Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
Na busca por sinaisHoje à(s) 9:38 pmporOverLordOs Infernais - Um Tesouro Banhado em SangueHoje à(s) 8:30 pmporTerryCréditosHoje à(s) 8:22 pmporShiori~Voracity~Hoje à(s) 8:20 pmporShioriI know what I want and where I'm goingHoje à(s) 5:34 pmporAnthony DiorQuanto Vale o ShowHoje à(s) 4:40 pmporMendoncaRecomeçosHoje à(s) 3:08 amporFaktorIndicaçõesOntem à(s) 10:06 pmporKenshinCabras da Peste, Vol 5 - A face da desordemOntem à(s) 9:19 pmporFormiga7º Capítulo: The One Above All - Ato 2Ontem à(s) 9:18 pmporShiori

I - Ainda existe brasa acesa!

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte
Shiori
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 EEEWL0c
Créditos :
46
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t363-shiori-miyamoto#1109 https://www.allbluerpg.com/
I - Ainda existe brasa acesa! Seg Set 05, 2022 7:37 pm
Relembrando a primeira mensagem :



I - Ainda existe brasa acesa!


Aegon E. Agaznog [Marinheiro]

não possui narrador definido.
Aberta

_________________

I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 YHVeK1M

I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 VYrwji0

Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Ter Set 13, 2022 2:32 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 08

Simbolo

As palavras que eu mais esperava naquele momento, a rendição, não queria matar aqueles três, apenas estava cumprindo as ordens que a mim foram concebidas, então não era nada pessoal, apenas trabalho, logo a rendição não só os ajudava, como também me ajudava cessando todo aquele esforço inútil. ~Ótimo!~ Respondo aquele que parecia ser o irmão mais sensato.

Simbolo

Um leve sorriso raiava em meu rosto, aquela feição tensa e caótica que antes me cobria, agora já estava bem mais calma, com meio que resolvido, eu entendia que minha primeira missão na marinha havia sido concluída com sucesso, claro, ainda teria que levar esses três presos, porém a parte mais difícil já havia passado. ~Calma, eles já se renderam, minha missão era de prendê-los a qualquer custo, como eles se renderam, não precisamos matá-los ou espancá-los!~ Digo enquanto levo a mão direita sobre a cabeça, desembaraçando os cabelos. ~Você é quem mesmo?~ Digo enquanto observo a resposta daquele mink soldado, não era do meu feitio confiar em uma pessoa logo de primeira, porém ele havia me ajudado contra esses três patetas, mas mesmo assim esperava ele dizer, queria saber se nossas informações batiam.

Caso o mesmo fosse aquele marine ao qual o meu superior havia me informado mais cedo, apenas estenderia a mão para o mesmo, como um gesto amigável. ~Ahh ok, mas não precisava da sua ajuda, já estava tudo sobre controle… Meu nome é Aegon.~ Diria após apertar a mão do mesmo. Poderia acontecer também das informações cruzarem, porém não demonstraria para o mesmo que ele estava sob suspeita, realizando o mesmo movimento caso as informações batessem.

Eu entendia que seria difícil levar aqueles três irmãos à prisão, não tinha alguma algema ou algo do tipo, porém não seria esses mínimos detalhes que me impediriam. ~Tem alguma algema aí… ?~ Pergunto ao mink esperando que o mesmo tenha algemas para prender aqueles meliantes, e que também informe seu nome em si. “Merda, era para eu ter pego algemas!” Pensei enquanto tentava bolar algum plano para escoltar aqueles três.

~Então, vocês três se agrupem com as mãos para trás, vamos seguir para o quartel general. Estarei logo atrás dos senhores, como nosso amigo aqui estará nas suas vanguardas, não quero um mínimo de gracinha ou tentativa de movimentação suspeita, não quero torrá-los vivos com minhas chamas, entendido?~ Digo em alto e bom tom, com uma firmeza sem igual para que minhas palavras ecoam dentro dos seus cérebros, ao ponto que os amedrontam ao pensar em desacáta-las.

Tentaria pois agrupar aqueles ladrões como falado antes e assim os escoltá-los para alta Shels town, onde estava o quartel general, falando com o mink para me auxiliar naquela caminhada, eu não hesitaria em utilizar minhas chamas em qualquer um se quer daqueles três, caso eu percebesse uma mínima noção de perigo, ou que fosse surpreendido por outros inimigos ou os mesmos, assim com um soco frontal eu lampejava minhas chamas para atacar o alvo que for com um turbilhão de fogo.

Dentro do quartel, os levaria para presença daquele senhor superior, claro que bateria antes em sua porta e caso me fosse concedida a entrada, empurraria os meliantes para dentro. ~Pronto senhor, os três estão presos como o senhor ordenou. Um outro soldado me auxiliou na captura dos mesmos, um humano com corpo de um cão, não o conheço muito bem.~ Dou uma leve coçada na falange da testa. ~Minha maior dificuldade foi o trajeto para aqui, acabei esquecendo de conseguir algemas com o senhor, mas tirando isso, a missão foi a contento.~ Explico a situação para o superior quanto a missão e assim espero alguma nova ordem do mesmo, ficando na posição militar conhecida como “descansar” enquanto ainda estava na sala.



Última edição por Mizzu em Ter Set 13, 2022 3:48 pm, editado 1 vez(es)
Formiga
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Teste
Créditos :
10
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Ter Set 13, 2022 2:52 pm



Com a missão encontrando seu fim, Aegon pode finalmente relaxar e voltar para suas típicas expressões ligeiramente relaxadas e alegres - Tsc! Não gosto disso, ladrões e criminosos tem que apanhar para aprender a nunca mais fazer essas coisas, ainda mais eles! Acredita que só esse mês, eles foram presos CINCO vezes? Isso mesmo! C-I-N-C-O! - Falou o selvagem sendo bem enfático no número de vezes que aqueles jovens foram encaminhados para prisão, aquele era um sinal que as leis não estavam cumprindo seus papéis? - Não cometemos nenhum crime, bem, nenhum que vocês saibam! - Brincou um dos irmãos – o da lança – recém acordado.

O Celestial por sua vez não demorava para questionar a identidade daquela figura - Eu sou um marinheiro, fui mandado aqui para captura-los! - Disse com um sorriso largo em sua face - Não parecia sobre controle não, viu? Você ia tomar uma machadada, claramente ia sangrar feito um porco velho que espera o abate. E bem, me chamo Achiles, prazer! - Bradou estendendo a mão e dando um forte aperto - Não ando com algemas, normalmente não preciso, levo arrastando mesmo. - Mais uma vez o mink mostrava um pouco da sua ferocidade para com seus inimigos.

- Já sabemos como é, relaxa, a gente sabe até o caminho. - Disse um dos irmãos de maneira ácida, logo após Aegon falar o modo que seriam levados até o Quartel General. Bem, a partir daqui a caminhada foi tranquila, era possível notar alguns olhares de desaprovação, enquanto outros pareciam aliviados com a prisão daqueles três, que por sinal, havia sido bem tranquila - Relaxem, amanhã estaremos por aqui de novo! - Falou um dos três irmãos, tomando um “pescotapa” que o fez quase cair no chão - Tá maluco, porra? AUUUUUUUUUUUU! - O uivo era irritante.

Após alguns minutos de caminhada o quinteto chegada até o Quartel, indo diretamente para sala do superior que havia enviado o menino para missão - Já voltou? Ótimo! Vejo que encontrou o Achiles. - Falou o rapaz olhando para o trio - Vocês aqui de novo, dessa vez por importunação e brigas pela baixa Shells, não irão tomar juízo? - Indagou aos três que se mantiveram reclusos no silêncio - Não adianta, infelizmente. Achiles, levem-nos para cela. - Falou o homem que rapidamente foi atendido pelo selvagem, enquanto o celestial permanecia por ali - Esses três não tem jeito, infelizmente, a mãe deles era alguém que desejava outro futuro para os filhos. Que desgraça essa família caiu! - Comentava o homem com uma expressão ligeiramente cabisbaixa - Mas, você concluiu, foi difícil? Eles são bons de briga, mas, acabam se rendendo quando não enxergam como fugir ou vencer. - Continuou o superior puxando um pequeno envelope branco - Pagamento pela missão e aqui está sua próxima tarefa. - Entregou uma folha de papel ao celestial.

Ao ler, o garoto pode notar que sua missão parecia ser simples, já que ele deveria fazer guarda em uma loja da Media Shells, que havia firmado uma parceria direta com a marinha. A loja contava com alguns artigos de moda, tecidos caros e até mesmo alguns acessórios de valor. Porém, o maior problema era que a missão duraria três dias - Vou mandar o Achiles para fazer essa missão com você, como irão precisar ficar setenta e duas horas lá, acredito que consigam revezar. Aliás, começa hoje a noite! Dispensado. - Finalizou o superior voltando sua atenção para os documentos em sua mesa, onde Aegon pode ver alguns cartazes de criminosos em meio a papelada.


Histórico:
Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Ter Set 13, 2022 3:48 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 09

Simbolo

Pela primeira vez em toda minha vida eu havia recebido pelo fruto do meu suor, nas terras celestiais sempre me sustentei por migalhas e outras coisas que meus pais supriam, porém nesse momento a satisfação de dever cumprido era a que mais me contagiava, fazendo assim minhas pequenas asas darem leves tremidas ao receber o envelope. “Nem lembrava mais disso.” Indago a mim mesmo quando lembro que o salário era referente as missões realizadas.

Recebi o envelope de bom grado, não estava esperando pelo menos, porém era uma surpresa agradável por sinal. “Acho que consigo comprar alguns acessórios com isso.” Pensei enquanto já imaginava com o que gastar aquele dinheiro. “1.500.000B$... Ok…” Retiro o mesmo do envelope para conferir quanto era que tinha o mesmo, assim o guardando posteriormente.

Logo aquele superior me entregava outra coisa, uma folha de papel com informações do que seria minha próxima tarefa, mas algo não me deixava muito contente, uma loja de moda e itens para guarnecer nunca foram lá minha praia, não poderia usar toda a extensão do meu poder e isso me entristecia um pouco. “É o que tem, por enquanto tenho que ir comendo pelas beiradas.” Pensei enquanto percebo que missões tediantes como essas eram atribuídas a novatos como eu, logo eu entendia o motivo de recebê-la, a engrenagem tinha que girar, assim não me dando escolhas a não ser aceitar a mesma, mas não que eu tivesse a escolha de recusá-la, é claro.

Antes de sair daquela sala, eu me aproximaria um pouco mais da mesa, tentando dar uma observada melhor naqueles cartazes de procurados, eu tentava assim conseguir mais informações sobre a ilha, não só era novato na marinha, como também naquela ilha, e saber dos infames que a habitavam seria uma ótima ideia. ~Hope, desculpe a pergunta senhor, mas quem são esses dos cartazes? Eles estão aqui na ilha?~ Perguntaria de maneira discreta ao superior, não queria ser taxado como curioso, ou entrão, porém apenas sentia a necessidade de recolher mais informações sobre aquele lugar.

Simbolo

Recebendo ou não as informações sobre os cartazes, apenas pediria para me retirar daquela sala e assim seguiria rumo ao meu alojamento, após aquele combate um bom banho para lavar a alma seria de grande valia, assim logo após realizar toda aquela assepsia eu seguia para fora do Quartel General, pois ainda tinha tempo para o início da missão que me foi dirigida.

Procuraria pois uma loja de armas, nunca fui lá um fã de armas, eu seguia da premissa que a arma mais letal que eu poderia utilizar eram meus punhos e pernas, assim me abstendo de qualquer arte marcial que não os utilizassem, porém via que na última luta se fazia necessário algum tipo de arma para assim bater de frente com instrumentos cortantes e perfurantes, a missão passada havia sido uma ótima oportunidade de se adquirir experiência em combate, então era nesse momento que eu correria atrás de conseguir tapar os buracos que havia detectado em minhas lutas.


Formiga
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Teste
Créditos :
10
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Ter Set 13, 2022 9:37 pm



De maneira simples a próxima missão era passada, assim como o pagamento era feito ao garoto, claro, não era muito dinheiro, porém, dava para manter as necessidades mais básicas ou gastar com algo interessante. Falando na missão, um estabelecimento como aquele não era algo que interessava ao jovem Celestial, porém, ali era o seu trabalho e não cabia à ele escolher, ele tinha que se acostumar se quisesse ter uma carreira dentro de tal instituição hierárquica - Esses? - Falou o homem puxando os cartazes que estava entre a papelada - Criminosos procurados! Esse aqui é o Klaus, foi dito que ele capturou uma Ilha na Grand Line, sinceramente, me deixou surpreso. Você deve se perguntar o motivo da minha surpresa e eu irei explicar! O ponto é que ele foi um pirata que começou no North Blue, lembro-me que fomos avisados da sua presença, afinal, ele poderia vir para cá. Esse se chama Subaé, um mink que causou alvoroço no mar do sul... Esses aqui causaram no nosso mar, aqui mesmo em Shells, infelizmente não conseguimos pegá-los. - Falou o superior mostrando os cartazes de Boris, Joe e Viola - Tem outros, estava dando uma olhada para ver como andam as coisas. A princípio, estamos no encalço de alguns deles, certamente receberemos a notícia da captura ou morte no futuro. - Finalizou o homem de maneira tranquila.

Após tais informações Aegon partiu para fora da sala, voltando ao dormitório e então tomando um bom banho, mantendo seu corpo limpo. De qualquer forma, não tardou para que ele voltasse paras ruas de Shells, sentindo o sol brilhando forte e o movimento cotidiano se mantinha nas ruas, principalmente no local por onde ele caminhava, sendo mais específico, a média Shells – logo após andar um pouco pela ilha. Seu destino? Uma loja de armas, o combate havia despertado um interesse, na verdade, uma necessidade em seu coração. Ele encontrou? Sim, com certa facilidade, vendo uma estrutura de porte médio, com algumas armas na vitrine, principalmente lâminas de tamanhos distintos. Caso entrasse, veria algumas mesas e prateleiras com armas dispostas, espadas, machados, correntes, chicotes e até mesmo algumas soqueiras simples. Um senhor de cabelos brancos, corcunda e pele enrugada estava atendendo uma mulher jovem de cabelos prateados. Por fim, o senhor sinalizou um “espere ai” para Aegon, indicando que logo viria atende-lo ou o jovem simplesmente poderia ir em busca das informações que desejava.


Histórico:
Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Ter Set 13, 2022 10:21 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 10

Simbolo

Aquela ilha era um tanto movimentada, mesmo mediante ao sol forte da tarde ainda era possível ver pessoas indo e vindo por aquelas ruas, eu não era nenhum diferente deles, com as mãos nos bolsos e passos curtos em busca de uma loja de armas, ia pensando sobre aqueles cartazes mostrado pelo senhor. “Não sei se é essa fama que eu quero para mim… Klaus, Subaé, Boris, Joe e Viola, são nomes que possivelmente eu poderei cruzar um dia, acho bom fixá-los na memória para um possível futuro.” Pensei enquanto via que aquela fama que eu não deseja, não no momento, assim me deparando logo a frente com uma loja de armas, após me perder em pensamentos.

“Ok, espero.” Respondo o senhor ali que parecia ser o dono da loja, ou apenas o vendedor da mesma, mas apenas acenava com a cabeça, e pensava um pouco alto. Com as mãos para trás eu começava a observar mais a olha, rodeando a mesma em pequenos passos eu tentava ver detalhes nas armas que o mesmo vendia, não queria comprar algo em um lugar que não fosse de credibilidade, porém na média ShellsTown acho que essa minha desconfiança deveria ser apagada. ~Olá, queria comprar um par de soqueiras, o que o senhor tem para mim? Se possível quero as melhores que o senhor estiver a venda.~ Digo enquanto começo a olhar de canto um possível local onde estivessem expostas soqueiras ali. ~Não quero nenhum com muitos adereços, apenas uma boa e confortável, que tanto sustente ataques, quanto também os amplifique.~ Digo enquanto espero o senhor trazer algumas de suas peças para assim eu provar.

Olharia uma ou duas, e caso uma primeira fosse de meu agrado, apenas a escolheria sem muita paúra, caso não, seguiria para próxima até achar a de melhor adaptação. ~Aqui, espero que elas funcionem, ok? Se não eu venho aqui para cobrá-lo!~ Digo em um certo tom de brincadeira e simpatia enquanto dou-lhe o dinheiro e as guardo, sem muito o que fazer por aquele lugar ainda desconhecido para mim, eu volto pelo caminho ao qual eu havia vindo, sim, eu tentava voltar para o quartel general da marinha, ainda tinha um bom tempo para a missão mais tarde, logo não tinha razão para eu ficar pelas ruas perambulando.

Caso chegasse ao QG, seguiria diretamente para o que seria o refeitório do lugar, me reabastecendo com alimentos e líquidos, eu voltava para meu alojamento para fazer minha assepsia breve e me abostar no meu quarto.

Inicio do aprendizado da proficiência Criptografia

Fim do aprendizado da proficiência Criptografia

Novamente eu me perdia no tempo enquanto lia e relia livros, se não bastasse mais cedo os livros sobre geografia, agora eu já estava com a cabeça toda embrulhada devido ao livro de Criptografia que eu havia pegado na biblioteca mais cedo, eram tantos códigos que cheguei a ter uma leve dor de cabeça, porém logo me recobrava ao ver que já estava a bastante tempo naquele quarto e poderia pois ter perdido a hora para a missão em si.

Com pressa, ajustava meu uniforme da maneira correta como todos naquele QG faziam e assim com o folheto em mãos sobre as informações da missão, eu seguia um pouco perdido, porém determinado, na direção do eu achava ser o percurso para loja ao qual eu iria fazer guarda. ~Achiles você tem ideia de onde é? Outra, como vamos fazer quanto as nossas rendições?~ Perguntaria para o mink canino caso eu o avistasse de alguma forma no percurso para tal lugar, porém se eu chegasse atrasado apenas me desculparia e esperaria assim novas ordens, tanto de algum superior, como até mesmo do próprio achiles, se ele estivesse chegado primeiro que eu claro, pois assim poderia acontecer do mesmo receber as instruções e me repassar.

Poderia acontecer também que nada fosse repassado, as informações sobre a missão já tivessem sido dadas por aquele superior, assim não tendo mais nenhuma outra informação a mais, fazendo com que talvez eu e o mink realizarmos uma guarda às cegas sobre o local. ~Iai, já pegou alguma missão assim? Tenho algo em mente de como podemos atuar, mas diz aí o que você acha.~ Mostrava para aquele mink ou para quem estivesse me auxiliando na missão que não me amedrontaria ou me abafaria quanto aquela missão, sempre tendo uma carta na manga para cumprí-la a contento.



Formiga
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Teste
Créditos :
10
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Qua Set 14, 2022 1:09 pm



O jovem Aegon adquiriu informação sobre alguns piratas notórios no mundo, memorizando alguns nomes que talvez – no futuro – pudesse encontrar em sua jornada como marinheiro. De qualquer forma, como citado anteriormente, não foi difícil encontrar uma loja de armas e o atendimento ocorreu de maneira sucinta, tendo o celestial comprado uma arma de boa qualidade, um par de soqueiras bem descentes. Com tudo pago, não tardou para retornar ao quartel general e então realizar uma alimentação básica no refeitório, que por sinal, não contava com muitas pessoas em seu interior.

Por fim, retornou ao alojamento e simplesmente se perdeu em sua leitura, realizando o aprendizado de mais um conhecimento do seu interessante, dessa vez, Criptografia. O tempo passou durante a leitura do assunto ligeiramente complicado, mas, que no fim, foi dobrado pela inteligência do menino. Aliás, por pouco não perdeu a hora do início da missão, tendo que agir com velocidade para partir em direção ao estabelecimento, um tanto quanto perdido por não ser um nativo daquela ilha - Ei braah! - A voz conhecida surgiu como uma luz em seu caminho, vendo aquele cão de antes, trajando novos uniformes da marinha e um chapéu (estilo aqueles de mexicano) em sua cabeça - Claro que sei brah, você não foi lá antes ver como era? - Era uma pergunta com fundamento - Não sei brah, ficaremos lá por três dias. Pelo que soube, vão levar comida pra gente e água, então, você prefere ficar de dia ou de noite? 6 em 6 horas? 8 em 8? 12 em 12? - Questionou o lobo seguindo confiante pelas ruas iluminadas pelos postes de energia na rua e claro, a luz da lua.

De qualquer forma, não demorou para que chegassem um corredor onde existiam edifícios de ambos os lados, assim como uma barraquinha ou outra de lanche pelo caminho - Nunca, primeira vez. Acho que já completei seis missões, mas, falhei em outras três. - Comentava a criatura animalesca durante a caminhada. Por fim, a dupla chegou a uma espécie de praça, com um chafariz logo no meio. Algumas pessoas estavam por ali, um número considerável na verdade, sentado nos bancos haviam casais e famílias aproveitando o momento - É aquela ali, chega mais. - Bradou o cão seguindo em direção ao lugar - Oi, você de novo! Então vai realmente ficar aqui hoje? Me sinto mais segura. - Logo na porta uma mulher de longos cabelos amarelos parecia esperar pela dupla, ela trajava um vestido que cobria até a altura dos joelhos, utilizava também alguns acessórios como brincos, anéis e relógios - Yeah Braaaah! Esse é o Aegon, vamos fica de guarda esses três dias! Pode ficar tranquila! AUUUUUUUUUUUUUUU! - O uivo estridente se espalhava pelo ambiente chamando a atenção de alguns, assustando outros.

Bom, o prédio que eles precisavam guardar era ligeiramente grande, contava com três andares, um terraço amplo e metade coberto. O lugar não contava com muitas janelas na parte frontal, apenas a vitrine no térreo e duas janelas frontais por andar. A estrutura dividia parede com outras duas lojas, que estavam fechadas no momento, sendo elas uma outra loja de roupas e uma loja de itens domésticos. Eles tiveram acesso ao lugar, sendo a chave entregue a Aegon pelo cão, que preferiu não arcar com tal responsabilidade. O interior do ambiente era climatizado e bem “chique”, contava com varias “mesas” revestidas de vidro, onde ficavam algumas joias de valor. As roupas ficavam por ali também e bem, isso se repetia em todos os andares, exceto no terraço que como dito, era apenas uma área ampla, metade coberta com telhas e existia uma mesa redonda, assim como duas cadeiras por ali - Deixaram até suco! - Falou o lobo em tom animado ao ver uma jarra fechada com um líquido amarelo dentro, assim como dois copos de vidro e alguns biscoitos recheados - Tá bem melhor do que eu esperava. - Falou o animal. Era isso, a missão começava a partir daquele momento, vigiar o ambiente e evitar qualquer coisa que pudesse acontecer durante aqueles dias.


Histórico:
Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Qua Set 14, 2022 7:52 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 11
~6 por 6, o que você acha?~ Me refiro ao tempo para assim um ficar se guarda enquanto o outro descansava para próxima rendição. Já estávamos no lugar específico, deixando comigo as chaves, eu entendia que aquele cão já estava meio que calejado de realizar missões como essa, logo tendo ainda mais confirmação ao ver que a inquilina o reconhecia ao chegarmos ali. ~Eu fico com o primeiro turno, ok? As meia noite você me rende, é bom que você dá uma leve descansada e come um pouco, procura um lugar bom pra descansar aí dentro que logo mais eu irei, comi já no QG então vou ficar aqui digerindo.~ Brado para Achilles a fim de deixá-lo descansar por aquele momento, porém meu intuito mesmo era poder descansar na parte da madruga, a missão de logo cedo mais o tempo que eu tirei para mergulhar nos livros, acabaram pois me deixando um pouco cansado, ao ponto que se eu fosse descansar agora, eu poderia não acordar no horário certo para rendição.

Tento pois pegar alguma cadeira para por a frente daquele estabelecimento, não iria me aliviar e já sentar de cara na mesma, porém seis horas em pé naquele lugar ali seria um puta de um trabalho escravo, assim apenas apoiaria a mesma próxima para caso batesse o cansaço, eu me sentasse. ~Cuidado com a hora hein!~ Tento alertar aquele mink para que o mesmo não atrase quando for o momento de me render. ~Ow, antes de ir, chega aqui rápido.~ Tento trazer a atenção do canino antes que o mesmo desapareça para o descanso. ~Você já fez isso algumas vezes correto? Diga, tem alguma coisa atípica que rola por aqui? Claro, que não é normal acontecer em outros lugares, só pra eu ficar mais atento.~ Tento extrair alguma nova informação sobre aquele lugar, mesmo que eu estivesse preparado para aquela missão, poderia ser que algo me pegue de surpresa assim fazendo o andar daquela missão seguir por outro rumo.

Sentaria pois na cadeira ou apoiaria as costas na parede do lado de fora daquele prédio, isso depois de passar algumas horas em pé, em frente ao estabelecimento com uma postura mais firme e altiva. Poderia acontecer daquele mink escolher ir pelo primeiro turno, eu não o impediria, apenas seguiria para dentro do lugar e assim arrumaria qualquer um cantinho para me apagar em sono, procurando algum relógio ou apenas avisando para o mesmo que quando chegasse a hora e eu não aparecesse, poderia ir lá me acordar. Quando assumisse, iria fazer as mesmas ações que faria caso pagasse o primeiro turno.

Na hora, ficaria atento ao movimento local, olhando sempre ao meu redor e deixando minhas costas guarnecidas pela parede ou porta do estabelecimento. Qualquer atitude suspeita vista por mim naquele lugar, logo me faria ficar de guarda bem mais alta, ao ponto de até abordar com palavras caso fosse necessário ~Alto lá, mais um movimento e estarás em maus lençois.~ Era o que eu diria para assim travar qualquer tipo de atitude suspeita.

Simbolo

Caso recebesse um ataque frontal de surpresa, ou não, realizaria um movimento elevando meu joelho direito e assim ao descê-lo, realizava um salto impulsionado pelas minhas chamas que saiam pela sola dos pés, assim subindo aos céus e com um movimento rotacional tentava realizar um chute no ar para assim criar um turbilhão de chamas que seguiria na direção de onde o ataque foi lançado.

Formiga
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Teste
Créditos :
10
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Qua Set 14, 2022 10:12 pm



- Perfeito pra mim. - Bradou o cão em resposta ao Celestial, que prontamente resolvia assumir o primeiro turno - Melhor ainda não, vou só ficar de boa aqui mesmo. - Continuou indo para a área coberta, deitando no chão mesmo, ele não parecia ter muita coisa em onde descansar - Rapaz, peguei uma missão de ficar de guarda também em um lugar não muito longe daqui, foi tranquilo, só foi tediosa mesmo. Não aconteceu literalmente nada! - Concluiu antes de deitar e ficar de costas para a figura angelical.

Não demorou para que Aegon pegasse uma daquelas cadeiras e fizesse a ação mais atípica daquela noite, já que ao invés de ficar lá no terraço com uma visão invejável, o garoto desceu todo prédio e então sentou-se na porta do lugar, permanecendo lá embaixo durante as seis horas de turno. E sim, o tempo passou de maneira extremamente tediosa, já que NADA aconteceu por ali, além de pessoas passando para lá e para cá por algumas horas, até que toda praça ficou completamente vazia. Como o cão avisou, aquele tipo de missão parecia ser dotada por uma tranquilidade fora do comum.

. . .

Um pouco antes que as seis horas fossem completadas, Aegon ouvia a voz do canino vindo lá de cima - O tabaréu, pode descansar que agora é minha vez. - Ele ainda usava o chapéu grande, que impedia o brilho da lua atingir os seus olhos - Maluco desceu tudo isso pra ficar vigiando, ao invés de se manter aqui em cima! AUUUUUUUUUUUUUUUUU - O uivo se espalhava por toda área com velocidade. De qualquer forma, o Celestial poderia descansar onde desejasse, já que seu aliado estava pronto para assumir a vigia.

Caso ele dormisse ou permanecesse acordado, veria que o tempo passaria com tranquilidade, não tendo nenhuma intercorrência naquela noite e o astro rei surgia no céu logo de manhãzinha, iluminando todo o ambiente - Falta pouco agora, tem hoje o dia todo e a noite também. - Comentava o marinheiro selvagem - Não vejo a hora de acabar isso aqui, aliás, tu parece gente boa. Quer ouvir uma história? - Concluiu o homem.


Histórico:
Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Qua Set 14, 2022 11:03 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 12
O sol mostrava sua imensidão flamejante, já estava de manhã e eu havia acabado de me acordar. “Cara, eu dormi como uma pedra.” Pensei enquanto sentia os músculos ainda enrijecidos, me fazendo realizar aquela leve espreguiçada básica de alguém que acabou de acordar. Não sabia nem onde tinha dormido, eu apenas levantava e isso mostrava o quão cansado eu estava daquele primeiro dia na marinha, porém agora vinha um novo obstáculo, o segundo dia.

Simbolo

Minha assepsia era feita, mesmo longe do Qg eu ainda mantinha minha limpeza, utilizando algum banheiro daquele lugar, ou até mesmo qualquer saída de água para assim limpar o rosto e se desse, tirar um pouco do suor do corpo.

~Ficar lá em baixo não foi lá uma boa ideia, aquela cadeira me quebrou por inteiro.~ Falei para Achilles, logo após me aproximar do mesmo para assim rendê-lo daquela guarda. ~Eu assumo daqui, acho que vou seguir sua ideia e ficar observando daqui de cima.~ Digo enquanto deixo um grande bocejo sair de minha boca. ~Já é de manhã, faz assim, tenta trazer alguma coisas para tomarmos café, comprar ou pegar lá no QG, qualquer coisa a gente divide os preços, ai quando voltar você conta a sua história.~ Respondo o mesmo quando me foi perguntado sobre querer ouvir uma história. ~Ninguém é gente boa assim do nada meu amigo, apenas educado.~ Dou um leve tom de sarcasmo em minhas falas, juntamente com um pequeno sorriso malicioso, claro não confiava naquele mink ao ponto de deixar minha retaguarda para ele proteger, porém também não tinha nada contra o mesmo, assim bradei tais palavras para ele com o intuito do mesmo ouvir enquanto estivesse saindo em busca do rango.

Enquanto isso, começava a observar a praça logo a frente daquele estabelecimento, com uma vista mais panorâmica que antes, agora eu me sentia mais confortável e leve, talvez pelo fato de não está em evidência como estava lá embaixo, já tirava um enorme fardo de minhas costas, assim me deixando mais relaxado e com uma postura mais simples lá em cima. “Realmente, a vista aqui é bem melhor!” Ousei admitir que aquele mink realmente estava certo quando ele falou sobre tirar o turno lá em cima, e era isso que eu pensava enquanto observava tudo em volta dali. Minha barriga dava uma leve roncada, poderia ser fome? Talvez.

Formiga
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Teste
Créditos :
10
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Qui Set 15, 2022 11:04 pm



O Celestial concluiu a primeira etapa da missão de maneira tranquila, tendo apenas algumas dores no corpo pelo modo que passou seu turno de guarda, mas, não era algo que o incomodaria. Naquela manhã ele não demorou de usar o banheiro do lugar para lavar seu rosto e tirar um pouco o suor do seu corpo, não era uma assepsia completa, mas servia para evitar um pouco do mau odor - O café é aquele ali! AUUUUUUUUUUUUUUUUUUU! - O uivo do lobo talvez começasse a ser incomodo - Está confundindo isso aqui com um hotel cinco estrelas - Completou gargalhando logo em seguida. Sim, não iria ter café da manhã completo ou algo do tipo, era apenas suco e biscoito, pelo menos, por enquanto.

O lobo se escorou na lateral do lugar, observando a movimentação ligeiramente maior na praça, com pessoas aproveitando o amanhecer para se exercitar e também para contemplar o pouco da natureza que existia naquela “selva de pedra” - Eu já encontrei um tesouro. - Falou de maneira sucinta - Em uma das missões o cara tinha um mapa e era daqui mesmo de Shells, encontrei alguns bons berries, deu para bancar alguns luxos. - Ele falava de maneira tranquila, pouco se importando com o que o rapaz iria achar daquilo - O pior não é isso, quando encontrei, tive a certeza da existência de outro tesouro, mas, não entendo muito bem onde é. - Ele puxou das vestes um pergaminho de aparência velha, era bem amarelo e com alguns “rasgos” - Você entende algo disso aqui? - Concluiu jogando o mapa na direção da figura angelical.

No cair da noite aquele ladrão me roubou, fugiu correndo com suas botas de vento pelo ar, canalha, ele era muito lindo. Procurei pelo seu paradeiro como um louco, leste, oeste, norte, sul, até mesmo atravessando aquela grande montanha estranha, mas, não encontrei o bonito ladrão.

Anos se passaram e consegui uma informação, no cemitério de Shells era sua localização. Atravessei o mundo até aquele lugar, mas infelizmente não consegui o encontrar. A estrela da manhã não brilhou para mim e já não tenho forças para continuar. Meu coração foi roubado junto com meu tesouro, infelizmente, não consegui nenhum nem outro. Quem ler isso e quiser continuar, o cemitério de Shells é o primeiro lugar. A estrela celeste que brilha no céu, esconde a primeira pista daquele que alcançou o céu... eu acho.

Aquele texto estranho e desconexo era a única coisa no papel, o que intriga o lobo de maneira cruel - Revirei o cemitério, não achei literalmente nada. Fui procurar sobre esse tal ladrão, mas cansei, não encontrei nos dois primeiros livros e desisti. - Disse o selvagem mantendo-se observando a praça de maneira tranquila.


Histórico:
Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Sex Set 16, 2022 9:49 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 13
Simbolo

O dia começava e para minha infelicidade não tinha aquele bom e velho café da manhã reforçado para iniciarmos mais um dia de guarda, porém seria um de muitos dias como esse que eu já havia passado em minha vida, assim apenas relaxava enquanto já estava acostumado com aquilo tudo. “Biscoitos, ne…” Pensei enquanto peguei alguns para assim espantar a fome.

~Ai, eu mencionei em você ir comprar algo, mas deixa quieto.~ Retruco sobre as falas do mink logo cedo, onde aquele simples comer seria nossa primeira refeição do dia, que para ele já era algo normal. Minha hora de começar a guarda iniciava, assim logo tomava posse do melhor lugar daquele terraço para assim observar melhor a praça e também ouvir que história era essa que Achilles tinha para me contar.

As palavras do canino me surpreendiam, até pensei que ele era um fascinado por histórias, mas logo entendi que o mesmo só estava atrás do prazer da caça, sim, ele começou sua história falando que havia achado um tesouro, era essa palavra que chamava minha atenção. “Tesouro? Aqui em Shellstown?” Penso enquanto começo a ouvir a história mirabolante daquele marine. Horas acho que o mesmo estava contando a verdade, horas acho que eram simples mentiras para engrandecer o seu ego, fazendo jus ao ditado “Quem não tem dinheiro, conta historia”, mas mesmo que duvidosa, ainda era ao menos interessante.

Um pergaminho era posto a mostra e por um momento eu ficava curioso para saber qual era o conteúdo dele. ~Deixe eu ver.~ Digo enquanto logo em seguida tomo para mim o pergaminho velho. Informações e charadas, muitas coisas tinham naquele pedaço de papel, porém nada tão concreto a não ser quanto a localização parcial do que seria o item roubado, ou do ladrão em si. “Deve ter alguma coisa que ele deixou passar, preciso ir pesquisar mais sobre a ilha na biblioteca da base, com meu conhecimento atual daqui acho que serei pior que esse cão quanto a entendê-lo.” Penso enquanto tento levantar o mesmo contra a luz do sol a fim de achar alguma coisa escondida quando ficasse contra a luz. “Será que a noite pode funcionar?” Penso enquanto tento associar a luz lunar caso a luz solar não me mostrasse nada, pois o próprio pergaminho fala sobre o cair da noite, mas no momento era apenas isso que eu conseguia fazer.

~Cara, dois livros só? Não é tão fácil assim decifrar enigmas, muitos textos como esses estão criptografados e assim deixando a leitura impossível para um mero leitor. Tenho um livro em meu alojamento sobre isso, fora que tenho algum conhecimento sobre, acho que daria uma ótima atividade para fazer nas horas vagas. ~ Digo enquanto tento guardar o mapa em meu bolso. ~Você não quer mais isso, correto?~ Novamente eu não queria uma pessoa junto comigo para realizar tais descobertas, meu intuito desde que eu comecei a aprender sobre o seculo perdido era apenas para conhecimento proprio, não que a marinha fosse uma instituição ruim, porém eu só estava na mesma para assim aumentar minha fama e conseguir mais informações sobre o meu, ou melhor, sobre o nosso passado, e nada mais a acrescentar. Egoísmo meu? Talvez, mas eu não confiava em muitas pessoas assim cegamente.

Tentaria guardar o pergaminho, como também caso o mesmo não deixasse, eu tentaria memorizá-lo, que não era lá meu forte, e assim devolvê-lo. ~Então, o que tinha no seu tesouro, pode acontecer que ele tenha uma pista para esse outro, assim fica mais fácil achar um caminho para encontrar esse tesouro.~ Pergunto ao mink enquanto continuo por aquele terraço vendo as horas passar, não esperando, mas sempre pronto para qualquer tipo de alteração.



Formiga
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Teste
Créditos :
10
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Sex Set 16, 2022 10:56 pm



- E por acaso sou seu emprego? - Falou o lobo cruzando os braços - Passo a noite acordado, ainda tenho que ir comprar café pra madame? - Finalizou a criatura animalesca com uma expressão descontente estampada em sua face. De qualquer forma, não demorou para que o pequeno anjo ouvisse a história e também tivesse noção do conteúdo naquele texto, usando o raciocínio mais lógico possível: O animal não tinha visto alguma coisa - Não gosto de livres, li aqueles dois unicamente porque esperei entender do que se tratava, mas, caguei, não gosto de coisa difícil. - Continuou o marinheiro voltando sua atenção para a criatura celeste - O outro foi fácil demais, todos não podiam ser assim? - Era algo... com fundamento, bem, os tesouros não precisavam ser sempre tão complicados assim.

- Não, pode ficar. Se conseguir encontrar algo, é todo seu. - Continuou a interação de maneira simples e direta, enquanto Aegon pensava algumas coisas, principalmente sobre o que lhe motivou a entrar na marinha - Não tinha muita coisa, além do valor em berries, tinha umas roupas com símbolos de lua, vendi também por um preço até que interessante. - Ele falou de maneira tranquila, talvez o símbolo da lua significasse algo? Era uma opção minimamente interessante, quiçá o celeste pudesse encontrar algo - Além disso não tinha nada, como falei, foi algo bem simples e direto. Dinheiro, algumas coisas e esse papel com essa história. - Concluiu o lobo enquanto caminhava em direção a parte coberta do terraço - Bem, vou tirar um sono aqui. Boa guarda! - Falou enquanto deitou enrolando sua cauda por cima dos seus olhos, imergindo no mais profundo sono possível com uma velocidade assustadora.

O anjo por sua vez estava por ali vigiando o ambiente, que por sinal, contava com um número considerável de pessoas, inclusive entrando no estabelecimento, mas, todos pareciam bem normais aos olhos do garoto. A praça parecia mais cheia, algumas crianças brincavam, adultos se exercitavam e outros apenas admiravam a beleza daquele dia em Shells. Tudo continuava calmo, dando tempo para o garoto ponderar as palavras do seu aliado e também seus próximos passos, seria esse o início de uma caça ao tesouro? Era dessa forma que ele ganharia a fama que almejava? Seria essa sua primeira pista sobre o passado do mundo? Era algo que ele precisaria buscar mais afinco, para ter a total certeza.  


Histórico:
Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Sex Set 16, 2022 11:39 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 14
~Calma, eu até iria no seu lugar, porém já está no meu turno correto?~ Vi que aquele canino não havia curtido muito a ideia de ir comprar algo para comer, talvez devesse ser instinto de sua raça, ou apenas odio guardado por ver outros de sua raça sendo tratados como melhor amigo do homem, ou como muitas vezes são chamados, escravos. Não era minha intenção em nenhum momento desrespeitar aquele mink, porém eu entendia seu lado e apenas fingia que nada havia acontecido, preconceito sempre foi um dos meus maiores inimigos, e não seria eu que iria praticá-lo agora.

Guardo com cuidado o pergaminho. “É, ele só estava em busca de dinheiro mesmo.” Penso enquanto percebe que aquele cão não estava lá tão interessado em histórias do passado, e isso por um momento me confortava. “Simbolo da lua? O que será isso?” Pensei enquanto voltava a prestar mais atenção ao meu turno naquela guarda, assim enquanto as horas passasem tentava utilizar de minha genialidade para decifrar o que poderia ser aquilo, porém como dito anteriormente, pouco sabia sobre a ilha, assim sendo quase impossível decifrar algo.

Depois de algumas horas próximo do fim do meu plantão, tentaria pois propor um plano com o mink ali, porém não sabia se existia alguma regra sobre que poderia acabar com meu plano, ou se aquela missão estava livre manobrar para nós dois. ~Ow Achilles, tou pensando em ir lá no QG no meu período de descanso, quais são os livros mesmo que você pegou?~ Tento conversar com o meu rendente quando estivesse próximo da hora da rendição, não só para o alertá-lo, como também para ver se não tinha nenhum problema quanto a isso. ~Periodo da tarde deve ser bem tranquilo por aqui, rou rápido e trago algo do refeitório para gente, passar seis horas sem fazer nada é um grande tédio, talvez eu use esse grande tédio para decifrar algo desse seu pergaminho.~ Diria o mink a fim de esperar alguma resposta do mesmo sobre minha ida, se era prevista ou não, ou se ele não se importasse muito.

Tentaria, caso assim fosse favorável, no meu período de descanso ir até o QG daquela ilha e dentro do mesmo seguir diretamente para a biblioteca, claro, tentanto chamar o minimo de atenção possível, eu sabia que tal ação era um tanto que dificil de minha parte, porém não custava nada tentar, até chegar na biblioteca. ~Ola tudo bem? Sou eu de novo!~ Solto um leve sorriso que amplificado com minha simpatia e meiguice, mostravam que eu transparecia ser gente boa, assim perguntando sobre onde eu encontraria os livros que Achilles havia dito, ou caso não dissesse nada, apenas pediria livros de histórias e geografias locais, então apenas realizaria o procedimento padrão daquela organização militar e voltaria rapidamente para o prédio, onde eu estava guarnecendo. Antes disso, tentaria passar pelo refeitório para assim conseguir algum pé de meio para espantar mais a fome, e seguir para o objetivo.

~Não é muita coisa, mas serve.~ Diria para Achilles assim que chegasse no terraço, mas se apenas tivesse conseguido comida. ~Agora o tempo vai passar um tanto que rápido.~ Digo enquanto mostro em destaque os livros pegos na biblioteca do QG, assim começando a lê-los durante o longo ou curto periodo de tempo que me restava para render.


Formiga
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Teste
Créditos :
10
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1843-nymeria-nymph
Formiga
Desenvolvedor
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Sab Set 17, 2022 9:51 pm



Aegon percebia que Achiles havia ficado ligeiramente incomodado com aquela situação, talvez fosse realmente algo ligado ao passado da sua raça ou até mesmo sua história própria - Pode ir, eu seguro as pontas aqui. - Falou o cão em determinado ponto daquela interação - Não lembro, lembro que fui lá na parte de história, vi uns livros sobre o sol, lua, estrelas... não entendi nada. - Ele falou de maneira simples e direta, como já era sabido, ele realmente não havia se empenhado com muito afinco em sua missão, ele queria apenas o fácil e rentável.

Bom, o período de guarda do Celestial foi tranquila, ele permaneceu no terraço observando as redondezas, vendo as pessoas indo e vindo em passos tranquilos. Ao final do seu período de serviço, ele saiu indo em direção ao quartel general, deixando Achiles na liderança daquele lugar. Durante o caminho Shells mostrava o padrão do seu território, um alto nível de pessoas nas ruas e nas lojas, mostrando a rentabilidade que era ter um estabelecimento naquele lugar, claro, na alta e média shells. De qualquer forma, o quartel por sua vez estava numeroso, pessoas iam e vinham daqui e dali, fardados e também sem uniformes, mostrando a presença do governo e os Agentes por ali.

O garoto passou em passos largos enquanto caminhava em direção a Biblioteca, falando com a mesma recepcionista de antes - Você de novo! Bem vindo novamente! - Disse o garoto com um sorriso largo em sua face - Bem, acho que você pode encontrar o que precisa por ali. - Apontou para algumas fileiras não muito longe, que contava com livros de história, geografia, constelações e outros assuntos do gênero, todos bem úteis para o assunto. O procedimento foi feito com sucesso, Aegon agora tinha em mãos mais alguns livros interessantes e que podiam ser úteis para decifrar aquele trecho dado pelo cão. A volta ao estabelecimento foi tranquila, passando por um número considerável de pessoas, vendo alguns batalhões distintos vagando por ali e realizando a segurança padrão da ilha, que novamente, era um antro de marinheiros.

Durante aquele período o tempo foi passando gradativamente, quando retornou até o estabelecimento ainda era dia, na verdade, meados da tarde. Aegon contava com tempo para ler e colocar sua mente para funcionar, enquanto Achiles estava calado por ali, apenas fazendo sua função e com uma cara que estava imerso no maior tédio possível, ele soltava alguns “rosnados” aleatórios em forma de “resmungos”, não estava contente, mas também não era pago para isso.


Histórico:
Mizzu
Imagem :
I - Ainda existe brasa acesa! - Página 2 Mikey-tokyo-revengers
Créditos :
19
Localização :
Shellstown - East Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t2133-aegon-e-agaznog#23197 https://www.allbluerpg.com/t2134-i-ainda-existe-brasa-acesa#23202
Mizzu
Soldado
Re: I - Ainda existe brasa acesa! Qua Set 21, 2022 10:18 pm
Ainda existe brasa acesa!
Post 15
As horas se passavam, mesmo sabendo que talvez aquela missão de guarda fosse entediante, eu não imaginava que ela seria tanto ao ponto de eu nunca mais querer pegar uma missão desse tipo. “Preciso subir na hierarquia logo!” Penso enquanto percebo que no período que eu ainda fosse um mero soldado, missões assim seriam inevitáveis, e minha ambição só seria mais escanteada aos poucos.

~Agora é minha vez, tenta ir dar uma descansada.~ Falo diretamente para aquele canino, eu sabia que o mesmo já estava nas ultimas, seus rosnados e resmungos apenas reforçaram isso, então se mesmo ainda não fosse o período para render o mesmo, eu iria um pouco mais antes, algo de bom grado por não ter colocado terra em eu ir pegar livros. “Agora é a melhor hora para mergulhar neles.” Pensei enquanto ia ajeitando uma cadeira na melhor posição daquela varanda e assim procurando uma ótima vista do que seria a praça local. Com alguns livros em mãos, eu começava a dividir minhas atenção, tanto na leitura dos mesmos, como também em guarnecer aquele estabelecimento, ainda era tarde, então não ficava tão tenso como estava antes pela madrugada, o intuito era adquirir o máximo de informações possíveis daquela ilha, e do cemitério local em específico.

Próximo de terminar meu periodo de guarda, novamente eu iria pedir mais um favor para aquele mink, já estava abusando dele? Talvez, porém aquela caça ao tesouro havia me interessado bastante, e pelo andar da carruagem na marinha, iria demorar um pouco mais de tempo para eu ter um livre acesso a coisas do tipo. ~Ow, vou dar um pulo no cemitério para ver se você não deixou nada passar, algum problema?~ Digo para Achiles logo após ser rendido pelo mesmo. ~Estou um pouco inquieto com isso, então vai ser ruim para descansar desse jeito.~ Tento explicar um pouco o motivo da minha repetida saída.

Caso o mink não falasse nada, ou até mesmo se falasse algo, eu não mediria esforços para seguir com meu objetivo, a busca por informações sobre aquele “tesouro” era um tanto que intrigante, assim me fazendo sair daquele estabelecimento e procurar pelo cemitério local, claro que com a leitura dos livros de história e geografia pego na livraria do QG, eu poderia com mais facilidade achar tal local, porém não me custaria nada pedir informações caso minha procura não fosse concluída com êxito, assim indo aos poucos até o cemitério em busca de pistas.