está ouvindo muito bem e como já devem ter visto, também não está vendo... – Pausou suas palavras por alguns segundos enquanto observava a mulher – Não sei que tipo de substância ou veneno que ela foi afetada, achamos que estivesse se recuperando bem e do nada começou uma piora fulminante, não demorou mais que uma noite para que chegasse até esse estado. – Bradou nitidamente com um olhar e entonação que carregavam tristeza – Não contem isso para os outros ainda... não quero que esse momento de alegria se torne tristeza, há muito tempo não conseguimos sentir o gosto da vitória, ela não iria querer tirar isso deles. – finalizou o homem.

As garotas tinham um tempo para digerir toda aquela situação, até que o caramujo na sala começava a tocar. Quem seria o tal comandante? Era ele ligando ou apenas uma coincidência do destino?


Histórico:

Legendas:





Achiles
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Bf3w3iH
Créditos :
38
Localização :
Farol - Grand Line
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2060-iv-you-ll-never-see-me-cry#22235
Achiles
Pirata





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



A situação estava feia, Kat, o que achávamos que estaria bem estava só o caco e talvez até mesmo o caco estivesse melhor do que ela... Sinceramente... Da noite para o dia a situação da nossa líder havia decaído de uma forma imensurável e a morte já lhe aguardava de portas abertas e o quarto estava frio, frio como se a morte já lhe aguardasse na cabeceira de sua cama. – Parece que os agentes são ainda mais covardes do que eu pensava. – Dizia, utilizando daquele exemplo da maior covardia, o veneno.

O seu médico era um homem estranho que não tinha reparado ainda, teoricamente, Kat não era realmente a líder do assentamento e um tal de Jihito iria ligar para nós através de um den den mushi gigante. – Mary, você não tem ideia do veneno também? – Perguntava, já que a própria tinha conseguido identificar o que tinha afetado ela por causa do anão.

De toda forma, a situação era crítica e agora tínhamos um problema ainda maior que era a falta de liderança no quartel. E, PURURURU! O caramujo começava a tocar. – Mary, vou atender. – Confirmava com a ruiva para poder atender sem maiores problemas. – Mochi Mochi! Loja de bolinhos da Dona Matilde – Diria na maior ironia possível tentando não mandar uma mensagem muito clara de quem estava falando já que o exército revolucionário poderia estar sendo ouvido pelos agentes.

- A recepcionista não está muito bem, na verdade, acho que, infelizmente, ela irá falecer hoje. – Comentava, mostrando um tom triste e não irônico mais, procurando passar a informação sincera de como Kat estava. – Foi comentado em relação ao seu encontro hoje, está tudo ocorrendo bem? – Diria, agora curiosa, como se fosse uma amiga próxima. – Certo, está tudo pronto para a sua encomenda. O dia parece lindo, não há chance de estraga-los. – Diria como se fosse a expert em comunicações secretas e que jamais poderiam ser descobertas por ninguém.

Assim que finalizasse essa frase, esperaria uma resposta e caso não houvesse, desligaria e esperaria por alguma confirmação de quem estava naquela sala de que eu tinha ido bem. – Pareceu bem mais fácil do que era. – Suspiraria em um nervosismo. E então, voltaria para o foco da coisa, Kat, tocando em sua mão. – Agradeço por tudo. – E então me viraria e sairia junto a Gigipsta.

O motivo? Bom... já vi uma situação bem parecida e vivi ela. Foi por este motivo que eu tive que ganhar uma boa grana para pagar pelos remédios de minha mãe, hoje ela está bem, entretanto foi muito difícil para mim ter que viajar para longe e fazer trabalhos impuros para que conseguisse hoje saber que ela está bem, mesmo sabendo que jamais a verei novamente durante um longo e bom tempo, principalmente agora com minha cabeça a jogo. – É, Gigi... A vida não é fácil. – Diria, me afastando para me sentar em uma árvore ou coisa do gênero esperando que o regente do assentamento chegasse.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 29
Ganhos:
- Proficiência: Química – Post 03
- Proficiência: Explosivos – Post 04
- Maleta Azul – 15U – Post 06
- Garrafa Térmica 1L (08/10) – Post 06
- Missão 01 – Buscar Suprimentos – Post 16
- Salário da Missão 01 (3.000.000 B$) – Post 25
- Missão 02 – Resgate da Prisão – Post 25

Perdas:
- 2.700.000 B$ - Post 06

Dinheiro – Bolso: 8.640.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz
- Maleta Azul - (+) 15U
- Garrafa Térmica - 08/10 (Café) - 1U

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
- Nada que um bom café da manhã não resolva!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
Fabricar ou encontrar Explosivos
Capturar Zev
Executar quatro missões em nome do Exército
Chegar no Farol


Vício: 04/10


Kerigus
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 350x120
Créditos :
5
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Kerigus
Marinheiro
Mary Van Tassel


Estava feliz de buchinho cheio de sopa, ela tava gostosa apesar de não ser aquela carne suculenta que eu queria. Depois da alegria da sopinha, as coisas mudavam de forma grave, a sala onde Kat estava tinha aquele cheiro comum de quando alguém está próximo a morte, eu já tinha sentido esse cheiro muitas vezes durante a minha vida de médica, logo isso já mudava meu semblante conforme eu avançava no local.

Kat estava muito mal, ela provavelmente não tinha muito tempo, o que era estranho, quando eu tratei ela depois do combate estava tudo certo, talvez ela fosse demorar para se recuperar, mas não era para isso estar acontecendo com ela, havia algo errado ali. Ela tentava falar mas não tinha forças para fazer isso direito, Kat estava muito debilitada e era bom ela não fazer muito esforço. O homem que estava ali se apresentava e nos passava o resto das informações que precisávamos saber, aparentemente Kat era somente a vice-líder do local, enquanto o verdadeiro líder havia saído para uma missão e estava chegando logo logo, sem contar que estávamos prestes a receber uma ligação importante dele. Aquilo tudo era algo que eu não esperava, nós não estávamos a muito tempo no exército efetivamente, e já estávamos praticamente mantendo as coisas nos eixos por onde passamos, como se a vida nos estivesse dando oportunidades de mostrar nosso valor de forma rápida e direta.

Depois de ouvir tudo eu não tinha muito a dizer, no fundo eu queria tentar descobrir o que havia de errado com Kat então deixava Lucy cuidar da ligação caso ela chegue e tentaria ver o que descobria sobre Kat. - Eu vou ver isso agora. - Diria para Lucy caso ela comente sobre eu tentar tratar Kat. - Vamos ver o que temos aqui, me diga se sentir alguma dor. - Diria para Kat enquanto começava a tentar entender o que ela tinha, já tinha uma noção dos sintomas, mas precisava de mais informações sobre o que estava acontecendo com ela enquanto tentava decifrar este veneno. - Você sabe me dizer quais sintomas elas apresentou depois que começou a piorar? - Perguntava para Gallardin enquanto examinava Kat. - Xiu não fale você precisa descansar deixe que cuidamos de tudo até o comandante chegar. - Diria para Kat caso ela tente se manifestar para falar algo do trabalho.

Examinar ela de forma completa, cor dos lábios, alguma pigmentação diferente na pele ou nos olhos, sensibilidade à luz ou som, alguma coloração diferente em alguma parte do corpo, principalmente os dedos e lábios, pois muitas vezes os sintomas começam a aparecer por estas partes. No fim utilizaria todas informações que conseguisse e os meus conhecimentos para tentar descobrir que veneno a estava afetando, sabendo qual veneno era seria mais fácil de curar ela, apesar de que talvez hajam algumas sequelas mesmo que ela seja tratada, devido ao nível avançado do envenenamento. Não sabendo qual era o veneno que o governo usou nela, ou sabendo o veneno mas tendo noção que não havia cura, não me restava muito a fazer além de reduzir o sofrimento dela com medicamentos para dor e para ela se sentir melhor até o fim. Caso eu saiba uma forma de tratar aquilo, diria para Gallardin me trazer o que precisava, sejam ervas da floresta ou medicamentos para neutralizar o efeito do veneno, tudo precisava ser feito de forma muito rápida, não podiamos perder tempo, afinal Kat não tinha muito tempo.

Histórico:

Infos:
Legenda:



Formiga
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Teste
Créditos :
16
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor

Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


A situação de Kat estava complicada, seus olhos já não liberavam mais aquele brilho vivo, seu corpo estava corroendo aos poucos e parecia que nada mais poderia ser feito – Ela teve uma melhora, estava conversando normalmente e não parecia ter sinais de envenenamento. Quando foi a noite, saí para ajudar outros que estavam precisando e quando voltei ela estava completamente paralisada, achei que estivesse ido a óbito. Enquanto examinava seu estado ela voltou ao normal e disse que tinha dormido, mas achei muito estranho e fiz alguns exames... mas eles demoraram de chegar, já que era preciso ir até Lvneel realizar o contato com o laboratório. Quando liguei pedindo notícias, me falaram que suas veias estavam saltadas e com essa coloração estranha, voltei correndo e então ela só veio piorando em um estado irreparável. – Falou o homem enquanto respirava fundo – O exame feito com seu sangue não apresentou a presença de nenhum composto, o que me leva a acreditar que seja algo vindo da Grand Line, feito pelo próprio governo para ser imperceptível. Isso é, pelo menos aos maquinários mais simples... – A figura masculina estava visivelmente triste com toda a situação de Kat – Estou fazendo uso de alguns medicamentos para que ela não sinta dor, e também alguns para combater alguns sintomas na esperança que ela sobreviva, mas não tenho muita expectativa nisso. – Concluiu o homem.


Mary pode ver que a parte interior da boca da mulher estava completamente roxa, em alguns pontos estava literalmente preta, como se estivesse em estado avançado de necrose. O odor fétido que saía daquela área também indicava que o interior do seu corpo estava em uma situação parecida. Não apenas isso, seus olhos sem vida – na parte inferior – estavam com uma tonalidade amarela escura, com alguns filetes vermelhos e o globo ocular bem ressecado. Era impossível para Mary identificar do que se tratava ou pensar em algo que pudesse curá-la daquela condição, aquilo parecia ser algo que ela nunca tinha visto, afinal, eram vários sintomas diferentes que levavam a diversos venenos, mas sem uma conclusão por parte da Ruiva.

Lucy por outro lado resolveu atender o Den Den e começou a falar com todo seu jeitão que não levava nada a sério, quando via a oportunidade para tal - Kat está mal? - Uma voz rouca e grossa foi ouvida pela garota, aquela voz foi capaz de fazer todo corpo da pequena tremer - Essa linha é segura, aqui quem fala é Ragnar Kalt, o General do Exército do Norte. - A figura foi direta em suas palavras, mostrando para pequena Lucy com quem ela estava tendo a honra de interagir - O que aconteceu com Kat? Me explique tudo em detalhes. - Continuou falando e esperando uma resposta, era possível ouvir o som pesado da sua respiração e o ranger dos seus dentes... ou seria um “rosnado”? Bem, não dava para saber ao certo - Os sintomas! Preciso que me diga tudo que está acontecendo com seu corpo. Onde está Gallardin? Lihito ainda não deve ter voltado... Como é o nome daquelas duas? - Essa última frase Lucy pode notar que não era direcionado a mesma, parecia que ele estava interagindo com outras pessoas – Mary e Lucy, sim, é isso que foi passado pelo relatório de Stevelty. – Uma voz feminina foi ouvida pela pequena.

- Mary e Lucy estão aí? Recebemos um relatório sobre um traidor que elas estão caçando e Jon parece confiar. Chamem elas imediatamente! - Bradou a voz com um pouco mais de vigor, mas ainda mantinha a educação. Quando revelassem que eram elas e também o estado de Kat, Ragnar então continuaria - Não temos tempo e então serei breve. Mandei alguns homens para reforçar o apoio em Lvneel, é um lugar estratégico aqui do Norte e não podemos perder nossas forças aí. Eles estão responsáveis por realizar outra missão, então preciso que vocês causam uma distração para que eles possam ter sucesso, aproveitem disso para aumentar a notoriedade pelas suas cabeças e também capturar o traidor, já que suas caras estão estampadas em cartazes, aproveitme para se tornarem pilares da revolução. - Ele falava com tranquilidade e firmeza - A segunda tarefa que estou diretamente dando a vocês é: levem amostras do sangue da Kat para Grand Line, só assim conseguiremos criar um antídoto para esse veneno, irei avisar para um dos meus homens ajudá-las no transporte, ele entrará em contato em breve. Desejo-lhes sorte! - Finalizou Ragnar desligando a ligação.

A situação estava clara e os próximos objetivos também, capturar Zev e levar o material até a Grand Line eram de responsabilidade da dupla, enquanto alguns homens do general iriam realizar uma outra missão em Lvneel, pelo jeito, com mais discrição.


Histórico:

Legendas:





Achiles
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 Bf3w3iH
Créditos :
38
Localização :
Farol - Grand Line
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2060-iv-you-ll-never-see-me-cry#22235
Achiles
Pirata





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



A pessoa com quem eu estava falando definitivamente não era Lihito. O homem parecia bem mais másculo e sua voz bem mais forte do que representava chegando a fazer meus ossos tremerem de uma maneira que nunca tinha sentido antes. Era estranho até para mim ter aquele sentimento de que o homem era mais forte do que eu, claramente era. – Kat está mal, foi envenenada de alguma forma e agora aparenta estar em seus últimos momentos. Segundo Gallardin, ela foi encontrada completamente paralisada na noite anterior a esta, suas veias se encontravam saltadas e com uma coloração estranha e desde então ela vem ficando cada vez pior. – Repetia as informações que o médico havia comentado. – O exame de sangue não revelou nenhum composto, o médico disse que está aplicando medicamentos referente a diminuição de sintomas e dores. – Completava. Olhava para Mary. – Talvez Mary saiba descrever melhor. – Diria, repassando o Den Den Mushi para a explicação daqueles sintomas, caso fosse possível.

Retomaria o caramujo quando fosse encerrado desta parte para responder ao General mais uma vez. – Eu sou Lucy, a quem falou agora é Mary. – Confirmaria as nossas vozes. – Certo, General. Faremos o nosso esforço para que as missões sejam concluídas com sucesso. – Diria em uma tentativa de ser tão firme quanto ele, desligando a ligação após o seu fim e assentindo com a cabeça. Caso alguém tivesse algo a falar nesse tempo, passaria a voz para tal pessoa.

De toda forma, para causarmos uma distração primeiro precisávamos saber quais as informações que tínhamos a respeito de Zev, o nosso alvo. – Cadê aquela mulher de antes? Como era o nome dela mesmo?! Era a segundo em comando, não? – Perguntava para Mary, questionando-a. – Precisamos falar com ela, ela deve saber de algo. – Não queria forçar Kat com perguntas, principalmente em seu estado. – Galllardin, faça nos o favor de colher uma amostra se já não a tiver em mãos e guardá-la. Precisaremos dela mais tarde. – Olharia para Tassel uma segunda vez. – E aí ruivinha, bora para próxima? – Sorriria, empolgada.

Eu ajeitaria o martelo em minhas costas e então retiraria ele, olharia para o seu estado e se ele estava pronto para uma nova batalha e então para Gigipsta. – Não me separarei de você novamente, iremos juntas. – Acariciaria as suas penas, sorrindo. – O meu martelo precisa de uns remendos. Volto rápido. – Começaria uma corrida em direção a forja ou a área de serviços dentro do acampamento.

Meu objetivo seria remendar o meu martelo e dar uma leve fortificação nele para que aguentasse mais uma batalha, vendo que teria que trocá-lo futuramente. Como que eu faria isso? Primeiro, avaliaria o cabo e então revestiria ele com couro, tentando fortalece-lo e deixa-lo mais firme, as cabeças, faria algo similar, ajeitando-o para que as tiras de couro fizessem um triângulo junto ao cabo e desta forma, tudo ficasse mais grudado. As cabeças dele seria o mais problemático já que não tinha uma forma de reforça-lo sem ter que retrabalhar o metal, por isso, deixaria desse mesmo estado.

- Preciso ter algo reserva... – Pensava e então correndo até a cozinha e me direcionando para o cozinheiro. – Preciso de uma faca de cozinha afiada para cortar carne. Tem aí? – Perguntava e então jogando cinquenta mil berries na mesa. – Essa aqui não volta pra cozinha, compra outra no lugar, valeu! – E então mais uma vez correndo para a cabana de estratégia onde torcia para que todos já estivessem reunidos. – Informações? – Perguntava.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 30
Ganhos:
- Proficiência: Química – Post 03
- Proficiência: Explosivos – Post 04
- Maleta Azul – 15U – Post 06
- Garrafa Térmica 1L (08/10) – Post 06
- Missão 01 – Buscar Suprimentos – Post 16
- Salário da Missão 01 (3.000.000 B$) – Post 25
- Missão 02 – Resgate da Prisão – Post 25

Perdas:
- 2.700.000 B$ - Post 06

Dinheiro – Bolso: 8.640.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz
- Maleta Azul - (+) 15U
- Garrafa Térmica - 08/10 (Café) - 1U

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
- Nada que um bom café da manhã não resolva!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
Fabricar ou encontrar Explosivos
Capturar Zev
Executar quatro missões em nome do Exército
Chegar no Farol


Vício: 05/10



_________________

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 BhECXT7
Kerigus
Imagem :
 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 6 350x120
Créditos :
5
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Kerigus
Marinheiro
Mary Van Tassel


O estado de Kat era irreversível, não havia mais o que fazer e isso me fazia me sentir mal por não ser capaz de fazer o que um médico deve fazer, mas infelizmente momentos assim eram inevitáveis. O governo tinha envenenado ela com algo que era impossível de resolver com as ferramentas que eu tinha em mãos, me causando esse sentimento de frustração, por não ser capaz de resolver algo que se faz extremamente necessário.

Lucy me passava o telefone e eu passava todas as informações com detalhes dignos de um médico para o líder da revolução na região. Depois de Lucy terminar de falar eu adicionaria algumas informações para ele. - Nós já aumentamos o preço da nossa cabeça um pouco, invadimos uma prisão e salvamos alguns revolucionários locais e também protegemos o navio de suprimentos de uma emboscada dos agentes, foi nesse combate que Kat foi envenenada provavelmente, mas veremos o que mais podemos fazer para causar mais caos nessa cidade. - Depois disso passava para Lucy, Gallardin ou desligava, dependendo do que fosse ser falado naquele momento.

Após isso, evitava olhar para Kat, a visão de como ela estava me deixava muito frustrada por não conseguir ajudar. - De preferência coloque a amostra de sangue numa caixa selada com gelo seco para que ela dure mais. - Ao que parecia ele também era médico mas eu ainda estava um tanto abalada, e acabei falando isso sem pensar se ele sabia ou não como armazenar o sangue. - Não lembro muito bem o nome dela. - Respondia para Lucy de forma mais direta e talvez um pouco fria. - É vamos ter que cortar mais umas cabeças… - Respondia novamente ainda me sentindo frustrada com a situação de Kat.

Depois de sair Lucy ia resolver seu martelo e eu ia ao encontro da senhora idosa, durante a procura não era visível que eu estava abalada com a situação de Kat, afinal eu era bom em esconder isso, mas caso a pessoa me conheça um pouco melhor ela perceberia que tem algo errado. - Ei preciso de sua ajuda na próxima missão, podemos conversar no que QG em alguns minutos? - Diria para a senhora enquanto mantinha uma expressão séria. - Ok, somente vou procurar Vesra e já te encontro lá. - Concluía depois da resposta da senhora.

Depois disso ia ao encontro de Vesra para chamar ela para a próxima missão. - Ei Vesra, tá pronta pra mais uma? Temos nossa próxima missão já vamos pro QG e eu passo mais informações. - Caso ela diga que iria me encontrar no local, eu sairia de onde ela estava dizendo. - Ok te espero no QG. - Voltaria devagar para o QG não queria ir até lá então tomava meu tempo sem muita pressa. - Mary, isso não pode ficar assim eu entendo, mas não é hora de ficar abalada desse jeito, se não você isso pode afetar você durante a missão. - Não se preocupe, na hora eu vou estar bem. - Respondia para o velho que parecia não acreditar muito mas não continuava o assunto.

Chegando no QG iria procurar um mapa e ver se havia algum local interessante tipo a prisão ou algum depósito de armas do governo que seja um pouco mais afastado de tudo, seria interessante destruir este local e causar uma confusão legal. Quando a senhora chegar no local iria passar as informações que o líder deu para nós.- Existe um grupo de revolucionários vindo para a ilha como reforço, precisamos causar uma distração para ajudar eles a chegar aqui e cumprir sua missão, Lihito também disse para mim e Lucy chamarmos mais atenção e aumentarmos o valor das nossas cabeças, logo da para fazer os 2 juntos. Você sabe se temos alguma informação do Zev? Seria útil se podermos causar essa confusão já caçando ele. - Não mencionaria Kat, acreditava que ela já sabia o que se passava com a garota, mas caso ela pergunte deixaria para Gallardin ou Lucy falar caso eles estejam ali, se isso não for possível eu iria responder. - Kat está… mal… muito mal… ela foi envenenada pelo governo naquele combate e não temos como curar, Lihito pediu para levarmos uma amostra de sangue dela para a grand line para que possa ser analisada, provavelmente essa não é a primeira vez que este veneno causa problemas.

Histórico:

Infos:
Legenda: