Tópicos Recentes
Destaques
Klaus
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Akira
Sasha
Ás
Shiori
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Últimos assuntos
Sasha & Shiori: The Brave and The Bold.Hoje à(s) 6:51 pmpor  FormigaLoja de CréditosHoje à(s) 6:46 pmpor  SamiraCréditosHoje à(s) 5:33 pmpor  Formiga I — Te vejo por aí, caubói. Hoje à(s) 4:18 pmpor  MendoncaCabra da Peste, vol 4 - InterlúdioHoje à(s) 3:40 pmpor  SubaéIII - Death or ParadiseHoje à(s) 3:21 pmpor  Johnny BearCapitulo II: Sonho de Uma Noite de Verão.Hoje à(s) 1:02 pmpor  FormigaCriação de Profissão PersonalizadaHoje à(s) 10:16 ampor  Samiraficha Aika KinHoje à(s) 8:42 ampor  Yami[Ficha] Formiga-Ant BoyHoje à(s) 8:42 ampor  Yami
 :: Oceanos :: Blues :: North Blue :: Lvneel
Página 2 de 8 Página 2 de 8 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte
Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Relembrando a primeira mensagem :

III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!

Aqui ocorrerá a aventura do(s) Revolucionários Lucy Von Kral & Mary Van Tassel. A qual não possui narrador definido.


Última edição por Sasha em Ter Jan 25, 2022 1:10 pm, editado 1 vez(es)

_________________



 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 WN4Utd7


Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 1
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


A viagem finalmente tinha acabado e uma nova Ilha estava diante dos olhos da dupla revolucionária. Seus objetivos eram claros, mas Lucy se mostrava um pouco mais preocupada com as possíveis situações que poderiam se envolver na caçada, principalmente a pequena, por conta do seu vício ligeiramente complicado de lidar. A criatura minúscula logo se apresentou a Vesra, que estava acompanhando Mary pelo convés do navio, pelo jeito o quarteto virou um quinteto – sim estou contando com a Gigi e o velho –. De qualquer forma, o capitão ouviu as palavras de Tassel sobre uma possível célula revolucionária na região – Sim, existe um lugar. Ele fica em meio a floresta de Lvneel, não me lembro o ponto correto, mas não deve ser difícil de encontrar. É um assentamento que abriga pessoas contra o governo da Ilha e também os exilados, além de servir como uma base pra revolução... mas tomem cuidado por lá, não é um lugar que pode ser chamado de seguro. – Respondeu o capitão um pouco apreensivo, dando a entender que o lugar não era um ambiente tão bom assim.

A lendária ave destruidora de mundos, vulgo Gigi, foi mandada por Lucy para averiguar e buscar por Zev, bom, claramente não daria certo, já que a pequena nem sequer treinou algum comando com a coruja, mas ela partiu em direção ao céu. A dupla logo saiu da embarcação e percorreu a extensão do porto com cautela, afinal, a força da marinha vaga por ali realizando a segurança, mesmo que não fossem procuradas, elas tinham que tomar cuidado. Se bem que... elas são procuradas. Por sorte se esconderam em meio aos transeuntes e usando suas vestes para esconder as particularidades da sua aparência, afinal, uma mulher tão bela e ruiva, chamaria facilmente a atenção de qualquer um por ali. Enfim, o caminho do porto em direção a área comercial levou algum tempo, tempo o bastante para que Mary falasse um pouco mais da sua história – Sim, por favor, eu quero ver. Não existem muitos adeptos por aí e nem muita informação também… – Comentou a loira que caminhava com tranquilidade.

Após alguns minutos de caminhada, elas entraram no setor comercial de Lvneel, na cidade principal da Ilha. O lugar era grande, com ruas largas e bem estruturadas para ocupar aquele montante de pessoas que vagavam por ali, carregando sacolas de diferentes cores e tamanho. O castelo estava bem mais próximo, sendo possível ver toda sua estrutura extremamente bela com facilidade, era algo realmente digno da realeza. Algumas pessoas estavam em barracas vendendo seus itens, como frutas, cremes corporais e miçangas, oh maldita era dos artistas não valorizados. Por fim, encontraram uma loja que aparentava vender o item que buscava, pelo menos aquele primeiro item inicial – a mochila/maleta –. O interior da loja não tinha nada que chamasse atenção, era um lugar bem simples com algumas estantes com itens a vista, tais itens variavam desde mochilas, maletas, malas de viagem e sacolas para aqueles adeptos a incursões longas pela mata – Bem vindas! No que posso ajudar? – Falou uma senhora na casa dos seus sessenta anos, ela andava devagar e usava uma bengala de madeira – Mochilas e Malas? Certo, temos aqui algumas opções. – Continuou a velhinha.

Logo ela mostrou as opções disponíveis, que variam suas cores e também o tamanho. A mais barata custava cerca de duzentos e cinquenta mil, mas não aguentava nada mais do que dois itens. As mochilas/malas com cinco slots custavam quinhentos mil, as de 10 um milhão e duzentos mil berries, as de quinze estavam na casa dos dois milhões e meio e maior que isso apenas por encomenda – Qual vão querer? – Perguntou a velhinha.


Histórico:

Legendas:



Achiles
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 Aecfe07ef5c7ca842816fd453e897a56
Créditos : 13
Localização : Lvneel - North Blue
AchilesAvaliador
https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t1725-iii-death-or-paradise#18382





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



O capitão da embarcação nos dava uma dica de onde encontraríamos outros agentes revolucionários que poderiam saber mais em relação a nossa missão e talvez fosse até melhor do que ir simplesmente vigiar o quartel general da marinha de forma até mesmo, arriscada. Entretanto, este era um assunto do qual tomaríamos quando chegássemos no quartel ou similar a isto. Em meio ao caminho, foi possível ver o belo castelo de Lvneel e estar tão próximo dali me dava uma leve excitação, talvez fosse bem divertido entrar por ali e brincar um pouco em seus pátios tentando usar da minha furtividade para me manter fora de vista.

Ou, talvez fosse apenas arriscado demais e devêssemos manter fora de vista de qualquer maneira. O lado bom é que não éramos procuradas, os revolucionários provavelmente devem ter abafado qualquer caso em relação a base dos agentes que invadimos e claramente nossos rostos não seriam identificados com facilidade. Hahaha! Como é bom ser revolucionária!

A loja do qual adentrávamos era fantástica! Haviam tantas opções! Tinham malas rosas, bolsas lilás, até mesmo uma verde-musgo! HAHA! Porra, demais! Eu estava fascinada com tantas escolhas que até mesmo ficava indecisa da qual eu levaria, entretanto, queria levar uma GIGANTE, algo que poderia ser maior do que um prédio! Mas não era muito bom levar ela assim dessa maneira.

Ao lembrar das malas, me lembrava da minha garrafa térmica que havia ficado junto com Anne... Que saudades da minha companheira... – Moça, vou querer uma azul, das cor dos tritões. Além disso, você venderia uma garrafa térmica também?! Vou querer uma vermelha. – Eu sorria, procurando depositar a quantidade para pagar pelos dois itens, a maleta azul de 15 U e a garrafa térmica.

- Tô pronta, podemos ir? – Diria, tentando focar em não dizer os nossos nomes em voz alta para que não fôssemos reconhecidas, embora isso não fizesse muito sentido já que não éramos procuradas, hihihi! E dessa forma procuraria me direcionar ao nosso primeiro plano. Entretanto, caso houvesse um beco que entrássemos que não houvesse ninguém por perto, chamaria a atenção de Mary. – Você prefere a vigia ou irmos até onde o Capitão disse? Ambos são interessantes. – Perguntava, tentando confirmar o plano.

Mary dava uma ideia de que poderíamos nos separar pela terra e o céu para encontrar pela base o que seria bem mais proveitoso e um plano bem mais aceitável do que o nosso primeiro, desta forma, logo olhava para ela. - Não há a necessidade de retirar o seu capuz. Um chamado seria mais eficaz. De toda forma, não vamos perder mais tempo. - Diria estando pronta para partir. Entretanto, não faria planos imediatos antes de começar meu voo, chamando por Gigipsta através de um apito especial utilizando os dedos em minha boca. - Oi bebê! - Sorriria ao vê-la.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 06
Ganhos:
- Proficiência: Química
- Proficiência: Explosivos

Perdas:
- N/A

Dinheiro – Bolso: 8.340.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
-  Tá sussa!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
• Fabricar ou encontrar Explosivos
• Capturar Zev
• Executar três missões em nome do Exército
• Chegar no Farol


Vício: 02/10



Última edição por Achiles em Qua Fev 02, 2022 2:39 pm, editado 1 vez(es)
Kerigus
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 XiE51SL
Créditos : 5
KerigusMarinheiro
https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Mary Van Tassel


Nosso estimado capitão nos dava algumas direções para encontrarmos o que seria uma base dos revolucionários na ilha mas talvez aquilo fosse ser meio problemático já que o local não era muito seguro, o que era de se esperar uma ilha dominada pelo governo mundial não devia ter muitos locais para os revolucionários se manterem tranquilos, talvez fosse ser meio problemático chegar até eles, mas ao mesmo tempo os ganhos que teríamos ali no quesito informações compensariam os riscos, além de aliados é claro, o que é sempre importante. A minha conversa com Vesra foi realmente tranquila com o que eu falei, não sei se ela não falou muito devido a minha história, mas eu espero no futuro conseguir ter uma conversa melhor com ela sobre tudo isso.

Chegamos na loja com uma certa tranquilidade, as opções de mochila eram diversas e infelizmente lá se ia meu dinheiro quase todo de novo, essa vida de pobre é triste as vezes, talvez me vá aposentar em uma ilha paradisíaca numa casa na beira da praia só com paz e tranquilidade, mas para isso eu preciso ser rica e bem, não tem dado muito certo atualmente. - Eu vou querer essa de 2 milhões e meio também… e não tem um desconto pra duas compras assim? - Concluiria minha frase com um grande sorriso para o vendedor tentando conseguir um desconto, por fim conseguindo ou não o desconto pagaria e agradeceria pelo atendimento, antes de sair organizar minhas coisas na mochila, colocando as coisas que mais usaria como morfina, bandagens, álcool, agulhas e linha de sutura, nos bolsos laterais para ter mais facil acesso a eles quando precisar.

Mochila:

Depois disso Lucy queria saber o que faríamos agora, vigiar ou encontrar a base que o capitão nos falou. - Eu acho melhor irmos para onde o capitão nos indicou, a gente não sabe nada da ilha ainda não sei se é uma boa ficarmos vigiarmos algum local sem conhecer a região direito, além do mais eles podem ter informações sobre alguém importante chegando na ilha. - Então iria com Lucy e Vesra para a floresta, logo antes de entrar diria para Lucy voar com Gigi o mais alto possível para tentar encontrar o acampamento do alto. - Lucy você pode voar com sua coruja o mais alto possível e tentar encontrar o acampamento do céu? Eu vou tirar meu capuz para ficar mais fácil de você me encontrar pelo meu cabelo caso algo aconteça. - Falava já tirando o capuz. - E vamos tomar cuidado dentro da floresta, uma base existir assim em uma ilha do governo pode ser perigoso se aproximar mesmo sendo amigos, afinal eles não nos conhecem. - Concluiria falando para Vesra e Lucy, antes de entrar na floresta definitivamente.

Dentro da floresta tomaria cuidado onde piso, para tentar evitar armadilhas e iria avisar para minhas colegas caso eu encontre uma para tomarem cuidado com ela. Caso encontre alguém que não pareça ser somente um civil, guarda ou parte do governo levantaria minhas mãos na altura do ombro e diria. - Somos amigos, viemos de Stevelty em uma missão do exército. - Me manteria sempre sério e tentaria não parecer um problema para quem encontrarmos. Se perceber alguém que seja inimigo diria para Lucy e Vesra se esconderem, no caso delas verem alguém e falarem para nos escondermos faria o mesmo. - Escondam-se rápido… - Tentando me esconder em arbustos ou atrás de alguma árvore maior.

Histórico:

Infos:
Legenda:
Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 1
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


A dupla estava na nova Ilha repleta por marinheiros e sem rodeios, partiram em direção a uma loja com os itens que buscavam. Já na loja foram recebidas pela velhinha que apresentou todos os itens disponíveis – Certo, vou separar para vocês. – Falou a senhora enquanto terminava de ouvir as palavras da ruiva, voltando sua atenção unicamente para ela – Hum... tá, tá bom. – Respondeu de maneira desleixada voltando a caminhar em passos extremamente lentos na direção dos itens escolhidos pela dupla. Demorou, sim, demorou bastante para que ela retornasse do interior da loja carregando um par de sacolas de plástico em mãos, ambas carregando o logo simplório da loja, um rosto feminino sendo espremido por mochilas e alguns outros itens. Para Lucy foi cobrado uma taxa de exatos 2.5 milhões de berries pela mochila, além de 200 mil pela garrafa térmica de 1l; já para Mary, recebeu um pequeno desconto pagando a mixaria de 2.4 milhões de berries, um incrível desconto de 100 mil.

Talvez aquilo não fosse o bastante, mas foi o que a senhora podia dar para que seu lucro não fosse irrisório. Já do lado de fora tramaram os seus próximos passos, tendo a ruiva tido a ideia da pequena Lucy viajar pelos céus com sua companheira, que por sinal, deveria ser ensinada alguns comandos para que os próximos passos não dêem merda. A coruja não demorou de voltar, voando com velocidade enquanto caia do céu em direção ao trio, era possível ver suas garras abraçando um pequeno e estranho item, que porra era aquela? Bom, logo que ela chegasse a altura do grupo, Lucy poderia ter uma melhor visão da pequena cápsula de weltschmerr, mas sabe lá se a revolucionária sabia o que aquele item fazia? Sem instruções de uso e nem nada do tipo, a lendária Gigi apenas deixou o item cair no chão, estando pronta para alçar aos céus junto com sua dona.

Com os novos itens e tudo preparado, o trio então se dividiu: Mary e Vesra foram por terra, enquanto Lucy aproveitava a liberdade do céu para se movimentar. Falando de Mary, pelas ruas ela pode notar um alto fluxo de pessoas como dito anteriormente, além de claro, um número considerável de marinheiros que vagavam em rondas distintas, mostrando que o local era bem dominado pela organização rival dos revolucionários. O caminho até a floresta foi relativamente longo, mas não sendo capaz de causar algum incômodo nos membros das que caminhavam por terra. A entrada na floresta aconteceu com simplicidade, não tendo nada que valha a descrição naquele ambiente padrão, isso é, pelo menos naquele início. Não demorou para que o grupo notasse o aumento das árvores, tanto no tamanho quanto na circunferência. A mata ia se fechando a cada minuto que as meninas invadiam o lugar, ficando difícil até mesmo avistar Lucy e Giigi dominando o céu.

O decorrer da caminhada manteve a tranquilidade do início, tendo apenas uma maior dificuldade a cada passo dado. O terreno era complicado, declives, pequenas subidas e muito mato espalhado por todos os lados, o que forçava a dupla a ter um cuidado redobrado, como a própria Mary já veio tendo. Do céu, Lucy tinha uma visão ampla do ambiente e para ela nada mais diferia aquilo de uma simplória floresta, no entanto, mais a frente ela conseguiu notar uma cerca diferença, uma pequena área cercada com um número menor de árvores, mas que não permitiam ver com clareza o que estava naquele ambiente. As folhas e galhos pareciam maiores do que as outras, impedindo que até mesmo a luz solar passasse por elas com facilidade, um brilho chamou atenção da revolucionária, seguido pelo som de um disparo que ecoou pelo ambiente florestal. O tiro passou acertando de raspão uma das asas de Gigi, que partiu em maior velocidade descendo em direção a dupla que estava em terra, sendo escutado outros sons de tiro vindos do mesmo lugar.

Do solo foi possível escutar o som dos disparos e alguns metros a frente Mary pode ver um ambiente bem cuidado, com homens armados em volta, que por sinal estavam apontadas para Mary e Vesra. A ruiva falou algumas palavras que foram audíveis aos homens e mulheres espalhados pelas árvores e também pelo solo, uma figura feminina surgiu dos arbustos, seu cabelo era preto e algumas tatuagens estavam espalhadas pelas partes visíveis do seu corpo – Stevelty? Exército? Acha que iremos acreditar com tamanha facilidade? – Questionou a mulher que carregava uma espada presa em suas costas – Espere senhora! É ela! Aquela que está estampada nos cartazes, aquele desenho só pode ser ela. – Falou um rapazote de no máximo dezesseis anos, partindo em alta velocidade em direção a figura tatuada carregando dois papéis ligeiramente novos – [coor=red]Mary e... Lucy? Deve ser aquela que estava no céu.[/color] – Comentou a mulher em voz baixa, mas em uma altura que Mary e Lucy – se estivesse por perto – puderam ouvir – Certo, vamos entrar. – Concluiu a mulher.

O assentamento era grande o bastante para caber centenas de pessoas, que por sinal estavam por ali em diferentes casas e em pequenos grupos – Precisamos confirmar suas identidades, me acompanhem. – Falou a mulher apontando em direção a uma casa relativamente melhor que as outras, era uma casa de dois andares e bem estruturada. Ao entrarem no lugar, veriam um ambiente limpo e relativamente tranquilo, contando com cerca de três pessoas bem armadas e com expressão enfezada estampada em suas faces – Irei confirmar suas identidades, se estiverem mentindo... serão mortas. – Concluiu a mulher se aproximando do grande balcão de madeira, pegando um caramujo tão grande quanto sua cabeça e aparentemente ligando para alguém.


Histórico:

Legendas:



Achiles
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 Aecfe07ef5c7ca842816fd453e897a56
Créditos : 13
Localização : Lvneel - North Blue
AchilesAvaliador
https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t1725-iii-death-or-paradise#18382





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



Pagar aquele valor pela maleta azul que continha um grande interior e a garrafa térmica não eram tão pesados, era basicamente o salário de duas missões que havíamos efetuados e para mim o dinheiro não era tão importante atualmente. Depois de eu ter pago os remédios dos meus velhos, agora queria mesmo era gastar e aproveitar enquanto pudesse para não ter que viver uma situação como aquela novamente...

Gigipsta não demorava para vir ao meu chamado e trazia um item peculiar em suas garrafas, um item que era dado para mim como um presente pela a minha companheira e rapidamente eu colocava meus dedos em suas penas na cabeça. – Boa menina! Muito obrigada pelo presente. – Dizia com um sorriso olhando para o objeto em particular que tinha quase o meu tamanho, cof cof, tamanho pequeno. – Mas o que diabos isso faz? – Diria, olhando para o objeto enquanto segurava a minha garrafa térmica em minhas mãos e deixando a maleta ao lado. – Bom, talvez seja hora de descobrir depois. – E guardava a minha garrafa dentro da maleta e desta forma seria mais fácil de carrega-la, entretanto, percebia o botão dentro daquele objeto.

- Botão? – Apertaria com bastante curiosidade a respeito disso percebendo que não era um explosivo pelo meu conhecimento prévio e bem elaborado através do meu professor maluco. Ao apertá-lo, conseguiria ver a minha maleta desaparecendo diante dos meus olhos e rapidamente minha reação era de apertar aquele objeto. – Caralho, esse treco roubou minha maleta novinha! Devolva! – Diria, apertando ela novamente e vendo a maleta sair. – Ufa! Mas como diabos isso funciona?! – Olharia para Mary ou Vesra tentando entender um pouco do funcionamento, mas já vendo elas se distanciando ao longe e não podendo responder a minha pergunta.

Vendo que a minha maleta tinha voltado intacta do interior daquele treco, colocaria ela novamente dentro do seu interior ao apertar o botão e verificando se o objeto tinha o seu peso alterado ou não. De qualquer forma, era hora de voar! – Vamos Gigipsta! – Sorriria, voar era uma ótima sensação e compartilhá-lo com a minha amada era simplesmente perfeita.

A floresta do qual sobrevoávamos era mais complexa do que imaginávamos, a sua mata começava a se fechar aos poucos de forma que ficava mais difícil de tentar localizar uma base. – Será que é nessa mata fechada? – Perguntava retoricamente e de forma a surgir uma curiosidade. Outra dúvida que vinha em minha cabeça era em relação ao avanço pelo solo que provavelmente seria bem dificultado. Ainda bem que eu tinha minha lady comigo, hihihi!

Era nesse momento que eu tinha uma surpresa que me deixava enfurecida, algum filho da puta atirou na minha coruja e que por sorte pegou de raspão! Ao descer para aquele local, parecia que Mary tentava levar para a razão e alguma coisa em relação a um cartaz era dito, mas pouco disso me importava.

Eu olhava para cada mão e cada cintura procurando por qualquer pistola, rifle ou que fosse sacando o meu martelo e não me importando com nenhuma consequência e partindo na direção daquele que estivesse a minha frente e que pudesse ser o autor do disparo sem piedade. Caso não encontrasse ninguém utilizando uma arma de fogo por ali, começaria a me procura. Me esquivando de qualquer um que tentasse me segurar ou me atacar com movimentos laterais e saltos na diagonal e procurando passar por vãos minúsculos para tentar alcançar alguma torre de vigia ou qualquer ponto mais provável que houvesse um sniper.

Atacar revolucionários para mim não era nada importante, a vida de Gigipsta era algo do que ninguém poderia tirar de mim e eu não perdoaria quem sequer houvesse ferido ela. – Venha cá, seu merda! Você está morto! Quem mandou tu atirar nesse caralho?!

Com velocidade, procuraria exercer um golpe horizontal em direção ao peito da pessoa em um ataque furioso e completamente sem noção nenhuma de me defender ou qualquer outro tipo, seguindo em uma direção como uma berseker. A sequência começaria de ataques na diagonal procurando atingi-lo o máximo que conseguisse. Se ele se distanciasse, seguiria rapidamente em sua direção e desta vez exerceria um golpe ascendente procurando acertá-lo com o máximo de força que conseguisse. Não pararia de golpear de diferentes formas até ver a pessoa executora daquele disparo caída no chão e morta diante do meu martelo.

Ninguém conseguiria me parar por vontade própria utilizando um discurso no jutsu naquele momento já que minha fúria era incontrolável devido a terem acertado algo que era bem mais importante que a minha vida. Desta forma, atacaria quem tentasse me segurar para não arrebentar a cara do maluco que estivesse a minha frente, utilizando do meu martelo para executar os mesmos movimentos anteriores e tentando causar o máximo de dano e liberando um espaço para que voltasse a minha perseguição contra o homem.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 07
Ganhos:
- Proficiência: Química
- Proficiência: Explosivos
- Maleta Azul – 15U
- Garrafa Térmica 1L (Vazia)

Perdas:
- 2.600.000 B$

Dinheiro – Bolso: 5.740.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
- Tá sussa!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
• Fabricar ou encontrar Explosivos
• Capturar Zev
• Executar três missões em nome do Exército
• Chegar no Farol


Vício: 03/10


Kerigus
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 XiE51SL
Créditos : 5
KerigusMarinheiro
https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Mary Van Tassel


Nosso passeio na floresta parecia que ia acabar sem problemas até que ouvíamos tiros e isso já ligava um alerta em mim, a discussão começava meio complicada, eles não acreditavam em mim o que era de se esperar, afinal 2 pessoas chegando do nada na floresta e vim com esse papinho era meio difícil de acreditar mesmo, mas por sorte nossas caras estavam estampadas em uma folha de procurado. - Caralho eles podiam ter pego uma imagem minha melhor, eu sou mais bonita que isso aí… - Comentava em voz alta meu descontentamento com minha foto.

Mas toda situação mudava rapidamente quando Lucy liberava toda sua fúria devido ao tiro que deram em Gigi, a gente precisava parar ela antes de que um problema maior surgisse e ela arrancasse uma cabeça de bem devagar já que suas armas não são tão grandes, mas enfim… Eu Correria para tentar parar a garota bloqueando seus golpes e os desviando sempre que possível tentando a controlar e a acalmar. - Calma Lucy, Eles só estavam defendendo a base, não sabiam que éramos nós além do mais a Gigi tá bem foi só de raspão, depois tu dá uns tapa na de quem fez isso e a gente se resolve, precisamos focar no Zev agora uma coisa de cada vez. - Eu talvez entendesse o que se passava na cabeça de Lucy naquele momento, talvez se alguém fizesse algo parecido com o Velho eu reagiria da mesma forma. - Você me protegeria assim também Mary? - Eu ignoraria o velho, odeio quando ele parece ler minha mente, mas não tem como evitar. esperava que os outros não tentassem nos causar problemas depois disso tudo, e talvez não tivesse sido uma boa ideia citar Zev agora, mas acabou saindo precisava acalmar Lucy o mais rápido possível.

Histórico:

Infos:
Legenda:


Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 1
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


Lucy estava virada no jiraya! Atacar Gigi era como se estivessem pedindo pela morte em um megafone do tamanho da tchola do Rigel, mesmo que eles fossem da mesma organização da pequena. Seu único objetivo era macetar o atirador em questão, enquanto Mary parecia mais incomodada com o seu cartaz, claro, ela também não sabia que a pequena coruja tinha sido atingida. A anã desceu do céu já vasculhando todos os membros daquele assentamento com os olhos, buscando por alguma arma de fogo ou rifle forte o bastante para atingir o seu bem precioso daquela distância. Ela não demorou a encontrar uma figura masculina carregando um grande rifle em suas costas, sua fisionomia indicava que ele não tinha mais que seus dezesseis anos, alguém realmente novo para estar lutando pela causa, mas vai saber as motivações que levaram-no a fazer isso.

Sem pensar duas vezes ela partiu com velocidade em direção ao garoto, que ao ver a pequena vindo em sua direção se assustou, arregalando os olhos e dando alguns passos para trás. Faltava poucos centímetros para sua arma alcançar a carne do garoto e o som metálico percorreu todo o ambiente, Mary estava bloqueando cada ataque desferido por sua aliada, enquanto tentava acalmar suas emoções, mas sem muito sucesso. O grupo se preparou para o combate, já que por mais que soubessem – ou pelo menos achassem, por conta dos cartazes – aquela atitude ia contra a irmandade pregada em algumas células – Espere! Se acalme primeiro! – Falou a figura feminina em comando – Que merda eu tô falando? Nem sei se vocês são vocês mesmo! – Completou a mulher enquanto avançou na direção de Lucy, porém, parou no meio do caminho ME PERDOE! EU NÃO SABIA QUE ERA UMA ALIADA, ESTAMOS SENDO ATACADOS DIARIAMENTE... JÁ PERDEMOS MUITAS PESSOAS ASSIM. – Gritou o garoto em meio ao seu próprio desespero – EU JÁ FALEI PARA ESPERAR E ANALSIAR, NÃO PODE SAIR FAZENDO ISSO A TORTA E A DIREITA! – Uma voz feminina se espalhou pelo ambiente enquanto Lucy e Mary continuavam o combate.

Uma pequena senhora – bem semelhante aquela da loja – chegou literalmente dando uma bengalada na cabeça do menino que caiu de bunda no chão, sendo atacado repetidas vezes pela velhinha - [color=red]Eu.. Falou enquanto continuava a bater - [color=red]Já falei pra... – Ela aumentou a velocidade dos seus ataques - Para não atirar desse jeito?! Isso pode nos prejudicar! – Concluiu a mulher dando um grande suspiro. Enquanto Lucy focava em continuar seu avanço, todos ao redor estavam parados observando as ações da velhinha que caminhava até Gigi, que por sinal estava no chão, como se estivesse “sentada”. A velhinha agachou alguns centímetros em frente da Coruja, enquanto a encarava e em alguns momentos dava alguns sorrisos, era como se elas estivessem conversando de alguma maneira. Talvez nenhuma desculpa humana parasse Lucy naquele momento, no entanto, ver Gigi aceitando a aproximação e carinho de uma pessoa estranha, seria realmente uma surpresa - Você vai ficar boa, posso te ajudar se precisar. – Falou a velhinha deslizando seu dedo pelo “rosto” de Gigi - Está tudo bem? Ótimo, você é bem forte. – Concluiu a velha.

Ela ficou de pé e virou para o duelo que – pode está ocorrendo ainda ou não - Lucy! A Gigi disse que tá boa, pare com essa parafernalha. – Gritou a velha em direção a anã - Vamos logo que precisamos confirmar se são vocês mesmo, pelas caras eu tenho certeza que são, uma ruiva bonita como essa não se vê em todo lugar! – Continuou o falatório.


Histórico:

Legendas:



Achiles
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 Aecfe07ef5c7ca842816fd453e897a56
Créditos : 13
Localização : Lvneel - North Blue
AchilesAvaliador
https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t1725-iii-death-or-paradise#18382





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



- Sai da minha frente, Mary! Caralho! – Dizia enquanto trocávamos alguns golpes com eu tentando ao máximo de me livrar da ruiva para alcançar aquele filho da puta! – O Zev que se foda, caralho! Esse filho da puta aí irá pagar com a vida! – Podiam atirar em mim, na Mary, na Anne, em quem fosse, mas mexer com a Lady Gigipsta era o cúmulo para mim, não havia maneira de perdoar aquele homem que não me importava com a sua idade, queria vê-lo morto!

Desgraçado de merda! Era em uma súbita surpresa que meus ataques cessavam. Ver Gigipsta conversando com outra pessoa além de mim e aceitando os carinhos dela eram surpreendentes, a coruja não fazia isso com qualquer um e a velhota desgraçada tinha tocado as suas mãos em suas belas penas. – Tira a mão dela, velha canalha! Que merda tu pensa que está fazendo?! – Apontava meu martelo em sua direção estando pronta para avançar naquela velha.

- Esse filho da puta irá pagar da pior forma possível! Primeiro o Zev, agora atiram na minha coruja! Os revolucionários estão de brincadeira comigo mesmo! – E então eu direcionava os meus olhos para Mary. – Jamais entre em minha frente assim novamente, você não tem ideia do quão importante é Gigipsta! – Meus pensamentos agora voltavam-se para o meu passado.

Mais especificamente, para o dia em que conheci a Lady, uma simples coruja ferida que havia ido parar onde nós vivíamos e tínhamos a cuidado com tamanho carinho para curar a sua asa quebrada, a ensinando diversos comandos básicos e também a nossa primeira sela e como tínhamos voado maravilhosamente juntas. Eram momentos que faziam com que pequenas lágrimas saíssem em minha face e meu martelo fosse largado no chão já que não via como que conseguiria avançar até o homem.

Com a arma no chão, começaria a andar de forma direta em direção a minha coruja ignorando todos e qualquer um, inclusive as falas daquela velha e procurando ver com os meus próprios olhos os seus ferimentos. – Está doendo, bebê? – Diria, passando a mão em suas penas e cuidando para que não tocasse na ferida. – Ninguém mais vai te machucar. Se não matarei todos. – Gigipsta era a coisa mais importante do mundo para mim.

Me levantaria, olhando para aquele verme. – Tire esse homem daqui se querem me manter por aqui. Colaborarei com a merda das burocracias dessa porra. Então, tirem aquele merdinha. – Apontaria em sua direção dando ordens para quem estivesse próximo dele e ignorando qualquer cadeia de comando que estivesse próxima. – Traga algum veterinário até aqui! Não sairei do lado dela. – Diria olhando para a velhota com o semblante fechado. Não confiava naquela mulher, principalmente após Gigipsta ter deixado ela tocar em suas penas.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 08
Ganhos:
- Proficiência: Química
- Proficiência: Explosivos
- Maleta Azul – 15U
- Garrafa Térmica 1L (Vazia)

Perdas:
- 2.600.000 B$

Dinheiro – Bolso: 5.740.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
- Tá sussa!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
• Fabricar ou encontrar Explosivos
• Capturar Zev
• Executar três missões em nome do Exército
• Chegar no Farol


Vício: 04/10


Kerigus
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 XiE51SL
Créditos : 5
KerigusMarinheiro
https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Mary Van Tassel


Meu combate rápido com Lucy foi basicamente arma batendo em arma até que uma velha surgiu e apareceu acalmar a pequena, talvez não fosse normal alguém se aproximar da coruja e o bichinho aceitar, mas ela aceito a velha, mas isso pareceu não resolver por completo o problema, de certa forma a garota estava certa, ela entrou com Anne nos revolucionários e agora Anne desapareceu, os revolucionários tinham um traidor que foi a nossa primeira missão com eles e agora isso, realmente a coisa tava feia com eles.

- Relaxa, só fiz isso porque sabia que não foi nada. - Talvez isso não fosse bem verdade, mas talvez fosse. Virava para a mulher que parecia estar no comando ali e diria. - Então como pode ver o exército não foi muito legal conosco ultimamente, para mim não é um problema tão grande pois já nisso faz mais tempo, mas para ela… bem a coisa é mais recente, então vamos tentar lidar com tudo isso o mais rápido possível. - Tentava falar de forma descontraída, mas com toda aquela situação era bem difícil quebrar o gelo, e esconder o meu ego que no fundo estava bem alto depois de ser chamada de bonita, mas como eu não demonstro emoções ele só estava no fundo mesmo.

Esperaria tudo se resolver e depois seguiria com a mulher para provar nossas identidades, não esperava que aquilo fosse demorar muito então ia com Vesra para lá, Lucy talvez não fosse vir então eu diria para ela. - Me encontre com eles depois que estiver tudo certo aí se quiser, se não eu te encontro por aqui para te dizer o que eu consegui de informação. - Chegando no local somente diria sobre minha missão na ilha caso me perguntem, outras informações não tinha como dar agora. - Estamos perseguindo um traidor chamado Zev, ele se juntou a um grupo de traidores e foi para o lado do governo mundial, destruímos a base deles em Stevelty junto de John mas ele conseguiu fugir para Lvneel, e nó estamos em perseguição, o capitão do barco que nos trouxe disse que vocês estavam nessa floresta e então viemos aqui primeiro antes de ir atrás de Zev sem a menor noção sobre a ilha. - Dava uma pausa e olhava em volta do local onde estávamos tentando pegar alguma reação diferente de alguém. - Se vocês tiverem alguma informação sobre alguém importante para o governo chegando na ilha recentemente, esse alguém provavelmente seja o Zev e nós queremos a cabeça dele, bem talvez a cabeça dele não seja uma boa ideia já que ele deve informação útil, mas vai que ele tenta se defender e não tem outra opção… - Terminava minha fala dando de ombros e esperando uma resposta dos que estivessem comigo. Caso perguntem de Vesra eu imagino que ela possa responder mas se necessário eu responderia. - Ela veio no navio conosco e agora vai tornar a dupla que eu e Lucy éramos em uma trio.

Histórico:

Infos:
Legenda:


Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 1
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


A putaria estava formada e Lucy continuava puta com o homem que meteu bala na Gigi, mas vou ser sincero, não posso julgar suas ações. A pequena esbravejou algumas coisas enquanto a figura atiradora saía do ambiente, sendo levado por outros homens que o acompanharam por estar nitidamente abalado. As explicações de Mary foram de certa forma convincentes, mas ainda sim era necessário confirmar as suas identidades. A ruiva e Vesra foram caminhando pelo assentado que estava repleto de casas simplórias, construídas com materiais ainda mais simples do que o povo que vivia ali. Alguns olhares foram direcionados a dupla que seguia a aparente líder do lugar até uma casa ligeiramente melhor e maior, mas não era nada muito distante da condição do restante.

O interior da casa era simples, um pequeno balcão era visível logo próximo a entrada principal e atrás dele ficava um grande quadro negro com alguns números escritos a giz e outros no papel, que estavam presos no lugar. Um grande “caramujo” estava por ali também, provavelmente Mary já conhecesse aquele item e sabia a sua funcionalidade, se não, ela iria descobrir naquele momento. Em um dos números estava escrito o nome da Ilha anterior onde a revolucionária estava e logo uma espécie de ligação era feita. Enquanto a chamada não era atendida Mary foi perguntada sobre os motivos que levaram-na até ali, explicando todo processo relacionado a sua missão, o que pareceu “desarmar” a figura feminina, pelo jeito ela conhecia Zev ou pelo menos sabia algo relacionado a ele. Ela não falou muito, deixando que a ruiva continuasse o falatório de maneira tranquila, enquanto a nossa querida protagonista conseguiu ver que o interior da casa era algo bem comum e contava com cerca de outras três pessoas, todas do sexo masculino e aparentemente adeptos a revolução.

A demora para ligação ser feita acabou e logo a interação entre a figura de liderança e outra pessoa do outro lado da linha acontecia, tendo uma confirmação sobre a veracidade das identidades das duas, o que realmente aliviou todo aquele clima de incerteza – Certo, vocês são realmente vocês. – Falou a mulher desligando a ligação – Colhi informações sobre o Zev logo que soube de tudo e sim, ele permanece em Lvneel, aparentemente está se preparando para seguir viagem. – Continuou a despejar informações no colo da ruiva - Ele está atualmente na base do Quartel General, temos um homem infiltrado e com isso temos certeza das suas informações. Ele está atualmente em busca de encontrar o destino de Zev e o seu horário de ida, além de claro, obter informações sobre como tudo isso aconteceu e quais as motivações do Governo em ajudar Zev... vocês sabem de alguma coisa? – Questionou a mulher - Vocês tem algum plano em mente? Precisam de algo? Não temos muito... mas estamos aqui para ajudar. – Finalizou a mulher.

De volta a Lucy, ela continuava puta com toda aquela situação e a velhinha ainda estava ali, observando a ligação entre ele a lendária Gigi - Entendo porque ficou tão brava assim, mas garanto que ela está bem. – Falou a velhinha sinalizando para um outro homem - Chame Tok, por favor. – Completou a mulher que logo foi obedecida por um dos homens que estavam por ali. Não demorou para que ele voltasse junto com outro rapaz de cabelos vermelhos, bem semelhante a Mary, porém curtos e com alguns traços desenhados aparentemente com uma faca ou seria uma navalha? Bom, era um estilo de corte diferente, com alguns desenhos tribais em sua cabeça - Esse é Tok, o meu discípulo que vai cuidar de Gigi. – Completou a mulher olhando diretamente para coruja e novamente parecendo conversar com ela. O decorrer das ações seguintes foram simples, o homem cuidou da coruja de longe, pedindo para que Lucy tocasse nela de maneira que pudesse ver o ferimento, notando rapidamente que se tratava apenas de um simples arranhão. Ele entregou um pequeno pedaço de algodão com um medicamento curativo - Isso vai acelerar a recuperação dela, só passar no ferimento. – Falou a velha.

Enfim, não demorou para que um fodendo urso pardo aparecesse entre as árvores, assustando alguns homens que pelo jeito ainda não tinham se acostumado com as habilidades únicas da velhinha - Meu amor! Comeu direito? Dormiu bem? – Falou a idosa levantando e acariciando o urso, que respondia às suas carícias - Ótimo, temos novos visitantes! Gigi, esse é Poh e Poh essa é a Gigi. – Disse a velhinha apresentando ambos os animais - Não pecisa ficar com medo, eu tenho um... “poder” e posso falar com animais e entendê-los, então não terá nenhum ataque. – Tranquilizou Lucy que naquele momento podia ter se assustado com o ursão gente boa.

Por fim, alguns homens voltaram aos seus postos e outros permaneceram fazendo suas rondas como de costume, deixando apenas a velha e Lucy no ambiente.


Histórico:

Legendas:



Achiles
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 Aecfe07ef5c7ca842816fd453e897a56
Créditos : 13
Localização : Lvneel - North Blue
AchilesAvaliador
https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t1725-iii-death-or-paradise#18382





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



As falas daquela mulher me irritavam de uma maneira que era difícil segurar a minha raiva naquele ambiente, não era apenas a situação em que nos encontrávamos assim como os problemas que tínhamos em relação a divergência de informações e de uma base que não foi avisada com a chegada de novos revolucionários em busca de uma chave crucial contra o governo mundial e a caçada atrás de um traidor.

- Não sabemos de muita coisa. O homem é um filho da puta que conseguiu esconder a sua colaboração. Por sinal, se descobrir os seus motivos, é ótimo para nós, não precisaremos trazer apenas o cotoco dele... – Colaborava com a situação já que a nossa missão era CAPTURAR Zev e isso era algo que eu e Mary não queríamos já que isso resumia a deixa-lo vivo por mais um tempo e convenhamos... aquele homem merecia uma morte dolorosa e lenta. – Já que perguntou! – Pensava na minha garrafa térmica vazia. – Quero café. O suficiente para encher a minha garrafa e quero alimento para Gigipsta, a viagem foi longa e ela está cansada. Além disso, com esse ferimento, ela precisa se alimentar melhor do que o comum. – Abusava, mas por condições óbvias e nada muito extremista.

Conforme aquele cotoco de homem ia tratando a minha querida e amada Gigipsta, eu passava as mãos em sua pena tentando acalmar a minha querida, procurando manter o máximo de cautela possível para não a irritar e olhando diretamente para o ferimento tomando cuidado ao passar o medicamento com a maior precaução possível.

Minha surpresa era a porra de um urso enorme entrar na sala como se fosse normal e ela ter dito que tinha um poderzinho para falar com animais. Era nesse momento em que eu olhava para o urso e olhava diretamente nos olhos deles. – Minha Gigi não é salmão não, filho, olha para lá. – Confrontava o enorme animal.

As coisas tinham levemente se acalmado, entretanto eu ainda me irritava muito de pensar que o meu lindo bebê havia se ferido por um tiro disparo de fogo amigo... Caralho, que raiva! – Mary, tem mais alguma informação a compartilhar? – Dizia, confiando na ruiva por mais que ela tivesse entrado em meio ao caminho. – Precisamos emboscar esse homem... – Disparava uma ideia do que tínhamos que fazer. Com Gigipsta bem, se fosse necessário um melhor local para conversarmos sobre o assunto, seguiria em direção a este.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 09
Ganhos:
- Proficiência: Química
- Proficiência: Explosivos
- Maleta Azul – 15U
- Garrafa Térmica 1L (Vazia)

Perdas:
- 2.600.000 B$

Dinheiro – Bolso: 5.740.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
-  Tá sussa!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
• Fabricar ou encontrar Explosivos
• Capturar Zev
• Executar três missões em nome do Exército
• Chegar no Farol


Vício: 05/10



Última edição por Achiles em Sab Fev 05, 2022 2:29 pm, editado 1 vez(es)
Kerigus
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 XiE51SL
Créditos : 5
KerigusMarinheiro
https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Mary Van Tassel


O local todo parecia ser bem simples, sem muita coisa diferente, como se fosse realmente um assentamento de exilados, nada parecia ser de muita qualidade tirando as pessoas já que eles estavam aguentando a tanto tempo, provavelmente todos eram bons no que faziam. - A revolução nessa cidade tá bem precária mesmo, tá bom que em Stevelty a gente ficava numa caverna húmida e tal, mas aqui parece ser um pouco pior. - O Velho lia meus pensamentos, de novo… O caso é que se eles sofrem tantos ataques aqui o lugar tá até que bem inteiro. - Os líderes sempre ficam na casa maior e melhor né… - O Velho entrava correndo no local e começa a fuçar em tudo, ele andava quieto sem falar muito ultimamente, normalmente somente me seguia e fazia um comentário aqui e ali, mas parece que chegar naquele local trouxe um pouco o Velho mais agitado de volta, vamos ver quanto tempo isso vai demorar.

Após entrarmos no local eu era indagada sobre o motivo de estarmos lá e respondia de forma sincera, causando uma reação um tanto inesperada da mulher que parecia a líder do local. Aquela reação de certa forma foi inesperada para mim, ela sabia do Zev mas não sabia que a gente tava indo para a ilha, isso foi meio confuso, talvez John tenha esquecido de passar alguma informação. A mulher me passava as informações que eles tinham sobre Zev o que me deixava mais confusa sobre como eles não esperavam a nossa chegada, mas não era hora de indagar sobre isso, precisávamos de um plano e de mais informações. - Infelizmente não temos mais informações sobre ele, só sei que aparentemente o governo tem algo importante com ele, quando destruímos a base dos traidores em Stevelty, conseguimos alguns documentos ou restos deles, Jhon tinha ficado de analisar eles você pode tentar entrar contato com ele e ver se acharam algo importante sobre o motivo, e se possível perguntar para ele se encontraram algo sobre o que eu pedi para ele, é uma coisa pessoal ele sabe o que é. - Lucy chegava perguntando se havia alguma informação nova e eu respondia. - Eles sabem que Zev está escondido no QG da marinha e tem um infiltrado lá atrás de informações sobre ele, atacar o QG seria um problema então o melhor seria…

Dava uma pausa na minha fala enquanto pensava sobre a parte do plano. - Humm… Um plano sem informações é complicado, eu até tenho uma ideia do que podemos fazer, duas ideias na verdade. Eu entendo que os recursos são um pouco escassos aqui como você acabou de comentar, mas minhas ideias seriam… - Dava uma pausa novamente pensando na melhor forma de colocar a ideia em palavras. - Primeiro seria interessante ter um navio pronto para sair da ilha a qualquer momento, a informação sobre o Zev pode chegar atrasada e nós vamos precisar sair rápido para o perseguir pelo mar, não estou julgando seu infiltrado, mas pela importância que nós imaginamos o governo colocar no Zev, talvez a informação sobre ele seja mais complicada chegar até nós, ou até mesmo perigosa demais para seu infiltrado conseguir, e talvez não valha a pena perder um infiltrado no QG. - Mais uma pausa para respirar um pouco. - O segundo motivo é para caso o plano principal dê errado, e seja necessário sair rapidamente da ilha em perseguição. Por fim o plano principal seria um emboscada no caminho entre o QG o e barco que eles vão usar para sair da ilha, não temos ainda a informação sobre o caminho que ele fará ou onde vai estar o barco que vai sair da ilha, mas sabemos que eles vão estar prontos para uma emboscada, o meu plano precisa de umas 8 pessoas além de mim, Vesra e Lucy, precisando de 2 atiradores e 6 pessoas para combate corpo a corpo, vamos dividir em 3 grupos, o primeiro grupo seria eu, Vesra, Lucy e 1 atirador, quando eles chegarem no local da emboscada o atirador da um tiro acertando alguém para chamar a atenção, depois disso nós 3 iremos iniciar o combate a curta distância enquanto o atirador continua seus tiros, tentando mudar de lugar para cada tiro, depois que eles focarem sua atenção na gente, o segundo atirador entra em ação e também começa a atirar mudando de posição em cada tiro, quando este atirador começar, outras 3 pessoas entram no combate corpo a corpo de vindo de uma direção diferente da que iniciamos, e quando eles se organizarem novamente contra os novos inimigos, o último grupo de combatentes corpo a corpo entra de uma 3 direção diferente isso provavelmente vai acontecer em questão de 1 minutos, querendo ou não o governo normalmente é bem organizado então eles vão conseguir se adaptar rapidamente, e é esse pequeno momento de adaptação que vamos tentar nos aproveitar da situação. - Mais uma pausa para respirar um pouco e terminar o monólogo. - Com as informações que eu tenho o que eu consigo pensar agora é isso, claro vocês que conhecem o local podem ter planos melhores ou alguma ideia para adaptar tudo, podemos fazer alguns ataques a pontos estratégicos antes para desviar atenção do governo. - Terminava de falar esperando alguma resposta dos que estavam no local.

Histórico:

Infos:
Legenda:


Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 1
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Sombras em Stevelty


Lucy e Mary


Lucy ainda estava puta e parecia ter ficado ainda mais com as ações daquela velha, porra ela estava realmente incomodada com toda aquela situa,ão – Entendo... – Falou a velhinha enquanto terminava de escutar as exigências da pequena criatura em sua frente - Como um pedido de desculpa, podemos fornecer tudo isso que está pedindo. Me acompanhe! – Falou em um tom ligeiramente animado, montando em seu urso que aparentemente também servia como um meio de locomoção para velhota. Enquanto Lucy e a velha iam em direção a residência onde Mary estava, a ruiva achava estranho e confuso tudo aquilo, seria um erro de comunicação ou apenas desatenção? - SENHORAAA! – Gritou um outro jovem vestido com farrapos que entrou na casa com velocidade, ele estava ofegante e pediu por alguns segundos para repor o oxigênio em seu pulmão - Receberemos duas revolucionárias a mando de Jon, elas estão vindo atrás do Zev. – Completou o menino sem nem mesmo perceber que Mary já estava ali - Era para eu ter dito ontem, mas recebi a informação de noite e acabei dormindo, acordando agora. Me desculpe sem... – Falou o rapaz enquanto levantava seus olhos em direção a sua líder, percebendo a presença de Mary - Eita... ela já chegou. – Complet ou o menino.

Lucy chegou momentos antes de Mary começar sua explicação, não conseguindo ouvir as palavras do menino e nem mesmo ver a puta cara feia que a líder fez naquele momento. A velhinha seguiu pela casa sem se importar com quem estava ali, indo em uma direção no interior do lugar. Mary logo começou a falar todas suas ideias, detalhando seus planos que consistem em estar preparado para uma possível fuga pelo mar ou talvez receber informações atrasadas, assim obrigando o revolução a partir em uma perseguição marítima e o real plano era evitar o primeiro, emboscando o grupo no trajeto até o barco ou algo desse tipo, finalizando Zev ainda em Lvneel - Entendo seu plano e concordo, podemos fazer assim. – Falou a líder - Aliás, meu nome é Kat. Vocês dois aí, falem com Ben e Muzi para agilizar um barco, deixando-o preparado para viajar imediatamente. – Começou a falar a mulher, sendo obedecida por dois homens que estavam por ali - Preciso entrar em contato com meu informante primeiro, irei fazer isso nesse exato momento - Falou a mulher - Din, veja com “aquela pessoa” se ela conseguiu alguma informação sobre o transporte do Zev. – Continuou a mulher - E vocês podem ficar por aqui, se quiserem. – Concluiu a aparente líder do lugar.

Não demorou muito para que a velha retornasse com uma garrafa de café e um pequeno pote repleto de comida que servia sem nenhum problema para Gigi - Aqui está. – Falou entregando para Lucy - Mãe... café? Temos outras coisas um pouco melhores, elas devem estar com fome não? Ou foram vocês que pediram? – Perguntou Kat, recebendo uma resposta positiva para sua pergunta, já que foi Lucy quem pediu pelos dois itens - Você, encontre bons atiradores e os melhores combatentes, avise-os da nossa próxima missão. – Concluiu de vez a mulher.


Histórico:

Legendas:



Achiles
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 Aecfe07ef5c7ca842816fd453e897a56
Créditos : 13
Localização : Lvneel - North Blue
AchilesAvaliador
https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t1725-iii-death-or-paradise#18382





Prendam, Segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora!



O plano de Mary era bem plausível e contava com um bom uso do terreno o que para mim era bem importante, a velha chata estava por ali orquestrando tudo como se fosse a verdadeira manda-chuva da revolução, o lado bom é que ela trazia os meus pedidos e de imediato eu colocava o pote para Gigipsta começar a se alimentar olhando bem o alimento que havia dentro para não conter nenhum problema em sua alimentação. Quanto ao café, eu utilizaria a pequena cápsula que a lady havia trazido, ela estava com a minha maleta azul dentro e para fazer o uso aproveitava de um espaço vazio na tentativa de não quebrar nada em meio ao caminho. Abriria a maleta pegando a minha garrafa térmica vazia e então despejando o conteúdo da segunda garrafa que foi me entregue na térmica. – Café... café... – Cantarolava baixinho enquanto fazia aquilo, tomando um dos goles daquela garrafa e aproveitando do ótimo gosto enquanto que ouvia o restante dos planos.

- Mary, não podemos esquecer Zev conhece nós e se ele sabe como que o exército funciona, tenho certeza que esperará por uma emboscada. – Confirmava. – Dito isso, a conquista de terreno não será tão fácil quanto imaginamos, creio. Se eles forem espertos, posicionarão alguns agentes pelos telhados ou o mais próximo disso. Então, a nossa primeira batalha talvez não aconteça com os nossos tiros e sim os deles quando nos aproximarmos demais de nosso alvo. – Comentava, sendo um dos pontos em que tinha visto uma fragilidade.

- Se nossos cartazes estão a mostra, eles sabem da nossa presença. Duvido muito que nosso caminhar pelas ruas da cidade não tenham despertado algum olheiro ou caçador. Zev sabe que estamos aqui. Ou seja, não temos realmente o elemento surpresa. – Isso era certo, o agente não deixaria que um alvo tão valioso para eles fosse escapar das nossas mãos desta forma. –Não podemos esquecer que o filho da puta também sabe lutar. Ele era um revolucionário, no final das contas. – Terminava a minha explicação.

Voltando para assuntos mais importantes, minha coruja, olharia para ela após tê-la se alimentado e começaria a fazer um terceiro carinho em suas penas, apoiando minha cabeça junto com a sua e dando o meu ombro como um apoio para ela. – Bebê, melhora logo. Não te levarei para a linha de frente, irei junto com a Mary pelo solo. Não posso arriscar te levar com eles sabendo sobre nós. – Confirmava. – Se um atirador já nos viu, não duvido que os atiradores deles também possa e você não tem nenhuma proteção. – Era algo que eu não queria. Ou seja, Gigipsta não participaria nem perto do combate como meu suporte, minha intenção era leva-la para a embarcação que estaria no porto, o que provavelmente seria um local mais seguro ou deixa-la na base, mas só de pensar ela tão longe, não conseguiria. – Líder Kat. Vou precisar do meu martelo de volta. – Comentava, após ter largado ele em meio ao combate anterior. – Não vou acertar ninguém com ele dentro da base. – Prometia, olhando de forma séria para a mulher.

Naquele momento, talvez o momento fosse apenas de aguardar que o exército se movimentasse com as novas informações que havíamos trazido para eles e dessa forma poder planejar melhor. A escolta de Zev era certa, a questão era quando e por onde.

 III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 6F9DP52

HistóricoNome: Lucy von Kral
Posts: 10
Ganhos:
- Proficiência: Química
- Proficiência: Explosivos
- Maleta Azul – 15U
- Garrafa Térmica 1L (Vazia)

Perdas:
- 2.600.000 B$

Dinheiro – Bolso: 5.740.000 B$

Inventário:
- Martelo Profissional
- Sela com Bolsa Acoplada
- Capsulas Weltschmerz

Qualidades:
- Mestre em Haki
- Prontidão
- Ambidestro
- Furtividade Natural
- Veloz
- Diminuto

Defeitos:
- Louca
- Apegada
- Dependência
- Bisbilhoteiro
- Ajustes
- Exótico

Proficiências:
- Adestramento
- Cavalgar
- Costura
- Doma
- Física
- Furtividade

Saúde:
- Tá sussa!

Cor da fala: - Fala


Objetivos• Aprender Química e Explosivos
• Fabricar ou encontrar Explosivos
• Capturar Zev
• Executar três missões em nome do Exército
• Chegar no Farol


Vício: 07/10


Kerigus
Ver perfil do usuário
Imagem :  III - Prendam, segurem, agarrem, capturem! Peguem o traidor agora! - Página 2 XiE51SL
Créditos : 5
KerigusMarinheiro
https://www.allbluerpg.com/t1741-vesra-lutira-ectar#18523 https://www.allbluerpg.com/t1742-i-the-book-of-vesra-evolution#18534
Mary Van Tassel


Quando o maluco entrou no local falando que a gente ia chegar e ele dormiu e esqueceu de avisar meu controle em demonstrar minhas foi propositalmente abandonado e eu olhei para com uma raiva fora do normal. - Experimenta café, ajuda a não dormir… - Eu respondia prontamente para ele quando ele percebia que eu já estava lá. - HAHAHAHAHAHA - Ouvia a risada do velho de um canto da sala após minha resposta. O desgra~çado dormiu e esqueceu de avisar… Que nível de incompetência é essa, esse cara devia tomar umas porrada pra deixa de ser trouxa, e ficar uns dias sem dormir também, após minha fala também olhava para Vesra tentando ver a sua reação.

Depois disse eu falava sobre o meu plano, a líder da revolução no local concordava comigo mas Lucy nem tanto, mas o que ela me falava fazia sentido, era óbvio que eles iriam proteger Zev o máximo possível e que já sabiam que estávamos no local, mas por isso a ideia do ataque em ondas. - Concordo com você Lucy, e por isso a minha ideia do ataque em ondas, o problema é que temos pouca informação, por isso o plano está como eu falei, com mais informações vamos adaptar ele, infelizmente é só isso podemos fazer agora com as informações que temos, talvez possamos enfraquecer nossos inimigos na ilha com ataques estratégicos para facilitar na hora do combate final contra Zev, mas esses só quem pode nos dizer é quem já está na ilha. - Olhava para a líder dos revolucionários ali presente esperando uma resposta dela. Não tinha mais o que fazer naquele momento e nem o que falar, acho que tudo que podia fazer para ajudar a todos ali já tinha feito, o que nos restava era esperar informações e estar prontas para o combate a qualquer momento. Quando não tiver mais o que fazer no local perguntaria sobre comida pois eu estava ficando com fome e seria uma boa conversar com Vesra enquanto comia alguma coisa. - Então onde eu posso comer algo, a viagem foi um tanto cansativa relaxar por um momento seria interessante.

Histórico:

Infos:
Legenda: