Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
Capitulo III — SolstícioHoje à(s) 16:17porRyomaCabra da Peste, vol 4 - InterlúdioHoje à(s) 16:05porSasha6º Capítulo: Gigantes versus Dragões!Hoje à(s) 15:49porSasha[FP] Radgar ValrakHoje à(s) 15:41porYami[FP] Radgar ValrakHoje à(s) 15:40porRadgarI - Anjo CaídoHoje à(s) 13:42porKiraCidade do Pecado, 罪市Hoje à(s) 12:50porNekkyotoCréditosHoje à(s) 12:40porKira[TUTORIAL] - GrimHoje à(s) 12:23porNekkyotoSpear & Shield - 01Hoje à(s) 11:01porMinduim

Princípios

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte
Kenshin
Imagem :
Princípios Ahri
Créditos :
36
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t360-agatha-harkness https://www.allbluerpg.com/t1510-capitulo-ii-sonho-de-uma-noite-de-verao
Kenshin
Desenvolvedor
Princípios Sab 15 Jan 2022 - 12:10
Princípios

Aqui ocorrerá a aventura do(a) Marinheiro Matthew Carter. A qual não possui narrador definido.

_________________

Princípios J09J2lK

"Ah, mas eu não quero ter dois caminhos ou ah, mas eu não quero ter caminho nenhum. Ué, você já pode porra, a única coisa que te impede de fazer isso é ser zé metinha e querer ficar comparando o tamanho do pau com o coleguinha pra compensar o ego frustrado." - Luquinhas, 2022
Matthew
Imagem :
Princípios 350x120
Créditos :
09
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1029-matthew-carter#9615 https://www.allbluerpg.com/t1032-principios
Matthew
Soldado
Re: Princípios Seg 17 Jan 2022 - 12:17
Tudo começa pelo princípio. Matthew sempre ouvia isso de William, que apesar de parecer apenas uma frase óbvia, significava muito mais para o rapaz. O pai adotivo de Matt, ex tenente da Marinha, havia lhe ensinado que a força, sem um propósito, era apenas um gasto de energia, inútil para a humanidade. Assim, o propósito do meio gigante ficaria cada vez mais brilhante e produtivo à medida que ele defendesse seus valores e ideais com bravura. Desse modo, muito mais que um começo, os princípios para Matthew eram seu guia, um norte para suas ações. “Pode ter certeza, William. Você ainda me verá como Almirante de Frota”.

Talvez Matthew tivesse tido um sonho imaginando-se com os trajes de um almirante, mas ao acordar, não tinha certeza do que de fato aconteceu, apenas a sensação boa de ter revisto William. Além disso, ao olhar suas roupas, percebeu que ainda havia um longo caminho a percorrer. – De soldado ao posto máximo da Marinha... VAMO NESSA! HÔ HÔ HÔ – Despertava o meio gigante, fazendo sua voz e sua risada estrondosa ecoarem pelo ambiente. “Hoje pode ter certeza que eu vou fazer minha primeira missão!”. Arrumaria sua cama, vestiria seu traje tradicional de marinheiro, não tão tradicional pelo seu tamanho incomum, e se não recebesse nenhuma ordem, Matthew iria em direção até o refeitório da Marinha.

Se encontrasse seus colegas no caminho, estaria disposto a ajuda-los, como sempre fazia, abrindo um sorriso largo e caloroso. Assim o faria também encontrando algum superior, mantendo o mesmo bom humor, apesar de um pouco mais contido ao receber uma ordem. Entretanto, se nada o parasse até o caminho do refeitório, o mesmo faria sua refeição, sempre com sua dificuldade em manusear as coisas de “tamanho normal”. Anormal também era a fome que Matthew sentia, sempre maior que a de seus colegas, pois afinal, ele era quase o triplo deles também.

Enfim, independente do que acontecesse, para o restante do dia que lhe aguardava, Matthew só pensava em uma coisa: sair para realizar sua primeira missão. – Hoje vai! Tô sentindo, HÔ HÔ HÔ! – Pensaria alto, enquanto finalizaria sua refeição e caminharia com seus passos pesados e sorrindo, indo para algum lugar onde pudesse encontrar seu superior e assim receber as ordens do dia.
Matthew:
Shiori
Imagem :
Princípios EEEWL0c
Créditos :
31
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Re: Princípios Seg 17 Jan 2022 - 15:47


Matthew - O Altruista



Matthew havia acordado ali, ainda um tanto perdido, já que seus sonhos tinham trago para perto de si um velho amigo, mas logo ele entendeu que não passava de um sonho, ou algo do gênero, e animado levantou para seu primeiro dia de serviço.

Ele não encontrava muitas coisas em seu caminho, apenas uma tranquila caminhada que o levou ao refeitório, que pelo horário estava vazio. Talvez ele fosse o primeiro a chegar, ou talvez o último…

Fato era que ainda eram 7 da manhã, então as duas coisas eram possíveis, já que a rotina de muitos se inicia às 5 horas. Ali no refeitório ele foi bem recebido pelas moças que serviam a comida com um grande sorriso.

Elas já o conheciam, e simpatizavam bastante com o rapaz de grande apetite. Ele comia bem e finalmente começava a se mover atrás de seu superior, algo que ele não demorava a achar, na verdade ainda no corredor ele era encontrado.

Um homem de cabelos vermelhos que ele não conhecia ainda, mas pelo sobretudo preto com algumas insígnias, que provavelmente vinham de seus feitos, e um terno da marinha por baixo. Devia ser um homem de patente mais alta. O homem trazia consigo uma espada na cintura e um falcão no braço.

Princípios 970fa6dbc4689c58765c46d0c1462903

Não demorou para que a voz soasse pelo corredor onde ele se dirigia a Matthew.-Você é Matthew certo? Estou encarregado por você e por outra marinheira que marquei aqui. Eu vou ser responsável por delegar missões a vocês- Disse ele dando um sorriso de leve e ajustando o cinto no qual ele guardava suas espadas.

Então não demorou muito pouco ele terminava de falar e uma mulher de cabelos brancos com três espadas nas costas todas na altura da cintura, e dispostas de forma horizontal. Ela tinha um corpo bonito, com curvas invejáveis para muitos.
Princípios 1ee62e797e661cd35af6f334382124ea

Ela então sorriu, estava sem a farda da marinha ainda, e parecia sonolenta, acendeu o cigarro começando a tragar ele.-Eu me chamo Leshy. É um prazer.- e com isso ela estendeu a mão para o gigante, enquanto sorria olhando para ele. O superior por enquanto apenas encarava esperando que as apresentações terminassem.

Então quando ocorresse ele logo diria.-Certo, sou o Capitão Altrius. E a missão de vocês é de patrulha, vocês dois devem cuidar dessa rua aqui no mapa, dando foco em especial as lojas e pontes. Tem acontecido algumas infrações menores na região.- Ele mostrou a area no mapa, era apenas uma pequena rua, com duas pontes nela. Ele entregou o mapa ao meio gigante.

Histórico:


Legenda:


_________________

Princípios YHVeK1M

Princípios VYrwji0
Matthew
Imagem :
Princípios 350x120
Créditos :
09
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1029-matthew-carter#9615 https://www.allbluerpg.com/t1032-principios
Matthew
Soldado
Re: Princípios Seg 17 Jan 2022 - 20:02
Ao findar a comida, ainda que não totalmente satisfeito, Matthew se levantava e acenava para as moças que lhe serviram a refeição, dizendo. – Tava ótimo, como sempre, HÔ HÔ HÔ! – Se despedia, enquanto ajeitava sua roupa e sorria para elas. Ainda que aguentasse comer mais e pudesse, em certo ponto o rapaz acreditava que aquilo já era o suficiente e mais que isso seria um exagero que podia prejudicar a refeição de outros colegas. “Vai saber as despesas que eu dou, né!”.  O pensamento na coletividade era algo que sempre passava pela mente de Matthew, o bem estar coletivo, enfim, o altruísmo característico do rapaz.

Ao entrar no corredor, a figura imponente de um homem de longos cabelos vermelhos, vestes pretas e um falcão em seu braço chamavam a atenção de Matt. Rapidamente, o foco do meio gigante era quebrado pelas palavras que o mesmo proferia à ele. – Sim, isso mesmo senhor, sou o soldado Matthew! – Falava, num tom até que agitado, embora o mais contido possível para alguém do feitio do rapaz.

Logo após da interação dos dois, uma jovem se aproximava dele e o cumprimentava, se apresentando. – Oi, tudo bem? Sou Matthew, o prazer é meu! – Diria, enquanto curvaria um pouco seu corpo para levar sua mão até o encontro da jovem, se preocupando em não apertar muito forte. Na sequência, Altrius se apresentava, não escapando da feição de Matthew uma reação de surpresa e animação ao ouvir a patente dele. Recebendo do capitão o mapa, prontamente batia a continência. – Pode deixar, capitão! Considere a área segura! – Diria, buscando passar confiança e poder em sua fala, enquanto guardaria o mapa no bolso de sua calça. "É ISSO AÍ, MINHA PRIMEIRA MISSÃO, HÔ HÔ HÔ!". Pensou, tentando segurar o máximo a emoção desse momento tão aguardado.

Dito isso, vendo as três espadas de Leshy, ele diria. – Acho que essas três belezinhas aí já estão bem afiadas, né? Tudo certo para partirmos então? – Questionaria. Sendo positivo o sinal de Leshy, o jovem buscaria a saída do Q.G junto da moça. Caso não, a aguardaria próximo a saída, seja lá o que ela tivesse que fazer. Enfim, estando ao lado dela, já no lado externo do quartel, perguntaria a Leshy, tirando o mapa de seu bolso. – E então, conhece essa rua aqui? Por nome assim eu sou meio ruim... mas fica tranquila que qualquer coisa a gente sai perguntando! – Diria o rapaz, buscando a colaboração da jovem de cabelos brancos, ainda um pouco ansioso por estar em sua primeira missão. Se ela ajudasse a direcioná-los até o local, Matthew a seguiria tranquilamente.

Se não, faria o que mais gostava: interagir. Perguntaria a algum transeunte se poderiam ajuda-lo. – Olá, bom dia! Pode me ajudar? Sabe onde fica essa rua aqui? – Perguntaria o meio gigante, com seu sorriso estampado no rosto, tentando falar o nome do local presente no mapa. Conseguindo a informação ou através de Leshy, puxaria assunto até que chegassem ao local. – Mas então, qual sua motivação pra entrar pra Marinha? – Perguntaria, enquanto aguardaria a resposta de sua companheira, realmente curioso para saber quais eram os valores e princípios que a moviam até aquela missão.
Matthew:
Shiori
Imagem :
Princípios EEEWL0c
Créditos :
31
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Re: Princípios Seg 17 Jan 2022 - 21:03


Matthew - O Altruista



O rapaz havia tido um bom café e seu inesperado encontro com o superior era animador, afinal, ele já havia se preparado para isso, sua primeira missão. E claro sua parceira também lhe foi interessante e ele cuidadosamente a cumprimentou. Dito isso após ele bater continência e receber a missão o capitão desejou boa sorte para os dois.-Boa sorte para os dois!! Espero que se saiam bem na missão. Qualquer problema que tiverem, que não puderem lidar sozinhos podem apitar com esse apito aqui. Ele vai chamar o falcão. E eu ajuderei.- Ele jogou o apito para o rapaz. Finalmente saindo dali e deixando eles dois prosseguirem.

A moça então dava um leve sorriso, esticando os músculos. E com o questionamento sobre suas espadas mais uma vez liberava um sorriso de canto falando.-Estou quase pronta. As espadas são de ótima qualidade keke. Apenas um segundo, trocar essa camiseta, pela regata da marinha, já te encontro na saída.- E assim o rapaz ia um pouco na frente por alguns segundos enquanto ela trocou apenas a camiseta, usando uma regata muito parecida, mas essa era branca, com o símbolo da marinha.

Ali na porta ela logo, comentava com o rapaz para que eles pudessem prosseguir.-Vamos?- Mas antes que pudessem partir existia outra questão, onde diabos ficava a rua. Porque apesar de ela estar circulada no mapa, não são todos que vão ler de forma perfeita. Mas a mulher em questão rapidamente pediu para consultar.-Posso olhar o mapa denovo?- e então quando ele entregasse ela o receberia para dar uma olhada por cima.

Vendo o nome e as construções que tinham destacadas no mapa ela rapidamente entendeu.-É por alí. Eu consigo levar a gente lá sim.- Disse apontando para uma rua que ficava a direita de onde eles estavam naquele exato momento. Ela começava a andar guiando ele e ouvindo o que o grandão tinha a dizer. Era uma pergunta que era comum.

As motivações por trás de alguem entrar na marinha. Talvez algo que todos que estão em organizações como essas tiveram que responder uma vez na vida ao menos.-Eu entrei na marinha, porque um dos poucos talentos que tenho é o de lutar. Entrar em combates é a única especialidade na qual realmente me destaco keke. Mas não queria seguir por um caminho cheio de sangue inocente, e não possui muitos amigos, então sair solitária num barco, caçando recompensas era uma opção complicada. Eu até fiz isso por quase dois anos, juntei muito dinheiro, mas pensei: "Poxa vida, eu poderia estar crescendo dentro de uma organização e fazendo bem mais renome, e ainda com informações melhores para salvar bem mais gente.” kehehehe- Dizia ela explicando um pouco de suas razões para estar ali, soltando uma risada mais completa no final, uma bem maior que tinha demonstrado até agora.

Então terminando de falar isso, ela então complementou dizendo.-E também por que a comida do QG é boa, e eu não sei cozinhar. Então era dureza os dias no barco, comendo minha propria comida… Assustadores… Mas e você por que está por aqui? Digo entrou por algum motivo especifico?- questionou ela enquanto eles estavam quase chegando ao seu destino, mas ainda tinham um pouco até chegar.

Histórico:


Legenda:


_________________

Princípios YHVeK1M

Princípios VYrwji0
Matthew
Imagem :
Princípios 350x120
Créditos :
09
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1029-matthew-carter#9615 https://www.allbluerpg.com/t1032-principios
Matthew
Soldado
Re: Princípios Ter 18 Jan 2022 - 10:10
Enquanto esperava por Leshy se trocar, Matthew fitava o apito que havia recebido de Altrius, enquanto pensava em como o capitão havia domado aquela ave. As experiências de Matthew com animais haviam sido muito mais agressivas e as cicatrizes no seu corpo eram prova disso. Mas enfim, quem sabe em algum momento o meio gigante pudesse ver os animais como companheiros, e não apenas como já sabia, suas caças. “Que saudades daquela carne de urso de Derlund...”. Pensava, enquanto sentia a saliva encher sua boca. Rapidamente, sua companheira já estava trocada, e o foco na missão retornava.

Ao oferecer o mapa para que Leshy os guiasse, a moça conseguiu identificar o local e então seria a responsável por guia-los. – É isso aí, vamo nessa! – Proferia o meio gigante, animado. Enquanto caminhavam, a chegada até o local seria monótona, algo que Matthew não podia deixar ocorrer. Não apenas por sua tendência natural a criar laços e ser alguém proativo, ele realmente queria conhecer mais sobre sua companheira.

Logo, a ouviu atentamente, fazendo apenas algumas anotações mentais para não ir esquecendo dos detalhes e ter assunto para puxar em algum outro momento. Ao ouvir a risada mais alongada da jovem, Matthew a acompanhava. – HÔ HÔ HÔ, você é engraçada mesmo! – Ria, contagiado pela risada de Leshy. O rapaz ouvia a continuação da fala da garota sem tecer nenhum julgamento sobre as falas dela, deixando apenas escapar novamente um sorriso sutil, até também ser questionado.

- Eu fui resgatado por um marinheiro, que cuidou de mim... Ele nunca precisou me incentivar a entrar na Marinha, os ensinamentos dele sobre justiça e valores já foram suficientes para querer fazer parte de uma corporação que pregue isso... – Pausava, respirando um pouco, e então prosseguia. – Sei que a Marinha como um todo é muito ampla e há muitas pessoas diferentes entre si, com ideais de Justiça muito diferentes, com objetivos diferentes. Não julgo, mas para mim a Justiça deve andar de mãos dadas com o bom senso e com a moralidade. Ser firme nas atitudes e usar a força dos meus braços para proteger o direito daqueles que não conseguem por si só! Acho que me empolguei um pouco, HÔ HÔ HÔ! – Falaria, realmente empolgado em falar sobre os ideais que eram os pilares de suas ações.

- E dito isso, darei minha vida se necessário para defender o bem estar das pessoas e o sucesso da missão. Você parece se defender bem, mas é meu jeito me doar pra proteger as pessoas que estão comigo. Espero que isso não seja um problema pra você... – Diria, usando dessa vez um tom mais calmo e seguro. Ao finalizar a frase, Matthew iria confirmar se já haviam chegado. – Acho que estamos próximo, né Leshy? – Questionaria, gentilmente.

Se ela confirmasse que sim ou dissesse que faltava mais um pouco, o fato era que quando chegassem no local, Matthew diria. – É isso aí, chegamos! Agora é só a gente ficar de olho nessas pontes aí, não deixar nada escapar do nosso radar. Prefere ficar junto ou cada um cuida de uma ponte? – Perguntaria, enquanto aguardaria a resposta da jovem de cabelos brancos. O olhar do rapaz estaria brilhando, ansioso por poder colocar sua força à serviço da justiça.
Matthew:
Shiori
Imagem :
Princípios EEEWL0c
Créditos :
31
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Re: Princípios Ter 18 Jan 2022 - 13:05


Matthew - O Altruista



Durante a caminhada os dois novatos conversavam sobre seus motivos para estarem na organização. Leshy atentamente escutou as razões do grandalhão, algo que lhe soou bem positivo, era bom ter alguém com um pensamento desse tipo mais perto, afinal ser movido por ideais torna as pessoas levemente mais confiáveis na maneira que ela enxergava as coisas.-Razões bem nobres eu diria. Eu gostaria de ter uma cabeça mais parecida com isso… Digo… Colocar ideais grandiosos e arriscar meu pescoço. No fim eu sou uma mulher simples keke- Disse dando um sorriso um pouco triste no fundo, mas logo se recompondo.

Ela sabia que talvez não fosse uma pessoa tão confiável, pois no fim, seus motivos eram mais pessoais, ela não sabia até que ponto estava disposta a sacrificar tudo, não havia tido tempo para ser testada até o limite. Apesar de ter lutado tantas vezes, e até mesmo perdido um de seus olhos no processo, aquilo não havia sido algo que ela sentia ter feito por alguém específico, era sobrevivência.-Eu fui uma sobrevivente eu diria. Muitas coisas eu fiz pra me manter bem e viva. Mas salvei muitos no processo, então não enxergo como algo ruim. Mas também não fui capaz de salvar todos ao alcance das minhas mãos. Entretanto eu luto pra viver, e também pelas coisas que acredito. Mesmo que algumas sejam simples como poder comer três vezes ao dia Keheheh- complementou dando mais uma risadinha e finalmente estavam ao centro do local.

Vendo as pontes Matthew rapidamente formulou uma estrategia em sua mente, que eles pudessem tomar conta do lugar, cada um em uma ponte, exibindo sua ideia sem perder muito tempo.-Boa ideia, acho que podemos fazer isso. Vou pra aquela qualquer problema grite.- Disse apontando pra uma das pontes e seguindo em uma caminhada tranquila pra lá, deixando que o rapaz tivesse de cuidar da outra e seguindo com seu serviço.

Então posicionado a vigia continuava, por algumas horas a manhã ia passando os transeuntes iam e vinham da ponte, a maioria delas pessoas comuns, pescadores, vendedores, idosos, e vez ou outra, um engravatado ou marinheiro passava ali. E quando algum marinheiro dava as caras sempre cumprimentava os dois acenando para ambos. Nada de suspeito vinha acontecendo.

Entretanto outro tipo de problema aconteceu, em um momento uma velha senhora com o saco de frutas vinha lentamente com sua bengala, andando devagar pela ponte, ela logo acabava fraquejando e quase derrubando o cesto de frutas. Matthew viu isso com clareza. Ela estava definitivamente precisando de ajuda, e quando já vinha ali mais perto tropeçou começando a cambalear.-Aaa… Minhas frutas…- mas ainda dava pra evitar a queda se ele agisse rapido.

Histórico:


Legenda:


_________________

Princípios YHVeK1M

Princípios VYrwji0
Matthew
Imagem :
Princípios 350x120
Créditos :
09
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1029-matthew-carter#9615 https://www.allbluerpg.com/t1032-principios
Matthew
Soldado
Re: Princípios Ter 18 Jan 2022 - 19:52
A conversa com Leshy estava agradável. Matthew conhecia cada vez mais sua companheira de missão à medida que a jovem ia falando mais um pouco sobre sua vida. –Nah, não é nada grandioso, é apenas meu jeito de enxergar as coisas. O homem forte se defende sozinho, já o homem mais forte defende os outros ao seu redor. – Dizia, parafraseando um dos ensinamentos de William, rapidamente voltando sua atenção a continuação da fala da moça.

“Essa Leshy, HÔ HÔ HÔ! Que garota...”. Pensava, deixando escapar um suspiro de admiração ao ouvir suas história de sobrevivente. – Na vida há muitas maneiras de se fazer o “bem”. Mesmo que você tivesse pensando apenas na sua sobrevivência, os resultados dos seus atos foram positivos, não é mesmo? – Perguntava, ainda que retoricamente. – Eu tive a sorte de encontrar alguém que me salvou, se não hoje seria um escravo. Mas mesmo assim, aprendi a sobreviver, a brigar, tudo pra me tornar mais forte e continuar ajudando as pessoas. – Diria, após terminar de ouvir a jovem. Ao ter sua sugestão aderida pela Leshy, os momentos que se passaram depois de se distanciaram foram até que longos. Hora ou outra, alguns outros marinheiros passavam e os cumprimentavam. Mas foi realmente um tempo em que o meio gigante usou para deixar seus pensamentos fluírem, ainda que buscasse se manter atento.

“Cara, essa é minha primeira missão mesmo... tá acontecendo! Uma jornada longa, com certeza, mas uma jornada que sei que será de muito esforço e suor! Quanto mais forte eu estiver, quando mais influente eu for, mas poderei contribuir para as pessoas, ensiná-las o caminho da justiça que eu escolhi!”. Os pensamentos fluíam e em alguns momentos Matthew imaginava seus atos heroicos vestindo o manto branco da Marinha, cheio de medalhas. Horas depois, poucas cenas tinham tirado o rapaz de seu devaneio.

Entretanto, uma cena tomou rapidamente a atenção de Matthew, que rapidamente decidiu agir. A figura de uma senhora quase deixando seu cesto cair acendia no coração gigante do rapaz algumas chamas de bondade. Ainda que agilidade não fosse seu forte, o marinheiro buscaria usar o máximo do seu porte atlético para alcançar a senhora antes que o cesto tombasse. Conseguindo pegar o cesto e olhando a senhora, o rapaz diria. – Quer que eu carregue isso pra você, senhora? – Perguntaria. – Será um prazer ajudar! – Sorriria, realmente buscando ser o mais atencioso e gentil possível.

Se a senhora aceitasse a ajuda, Matthew perguntaria até onde ela iria, apenas para informar sua companheira. Caso fosse longe, além da rua em que estavam, o meio-gigante iria até Leshy e diria. – Fique com o apito, eu volto rapidinho. – Diria, retirando o apito de seu bolso e entregando para jovem, retornando então sua atenção para a senhora. Entretanto, se a senhora apenas não aceitasse a ajuda ou fosse levar o cesto na rua mesmo, ele apenas se certificaria de se manter atento à rua. – No que mais posso ser útil, senhora? – Diria, novamente sorrindo.
Matthew:
Shiori
Imagem :
Princípios EEEWL0c
Créditos :
31
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Re: Princípios Ter 18 Jan 2022 - 20:45


Matthew - O Altruista



Aquele momento tudo havia sido estabelecido entre os dois. O rapaz parecia ter certa admiração por Leshy e como ela levou sua vida, e a moça não deixou de ser receptiva às suas ideias e falas, antes que o trabalho começasse. O que tinha levado os dois a um bom começo.

O tempo se passou depois da conversa e apesar da calmaria quando menos esperou Matthew estava salvando uma velhinha, não apenas foi capaz de segurar ela antes de cair, mas também de segurar seu cesto. -Obrigada filho!! Eu quase caí com tudo.- dizia dando um suspiro de alívio depois de tamanho susto que teve.

Leshy até subiu em uma das laterais da outra ponte pra ver o que estava acontecendo, mas logo notando que tudo estava bem, apenas relaxou, e novamente voltou a cuidar dali deixando que ele resolvesse. Diante daquilo a senhora mais uma vez agradecia ao oferecimento do gigante, para que pudesse ter um caminho mais seguro.-Oh, você faria isso por uma velha senhora? Muito obrigada filho!! Tem poucos rapazes bons como você por aqui.- E um sorriso se fez no rosto da senhora.

Era notável que aquele gesto de bondade encheu o coração dela de alegria, era como se visse mais um pouco de esperança na humanidade no gentil ato de Matthew. Poucas pessoas despertam isso nos outros, mas alguns poucos tem essa energia, de parecerem sumir com seus problemas por alguns segundos, quando se mostram presentes.

Era isso que a velhinha pensava, enquanto via o rapaz abandonando seu posto de trabalho para auxiliá-la, a outra marinheira concordava sem problemas com a ideia, recebendo o apito e dizendo.-Sem problema, eu dou conta aqui até você voltar. Se alguma merda acontecer chamo o falcão, pode ir sem receio keke.- ela cumprimentou a velhinha acenando pra ela sorridente. Deixando que então os dois seguissem.

A senhora ia conversando com ele durante a caminhada dizendo.-Você é grande e forte em? Sua mãe devia ser uma ótima cozinheira. Te criou muito bem. Sabe, as pessoas ignoram os mais velhos, como se fossemos invisíveis.- Disse ela com um pesar na voz, na sua última frase, que parecia lhe levar a crer que eles eram pouco vistos, e recebiam pouca atenção, alguns até mesmo abandonados por suas famílias.-Acho que elas tem medo do futuro quando olham pra nós.-complementou o que dissera antes depois de sua breve pausa. Mas logo eles iam chegando na casa dela, andaram em torno de 20 minutos até ali.

Então finalmente ela disse para o rapaz.-Minha casa é aquela na frente, a azul. Muito obrigada filho!! Espero que tenha muito sucesso na vida.- e assim ela abriu a porta, devagar e sempre. Acenou e entrou com o cesto, fechando a porta com um sorriso no rosto.

Histórico:


Legenda:


_________________

Princípios YHVeK1M

Princípios VYrwji0
Matthew
Imagem :
Princípios 350x120
Créditos :
09
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1029-matthew-carter#9615 https://www.allbluerpg.com/t1032-principios
Matthew
Soldado
Re: Princípios Qua 19 Jan 2022 - 11:56
A gratidão da senhora pelo auxílio de Matthew enchia o coração do rapaz de bons sentimentos, principalmente o de estar servindo ao bem alheio. Tendo recebido o consentimento de Leshy para deixar o posto por alguns momentos, o jovem decidiu seguir com a senhora para onde fosse o destino dela. – Vamos nessa! – Diria, empolgado.

Durante o caminho, o meio gigante ouvia com atenção o que a senhora dizia, fazendo questão de proporcionar à ela um momento bom, de respeito, interesse e alegria por estar diante de sua companhia. – HÔ HÔ HÔ, acho que eu venho de um lugar onde todos são assim, até maiores do que eu! – Ria, enquanto continuaria. – Não tenho muitas memórias da minha mãe, infelizmente, mas tenho certeza que ela fez o melhor para me proteger! – E então, seguiria sua fala. – Hoje em dia as pessoas ligam apenas pra si mesmo, não conseguem enxergar um palmo além do próprio umbigo. Mas fique tranquila senhora, pretendo mudar as coisas nesse mundo... – Proferia, já num tom mais profético.

Passado alguns minutos, caminhando de acordo com o ritmo da senhora, o rapaz ouvia a mesma dizer que haviam chegado até sua residência. Matthew se certificou de esperar para que a mesma entrasse em segurança em casa, e assim, com suas palavras de agradecimento e o sorriso no rosto, se despedia do marinheiro. – Não há de quê! Muito obrigado pelas palavras, desejo tudo de bom para a sua vida. No que precisar, conte comigo e com a Marinha para te ajudar! – Falaria, impostando a voz para um tom mais confiante e enérgico.

Feito isso, o rapaz buscaria retornar o mais rapidamente possível para o local onde estavam fazendo a patrulha. Não queria deixar sua colega na mão e ficaria realmente desapontado se algo acontecesse à ela sem ele estar por perto. “Bora acelerar o passo, ela e o capitão contam comigo pra proteger aquele local”.

Assim, o rapaz seguiria o rumo pelo qual veio, apenas buscando se manter alerta para possíveis ocorrências. Ainda que estivesse em uma missão, sua principal diligência era com a justiça, tempestiva e sensata. Logo, se nada acontecesse durante o percurso, ao avistar o local das pontes, buscaria avistar Leshy, torcendo para que tudo estivesse certo por ali. – Eae companheira, tudo certo por aqui? Alguma novidade ou só mais alguns momentos de reflexão, HÔ HÔ HÔ? – Questionaria, caso tudo estivesse calmo no local, já se colocando à postos. No caso de algo estar acontecendo, buscaria se manter atento aos acontecimentos, rapidamente buscando mapear e compreender a situação.  
Matthew:
Shiori
Imagem :
Princípios EEEWL0c
Créditos :
31
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Re: Princípios Qua 19 Jan 2022 - 14:57


Matthew - O Altruista



A senhora estava realmente muito agradecida pela companhia, e muito feliz pela atenção que recebeu. Ela parecia ser alguém que realmente vivia de maneira solitária, afinal, chegando na casa, não viu qualquer indício de parentes, ou coisas similares, mas claro era apenas uma impressão superficial.

Dito tudo isso o rapaz se despediu saindo dali. Ele sabia que o mundo inteiro poderia ser mudado, seu ideal de justiça, era algo que havia ficado com a mulher que ele acabou de ajudar. Algo que é uma semente plantada em cada coração, vez por vez, fazer as boas ações se tornarem contagiantes.

Depois disso seu caminho seguiu de volta para a ponte, seu pensamento não podia ser mais claro, ele desejava voltar logo para cumprir sua missão para com sua companheira e a marinha, afinal havia um claro dever em suas ações. Ele caminhou boa parte do caminho realmente bem tranquilo.

Apenas a gostosa brisa da manhã fria que estava sendo aquele dia. Entretanto, um barulho começou a ecoar um pouco longe mas ele começou a identificar como um choro? Sim uma criança chorando. Ele podia perceber pelo som que ele estava na rua do outro lado. Era uma praça, onde tinha bem mais gente do que o caminho que ele fez até agora.

O lugar estava lotado, ali, ele sabia pois além do choro alto, podia ouvir varias vozes conversando, vendas, compras. Era uma zona comercial. E a voz do garoto pouco se destacava, mas algumas palavras davam pra ser entendidas.-MINHA MÃE!!! AAAAAAAAAA ONDE TA MINHA MÃE AAAAAAAA MAMA AAAAA MAMA AAAAAAAAAAA MÃE PRECISO DA MINHA MÃE.- Aparentemente o garoto precisava de ajuda pra encontrar uma parente.

O que isso queria dizer? Bem, a mãe deveria estar louca por ali. Mas talvez ela estivesse mais longe que aquilo, era preocupante já que apesar de ouvir a voz do pequeno, não parecia ter outra voz. No entanto por enquanto ele apenas ouviu o chamado do pequenino, o que devia indicar que a mãe não tava exatamente ali. Como que o rapaz iria proceder numa situação dessas? Afinal ele tinha deveres, mesmo assim havia um chamado que precisava ser atendido.

A praça era perto dali, a mais ou menos 20 passos dobrando na esquina a frente de onde ele estava agora, então era relativamente facil de chegar lá de onde ele estava, esse provavelmente era o tipo de coisa que não devia levar tanto tempo pra resolver. Então era uma boa ação possível para o dia.

Histórico:


Legenda:


_________________

Princípios YHVeK1M

Princípios VYrwji0
Matthew
Imagem :
Princípios 350x120
Créditos :
09
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1029-matthew-carter#9615 https://www.allbluerpg.com/t1032-principios
Matthew
Soldado
Re: Princípios Qui 20 Jan 2022 - 21:49
A brisa fresca da manhã era sentida por Matthew, refrescando seu corpo, já aquecido da caminhada mais acelerada. Tudo corria normalmente no caminho de volta, até que sua atenção se voltava para uma praça com mais pessoas do que o meio gigante se lembrava quando passou pela primeira vez. Não bastasse a maior movimentação de pessoas, um barulho diferente podia ser ouvido entre os ruídos da multidão.

Um choro alto, infantil, que rapidamente tomava a atenção do marinheiro. “Acho que você vai ter que esperar um pouco mais, Leshy...”. Pensava, um pouco triste por estar deixando sua companheira mais um tempo sem sua presença, mas ciente de que fazer justiça não era apenas colocar a farda da Marinha e receber ordens. Agir pelo bem do povo era o verdadeiro significado da Justiça para o rapaz. – Ainda que algo esteja acontecendo por lá, ela tem o apito né... mesmo que Altrius esteja lá e eu possa me prejudicar por isso, é um sacrifício pequeno pra ajudar alguém. – Falava sozinho, em tom baixo, enquanto se aproximava cada vez mais de onde vinha o choro.

Assim que encontrasse o garoto, Matthew tentaria acalmá-lo. – Calma garotão, respira! Vou te ajudar a encontrar sua mamãe... como ela é? – Esperaria o garoto responder, e conseguindo alguma informação relevante ou não, perguntaria. – E você campeão, qual seu nome? – Assim, quando o garoto respondesse, o marinheiro iria propor algo ao menino. – Quer dar uma passeada aqui no meu ombro pra encontrar sua mãe? Tenho certeza que daqui de cima você vai encontrar ela. – E assim, pegaria o garoto com muita delicadeza, posicionando suas pernas entre seu pescoço, enquanto agarraria com muita segurança suas pernas.

O fato de Matthew ter se perdido da sua mãe ainda jovem fazia com que ele ficasse ainda mais motivado a não deixar que isso acontecesse com o garotinho. – Fica calmo, amigão. A gente vai encontrar ela. Tá conseguindo ver algo aí de cima? – E então, continuaria. – ALGUÉM SABE QUEM É A MÃE DESSE GAROTINHO AQUI EM CIMA? O NOME DELE É... – E então o meio gigante iria dizer o nome do menino, caminhando praça a dentro e esperando resolver logo o conflito, para si e para acalmar o garoto.

“Vai dar tudo certo, confia! Ele vai voltar pra mãe dele...”. Pensava, quase que confortando a si mesmo. Se encontrasse a mãe do menino, rapidamente ou não, com o menino confirmando que era mesmo a mãe dele, desceria o garotinho de seus ombros e falaria. – Aqui está senhora, são e salvo. Mas olha... mais cuidado da próxima vez, hein... – Diria, utilizando um tom um pouco mais sério, mas nada muito rígido. Feito isso, se despedindo de ambos, buscaria continuar o caminho até a ponte. – AGORA VAI, HÔ HÔ HÔ! – Falaria em voz alta, feliz por ter feito mais uma boa ação, mas ansioso para voltar para sua missão e encontrar tudo em ordem.
Matthew:
Shiori
Imagem :
Princípios EEEWL0c
Créditos :
31
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Re: Princípios Sex 21 Jan 2022 - 0:07


Matthew - O Altruista



Então o rapaz havia escutado o choro. A princípio ele não havia tomado nenhuma ação extra, ele na verdade tentava se convencer de que ajudar ali era algo que não seria de mal algum. Claro que era uma maneira de vencer suas preocupações, mesmo que no fundo ele demonstrava saber que ele tinha uma missão e estava faltando com ela.

Entretanto, não pode resistir ao chamado, havia uma razão maior por trás de cada pequena ação, e era mais importante ajudar alguém que precisava em sua frente, do que lidar com algo distante. Afinal a moça também estava cumprindo seu dever, e possuía o recurso do apito à sua disposição.

Ele então depois que virou a esquina finalmente começou a caçar o garoto, não levou tanto tempo até que ele achasse pelo som onde ele estava, era um garoto bem pequeno, devia ter entre 7 a 5 anos, e comparado ao meio gigante, ele era minúsculo. Mesmo assim, ele não parecia assustado com a aproximação, continuava chorando.

E logo Matthew iniciou o questionamento, mas antes tentando acalmar o garoto que em meio aos soluços começava a falar algumas palavras que em alguns momentos ficavam difíceis de entender. -Buelaaa… telam… cabuelo caustanho… e vestye vurde, vetudo verude.- Sim, ele soluçava muito a cada palavra trocando diversas letras, mas algumas informações ainda existiam meio a isso.

Com a primeira informação cuidadosamente ele tentava saber o nome do rapaz.-David- disse com uma só palavra, e então agora sim o gigante lhe fazia o convite mais relevante de passear nas suas costas para tentar achar sua mãe. Algo que o rapaz apenas assentiu com a cabeça. Se deixando ser colocado sobre os ombros.

O Grandão começava a gritar, perguntando sobre a mãe do menino e dizendo seu nome, os primeiros girtos eram inuteis, e aos poucos ele caminhava em meio ao povo. A praça estava da seguinte maneira, no seu centro havia uma fonte que despejava água. As barracas se organizavam perto das paredes das casas e dos muros.

Transeuntes iam e viam por todo lugar. Até que finalmente, alguem parecia se aproximar deles, mas a pessoa passou direto era apenas uma impressão, e por alguns minutos, ele ficou nisso, uma buscar tremendamente complicada. Até que finalmente quase com 40 minutos, a mulher chegou ali.

A mãe do rapaz vinha desesperada, com lagrimas nos olhos gritando seu nome por todo lugar, até que finalmente ouviu uma voz chamando, e dizendo o nome de seu filho. A emoção no olhar ao rever a criança era absurda. Ela recebia a criança de volta abraçando ela no mesmo momento, e apesar de ouvir a bronca, a mulher logo dizia.-OBRIGADA!! OBRIGADA!! Muito muito muito obrigada!! Estava desesperada atrás dele. Como posso te pagar moço?- Ela abraçava muito forte o filho que ainda chorava, mas agora aquele era um choro de alivio.

E com tudo isso Matthew partiu de volta para a ponte, onde finalmente conseguiu chegar de volta, dessa vez nenhum empecilho o parou, ao menos por hora. Ele estava ali e via sua companheira, que estava apenas prestando atenção nas duas pontes, e perguntava.-Caramba, a velhinha morava bem longe em? Você saiu tem mais de uma hora.- E era verdade, ele levou ao todo uma hora e quarenta minutos para voltar ao todo, por conta dos imprevistos.



Histórico:


Legenda:


_________________

Princípios YHVeK1M

Princípios VYrwji0
Matthew
Imagem :
Princípios 350x120
Créditos :
09
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1029-matthew-carter#9615 https://www.allbluerpg.com/t1032-principios
Matthew
Soldado
Re: Princípios Sab 22 Jan 2022 - 10:18
A interação com o garotinho havia sido caótica, apesar do garoto ter conseguido passar algumas informações importantes. Seu nome, algumas características de sua mãe. Entretanto, não foi o suficiente para que sua mãe o encontrasse rapidamente. Mas para Matthew, mesmo ciente da sua responsabilidade com a marinha, estava preocupado em primeiramente fazer com que o garoto reencontrasse sua mãe. E após um bom tempo, isso aconteceu, criando uma satisfação imediata ao gigante. – Não precisa me pagar, senhora! Um bom dia! – Disse, rapidamente partindo do local.

“Que sensação boa poder ajudar as pessoas... só é triste ver elas acharem isso algo incomum, a ponto de reclamarem da falta de bondade ou até mesmo querer recompensar financeiramente o que é o certo a se fazer!”. Pensava, enquanto seguia o mais rápido possível para o local onde deveria estar patrulhando. – É isso aí, agora bora apressar o passo que o dever oficial também me aguarda... – Diria, expressando em sua face um sorriso até um pouco tenso.

Ao chegar no local, sem contar com nenhum empecilho para desviar a atenção de Matthew ou exigir dos seus atos de bondade e justiça, o meio gigante chegava ao local, já conseguindo visualizar sua companheira. Sendo coisa da sua cabeça ou não, estava sentindo-se em dívida com Leshy, acreditando que a mesma pudesse estar descontente com a postura do rapaz.

Ao ouvir ela se expressando sobre sua demora, o rapaz rapidamente respondia. – Aaaaa, me desculpa, Leshy, de verdade. Eu fui levar a senhora, que não morava tão perto, e na volta acabei encontrando um garotinho perdido, e fiquei com ele para ajuda-lo a encontrar a mãe. Sei que tinha um dever para com você e com a Marinha, mas... é meu jeito, eu não sei simplesmente ignorar essas coisas. – Diria, com um semblante um pouco triste, apesar de estar satisfeito com suas atitudes. – Mas agora estou aqui e pode contar comigo, de verdade. Temos um dever a cumprir. Aconteceu algo por aqui? – Questionaria.

Independente do que a garota respondesse, o marinheiro se manteria atento, buscando realmente estar à postos para antecipar qualquer movimento suspeito, contra si, contra Leshy ou qualquer um que pudesse estar ali perto deles. Alimentado pelo combustível de suas boas ações, Matthew estava ainda mais motivado e vigoroso para combater qualquer um que quisesse fazer o mal. “Quero ver quem vai vir bater de frente, HÔ HÔ HÔ”. Pensava, deixando transparecer um pouco de seu espírito guerreiro, algo que herdara de sua raça.
Matthew:
Shiori
Imagem :
Princípios EEEWL0c
Créditos :
31
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
Re: Princípios Sab 22 Jan 2022 - 17:06


Matthew - O Altruista



O rapaz depois de todas as ajudas, apesar de satisfeito, sabia que ainda tinha deixado algo de lado, e isso de certo modo era complicado, por isso ele demonstrava uma certa tristeza depois de tudo. Entretanto sua companheira, apesar de tudo, apenas aceitou o ocorrido, não era como se ela pudesse fazer alguma coisa sobre isso.

Ela apenas deixou pra lá, respondendo a segunda pergunta do rapaz.-Não aconteceu nada demais, nenhum suspeito que eu tenha conseguido perceber. Mas claro não consigo te afirmar essas coisas com total certeza. Pois cuidando das duas pontes, posso ter deixado algo passar a minha visão.- e era verdade, apesar de ter se esforçado pra manter as coisas sobre controle, havia uma razão para o trabalho ser passado a dois soldados. Era que conseguir manter o local inteiro sobre vigília sozinho, até para o gigante seria complicado.

Mas a mulher tinha uma solução para aquela indagação, uma que ela já havia pensado antes de o rapaz voltar. Então ela explicava.-Então, pra confirmar que não tem nada suspeito, vamos precisar fazer uma ronda cada um, de maneira rápida. Eu vou fazer a primeira e você a segunda, certo? Com isso da pra checar os becos, e locais mais suspeitos.-disse ela fazendo uma sugestão de como agir. Claro ela não começava sem que houvesse uma aprovação da ideia.

Ela apenas aguardava uma resposta do rapaz quanto a isso, até por que ele poderia ter sugestões mais interessantes. Quanto a ponte, poucas pessoas passavam, mas estava começando a se aproximar do horário com maior tráfego, já era quase horário de almoço, onde eles também poderiam parar de ficar ali na ponte e outros soldados iam assumir no lugar deles. Ao menos durante esse horário, pessoas que já viessem com a barriga cheia e preparados.

Histórico:


Legenda:


_________________

Princípios YHVeK1M

Princípios VYrwji0