Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
[Ficha] Dimitri RomanovOntem à(s) 11:31 pmporRedPandaÚltimo Baile Antes da GuerraOntem à(s) 11:06 pmporMendoncaBad KarmaOntem à(s) 11:06 pmporMendoncaIII - RagnarökOntem à(s) 10:45 pmporJean FragaNoturno ArtificialOntem à(s) 10:38 pmporShioriAkane NanamiOntem à(s) 10:28 pmporNoskire3 - Don't Stop Me NowOntem à(s) 10:28 pmporNoskireGrupo 6 - Akane, Agni e Aika Ontem à(s) 10:05 pmporNarrador De EventosCabras da Peste, Vol 5 - A face da desordemOntem à(s) 9:57 pmporSubaéZayn & suas gostosas!Ontem à(s) 8:37 pmporAki

I - Anjo Caído

Página 4 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
Sasha
Imagem :
Berserker
Créditos :
76
Localização :
Rota 6 - 4ª Ilha Vedde
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Sasha
Rank B
I - Anjo Caído Ter Maio 24, 2022 4:20 pm
Relembrando a primeira mensagem :

I - Anjo Caído

Aqui ocorrerá a aventura  fechada  do(a)  Pirata Liu Feng. A qual não possui narrador definido.

_________________



I - Anjo Caído - Página 4 HGWnxh1

Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Qua Jul 06, 2022 7:19 pm

I - Anjo Caído


Como uma gota d’agua após um temporal, que viaja entre as folhas até finalmente chegar no solo, molhado e úmido, tornando-se apenas mais uma parte daquele grande momento.

A cada golpe recebido eu me sentia mais desconectado da realidade, meu corpo, por sorte respondia aos estímulos e conseguia revidar, meu corpo doía em partes que sequer sabia existirem e as dores espalhadas pelo corpo deixava-o quente.

Sentia talvez naquele momento, um relance do passado, toda aquela dor me remetia a grande batalha que tive no templo em Penglai, talvez agora, era essa força de vontade que me mantinha de pé.

E era quando Alduin abria a porta, com a luz entrando por lá, que eu recobria a consciência, as dores se intensificavam e se fosse uma situação mais calma, eu provavelmente preferiria cair ao chão e relaxar aqui mesmo.

— Alduin ajude Noi com as coisas! – Virando-me para ir embora, me lembrava de uma coisa, olhando por cima do ombro antes de partir, dizia ao homem que havia sobrado – Avise Galzo que este é meu presente a ele por ter deixado eu fugir.

Forçando-me até a exaustão, sairia dali com meus companheiros, — Baragon, agora é seu momento de brilhar, nos guie pelo caminho...

Voltando ao silencio, focar-me-ia em respirar, era o que podia fazer, inspirar pelo nariz e lentamente soltar pela boca, seguindo então Alduin pela caminho, correndo se preciso e me escondendo também se necessário.

Dados:

Objetivos:







_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI
Kira
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 Barba-branca-shirohige
Créditos :
27
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t361-klaus-sunwizer#1096 https://www.allbluerpg.com/t2234-os-seis-caminhos#24855
Kira
Pirata
Re: I - Anjo Caído Qui Jul 07, 2022 1:50 pm



O homem sentia seu corpo quase sem forças para continuar, mas por sorte Alduin fazia seu trabalho e conseguia dar a luz de esperança que precisavam, a princípio ninguém havia percebido o massacre na loja, não havia dado tempo de alguém notar o que tinha acontecido ali.

Liu pediu que baragon carregasse as coisas com Noi e assim eles seguiam seu caminho, mas o imperador não estava muito bem, as dores o faziam pensar em seu passado em penglai, e ficariam ali por algum tempo até ele ser tratado, não era nada grave que pudesse o levar a morte, mas mesmo assim era algo ruim para si.

Antes de ir, ele deixava um recado com o último homem que sobrava, o mesmo não tinha nem muita força para falar nada, e logo assim que ouvia suas palavras ele caia no chão, completamente morto, seus ferimentos não eram nada comuns e a perda de sangue fazia seu trabalho naquele momento, mas certamente eles saberiam quem fez tudo aquilo, afinal, as câmeras captaram tudo.

Quando o grupo finalmente chegasse até a porta e estivesse já distantes o suficiente para que alguém percebesse quem eram, uma mulher e um homem entravam na loja, eram dois nobres que pareciam ir comprar jóias e essas coisas, e ao entrar, um grito ecoou de dentro da loja para a rua. -Aaaaaaaah! Mas o que é isso aqui? A mulher gritava desesperada ao ver os corpos mortos dentro da loja, cabeças rolando pelo chão e sangue para todo lado.

Logo após os grito a mulher desmaiou, sendo segurada pelo seu marido, que observava mais a frente e percebia que algumas pessoas saíam pela porta dos fundos da loja, claro que ele não teria capacidade de ir atrás deles, afinal ele não era um lutador nato e sua mulher estava desmaiada, mas ele percebia e gritava. -Ladrões, assassinos! Mataram todos, chamem a marinha, chamem a marinha! E não demorava muito até que uma multidão se formasse na frente da loja e ajudava o homem a tirar a mulher lá de dentro.

-Eu vi algumas pessoas saindo pelos fundos, talvez ainda estejam lá! Dizia o homem e um dos seguranças corria até os fundos, mas nada encontrava, já era tarde demais.[/color] Assim, o nobre olhava para cima e percebia as câmeras e então dizia. -Saberemos quem é em breve, quando a marinha chegar, digam para pegarem os den den mushi de gravação, acho que esses bandidos não foram tão espertos assim…

O homem terminava sua frase e logo um marinheiro surgia pela multidão com um tom de voz sério. -Ou eles sabiam e fizeram exatamente por isso… Assim vamos saber quem são e se tornarão conhecidos, mas fizeram tudo bem calculado, conseguiram fugir antes que percebessem todo o acontecimento. O homem então se virava e gritava em voz alta e séria para os demais marinheiros.

-Achem essas pessoas! Se separem e vasculhem essa ilha inteira, quero esses assassinos presos. Diria o tenente começando a pegar os den den mushi para ver as imagens e deixando que seus homens começassem a procurar.

Já Liu e seu bando, corriam como se não houvesse o amanhã, já estava quase na hora da partida do navio, eram quatro horas e quarenta minutos, faltando apenas vinte minutos para a partida do navio, eles tinham exatamente dez minutos para chegar nas docas, se esconderem no navio e esperarem a partida.

Isso não era difícil, a caminhada até lá era tranquila, mesmo que estivessem correndo assustados com o que poderia acontecer, Noi olhava o relógio e então comentava com os demais. -Meninos, temos vinte minutos até o navio partir, temos dez para chegar e nos escondermos e então mais dez até sua partida, vai dar tempo! Comunicava a mulher para os dois homens juntos dela na corrida.

-Ahaha! Correndo contra o tempo… Isso me parece divertido… Mas precisamos nos esconder bem, não podemos lutar novamente agora, o capitão foi bem prejudicado no combate anterior. Dizia Alduin explicando a situação atual para caso eles tivessem esquecido, e Noi completava com mais uma questão. -Bom, assim que chegarmos, eu consigo tratar os ferimentos dele enquanto a viagem acontece, são ferimentos superficiais em sua maioria, os mais problemáticos são as costelas. Concluía a mulher enquanto corria até o navio.

O caminho deles até o barco assim como o de ida até a loja não era tão distante, era ainda mais rápido, já que eles pareciam ter pego um atalho pelas docas, coisa que talvez Liu não soubesse antes e por isso tomou um caminho normal, não demorava muito até que chegaram ao navio, mas eles conseguiam ouvir algumas vozes gritando ao longe. -Vasculhem tudo, não deixem que escapem, vai ser fácil identificá-los. As vozes comentavam enquanto eles chegavam finalmente ao navio.

O Rosa Marinha estava agora diante de seus olhos, até o momento não havia nenhum homem por ali e faltavam cerca de três minutos para que finalmente tivessem alguns homens para preparar o navio para a partida, eles tinham esse tempo para adentrar o navio e se esconder o mais rápido possível.

Como visto antes, os homens já haviam deixado tudo pronto, e agora só voltariam faltando pouco menos de dez minutos para as cinco horas da tarde que era o horário de partida, apenas para seguir sua viagem, ao fundo do navio, havia um pequeno armazém que ficavam coisas velhas, remos reservas quebrados, barris furados, e restos de carpintaria, não era um lugar que parecia ser visitado sempre, então parecia ser um bom lugar para se esconderem pelo menos por hora.

Agora era com o trio, tudo estava em suas mãos, só faltava tomarem a iniciativa de ir logo ou de perder mais tempo por ali.

Histórico:


Última edição por Kira em Sex Jul 22, 2022 1:50 am, editado 1 vez(es)

_________________

I - Anjo Caído - Página 4 V5YJKwL

Pensamento
Fala
Extras
I - Anjo Caído - Página 4 AFpksu9
Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Qui Jul 07, 2022 11:27 pm

I - Anjo Caído


Ouvindo os gritos a nossa procura, lembrava das câmeras que não havia me importado com, sorria já pressupondo que naquele momento, a marinha estava a par da situação.

Curtia brevemente meu momento de fama, porém levantava uma alerta em minha cabeça, esse tumultuo pode acelerar a partida do Rosa Marinha...

— Vamos... quanto antes entrarmos, mais seguros estaremos. – Poupando ao máximo a necessidade de falar, ainda que fossem danos controlados, a dor era alta, era quando entrava no navio, que diria para Alduin.

— Baragon! Pegue isso! – Tirava a camisa jogando em suas mãos – Tente tirar o sangue... não quero arriscar que sejamos descobertos... agora, onde vamos nos esconder?

Olhando a volta, dava de cara com um armazém, parecendo ser capaz de suportar nós três, não pensaria duas vezes, abrindo a porta, com a mão chamaria os dois para dentro.

Assim que passassem pela porta, a fecharia, pegando qualquer objeto de espessura grosa e cumprimento bom, tentaria prender a porta, não me esforçando ao máximo, deixando que caso necessário, Alduin fizesse isso caso eu não conseguisse.

Sentando no chão, olharia animado para a dupla, — Nossa história está apenas começando companheiros...

— E não se preocupem, conseguindo juntar um dinheiro considerável em Polestar, compramos nosso barco e então passaremos por menos perrengue...

— Só falta o dinheiro, o barco, o navegador e ... DraDraDra, enfim, não é preocupação para agora.

— Quanto ao roubo, pretendo gastar o mínimo possível desse dinheiro, para adquirirmos a nossa caravela, por isso, caso precisem de algo, me avisem, eu comprarei...

— E a partir do próximo assalto, iremos dividir os ganhos entre nós de forma igual...

— Alduin, você cumpriu seu papel de forma extraordinária, meu Dragão de Aço e você Noi, a Dragoa Feérica, queria ter sido mais rápido e conseguido ter te protegido melhor daqueles insetos, mas obrigado por toda sua agilidade para coletar as joias.


Dados:

Objetivos:







_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI
Kira
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 Barba-branca-shirohige
Créditos :
27
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t361-klaus-sunwizer#1096 https://www.allbluerpg.com/t2234-os-seis-caminhos#24855
Kira
Pirata
Re: I - Anjo Caído Sex Jul 08, 2022 1:46 pm



O rapaz finalmente chegava ao navio, e logo se preocupava com como iriam se esconder, pensando rápido, ele retirava sua camisa com sangue e dava para baragon retirar o mesmo dela, para que não fossem descobertos pelo cheiro provávelmente.

Logo eles avistavam o armazém e Liu seguia junto de seu grupo para o mesmo, o lugar era grande o suficiente para mais pessoas se esconderem, era como um porão em um navio, o lugar era bem escondido e ninguém ia até lá, era como se usassem aquilo apenas para guardar coisas velhas ou que se quebravam em meio às viagens e essas coisas. Noi logo pedia para que ele mostrasse seus ferimentos e assim começava seus tratamentos, mesmo que de forma improvisada, a mulher conseguia fazer mágica, e enquanto ela cuidava dos ferimentos, o navio enfim partia do porto, tomando o rumo de Polestar.

-Essa viagem vai ser boa pra você conseguir se recuperar… Seus ferimentos não são graves, mas pedem um pouco de repouso e boa alimentação. Diria a mulher, logo tendo um estalo após proferir suas palavras. Ela olhava para baragon e depois para o imperador e então questionava. -Algum de vocês trouxe comida? Questionou a mulher, os olhando com um olhar um tanto espantado que eles possivelmente haviam esquecido algo extremamente importante.

Um olhava para o outro e então Alduin respondia. -Bom, me desculpem, mas eu não pensei nisso enquanto vínhamos para cá. Diria o homem abaixando a cabeça e logo começando a sorrir como se fosse algo extremamente idiota e todos eles esqueceram de fazer. -Bom, agora passaremos a viagem toda sem comer… Sabe-se lá quanto tempo isso vai durar. Não podemos sair para pegar comida, podemos ser vistos e se formos vistos, teremos problemas pra lidar com esse bando agora! O imperador está ferido, nós não temos força pra lutar depois de tudo isso e sem ter comido, vamos ter que aguentar o máximo que da. Diria a mulher, dando um esporro nos dois, em principal em Liu, ela o olhava nos olhos diretamente.

Afinal, ele era o capitão e tinha que ter pensado em tudo isso. Com isso a viagem continuava, o tempo se passava e dia após dia eles sentiam que a fome aumentava cada vez mais, suas forças estavam quase que completamente exauridas, tanto que quase não conseguiam nem abrir a boca para falar um com o outro. Eles se mantinham escondidos em um canto que não dava para serem vistos caso alguém adentrasse o porão, e caso fossem vistos, seria um grande problema.

A viagem continuou e os dias foram se passando, e cada vez mais eles sentiam fome e mais fome, e quando finalmente chegou o sétimo dia de viagem, o navio atracou no porto e o capitão gritava. -Chegamos seus idiotas, peguem tudo e vamos desembarcar, temos que levar essa mercadoria e entregá-la. E assim, eles podiam ouvir a correria no navio, homens pra lá e pra cá até que algum tempo depois, o silêncio reinava sobre o local.

Eram sete dias dentro de um armazém velho e mal cheiroso, sem comer, apenas existindo dia após dia, a fome deles certamente estava em outro patamar, suas forças estavam praticamente zeradas e eles precisavam usar esse último pico de adrenalina pra sair do navio e ir direto comer alguma coisa, ou quem sabe, tentar roubar ao menos alguns pães, mas, isso seria problemático, entrar em um combate agora por causa de pão não seria bom para nenhum deles.

No navio havia atualmente apenas um homem, o mesmo estava dentro da cabine do capitão, ele tinha uma boa visão do navio dali, mas daria para o trio passar escondido sem que ele visse, e assim, se jogarem na areia e poderiam seguir direto para algum restaurante ou algo do tipo.

Histórico:


Última edição por Kira em Sex Jul 22, 2022 1:51 am, editado 1 vez(es)

_________________

I - Anjo Caído - Página 4 V5YJKwL

Pensamento
Fala
Extras
I - Anjo Caído - Página 4 AFpksu9
Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Ter Jul 12, 2022 12:08 am

I - Anjo Caído


Tudo parecia no fim ter ocorrido como o planejado, se eu não tivesse esquecido a coisa principal para a viagem, a comida, se bem que, recordava-me de ter dito para Alduin adquirir o abastecimento, havia até dado um tempo para ele conseguir tudo isso enquanto ia na loja de armas.

Meu semblante se fechava e me sentia um completo inútil, cabia a mim ter checado com ele se o mesmo havia conseguido o que tinha pedido, no fim, a culpa era minha.

— DraDraDraDra... Parece que você não teve tempo para conseguir a comida como havia solicitado né Alduin... de toda forma, cabia a mim ter me prontificado disso, ainda que por natureza, você é o cozinheiro e aquele que naturalmente teria se preocupado com esse detalhe.

— Cabe a nós agora tentarmos gastar o mínimo possível de energia e torcer para que a viagem não dure demais, sendo assim... teremos que sair desse esconderijo, quem sabe roubar ou matar para conseguir comida.


Agradecia com um aceno os cuidados de Noi quanto aos meus ferimentos, acenando com o rosto, assim, voltando a um silencio, tentaria nos próximos dias, diminuir os gastos energéticos, dormindo mais, falando e me movendo menos, somente se preciso para me esconder.

Contudo, os mares pareciam estar contra nós e a viagem num ponto, parecia nunca chegar ao fim, Polestar parecia ser anos luz daqui e isso começava a me preocupar.

O grande problema era que no momento em que percebia isso, já não tinha mais forças para começar um confronto por comida, preferindo esperar.

Mal conseguia me manter de pé, mas ao ouvir as falas do capitão deste barco e a súbita parada do barco, a força do ódio ia consumindo meu corpo, tentava conseguir tirar energia dos últimos reservatório, energia para ao menos conseguir fugir do barco e conseguir comida.

— Va- Vamos... – Com dificuldade na fala, pegaria as joias roubadas, distribuindo-as entre nós três, diminuindo a carga de cada um, assim tentaria me arrastando, passar por trás de barris e objetos, para então sair do barco sem ser percebido, chegando à terra firme, como um animal, tentaria encontrar qualquer opção para conseguir comida, uma taverna ou até mesmo barraquinhas no porto.

Sendo uma taverna, assim que adentrasse com Noi e Alduin, sentaria sobre uma mesa e esperaria por algum atendente, — Por favor, queremos todos os pratos do seu cardápio e três canecas do seu melhor barril de rum.

Já na possibilidade de ser uma barraquinha, compraria a comida vendida ali para mim e para meus companheiros. Independente do caso, focar-me-ia em comer, tentando manter a calma para que também não passasse mal depois de comer muito rápido.

Dados:

Objetivos:







_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI
Kira
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 Barba-branca-shirohige
Créditos :
27
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t361-klaus-sunwizer#1096 https://www.allbluerpg.com/t2234-os-seis-caminhos#24855
Kira
Pirata
Re: I - Anjo Caído Ter Jul 12, 2022 1:37 pm



A viagem terminava e os três pareciam literalmente mortos de fome, sim, seus corpos estavam no limite de sustentar a fome que sentiam, afinal eram sete dias sem comer nada. Liu então proferia a Alduin o que havia pedido antes, e então o homem respondia. -A ideia de obter o abastecimento de comida seria para uma viagem na qual Roger nos levaria, não? Como tomamos a decisão de entrar no navio do homem escondidos, seria difícil cuidar do abastecimento, só daria para levar o básico, o que não ajudaria muito já que foram sete dias de viagem… Mas peço perdão pelo vacilo. Comentava o homem com um olhar cabisbaixo.

A viagem terminava e logo o trio saía do navio e ia em direção a qualquer lugar que tivesse para comer, não demorando muito além do porto, eles encontravam um pequeno restaurante, o lugar tinha portas de madeira, assim como toda a construção, sua fachada tinha uma placa simples dizendo “Bom Sabor”. Não era um lugar extravagante, mas era onde eles conseguiriam comida.

Dentro do local, era um típico restaurante bar, havia uma bancada para o atendente servir seus clientes, bancos a frente do mesmo, no restante do espaço, haviam mesas redondas e cadeiras de madeira, quatro cadeiras por mesa, e era um total de 5 mesas com vinte cadeiras por ali. Atrás do balcão, havia uma adega de vinhos e também havia bebidas para que o cliente pudesse escolher, e assim o imperador entrava no lugar se sentando em uma das mesas e sendo atendido.

Logo ele pedia o melhor prato de comida do lugar, três deles para ser mais exato, e também três canecas com o melhor rum, o homem anotava o pedido do rapaz em um bloquinho e então dizia. -Tudo bem senhor, não vai demorar muito. Dizia o homem seguindo para trás do balcão novamente e entregando o pedido para a cozinha do local.

Por ali o restaurante não estava tão cheio, havia só mais duas mesas cheias, cada uma com duas pessoas, e mais uma pessoa sentada no balcão bebendo. Logo, após dez minutos a comida vinha, era um prato bonito de ensopado de carne com batatas e legumes servidos com arroz branco, logo também chegava as canecas de rum, onde eles poderiam finalmente comer e beber tranquilamente.

Esse era um restaurante local, e certamente poderiam conseguir informações por ali, afinal, eles já estavam comendo no lugar, bastava pagar e qualquer coisa poderia ser dita, mas isso ficava a ser decidido por Liu, que nesse momento só pensava em comer o que tivesse pela frente, sua fome era tão negra quanto um buraco negro.

Histórico:


Última edição por Kira em Sex Jul 22, 2022 1:51 am, editado 1 vez(es)

_________________

I - Anjo Caído - Página 4 V5YJKwL

Pensamento
Fala
Extras
I - Anjo Caído - Página 4 AFpksu9
Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Ter Jul 12, 2022 11:04 pm

I - Anjo Caído


Mais calmo após termos conseguido chegar nesse estabelecimento, eu esperava pela comida, a vontade maior era sobreviver então independente da qualidade dos alimentos, eu precisava e queria comer, o maior alivio era saber que meus companheiros estavam também comigo.

Haviam poucas pessoas no restaurante e eu conseguia relaxar momentaneamente, assim, quando o prato chegava, ia comendo aos poucos, saciando minha fome, mas sem exagerar nas garfadas.

As dores dos machucados ainda não haviam sumido e não queria forçar demais meu corpo, iria voltando ao normal a cada garfada, voltando a ouvir até mesmo Isshin que havia sumido nas últimas horas.

— Parece que você conseguiu garoto... uma pequena amostra do que ainda iremos fazer nesse mundo... a vingança começou a nove anos atrás e hoje, fechamos um capitulo e abrimos um novo... certo?

Sorria entre as garfadas, gargalhando e tomando do copo, ia me animando, — Você tem razão DraDraDra o futuro incerto me anima...

— Comam o quanto quiserem Alduin e Noi, é por minha conta hoje, depois do meu erro DraDraDra...


Olhava para meus companheiros, sorrindo de forma mais calma ao ver eles também melhores, tal sorriso que mudava conforme analisava as mesas a volta, eu não pretendia pagar por aquela comida e Polestar devia sofrer das minhas mãos.

— Noi... você pouco pode se divertir com aqueles seguranças... eu tive uma ideia... – Esperava ver se ela se sentia animada com a proposta ainda que quebrada no meio, o mistério era proposital para deixa-la ansiosa.


Dados:

Objetivos:







_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI
Kira
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 Barba-branca-shirohige
Créditos :
27
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t361-klaus-sunwizer#1096 https://www.allbluerpg.com/t2234-os-seis-caminhos#24855
Kira
Pirata
Re: I - Anjo Caído Qua Jul 13, 2022 7:42 pm



A comida era bem quente, ele podia sentir o aroma delicioso entrando por seu nariz, fazendo sua boca aguar na mesma hora, assim como Noi e Alduin sentiam também. A comida era bem simples, mas bem temperada e deixava o trio finalmente desfrutar de uma coisa boa a bastante tempo, alívio da fome.

Liu tinha sua mente atormentada mais uma vez por Isshin e mantinha um certo diálogo com o dragão, mas não demorava muito a dizer que a comida estava por conta dele naquele momento, já que havia cometido um erro, bom, isso pode ser verdade, mas era legal ver o quanto ele se importava com seus companheiros.

Entre garfadas e goladas, ele conversava com os dois amigos, e então se direcionava a Noi, dizendo que ela não havia se divertido tanto contra os seguranças na luta da loja de jóias, a mulher o olhava com um leve sorriso no rosto, e algo mais que não podia passar despercebido, a mulher mantinha sua postura requintada mesmo no extremo de sua fome, comia tranquilamente garfada após garfada, ao contrário de Alduin, completamente, que mais parecia um dragão real comendo como um monstro.

Ela então pegava um guardanapo e colocava seu garfo sobre o prato, limpando um pouco a boca. -Hmm… Parece que pensou em algo bom! E o que seria. Diria a mulher calmamente, logo voltando a comer ainda de forma totalmente tranquila e requintada.

Alduin por outro lado, comia como se não houvesse o amanhã, garfada após garfada na velocidade de um dinossauro abocanhando sua presa. -Arrhf! Isso realmente me fez um bem enorme, estava ótimo… Até comeria mais, sem problemas. Diria o homem se jogando no apoio de costas da cadeira, relaxando o corpo e segurando a barriga.

O imperador havia estimulado o ânimo e interesse de Noi, e agora precisava desfazer o mistério, o que será que ele tinha em mente naquele momento? Talvez outro roubo? Bom, isso ele teria de explicar à mulher que se mantinha ainda a comer esperando que o mesmo explicasse.

Histórico:


Última edição por Kira em Sex Jul 22, 2022 1:51 am, editado 1 vez(es)

_________________

I - Anjo Caído - Página 4 V5YJKwL

Pensamento
Fala
Extras
I - Anjo Caído - Página 4 AFpksu9
Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Seg Jul 18, 2022 12:58 pm

I - Anjo Caído


Sorria animado conforme soltava o garfo e a faca, após acabar aquela refeição, — Bom, eu não estou cem por cento, então caberia mais a você.

— Nas mesas a volta, existem pessoas bem intrigantes, que eu certamente gostaria de ver suas cabeças rolando, porque você não resolve isso enquanto Alduin acaba de comer e eu vou “pagando” a conta. – Ao proferir sobre o pagamento, uma risada finalizava a frase.

Levantando, ia a passos lentos até o balcão, — Quanto ficou a conta? – perguntaria ao balconista, aguardando sua resposta, não me importaria com o valor.

Desembainhando minha katana, levaria ela até a lateral esquerda do pescoço do homem, inclinando meu corpo a frente e apoiando minha mão sobre a mesa, sorria de uma orelha a outra.

— Veja bem, olhe o que está acontecendo atrás de mim... – Esperava que neste momento Noi estivesse se divertindo com os clientes do local.

Buscaria um papel e uma caneta sobre o balcão, pegando-os com a mão que estava sobre a mesa, deixaria a outra segurando a katana ainda ao lado do pescoço do homem.

Mantendo meus olhos nele, diria, — Comece a anotar! – Havendo uma demora, eu finalizaria dizendo – Agora!

— Anote nesse papel quanto foi os gastos da minha mesa... – Sendo feito, continuaria – Quem vai paga-la é o Sargento Galzo... não se preocupe, ele é um grande amigo meu...

— Diga a ele que essa conta é o pagamento que ele me deve, por sinal... quem sou eu? Você pode estar se perguntando...


— Bom, eu sou Liu Feng, O Dragão da Destruição... – Lentamente daria um fino corte sobre o pescoço do homem, sem a intenção de mata-lo, eu guardaria a katana, virando-me de costas para o salão.

Caso Noi precisasse de minha ajuda, com passos lentos, caminharia até ela, observando toda possível chacina, partiria em disparada para cima do seu adversário naquele momento.

Com socos na região abdominal e chutes focados nos joelhos, queria incapacitar sua movimentação.

Por meio de rolamentos e esquivas tirando o corpo de possíveis golpes, tentaria não ser acertado, usando de mesas e cadeiras para me proteger se necessário.


Dados:

Objetivos:







_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI
Kira
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 Barba-branca-shirohige
Créditos :
27
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t361-klaus-sunwizer#1096 https://www.allbluerpg.com/t2234-os-seis-caminhos#24855
Kira
Pirata
Re: I - Anjo Caído Ter Jul 19, 2022 4:32 pm



O trio comia como se não houvesse o amanhã, e deveriam mesmo, afinal, a fome que sentiam era algo que nenhum ser humano deveria sentir, sete dias sem comer, quase os levou a morte, mas finalmente tinham energia e forças novamente, e seus estômagos cheios.

Liu então questionava a Noi sobre algo interessante, e depois que ela o perguntava o que seria, ele sugeria se ela não queria matar alguns dos homens nas mesas do bar, ela o olhava logo após comer, limpando sua boca com um guardanapo e então respondia. -Hmm… Isso pode ser bom, vai ser um bom exercício após comer. Diria a mulher em seu tom tranquilo, logo se levantando da mesa de forma calma e tranquila.

Liu também se levantava e seguia ao balcão, colocando a espada no pescoço do homem e perguntando o valor que havia dado a refeição dos três, o homem já assustado e suando frio o olhava e dizia com sua voz trêmula. -Deu cento e cinquenta mil berries, senhor! Disse ele gaguejando com medo da morte.

O imperador por sua vez, dizia para o mesmo olhar para as mesas e o homem olhava, e a cena que via era a de Noi decepando a cabeça do terceiro homem ali sentado, os outros conseguiram fugir, o que era um problema, afinal, eles poderiam avisar a marinha sobre o acontecimento, o que poderia ser ruim para o bando que ainda não tinha um esconderijo e nem lugar para ficar, além de estarem se recuperando de uma viagem problemática.

O homem logo começava a chorar ao ver o acontecimento, e Alduin lá de trás terminava de comer e dizia. -Chefe, terminei de comer! Quer que eu mate esse homem? Comentou baragon, se levantando da mesa e estalando os dedos indo em direção a Liu e o balconista.

Porém, Liu não parecia querer matá-lo, apenas queria que o mesmo passasse uma informação, ele queria que o homem anotasse o nome de um sargento da marinha, o homem anotava.  -Sargento Galzo… Si… Sim s.. Senhor! Diria o homem certamente com um pavor imenso de perder sua vida.

Isso deixava claro para Alduin que não haveria a morte do homem, porém, os demais… Haviam três mortos no restaurante, dois deles sem cabeça, e outro com parte do peito aberto, Noi havia acabado de comer, mas conseguia fazer tais coisas tranquilamente, porém, a maior parte dos homens ali conseguiram fugir, o que poderia ser um problema para se lidar  em breve, já que eles certamente avisariam a marinha do ocorrido.

Histórico:


Última edição por Kira em Sex Jul 22, 2022 1:52 am, editado 1 vez(es)

_________________

I - Anjo Caído - Página 4 V5YJKwL

Pensamento
Fala
Extras
I - Anjo Caído - Página 4 AFpksu9
Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Qua Jul 20, 2022 12:24 am

I - Anjo Caído


Era quando embainhava minha katana que em seu reflexo me assustava, sacando-a com o sangue se esquentando em minha frente eu a apontava, com a mão direita tremulando.

I - Anjo Caído - Página 4 544697863ef7845aa14e549254287a60

Um ser surgia em minha visão, surgindo de uma das sombras do ambiente, eu gritava, — O QUE VOCÊ QUER?! QUEM É VOCÊ?? – Me exaltaria tanto que acabava retomando a consciência, olhando a minha volta e vendo meus aliados, ia voltando para o plano real.

I - Anjo Caído - Página 4 Ff9285127fce1a4c05c4859cf6172474

O suor se acumulava sobre minha testa e eu guardava em definitivo a katana, com um semblante sério e calado, de um homem conturbado, eu daria uma ultima olhada no local, encontrando uma porta dos fundos, por lá sairia, mas não havendo, pela da frente iria.

O que havia sido aquilo anteriormente? Isshin não era, mas o que exatamente seria? Era como um dos demônios que já ouvi falar em minhas terras, mas porque teriam um me seguindo?

Seria meus atos hediondos? A morte que anda ao meu lado onde quer que eu vá? — Tsc... – Soltava aos ventos – Alduin, faça a linha de frente e guie nosso grupo, precisamos nos esconder por enquanto.

Em silencio, seguiria os passos do homem, me afastando daquele local e tentando me esconder de possíveis marinheiros, volta aos meus pensamentos.

Se caso seja de fato um demônio, talvez não seja a pior das coisas, afinal... mesmo sendo algo proibido em Penglai, existem lendas sobre rituais de aprisionamento de Demônios.

Conseguindo obtê-lo, eu com certeza estarei mais próximo de concluir meus objetivos, mas onde, onde conseguirei tais informações?

— Alduin e Noi, mudança de planos! Vamos nos esconder em um lugar que dificilmente iriam desconfiar, procurem uma biblioteca enquanto corremos!

Assim, faria, voltando meu foco a este objetivo, tentaria notar algum edifício ou informação que me levasse até tal lugar, assim adentrando, logo diria em um tom de voz baixo, — Se dispersem entre as cadeiras, peguem livros e bom... enrolem um pouco.

Indo a primeira bibliotecária que visse, diria, — Olá, tudo bem? Você poderia me dizer onde fica a sessão de Teologia? – Aguardando tal informação, iria até o destino.

I - Anjo Caído - Página 4 A7b11644370061d38d9f21bca8f6d0f7

Quando estivesse prestes a entrar na sessão, parava, olhando aquele maldito sorriso que aparecia a minha frente, ainda escondido nas sombras, mas diferente de antes, eu sorriria de volta com um rosto de um homem perturbado.

I - Anjo Caído - Página 4 860632ce449b52d3e0e37224e1f21c92


Logo começando a vasculhar dentre os livros, qualquer coisa que no prefacio citasse demônios, aprisionamentos, buscando talvez aquele livro velho e empoeirado, escondido no meio daquela biblioteca.

Dados:

Objetivos:







_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI
Kira
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 Barba-branca-shirohige
Créditos :
27
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t361-klaus-sunwizer#1096 https://www.allbluerpg.com/t2234-os-seis-caminhos#24855
Kira
Pirata
Re: I - Anjo Caído Qua Jul 20, 2022 1:40 pm



O homem conseguia o que queria, o dono do restaurante não tinha muita reação contra suas ações, e ninguém ali podia ajudar o coitado, na verdade não havia sobrado ninguém no local, já que todos fugiram de medo.

Liu agora começava a guardar sua katana, e então das sombras surgia em sua visão um demônio, ou algo que se assemelha a um, o mesmo gelava naquele momento, e não entendia muito bem o que tava acontecendo, seriam truques de sua própria cabeça? Ou seria realmente um demônio vindo buscar a alma daquele homem? Essas eram respostas que ele não tinha e que não encontraria naquele restaurante.

Ao olhar a volta, ele percebia a porta dos fundos, atrás do balcão, eles então passavam pelo mesmo, e então saiam do lugar correndo, Alduin ou via as ordens do imperador e então atendia prontamente. -Sem problemas chefe! Dizia o homem tomando a dianteira do trio enquanto avançavam, no meio do caminho, Liu tomava uma decisão, a mudança de planos repentina dele tinha um propósito.

Ao que parecia aquilo realmente tinha mexido com a cabeça do homem, ser atormentado não era para qualquer um, e logo ele bradava que eles encontrassem uma biblioteca, Alduin o olhava e acenava com a cabeça de forma positiva, e Noi fazia o mesmo, porém, a mulher parecia sentir um que o homem não estava totalmente bem. -Você está bem, capitão? Eu quem matei todos aqueles homens, mas parece que quem está vendo assombrações é você. Comentava ela do seu jeito, buscando entender que cara era aquela que Liu estava fazendo.

Logo a frente, eles encontraram a biblioteca, e ao adentrarem, o chefe do grupo passava as ordens do que deveriam fazer, Noi apenas acentia com a cabeça, e Alduin também, e logo eles entraram. Liu questionava a bibliotecária sobre a área de teologia, a mulher logo apontava para ele. -Bem ali senhor, corredor 7b Diria ela apontando e deixando que o homem entrasse.

A princípio a biblioteca parecia não cobrar, mas a cobrança seria feita na saída, após o tempo que eles permanecessem ali dentro, enquanto lá dentro, eles poderiam usufruir de qualquer livro que quisessem, de qualquer assunto pelo tempo que precisassem, pagando apenas pelo tempo que permaneceriam por ali.

Ao chegar ao corredor, o homem encontrava um livro negro com escrituras douradas. O homem podia perceber que o mesmo parecia não ter tanta procura assim, estava empoeirado e alocado no meio de alguns outros livros não tão relevantes, mas esse o chamava a atenção.

Noi e Alduin pegavam qualquer coisa na prateleira, apenas para passar o tempo e seguir com o plano de Liu, e agora, o homem poderia simplesmente se sentar e ler aquilo o que desejava, talvez assim, ele conseguisse respostas do que procurava.

Histórico:


Última edição por Kira em Sex Jul 22, 2022 1:52 am, editado 1 vez(es)

_________________

I - Anjo Caído - Página 4 V5YJKwL

Pensamento
Fala
Extras
I - Anjo Caído - Página 4 AFpksu9
Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Sex Jul 22, 2022 1:35 am

I - Anjo Caído


Com aquele livro em mãos, eu sentia um arrepio que percorria minhas costas, meus ombros mexiam com sua passagem e minhas mãos iam se esfriando, o ar ficava rarefeito em minha percepção e eu sentia que estava afogando no seco.

Cairia de joelhos no chão, com o livro em minha mão direita, levaria a esquerda até o peito, apertando-o, me jogava para trás, tentando me apoiar na prateleira que estaria atrás de mim.

Tentaria respirar, acalmando-me e então, sentado ali mesmo, começaria a leitura, poucas páginas eram necessárias para que eu entrasse num transe, lendo aquele livro com palavras rebuscadas e muitas metáforas, tendo escrituras que sequer conseguia entender.

I - Anjo Caído - Página 4 336695f9024106500d0f420ea9266557

Ia sentindo como se um peso sobre meus ombros aumentasse, era como se fosse cada segundo mais pressionado contra o chão, olhava para cima e saindo de mim, em uma sombra escura, era o demônio que antes havia visto, ele se aproximava e então, cochichava em meu ouvido.

Eu não conseguia me controlar e logo começava a repetir o que ele falava, em um tom de voz que poderia ser alto para uma biblioteca, — Caia, só há trevas para você e só morte para seus amigos, eu vou comandar um exército, vamos navegar até que toda luz seja extinta, você é forte garoto, mas eu estou além da sua força, eu... sou o fim e vim pegar você.

Era quando eu começaria a rir, gargalhando de forma espalhafatosa, uma risada nervosa que ia se intensificando e se tornando algo mais perverso, com risadas longas.

I - Anjo Caído - Página 4 A9f005263a2eee0b7252c8959bccc674

Eu levantava, fechando meu olho esquerdo e deixando que somente o vermelho se mante-se aberto, o demônio olhava para o abismo profundo e vazia em meu olho, olhando-o de volta, era o demônio que agoniava.

— Ninguém pode me destruir enquanto a vida existir... enquanto o tempo tiver sentindo – Quase que berrando conforme gargalhava, acabava minha fala – EU NÃO TEREI UM FIM!! – Aos meus olhos a cena a minha frente era linda, esquecia o meu arredor, focando-me naquilo, agachava agora cochichando no ouvido do demônio.

— O mundo viu eu me afogar... sim, você estava lá, eu lembro da sua cara, você viu eu me afogar, você só ficou olhando Argh... ARGH!! – Fazendo um sinal com a mão, como se pedisse silencio a ele, que agonizava no meu ouvido, tal mão que tremia destacando a euforia a flor da pele – Shhh... Shshhhh... Durma...

Ele sumia nas sombras, levantando dando uma ultima gargalhada, olharia a minha volta, soltava o livro no chão, o que tinha para entender, não viria dos livros...


Dados:

Objetivos:







_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI
Kira
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 Barba-branca-shirohige
Créditos :
27
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t361-klaus-sunwizer#1096 https://www.allbluerpg.com/t2234-os-seis-caminhos#24855
Kira
Pirata
Re: I - Anjo Caído Sex Jul 22, 2022 3:29 pm



O rapaz continuava a ser atormentado pelo demônio que só ele via, era algo que fazia o mesmo sentir o medo e o terror de ver um ser das trevas diante de seus olhos. O rapaz então se apoiava em uma das estantes atrás de si, e logo começava a ler o livro, buscando fazer com que o demônio sumisse ou algo do tipo.

Não demorava muito e o demônio parecia começar a ser exorcizado, o mesmo começava a derreter e desaparecer aos poucos, enquanto Liu se aproximava de seu ouvido e dizia coisas do passado, como quando ele parecia se afundar e todos o olhavam rindo e o desprezando, enquanto o rapaz apenas desaparecia.

Não demorava até que o ser das sombras desaparecesse, e o rapaz recobrasse parte de sua consciência, agora ele sentia o suor escorrendo pelo seu rosto e seu coração acelerado, aquele era o futuro imperador de penglai, e dragão da destruição, o homem que almejava o topo do mundo, e nem mesmo demônios pareciam ter forças para impedi-lo.

Histórico:

_________________

I - Anjo Caído - Página 4 V5YJKwL

Pensamento
Fala
Extras
I - Anjo Caído - Página 4 AFpksu9
Jean Fraga
Imagem :
I - Anjo Caído - Página 4 FaqI0wB
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1620-liu-feng#17327 https://www.allbluerpg.com/t2251-iii-ragnarok#25058
Re: I - Anjo Caído Sab Jul 23, 2022 4:52 am

I - Anjo Caído


Anestesiado com toda a euforia vivida anteriormente, eu acalmaria meus ânimos, respirando de forma mais pausada, sairia daquela área, como se nada houvesse acontecido, responderia aos possíveis olhares com uma feição tenebrosa, um sorriso largo, olhos arregalados e a contração dos músculos do nariz que o levantavam

Havia que me esconder por um tempo ali, mas todo aquele escândalo de antes poderia acabar com este esconderijo, então usufruiria dele o máximo que pudesse.

O aprendizado era uma grande arma contra meus inimigos, a cada coisa nova aprendida, eu fico um passo a frente de todos, ou assim esperava e queria.

Caminhando sem muito rumo pela biblioteca, deixaria que meu instinto guiasse, ia sentindo a energia e ficava com três opções, conhecer melhor o corpo humano, aprender a arte da investigação e ser alguém que sequer sou por meio da dramaturgia.

Entre os corredores, iria atrás disso, um livro de Anatomia, outro sobre investigação e por fim, o de Dramaturgia, tudo aquilo poderia ser importante e encontrava motivos plausíveis para aprender todos aqueles.

Seria um momento proveitoso, abdicar-me do caos, deixar que meus companheiros relaxam brevemente e aprender o máximo que conseguir nesse tempo.


Dados:

Objetivos:




_________________

I - Anjo Caído - Página 4 OAKySZI