All Blue RPG

Um RPG narrativo baseado no universo de One Piece, obra criada por Eiichiro Oda.
 
InícioCalendárioFAQProcurarMembrosGruposRegistarEntrar
Últimos assuntos
» Crie seu Estilo de Combate Único
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kira Hoje à(s) 1:03 am

» Nero Warcry
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kira Ontem à(s) 11:50 pm

» Apollonia D. Lupertazzi
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Terry Ontem à(s) 11:35 pm

» Criação de Habilidades Passivas
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kenshin Ontem à(s) 11:01 pm

» [RP Player] - Tidus Belmont (Em Construção)
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Tidus Ontem à(s) 8:10 pm

» Criação de Técnicas
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Blindao Ontem à(s) 2:18 pm

» Crie sua Forma Zoan
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Blindao Ontem à(s) 1:07 pm

» Crie seus mecanismos
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Às Ontem à(s) 1:11 am

» [RP Player] Elsa Volkerbäll
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Gal-Sal Sex Fev 23, 2024 11:45 pm

» Elsa Volkerbäll
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Gal-Sal Sex Fev 23, 2024 11:44 pm

» Shang Zayang & Xia Ziyin
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Gal-Sal Sex Fev 23, 2024 9:55 pm

» Yuno
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Jean Fraga Sex Fev 23, 2024 7:35 pm

» Criação de Profissão Personalizada
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kenshin Sex Fev 23, 2024 5:31 pm

» RP Player - Doodles
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kenshin Sex Fev 23, 2024 3:40 pm

» [Ficha] Koko
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Blind1 Sex Fev 23, 2024 12:17 pm

» Ficha de Chocho Kimiko
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Akuma Nikaido Sex Fev 23, 2024 11:19 am

» Drak Skarhall
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Blindao Qui Fev 22, 2024 6:58 pm

» RP Player - [Ficha] Apollonia D. Lupertazzi
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kenshin Qui Fev 22, 2024 1:30 pm

» RP Player [Ficha] Kira
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kenshin Qui Fev 22, 2024 1:28 pm

» [Ficha] Kidolegends
II - O cão e o dragão - Página 5 Emptypor Kidolegends Qui Fev 22, 2024 12:53 pm


------------
- NOSSO BANNER-

------------


 

 II - O cão e o dragão

Ir para baixo 
5 participantes
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5
AutorMensagem
Achiles
Pirata
Achiles


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 U5pAFvq
Créditos : 12
Localização : Farol - Grand Line

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptySáb Jun 25, 2022 8:08 pm

Relembrando a primeira mensagem :



II - O cão e o dragão


[Piratas]Franky Tanky & Aaron Reyes

não possui narrador definido.
Fechada

_________________

II - O cão e o dragão - Página 5 ZzfjDai
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2432-i-a-gata-solitaria-e-o-robo-rabudo#27937

AutorMensagem
Terry
Capodecina
Terry


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 6d6445c1dc47a38c2662dd785b4c77147d488a3c
Créditos : 12
Localização : Sabaody - Grand Line

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptyDom Nov 06, 2022 6:05 pm




Os sons da noite se faziam presentes no ambiente onde Aaron e Mei Nuo tinham sua conversa. Era possível ouvir claramente o barulho de Grilos e Corujas, além do farfalhar das árvores ao receberem o vento noturno. O delinquente sentia que a temperatura havia baixado desde o pôr do sol, mas a moça não parecia nem um pouco incomodada com isso, talvez por já estar acostumada tendo vivido sua vida inteira em Kano.

A mulher ouviu respeitosamente a longa resposta de Aaron, esboçando poucas reações como era de praxe para ela. Mei não pareceu se impressionar com as conquistas atléticas e românticas do delinquente, ou pelo menos foi o que aparentou ao ouvir aquela parte da história de vida do pirata sem comentar nada, vez por outra tomando modestos goles de vinho.

Em seguida, o rapaz a fez mais perguntas, perguntas essas que ela respondeu sem demora. - Sei me defender, basta dizer isso. - O tom de Mei era gélido, a tradicional dama de Kano não parecendo apreciar a sugestão de que ela teria sido algum tipo de moleca briguenta em sua juventude. - Viajar a turismo é algo que me desperta a curiosidade às vezes. - Ela comentou, deixando pra trás o outro assunto. - Mas eu não tenho interesse em passar muito tempo fora de Kano. - Ela esclareceu. - Esta ilha, meu trabalho e meus entes queridos são muito importantes pra mim. Não consigo me imaginar longe deles. - A garota estava resoluta, se abrindo um pouquinho pela primeira vez, mas logo retornando ao seu temperamento calmo de sempre. Assentindo com a cabeça ao ouvir a sugestão das cartas, aparentemente satisfeita com aquilo.

Mei se manteve daquele jeito até ouvir a pergunta sobre seu querido amigo Liang, o rei. Ela lembrava que Aaron já havia feito perguntas sobre ele no passado, e isso a faz levantar a sobrancelha ao ouvir a indagação mais recente. - O Liang é uma pessoa muito sábia e capaz. Ele ainda não é casado, mas quando isso acontecer, será um casamento político, afinal isso é parte das obrigações de um monarca. - A moça explicou. Após isso, com um leve olhar de desconfiança, ela rebateu a pergunta para o delinquente como uma bola de tênis. - E você? Qual é o motivo de todo esse interesse no Liang? - A moça questionou, avaliando o rapaz com um olhar sério e enigmático enquanto aguardava sua resposta.



Histórico:

_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t313-ren Conectado
Reepz
Pirata
Reepz


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 1305749-Kokuyou-BlackStarBlackStar-Theater-Starless-4k
Créditos : 21

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptyDom Nov 06, 2022 8:39 pm



Ato II: um bando explosivo
País de Kano - West Blue
~ Post 25 ~
*Aaron Reyes


A noite estava linda, tranquila e gélida assim como Mei Nuo. Tentei falar sobre o meu passado, entretanto, não foi o suficiente para me aproximar dela. Teimoso do jeito que sou, eu não desistiria tão facilmente, mas comecei a me questionar o porquê ela aceitou o meu convite. Ora, ela concordou em sair mas se comporta como se não quisesse estar ali. Ou talvez esse fosse apenas o jeito dela. Enfim, não poderia desistir e teria que encontrar alguma maneira de me aproximar mais.

- Hum, eu não sei o que é estar preso a um lugar, já que todos meus entes queridos já se foram, então talvez seja fácil viajar já que eu não tenho um lar - responderia com um certo tom de pesar, tentando apelar para o lado emocional de Mei. Quanto à sua indagação sobre o meu interesse no rei Liang, novamente usaria minha lábia para “florear” um pouco a minha história - Meu interesse no Rei Liang? Bom, acho que é mais fácil eu te mostrar… - pela primeira vez na noite, falaria em um tom sério.

Apesar do frio que a noite trouxe, eu retiraria a parte superior da minha roupa típica de Kano, para que além de expor o meu corpo atlético, Mei Nuo pudesse ver a minha coleção de cicatrizes de batalhas passadas. Assim que ela olhasse, cobriria meu tronco novamente e voltaria a dizer - Bem, eu cresci em um lugar muito violento, repleto de criminosos e marinheiros corruptos porque os regentes da ilha eram fracos e incompetentes para cuidar do próprio povo! - então voltaria a olhar para Mei e falar em um tom amigável como antes - Por isso eu quero viajar e conhecer a história dos grandes líderes que conseguem dar uma boa condição de vida e proteger o seu país… Vou escrever a história desses líderes, assim, além de homenageá-los, talvez meu livro sirva de exemplo para os líderes fracos e corruptos - não gostaria de dar muito tempo para a Mei questionar minha historinha, então tentaria trazer o assunto novamente ao tema do casamento - Enfim, um casamento político parece triste, não? Eu como um bom e livre romântico jamais aceitaria isso Djadja!

Durante a nossa conversa, percebi que ela ama do fundo da alma o País de Kano, portanto, pensaria em uma forma de elogiá-lo sem parecer que estou apenas a bajulando por algum interesse. Assim sendo, apontaria para o céu já escuro e diria - Uma pena que já esteja de noite, mas as montanhas de Kano são espetaculares, não são? Acho que vou escalar alguma delas antes de ir embora Djadjaja! A vista deve ser de tirar o fôlego… você já subiu em alguma dessas montanhas? - terminaria tomando mais um pouco de vinho e oferecendo encher novamente o copo de Mei.

Meu objetivo era ganhar o mínimo de confiança de Mei a fim de convidá-la até o leilão de escravos. Porém, avaliando como a noite seguiu até o momento, talvez fosse necessário arriscar, então ousaria mais nas perguntas - Mei, pelo pouco tempo que estou na ilha, entendi que seu estabelecimento é merecidamente um marco em Kano e que você é quase uma celebridade, certo? Poderia perguntar por que você me deu a chance desse encontro, algo chamou a sua atenção? - antes que ela pudesse responder, eu rapidamente colocaria a mão no peito e diria - E quero dizer que sou muito grato e honrado por isso! É uma experiência única estar na companhia de uma pessoa tão incrível! - sorriria e então aguardaria a sua resposta.



~ Informações ~


Histórico:

Resumo da ficha:

Objetivos:



_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t279-dante-di-tresigallo#816 https://www.allbluerpg.com/t381-i-florescer-improvavel#1247
Terry
Capodecina
Terry


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 6d6445c1dc47a38c2662dd785b4c77147d488a3c
Créditos : 12
Localização : Sabaody - Grand Line

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptySeg Nov 07, 2022 3:05 am




Dizem que uma palavra vale mais que mil palavras, e seguindo a lógica desse ditado, ao ser confrontado com a pergunta de Mei Nuo, Aaron decidiu mostrá-la suas cicatrizes de batalha para melhor ilustrar os seus argumentos. A moça ficou visivelmente impressionada com aquilo, afinal, eram cicatrizes de ferimentos bastante brutais. A luz da lamparina fazia com que os machucados ficassem bastante nítidos, facilitando assim a visão no meio da escuridão da praça.

A moça novamente escutou a história do delinquente sem interrompê-lo, mas desta vez claramente prestando mais atenção, talvez por ser um assunto que a interessasse mais do que os outros. - Governantes incompetentes de fato causam sofrimento ao seu povo. Embora Liang seja ótimo rei, isso não é uma qualidade compartilhada por todos os reis da nossa história. - A moça falou, tomando mais um gole ao terminar de ouvir a resposta do jovem.

Em seguida, Aaron voltou a falar de casamentos, tecendo um comentário sobre como deve ser triste ser forçado a entrar em um casamento político. Mei apenas revirou os olhos ao ouvir isso, aparentemente não compartilhando da visão do rapaz. - Algumas coisas são mais importantes que sentimentalismo ou paixão. - Ela explicou seu ponto de vista, escolhendo não elaborar além disso quanto aquele assunto.

Por fim, Aaron perguntou o motivo de alguém com tanto prestígio quanto Mei ter aceitado o seu convite. Ao ouvir aquilo, ela logo respondeu, em um tom de sinceridade. - Eu não tenho muitas oportunidades para descontrair durante minha rotina, Sr. Reyes. - Ela então colocou o copo no chão, provavelmente já decidindo que não deveria beber mais pela noite. - Além disso, minha estatura no reino faz com que seja muito difícil fazer novas amizades. A maioria das pessoas que tentam se aproximar de mim tem interesses ocultos. - Ela explicou, o delinquente podendo sentir uma pitada de tristeza em sua voz.

- Mas você me pareceu sincero o suficiente, então resolvi dá-lo uma chance. E fico feliz de saber que não me decepcionei como normalmente acontece. - Mei fez um pequeno sorriso, mostrando que o rapaz havia passado em seu "teste". - Mas enfim, já está ficando tarde e eu tenho que voltar pra casa. - A moça então se ergueu, pegando sua lamparina. - É uma pena que você esteja partindo da ilha tão cedo, Sr. Reyes. Lembre-se de me visitar na Casa de Chá caso um dia volte até o país de Kano. - Mei Nuo então fez uma pequena reverência, e estava prestes a dar as costas. O que faria Aaron?



Histórico:

_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t313-ren Conectado
Reepz
Pirata
Reepz


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 1305749-Kokuyou-BlackStarBlackStar-Theater-Starless-4k
Créditos : 21

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptySeg Nov 07, 2022 12:40 pm



Ato II: um bando explosivo
País de Kano - West Blue
~ Post 26 ~
*Aaron Reyes


Após nossa conversa, percebi que Mei era uma pessoa muito “travada” e que tinha o pensamento completamente voltado para questões de política, dever e honra. Talvez eu tenha sentido dificuldade de interagir com ela justamente porque ela não tenha vivido fora das etiquetas palacianas de Kano. Eu me senti até mesmo um pouco culpado após ouvir que ela não tinha oportunidades de fazer amizades sinceras. Porém, ela é jovem e vai superar mais uma decepção na vida dela, tenho certeza disso. Não posso voltar atrás com a minha ambição por conta de uma garota inocente da realeza.

- Mei, espera! - falei, levantando e correndo atrás de Mei para segurar a sua mão antes que ela fosse embora - Eu gostaria de ter ver de novo antes de partir… - soltaria a mão dela e sorriria amigavelmente - Éhr, eu ganhei dois convites para uma confraternização no Hotel Bellucci à noite em 5 dias… você gostaria de vir comigo? - independentemente da resposta, curvaria o tronco levemente em respeito e diria - Cer-certo! Outra coisa, está frio e escuro - esfregaria os braços comicamente como se estivesse me esquentando - Quer que eu te acompanhe até em casa? - em caso de resposta afirmativa, acompanhá-la-ia até à casa, comentando coisas supérfluas como a beleza da arquitetura ou da natureza da ilha durante o caminho. E quando chegasse a hora da despedida, tendo a acompanhado ou não, eu me despediria a moda de um verdadeiro cavalheiro, como li nos livros de etiqueta. Estenderia o braço para beijar-lhe o dorso da mão e diria - Mais uma vez, a noite foi um prazer! Tenha uma boa noite, Mei - então me afastaria com dois passos para trás, antes de virar as costas e pegar o meu rumo à pousada de Yuan.

Eu entraria devagar na pousada, tentando não fazer muito barulho a fim de não acordar ninguém. Mas passaria no quarto da Anya e do Cheng para ver se ainda estavam acordados ou se precisavam de algo - E aí, aconteceu alguma coisa que eu deva saber? - sussurraria para quem estivesse acordado. Se o Cheng não tivesse dormido ainda, aproveitaria para pegar o isqueiro que eu o mandei comprar. Também guardaria 6 dinamites da entrega de Zhu na minha mochila, pois nunca se sabe quando elas poderiam ser úteis em combate. Por fim, voltaria para o meu quarto e deitaria na cama para refletir um pouco antes de dormir.

O dia do grande golpe se aproximava e eu precisava estar completamente preparado. O ataque ao leilão, desejo do meu falecido amigo Franky, vai servir de base para o anúncio do meu bando pirata ao mundo. Minha aposta é converter parte dos escravizados para o meu bando, pois preciso urgentemente de uma tripulação que é um dos pilares de um bando. Para isso, eu precisarei ser o mais persuasivo possível, já que eu serei um capitão de primeira viagem falando com pessoas que tiveram sua liberdade ceifada durante anos. Preciso deixar claro que eu não serei um novo “sequestrador”. Enfim, o sono já está me chamando, é hora de dormir.

Quando o sol esquentasse minha pele e me fizesse acordar, levantaria e cumpriria minha rotina matinal: banho, higiene bucal e vestir minha roupa de colegial. Pegaria meu bastão e minhas tralhas e desceria até o térreo da pousada, onde me sentaria à mesa para fazer a primeira refeição do dia. Ainda com o leilão em mente, eu só pensava em como poderia me tornar mais persuasivo e, ao olhar em volta, uma ideia exclamou em minha cabeça: se tem alguém que precisa ser persuasivo, este alguém é Yuan Shao, um dono de estabelecimento em meio a um País gigantesco como Kano. Nesse sentindo, quando visse Yuan, diria:

- Yuan, bom dia! Além do café da manhã, hoje eu tenho um pedido especial Djadjajajaja! - gargalharia me debruçando sobre a mesa ou balcão onde ele fosse servir o café - Você pode me ajudar a me tornar uma pessoa mais persuasiva? Aposto que você pode! Com certeza você precisou ser persuasivo para montar e manter um estabelecimento desse e para lidar com o mais variado tipos de clientes, estou certo?      

~ Informações ~


Histórico:

Resumo da ficha:

Objetivos:


_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t279-dante-di-tresigallo#816 https://www.allbluerpg.com/t381-i-florescer-improvavel#1247
Terry
Capodecina
Terry


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 6d6445c1dc47a38c2662dd785b4c77147d488a3c
Créditos : 12
Localização : Sabaody - Grand Line

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptyTer Nov 08, 2022 3:32 pm




Antes que Mei Nuo pudesse sair de cena, Aaron rapidamente convidou-a para o leilão que aconteceria no hotel Belucci, sem dúvida isso sendo parte de seu plano para causar caos naquele evento. A moça, depois de pensar por alguns instantes logo assentiu com a cabeça e pegou o convite. - Acho que posso abrir um espaço na minha agenda. - Ela respondeu, tentando esconder que havia ficado visivelmente feliz com o convite.

Em seguida, o delinquente se ofereceu, como um bom cavalheiro, para levá-la até em casa. Algo que a moça também havia ficado feliz em escutar. - Vamos. - Mei falou, guiando o rapaz da escuridão da praça até as ruas de Kano. A dupla fez seu caminho pelo ambiente já familiar daquele distrito, passando por várias casas bastante luxuosas até chegar na residência da dona da casa de chá. Aaron então se despediu, com a moça fazendo o mesmo logo em seguida. - Nos vemos no leilão. Boa noite, Sr. Reyes. - Ela então novamente fez uma pequena reverência, e entrou em casa.

Após ter tido sucesso em convidar Mei Nuo para o leilão, Aaron deu a meia volta e foi até a pousada onde seu bando estava hospedado. Ao chegar lá, entrou discretamente no intuito de não fazer barulho. Apesar disso, Cheng parecia ainda estar acordado, pois as luzes do seu quarto ainda estavam acesas. O rapaz foi até o quarto do amigo, encontrando Cheng limpando seu rifle ao chegar lá, e em seguida perguntando se tinha alguma coisa que ele precisava saber. - Só que tudo correu muito bem mesmo! - Cheng sorriu, orgulhoso de si mesmo. Depois disso, Aaron pegou o isqueiro comprado pelo amigo e mais 6 dinamites, se recolhendo para os próprios aposentos em seguida.

Mais uma vez a escuridão da noite dava lugar a luz da manhã, e Aaron acordava, mais um dia tendo se passado em sua estadia no país de Kano. Depois de se preparar, o delinquente desceu até o saguão da pousada, onde encontrou apenas Yuan Shao cuidando do balcão principal. Pelo visto, Cheng e Anya ainda estavam dormindo. Aaron pediu o seu café da manhã, fazendo com que o dono do local rapidamente colocasse em sua mesa um prato com alguns pães e ovos junto com uma xícara de café. Além disso, ele pediu para que Yuan o ensinasse sobre persuasão. - Posso te ensinar sim, está com tempo para aprender agora? - Ele perguntou, em seu tom de voz de sempre.



Histórico:

_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t313-ren Conectado
Reepz
Pirata
Reepz


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 1305749-Kokuyou-BlackStarBlackStar-Theater-Starless-4k
Créditos : 21

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptyDom Nov 20, 2022 4:02 pm



Ato II: um bando explosivo
País de Kano - West Blue
~ Post 27 ~
*Aaron Reyes


~ Aprendizado: Persuasão ~


Yuan concordou em me tornar um mestre na arte do convencimento. Habilidade que me seria muito útil como um capitão pirata novo e desconhecido. Afinal, durante a minha jornada com certeza terei que negociar diversas vezes, seja para escapar da prisão, conseguir um bom negócio ou até mesmo para manter o bando unido em um único propósito.

Como era esperado de Yuan, um homem totalmente metódico e focado, o aprendizado foi uma longa palestra. Sentamos os dois à mesa e tomamos chá à medida em que Yuan avançava em seu monólogo. Explicou-me as bases de toda a negociação que, em geral, baseia-se em encontrar um balanço entre o que o negociador pode oferecer e o que ele espera receber. Além disso, Yuan elencou argumentos e raciocínios fortes que podem ser utilizados para persuadir alguém de algo. Basicamente uma “lábia” mais rebuscada, pelo menos foi isso o que eu entendi. Para tornar o conhecimento mais palpável, Yuan me contou sobre a vez em que convenceu um bandido a não roubar a sua loja e, não satisfeito, convenceu o bandido a deixar com Yuan boa parte de seu dinheiro para que ele pudesse investí-lo e devolvê-lo com lucro. Ele disse ter feito isso através do raciocínio e utilizando notícias de um “momento promissor” no mercado de jazidas minerais de Kano.

Durante toda a aula, que durou horas, não pude deixar de me perguntar: como um homem tão sábio poderia ser convencido por Willy a ceder sua pousada para uns vândalos inconsequentes e sem cobrar nada por isso? Pude concluir que ou Yuan havia uma grande dívida com Willy para negar-lhe esse pedido, ou o verdadeiro mestre da persuasão com quem eu deveria ter aprendido é o próprio Willy!

De toda forma, a palestra de Yuan foi muito proveitosa e fez o meu estilo. Visto que como um prodígio e antigo estudante, eu estava acostumado a absorver conhecimento pelas aulas. Ademais, eu já havia um conhecimento de lábia e sedução prévios que me ajudaram a entender melhor como persuadir alguém. Pois, no fim, são todas habilidades sociais de convencimento, cada qual com sua particularidade e adequada a determinado momento ou determinada pessoa.

Terminamos o aprendizado com a barriga roncando. Quando Yuan trouxe um bolo que havia sobrado de ontem, mas estava saboroso como se houvesse sido feito há alguns minutos. Enchi minha barriga e então me despedi cordialmente, pois não queria atrapalhar ainda mais a rotina do nosso anfitrião.

~ Fim de aprendizado ~


Eu ainda me mantinha focado em ser um grande líder capaz de convencer multidões a me seguirem. Contudo, com anos vivendo em meio a criminosos e gente da pior estirpe, aprendi que determinadas pessoas só entendem a lei do mais forte. Dessa forma, eu poderia ser o mais sedutor possível, o mais racional, o pai da mentira, que mesmo assim não convenceria esse tipo de pessoa. Portanto, falta-me ainda a capacidade de me mostrar mais forte a ponto de congelar o corpo de qualquer um que ouse me enfrentar.

Porém, eu tinha um problema: com quem eu poderia aprender a ser amedrontador? Cheng? Coitado, se eu pisar um pouco mais forte no chão, o Cheng é capaz de atravessar a Grand Line a nado apenas para fugir de mim. Ele não serviria de parâmetro.

- HÁ! É CLARO! - deixei escapar animado - ANYAAAA, CADÊ VOCÊ?! - gritei e corri atrás de Anya pela pousada. Ora, se tinha alguém no bando que era amedrontadora, esse alguém era a Anya. Eu vi com os meus próprios olhos como seus inimigos reagiam antes de serem esmagados pelo seu machado - Anya! Como um cara lindo como eu pode ser ameaçador? Me ajuda, por favor! - imploraria juntando as mãos assim que a encontrasse.

~ Informações ~


Histórico:

Resumo da ficha:

Objetivos:



_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t279-dante-di-tresigallo#816 https://www.allbluerpg.com/t381-i-florescer-improvavel#1247
Terry
Capodecina
Terry


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 6d6445c1dc47a38c2662dd785b4c77147d488a3c
Créditos : 12
Localização : Sabaody - Grand Line

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptyQua Nov 23, 2022 5:05 am




Agora já tendo se tornado proficiente na arte do convencimento, Aaron buscava adquirir a habilidade de manipular os outros por meio da ameaça e da intimidação. Depois de pensar um pouco sobre quem seria um bom professor para ensiná-lo tais coisas, o delinquente logo chegou à conclusão de que Anya seria a pessoa perfeita para realizar tal tarefa. Então, animado, o humano foi atrás da tritã pela pousada buscando pedir que ela o ensinasse.

Os gritos do rapaz chamando pela mulher peixe não passaram despercebidos, e ela logo respondeu em um tom bastante incomodado. - TÔ NO QUARTO, NÃO PRECISA GRITAR! - A voz da moça ecoou assustadoramente pela pousada, provando que de fato ela era a pessoa perfeita para servir de professora no caso daquele conhecimento específico que Aaron desejava aprender.

Caso ele fosse até o quarto, ao adentrar o recinto, ele observaria que a tritã estava amolando seu machado, sem dúvidas realizando seus preparativos para os combates que estavam no horizonte. Talvez ela estivesse buscando cravar o machado no corpo do caçador de recompensas que havia matado seu companheiro. - E aí, o que você quer, Aaron? Explica direito essa história aí. - Ela perguntou, ainda mal humorada, graças ao barulho causado pelo humano mais cedo.



Histórico:

_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t313-ren Conectado
Terry
Capodecina
Terry


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 6d6445c1dc47a38c2662dd785b4c77147d488a3c
Créditos : 12
Localização : Sabaody - Grand Line

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptySeg Abr 17, 2023 7:18 pm


INFORMAÇÕES BÁSICAS

Aaron

GANHOS

-
Bastão de Beisebol (post 02):
Ok
- Bilhete com endereço (post 09) Ok
- Proficiência: discurso (post 14) Ok
- Proficiência: etiqueta (post 15) Ok
- Caixa de explosivos (post 21) Ok
- Proficiência: persuasão (post 27) Ok


PERDAS

- 890.000 berries [- 440.000 (post 5) -200.000 (post 21) -250.000 (post 23)] Ok
- Duas espadas (post 2) Ok


ALTERAÇÕES

● Dinheiro: 1.610.000 berries Ok
● Equipar bastão na parte de armas Ok


ALTERAÇÕES EM ILHAS

● N/A


NOTA FISCAL

● 2,500,000 - 890.000 berries [- 440.000 (post 5) -200.000 (post 21) -250.000 (post 23)] = 1.610.000 berries Ok


RELAÇÕES

NPCs:

Cheng Wei: atirador medroso e natural de Kano que Aaron teve o prazer de conhecer enquanto trabalhavam para Salvatore Nava. Aaron gostou muito de Cheng, mas teve que entregá-lo à Marinha para salvar a própria pele após estarem cercados em um galpão. Aaron o reencontrou em Kano, onde fizeram as pazes e seguiram juntos como um bando pirata. Ok

Anya: mulher-peixe que também trabalhou para Salvatore Nava. No início havia muito atrito entre ela e Aaron, devido ao seu jeito “durão” de ser. Entretanto, conforme superaram diversas situações de perigo, foram criando um laço de amizade e atualmente ela também faz parte da tripulação pirata. Ok

Zhu: gerente de uma empresa de minérios em Kano. Aaron se envolveu intimamente com a mesma, além de ter realizado um roubo para ela em troca de explosivos. Ok

NPC importante:

Salvatore Nava: Aaron realizou um trabalho de “acerto de contas” para Nava, assassinando três rivais que haviam realizado um ataque terrorista em seu território. Aaron não confia em Nava, ainda mais após descobrir alguns detalhes sórdidos sobre ele, e suspeitar que o mafioso encomendou a morte de Aaron e seus companheiros em uma tentativa de eliminar qualquer coisa que ligue ele aos assassinatos e explosões de feitas por Aaron. Ok

Mei Nuo: dona da Casa de Chá Chèn Tào e amiga íntima do imperador de Kano. Aaron possui uma relação amistosa e quase romântica com a mesma, após alguns encontros que tiveram em Kano. Ok

STATUS

PDV: 29.680/29.680
STA: 800/800
CONDIÇÕES: N/A
FERIMENTOS: N;A
CONTAGEM DE DEFEITOS: N/A

EXPERIÊNCIA

Experiência: 1296 XP

Quantidade de turnos do(s) Narrador(es): 5 Creditos + 2 Posts pra somar

_________________

Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t313-ren Conectado
Benvindo

Benvindo


Imagem : II - O cão e o dragão - Página 5 350x120
Créditos : 00

II - O cão e o dragão - Página 5 Empty
MensagemAssunto: Re: II - O cão e o dragão   II - O cão e o dragão - Página 5 EmptySáb Ago 12, 2023 9:29 am

Ola
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/
 
II - O cão e o dragão
Ir para o topo 
Página 5 de 5Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Permissões neste sub-fórumNão podes responder a tópicos
All Blue RPG :: Oceanos :: Blues :: West Blue :: País de Kano-
Ir para: