Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
[Ficha] Dimitri RomanovOntem à(s) 11:31 pmporRedPandaÚltimo Baile Antes da GuerraOntem à(s) 11:06 pmporMendoncaBad KarmaOntem à(s) 11:06 pmporMendoncaIII - RagnarökOntem à(s) 10:45 pmporJean FragaNoturno ArtificialOntem à(s) 10:38 pmporShioriAkane NanamiOntem à(s) 10:28 pmporNoskire3 - Don't Stop Me NowOntem à(s) 10:28 pmporNoskireGrupo 6 - Akane, Agni e Aika Ontem à(s) 10:05 pmporNarrador De EventosCabras da Peste, Vol 5 - A face da desordemOntem à(s) 9:57 pmporSubaéZayn & suas gostosas!Ontem à(s) 8:37 pmporAki

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
Achiles
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 Bf3w3iH
Créditos :
38
Localização :
Farol - Grand Line
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2060-iv-you-ll-never-see-me-cry#22235
Achiles
Pirata
Relembrando a primeira mensagem :

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Aqui ocorrerá a aventura do(a) Civil Ineel Bitencourt. A qual não possui narrador definido.

Jupges
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 Https%3A%2F%2Fpictures.betaseries.com%2Fbanners%2Fepisodes%2F81841%2F1069791
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1419-nero-vil-gax https://www.allbluerpg.com/t1652p30-curiosidades-em-serie-novos-horizontes-act-ii#20786
Jupges
Pirata



É o Vilgaxxx


Nero olharia pela janela da casa em que estava e observaria o grupo de marinheiros, olharia também para o céu e a partir da posição do Sol e tentaria medir que horas eram. Gax analisaria a situação, seus ferimentos e o número de homens ameaçando usar força para captura-lo. No fim das contas, para o polvo a situação não parecia estar tão feia assim, bastava resistir contra aqueles bravos homens que decidiram desafia-lo.

O polvo não conseguiu encontrar nada vasculhando a casa anteriormente, nem mesmo uma bebida ou quaisquer itens de valor. A única coisa que ele conseguiu encontrar foram roupas, mas quem não tem cão caça com gato. O tritão sairia pegando o maior número de roupas possível com seus 6 braços enquanto ia rapidamente em direção a saída, ao chegar na saída da casa o tritão chutaria a porta e avançaria de maneira explosiva, jogando as roupas que carregava pro ar no meio do grupo, atrapalhando a visão dos marinheiros.

Gax se lembraria da posição dos marinheiros analisada mais cedo, também faria as contas mentalmente para saber quantos segundos as roupas demorariam para cair e quanto tempo ele teria para atacar antes de precisar voltar a se defender. Nero então começaria a série de ataques em poucos segundos, primeiramente iria até o marinheiro mais próximo e seguraria sua cabeça, afundando ela no chão com toda sua força. Em seguida começaria a desferir diversos golpes em outros marinheiros próximos, mirando cabeça, peito e articulações, tentando aproveitar os poucos segundos que tinha.
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 DimDelectableCockatiel-size_restricted

Após as roupas caírem, o homem-peixe agarraria uma calça no meio daquela zona e correria em direção a um atirador, se notasse intenção de disparar jogaria seu corpo pro lado com velocidade pra evitar o disparo, levantando uma guarda simples. Ao chegar próximo o suficiente Gax daria um chute na arma, e em seguida pegaria a calça e enrolaria em volta do pescoço do atirador, apertando com toda sua força enquanto usava o corpo dele como cobertura contra os ataques dos outros marinheiros, mudando o atirador de posição se necessário.

Se em algum momento algum marinheiro tentasse atacar Gax no corpo a corpo, Gax agarraria uma de suas pernas e puxaria com toda sua força e com auxílio de seu peso tentando derrubar o homem. Caso conseguisse o polvo então desferiria uma série simples de 6 socos mirando o pescoço e peito do marinheiro.

objetivos:
Atributos, vantagens e perícias:

Histórico:




Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



O fornecimento de informações estava escasso naquele dojo, ao contrário da bela refeição de que pude ter a oportunidade de saborear em quanto indagava sem sucesso o lutador, de certo modo poderia me sentir frustrado o bastante para cogitar iniciar uma longa conversa com o artista marcial para espremer o máximo de dados possíveis mas não me sentia confortável o suficiente em iniciar conversações prolongadas com estranhos, contudo, apenas me restava partir e torcer pela sorte de encontrar novas pistas em outro lugar.''Ao menos estou de barriga cheia huehuehuehue!'' - Concluía brevemente, me preparando para ir embora.

Me certificando mais uma vez de que todos meus pertences estariam no seu devido lugar e meu rifle preso corretamente a bandoleira, me aproximaria do lutador e então em um sinal de respeito realizaria uma reverência ao mesmo. - Obrigado pela luta! A comida estava uma delícia! - Diria, agradecendo a hospitalidade, e então me direcionaria até a saída  que caso fosse guiado pelo lutador aproveitaria para dar uma boa olhada mais uma vez em toda a arquitetura tradicional de um dojo, admirando-me por alguns breves segundos embora provavelmente tudo não estivesse em condições impecáveis, quem sabe essa visita não entraria em um futuro diário? Pois bem, não vinha ao caso agora pois minha prioridade seria encontrar o bendito Richard Grim, e para não dizer que estava de volta a estaca zero ao menos saberia que um tal de Andarilho maldito tinha algo a ver com todo esse mistério e por definição agora era minha única pista.

De volta as ruas voltaria a mesma programação de outrora, tentaria abordar os cidadãos locais da maneira mais sútil possível buscando passar um ar de tranquilidade e confiança para os abordados, e então perguntaria pelo andarilho misterioso. - O senhor(a) conhece esse sujeito ou pode me fornecer alguma informação? Acredito que se eu encontra-lo poderei também encontrar uma pessoa desaparecida. - Explicaria, após uma breve introdução do Andarilho maldito buscando em minha memória uma descrição mais próxima possível de que havia recebido do lutador em seu dojo quando havia me contado todo o acontecido. Porém caso as abordagens não tivessem surtido um efeito produtivo, buscaria por identificar em meio a minha caminhada algum estabelecimento que poderia estar movimentado o suficiente para ter alguma concentração de pessoas, e então de maneira conservadora buscaria me aproximar do encarregado do local e indagaria o mesmo a respeito do tal andarilho.









Objetivos:
Spoiler:



Histórico de posts: 08



Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~

Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, NOVOS HORIZONTES! ACT II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 313253

Vil Gax era implacável, chutou a porta e lançou as roupas para confundir aquele grupo. Estratégia que pareceu cair como uma luva, quando sentiu um tiro vindo em sua direção e passando do lado da sua cabeça, do lado direito. Desorientando-o momentaneamente e tirando a sua audição do lado direito, eventualmente voltaria a escutar, mas naquele momento, era como se algo houvesse roubado um dos sentidos. Quem ousaria? Quem ousaria tentar lançar um debuff sobre um Deus?

Pareceu querer se vingar do maldito que tentou fazer isso, pois o mesmo que havia outrora atirado, agora tinha sua cabeça afundada no chão. O sangue rolou sobre o chão quente do lugar, e depois de se debater, seu corpo perdeu a vida, ficando pálido e parando finalmente de se mexer. Seis braços, foram mais do que o suficiente para simplesmente uma enxurrada de golpes que veio sobre os outros marinheiros que ousaram tentar ficar na sua linha de combate, dois deles foram simplesmente amassados pelos braços do tritão, e quando se viram, tinham tomado tantos golpes quanto se quer tentaram contar, e logo, dois homens que vestiam soqueiras estavam no chão, pareciam vivos, mas com tanta dor que mal conseguiam se por de pé.

No entanto, o contra ataque veio rápido, muito rápido mesmo. O tritão não conseguiu nem ao menos piscar que um homem pequeno, de cerca de um metro e cinquenta e cinco de altura pareceu se teletransportar a sua frente, com sua katana em mãos, tentou um corte sobre as barbas do profeta, ou melhor, do deus polvo. Que talvez por não conseguir acompanhar aquela agilidade divina recebeu o golpe em cheio, mesmo tentando agarrar uma das pernas do pequeno homem. Que acabou cortando desde sua bochecha até o lado do seu olho direito, por coincidência ou sorte, não foi atingido no olho, o que poderia causar uma condição não muito agradável.

Aquele humano era talentoso e estava bem a frente da capacidade de percepção e acerto do enorme polvo, que se destacava por ser mais robusto e imensamente mais potente nos golpes do que o seu antagonista. Se conseguisse olhar bem, conseguiria ver um outro marinheiro, que parecia recitar cânticos obscuros e usar um relógio como pêndulo, e quando percebesse isso, estando no seu campo de visão, sentiria como se estivesse drogado, tendo sua percepção diminuída exponencialmente, se tornando cada vez mais dificil de acompanhar o velocista que não parou de se mexer nem mesmo um segundo.

Nero tinha aniquilado a maior parte daquele grupo, e o espadachim -fraco como era - não poderia se dar ao luxo de ser pego por um dos golpes do enorme polvo, ou seria GAME OVER.




Quanto ao nosso aventureiro Ineel, caminhou e não conseguiu achar nenhuma informação realmente importante, a maioria das pessoas a escutar a pronuncia daquele maldito nome se afastaram de pressa. Tentando seguir suas vidas sem lembrar daquele que por tempos, foi um grande problema para a ilha em questão. No entanto, desesperançoso, encontrou um bar chamado "Trash Walk" e adeentrou ao estabelecimento, chegando até o balcão e perguntando para o bartender que estava ali naquele momento.

Curiosamente, era o dono do lugar e lhe respondeu, saudosista. Ahhh! Foram bons tempos, realmente. Mas hoje, esse cara não age mais, pra falar a verdade, ele morreu quando Richard sumiu. Afinal, ninguém deve encontrar aquele velho, ele quis assim. O homem que agora conversava com o tritão levantou a camisa de botões que ostentava e mostrou uma ferida que fez o tecido da sua pele necrosar em volta, e deu risada.

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 My-hero-academia-all-might-injury-1248153-1

Aquele velho era forte! Que bom que ele me encontrou antes que eu fizesse mais merda!

* imagine all might cracudo com a pele levemente azulada *



Considerações:
Históricos:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 DxdTgnc
Jupges
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 Https%3A%2F%2Fpictures.betaseries.com%2Fbanners%2Fepisodes%2F81841%2F1069791
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1419-nero-vil-gax https://www.allbluerpg.com/t1652p30-curiosidades-em-serie-novos-horizontes-act-ii#20786
Jupges
Pirata



É o Vilgaxxx


Nero se recusou a acreditar que o espadachim era mais rápido que ele, diferente dos outros marinheiros que caíram sem muita dificuldade perante ao deus polvo. E se recusando a acreditar ele achou algo para culpar, o homem estranho a distância parecia querer hipnotizar o tritão deixando ele drogado. Talvez a estratégia do homem desse certo, mas Nero era verdadeiramente louco e no momento que percebeu que o homem aproveitava de sua audição, e que ele não estava sendo afetado quando o disparo da arma deixou ele surdo, Nero rapidamente ligou os pontos enfiando com força seus dedos indicadores em seus tímpanos. Se funcionaria ou não era difícil de dizer, mas a adrenalia deveria pelo menos retardar os efeitos da hipnose.

A intenção do polvo não era ficar surdo, bom, pelo menos não de maneira permanente afinal ele ficaria no mínimo alguns minutos sem escutar depois dessa. Com as mãos cheias de sangue, e com o mesmo líquido na face e ouvidos, Nero olharia para os dois marinheiros e diria:
-Eu sou divino, marinheiros patéticos! Nunca um truque de festa será capaz de parar um DEUS!
Gax então cuspiria um jato de tinta na cara do espadachim para cega-lo, avançando contra o inimigo com velocidade, em seguida realizando uma finta jogando o corpo para a direita e aplicando uma rasteira com a perna esquerda.

O homem-peixe então atacaria o marinheiro visando principalmente seus braços, forçando ele a levantar uma defesa. Caso o marinheiro levantasse realmente a defesa, Nero continuaria atacando sem parar até que notasse que os braços do homem haviam se quebrado, ou se danificado ao ponto de atrapalhar  sua empuhadura com a espada.

Para garantir que pudesse se defender contra o inimigo que era rápido, o polvo levantaria a guarda defendendo por completo a parte superior de seu corpo e começaria a desferir chutes  altos contra o espadachim até que o mesmo parasse de atacar. Nesse momento de fraqueza, Gax agarraria o porco da marinha com dois braços desferindo uma rajada de socos com os braços restantes.

Se a estratégia para evitar a hipnose falhasse, Nero ignoraria o espadachim passando por ele dando uma cambalhota. Ao passar do policialzinho, o "víl" Gax iria em direção ao hipólogo e daria joelhada e seu queixo, agarrado o pêndulo e jogando ele no telhado da casa de onde havia saído. Se o nanico insistisse Gax cuspiria tinta no chão o qual o patrulheiro se matinha de pé, para assim dificultar sua movimentação nele.

objetivos:
Atributos, vantagens e perícias:

Histórico:






Última edição por Jupges em Sab Jun 18, 2022 12:39 am, editado 1 vez(es)
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



O fato de que estava frustrado o bastante com todo o tempo gasto sem nenhum progresso significante começara contrariar minhas convicções sobre o tesouro, porém de alguma forma mesmo com todos os pensamentos negativos conseguia manter a calma e pensar racionalmente a cerca da situação, até que finalmente encontrava um estabelecimento onde pude ver com meus próprios olhos uma marca de Richard Grim em pessoa, registrada fisicamente em uma cicatriz pouco estranha para falar a verdade sobre aquele bartender, era de fato curioso que todos até o momento davam a mesma resposta sobre o paradeiro do velho porém em minha mente só conseguiria pensar que se havia um cartaz de desaparecido então mais alguém estava a procura de Richard Grim. - Pode me falar um pouco mais sobre como conseguiu essa cicatriz? - Indagaria ao atendente, buscando observar o restante do estabelecimento para ver se encontrava algo de anormal, tentando também ouvir alguma conversa solta entre as mesas que talvez me fosse útil e então finalizaria após a fala do homem. - Bom, já ouviu falar de um tal tesouro do Quebra-ossos? Acredito que Richard Grim esteja relacionado a isso, e o fato de haver cartazes em sua procura significa que mais alguém deseja encontra-lo.. - Diria, deixando a pergunta ao ar.

Caso conseguisse alguma informação de útil, ou até mesmo alguma pista em meio a algum conto ou lorota de algum pinguço que esteja relacionado a um tesouro ou ao paradeiro de Richard Grim, me sentaria em uma das mesas vazias por alguns instantes para tentar uma última vez recolher mais alguma coisa me esforçando para ouvi-la ao vento, com olhares indiretos buscando passar-me despercebido e então me direcionaria calmamente até a saída do estabelecimento para mais uma vez traçar um novo caminho até o paradeiro do velho. Porém caso não obtivesse algum sucesso com novas informações, agradeceria de qualquer forma o atendente e então sairia mais uma vez a rua completamente frustrado com o cartaz de Richard Grim em mãos, tentaria encontrar alguma praça pública ou algum local social para buscar um assento, e então refletir mais uma vez sobre o que fazer em seguida. Aproveitaria, é claro, para indagar as pessoas próximas optando por uma abordagem sutil e calma para não causar espanto. - Licença! Estou a procura deste homem, sabe me dizer algo sobre? - - Questionaria, mostrando o cartaz de desaparecido de Richard Grim em mãos.





Objetivos:
Spoiler:



Histórico de posts: 09



Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~

Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, NOVOS HORIZONTES! ACT II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 313253

Vil Gax cuspiu tinta e tentou numa solução mirabolante acabar com com a hipnose estourando seus ouvidos. Perfurou e fez com que eles começassem a sangrar. Pouco a pouco, parou de escutar e sentiu seus tímpanos rompendo enquanto o perfurou. No entanto, mesmo danificando-os, conseguiu desfazer o controle mental que estava lhe embebedando. Quando se deu conta, a obstrução da visão do seu oponente foi efetiva o suficiente para que a rasteira e seis primeiros golpes fossem desferidos, e depois deles, enquanto o homem estava no chão, a sequência continuou, até que ele perdesse a vida, finalmente.

Ao ilusionista, restou fugir, como se não houvesse amanhã. Seu companheiro e único que tinha chance de rivalizar a sua força, foi subjulgado. Infelizmente pra ele, corria desengonçado, e não iria muito longe. Felizmente, o tritão estava zoado, seus sentidos estavam com certeza bagunçados, e provavelmente, com o zumbido na sua cabeça, não estava no seu melhor. Mas mesmo assim, provavelmente, conseguiria alcançar ele. Eram por volta de seis horas da tarde.




Foi Richard, enquanto eu ainda usava aquele maldito apelido. Andarilho Maldito. Comentou, dando risada. E assim, continuou falando. Quebra-Ossos? Richard me falou uma vez sobre um dojo antigo, numa parte afastada da cidade, localizado atrás de uma caverna. Depois de um longo rio. O grande problema é que Richard só ia lá em noites de lua cheia, e demorava até a próxima lua para retornar. Falam que foi assim, inclusive, que ele ficou tão bom nas artes marciais. Comentou.

Fora do bar, começou a anoitecer, e ela se fez presente, sobre toda e qualquer vida. A lua cheia, brilhava e iluminava toda a ilha. Aqueles que prestassem atenção, notariam um feixe único que parecia cortar o céu até um ponto da floresta. Mas, a maioria ali, nunca nem havia dado importância para isso. Afinal, quais daqueles eram aventureiros suficiente para perguntar os por quês?




Considerações:
Históricos:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 DxdTgnc
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



Não pude deixar passar despercebido uma leve admiração pela figura de Richard Grim assim que soubera que o homem era o motivo daquela cicatriz que fizera contraste ao corpo do atendente, não me parecera uma ferida comum e tão menos algo leve.. Richard de fato era uma pessoa acima do nível de força que havia me acostumado. - Entendo.. Então você era o andarilho que me falaram, esse combate parece ter sido épico não é mesmo?! HUEHUEHUEHUE!- Retrucaria ao ouvir toda a história, porém o que de fato me chamava a atenção eram duas informações contidas na fala do Bartender.''Apenas durante a lua cheia? Mas por qual motivo?! E onde seria essa caverna?'' - Eram as principais questões em meu consciente.

Com a chegada do anoitecer, era lógico concluir que logo o estabelecimento fecharia e teria que buscar um local seguro para passar a noite, porém a empolgação era tamanha que naquele momento não estava priorizando a segurança e sim o avanço sobre esta epopeia pelo tesouro, o fervor da exploração e a ânsia da descoberta tomava conta de meus sentidos, um leve desejo pela fortuna e pela fama me levara embora o bom senso.. A aventura me chamara e não poderia resistir a esse canto que cada vez me gritara mais e mais alto, estava completamente tomado e me pegava por um breve momento idealizando de que talvez a vida de um pirata pudesse ter todos esses prazeres juntos, uma segunda ambição que casaria com a grande descoberta do século perdido em minha vida. - Ei, por acaso eu sou um completo estrangeiro na região, seria possível me informar como chego nesta caverna mencionada? Prometo que retornarei para pagar uma rodada para nós dois! HUEHUEHUE! - Indagaria uma última vez o recepcionista de outrora, esboçando toda aquela energia e impulsividade latente em ir de encontro ao mistério de Richard Grim, ocultando da pergunta as dúvidas sobre a ligação do lutador desaparecido com a lua cheia, pois descobrir pessoalmente me excitava ainda mais.

Tendo uma resposta, guardaria todas as informações em minha mente com um certo carinho e então me direcionaria até a saída do estabelecimento, não resistindo e dando uma boa olhada ao céu para me certificar se era lua cheia como efeito da conversa anterior, e então realizaria um pequeno salto elevando os antebraços para o alto em comemoração caso de fato fosse lua cheia. Sem mais delongas, buscaria recriar e reproduzir todo o trajeto explicado para chegar até o local mencionado na informação, sendo assim, ao passo de que adentraria nas mediações do destino final me colocaria em estado de alerta máximo prévio, manuseando meu rifle em mãos em posição de pronto emprego e avançando cautelosamente a medida em que tentaria observar mais detalhadamente todo o terreno com foco total em minha mira, claro, não hesitante em puxar o ferrolho do rifle e municiar a câmara de ar em seguida encostando levemente o dedo indicador ao gatilho a qualquer sinal de perigo.  




Objetivos:
Spoiler:



Histórico de posts: 10



Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~

Jupges
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 Https%3A%2F%2Fpictures.betaseries.com%2Fbanners%2Fepisodes%2F81841%2F1069791
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1419-nero-vil-gax https://www.allbluerpg.com/t1652p30-curiosidades-em-serie-novos-horizontes-act-ii#20786
Jupges
Pirata



É o Vilgaxxx


Nero começava a rir loucamente após derrotar o espadachim com facilidade, mesmo de primeira não percebendo as consequências de suas ações com o próprio corpo, sangrando de maneira perigosa.

O tritão olharia para o ilusionista correndo e gritaria:
-Isso! Conte para todos o que viu aqui! Conte lendas sobre o Deus Polvo!
Gax então tentaria caminhar, mas cambalearia quase caindo no chão, colocaria a mão na testa sentindo a dor em seus ouvidos e gemendo um pouco de dor. O tinido incomodava muito mesmo o tritão, incomodava ao ponto de ele querer ir a um médico mesmo não gostando da ideia e estando provavelmente coberto de sangue.

Então o mais rápido que conseguisse, mesmo que estivesse tonto Nero vasculharia os corpos dos marinheiros ao seu redor, pegando qualquer coisa que fosse útil, se algum marinheiro carregasse uma bolsa também seria bem-vinda pra levar a parafernália que encontrasse.

Então, gritando como louco pra tentar escutar a própria voz, o polvo caminharia sem rumo chamando por um médico. Também faria de tudo para tentar encontrar um consultório ou farmácia. O homem-peixe precisava fazer o zumbido parar antes que aquilo deixasse ele mais louco do que já era.

objetivos:
Atributos, vantagens e perícias:

Histórico:






Última edição por Jupges em Sab Jun 18, 2022 12:40 am, editado 1 vez(es)
Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Vil Gaxxx, encontrou, depois de algum tempo um hospital veterinário. Parecia estar fechando dado o horário, e com aquele enorme tritão gritando pelas ruas, os atendentes e dois médicos veterinários que estavam no local olharam fixamente para sua fisionomia. Não estava lavado de sangue, pelo contrário, o sangue escorria com pouco fluxo pela sua ferida no rosto e pelos seus ouvidos.

O que mais incomodava era o fato de que se não recebesse devido tratamento médico, ele iria sangrar sem limite, acontecia que ao romper os tímpanos ele não tinha mais senso de direção, e havia perturbado coincidentemente sua noção de tempo e espaço, além de um maldito zumbido que o perturbava frequentemente.

Restava saber como iria lidar com a situação, afinal, como estava não poderia se manter. Além disso, a primeira força de batalha tinha sido aniquilada pelo tritão, e eventualmente, talvez o artista traria com ele reforços, até mesmo talvez de seres que fossem tão fortes - se não mais - do que a criatura, dada a sua periculosidade.

Ineel

Infelizmente não sei onde fica a caverna, mas, em dia de lua cheia, ele sempre ia as montanhas. Ao menos, era o que ele falava pra gente! Comentou. Não demorou muito e ele fez um sinal para que Ineel saísse do estabelecimento para que pudesse fechar. Assim que pisou pra fora do lugar, cerca de oito horas da noite o satélite terrestre fez morada no local. Iluminando a noite em Kano.

As ruas estavam cheias, diversas coisas que mostravam uma cultura mais clássica, danças e comidas típicamente deliciosas cobriam todo o centro comercial. Era um bom país para se viver, e nada parecia sair do comum. Estando na parte plana do lugar, deveria decidir se iria se afastar e ir para o lado montanhoso do país, não era um terreno realmente irregular, mas presente na ilha.


Considerações:
Históricos:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 DxdTgnc
Jupges
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 Https%3A%2F%2Fpictures.betaseries.com%2Fbanners%2Fepisodes%2F81841%2F1069791
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1419-nero-vil-gax https://www.allbluerpg.com/t1652p30-curiosidades-em-serie-novos-horizontes-act-ii#20786
Jupges
Pirata



É o Vilgaxxx


Nero não estava conseguindo nem ao menos pensar muito claramente sobre o que fazer naquela situação, ele só precisava dar um jeito de fazer o sangramento parar e descansar por alguns momentos. Então o tritão iria até a porta da veterinária e começaria a chutar até arrombar o local, a essa altura pouco importava se tinham atendentes olhando ou não.

Se conseguisse entrar, Gax começaria a procurar na veterinária por alguma gaze junto com material antisséptico. Caso encontrasse, Gax iria até o banheiro, encheria as mãos com água e sabonete e lavaria com muito cuidado os tímpanos, secando calmamente com papel logo após e aplicando material antisséptico no local. Finalizada a higienização ele começaria a enfiar gazes nos ouvidos até que o sangramento parasse.

Caso algum dos atendentes aparecessem na clínica Gax gritaria, sem nem mesmo conseguir ouvir a própria voz:
-ME AJUDA! ME AJUDA! NÃO CONSIGO OUVIR NADA! EU PRECISO OUVIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIR! CRIATURAS NEFASTAS COM UM MILHÃO DE DENTES ME DEIXARAM SURDO!

Por algum infortúnio, talvez Gax não conseguisse arrombar a veterinária. Desse modo só restava ao tritão berrar descontroladamente enquanto corria sem rumo pelas ruas de Kano, tudo estava nublado, um pouco turvo e ele estava se sentindo tonto, quem disse que isso poderia impedri o tritão de ser maluco?

objetivos:
Atributos, vantagens e perícias:

Histórico:






Última edição por Jupges em Ter Jun 21, 2022 9:04 pm, editado 1 vez(es)
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



Com as ruas cheias e a cultura transbordando sua demonstração na cidade totalmente tematizada, apenas me restava admirar por um breve momento, até que, de relance pairava o olhar novamente até os céus e me recordava de meu objetivo assim que visualizava a lua cheia, evento principal da noite. Não havia muita informação precisa sobre como adentrar as montanhas, contudo contaria com meus sentidos básicos para tentar chegar ao local, e é claro com o auxílio dos locais para esta tarefa.

- Olá! Estou a procura de um caminho para as montanhas da região, o senhor(a) poderia me ajudar? - Questionaria abordando qualquer civil pelas ruas ou proximidades, agradecendo com uma breve reverência me curvando para o indivíduo e então partindo. Sem mais delongas, buscaria recriar e reproduzir todo o trajeto explicado para chegar até o local mencionado na informação, sendo assim, ao passo de que adentraria nas mediações do destino final me colocaria em estado de alerta máximo prévio, manuseando meu rifle em mãos em posição de pronto emprego e avançando cautelosamente a medida em que tentaria observar mais detalhadamente todo o terreno com foco total em minha mira, claro, não hesitante em puxar o ferrolho do rifle e municiar a câmara de ar em seguida encostando levemente o dedo indicador ao gatilho a qualquer sinal de perigo.  

Caso o local se revelasse de difícil acesso, buscaria por analisar todo o terreno antes e encontrar alguma subida ou trajeto seguro para continuar a exploração, evitando ao máximo escaladas ou subir em pedregulhos, saltando se preciso, apenas em distâncias curtas que não oferecesse grande perigo de deslize ou pisar em falso sobre qualquer superfície rochosa.




Objetivos:
Spoiler:



Histórico de posts: 11



Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~

Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


O enorme polvo começou a gritar quando viu diversos veterinários caracterizados, parte deles se espantou com a imagem daquele ser, mas, alguns deles pareciam estar acostumados com esse tipo de coisa. Provavelmente não da forma específica que se fez, mas de outras formas, costurar gente, animal, ou coisa e tal, era tudo a mesma coisa pra falar a verdade. Não a toa que geralmente, na faculdade de medicina e em cursos como o de auxiliar de necropsia, o aprendizado, geralmente, é feito através de órgãos de boi.

Ele foi orientado a deitar-se numa maca num dos consultórios do local, mas foi uma verdadeira ideia de gírico. Quem havia sido o estagiário que pensou naquilo? Não iremos saber, ao menos, não agora. A cama quebrou, e eles passaram atender o enorme polvo ali mesmo, deitado no chão. Um deles chegou com uma luz pequena e colocou para ver a situação, encontrando ali, ferimentos feitos pelo próprio dedo do tritão.

Que situação temos aqui. Por favor, tragam água salgada! Gaze e linha pra costurar.

E assim o fizeram, e logo, o tritão estava curado daquilo, não sangrava mais e provavelmente, logo estaria como novo. Desacordou no chão, e quando acordou já era de noite, em torno de umas oito da noite.

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 A3c68f3bad16a5a7cb1e9e34e8ff8c8c09a2a0b6_hq

Não conseguia escutar direito, se não zumbidos. Estava largado as traças, no fundo do local e seus ouvidos estavam tampados com atadura. Não parecia boa ideia retirar aquilo, afinal, ainda não estava curado.

Ineel

Ineel perguntou, mas foi ou ignorado, ou não atendido da forma que gostaria, afinal, não estava num momento bom para perguntas. Todos que estavam ali, ao menos naquele centro comercial, queriam se divertir, beijar na boca, e comer uma boa comida. Não era tempo de perguntas, e sim de respostas. Mas, ele sabia certamente onde ficavam as montanhas, afinal, qualquer tapado conseguiria ver um ponto sólido de terra em uma ilha quase inteira plana.

Caminhou, por horas até finalmente chegar, estava fronte a uma estrada de terra e começou a subir, preparado para quaisquer emboscadas que fossem. Atirou, de prontidão em um tatu que estava passando por ali, assustando-se e derrubando a criatura numa porrada só. E quando se viu, estava fronte a um precipício com um pedestal no centro.

Curiosamente ou não, o pedestal tinha um prisma, que com a luz da lua, refletia diversas tonalidades de cor, espectros que não deveriam ser vistos a luz do dia, ou mesmo, a olho nu. Além disso, se investigasse no solo, encontraria uma escrita diferente, qual não era qualquer um que poderia a desvendar. Parecia se tratar de hieróglifos, mas ao mesmo tempo, não deveria fazer sentido algum. Eram vogais, em uma ordem estranha, e consoantes que não pareciam ter um padrão.

A S M O U L D A S A D L U O M S A

No lugar, atrás do pedestal no entanto, parecia faltar uma letra. Como prosseguiria sobre essa situação?


Considerações:
Históricos:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 DxdTgnc
Jupges
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 Https%3A%2F%2Fpictures.betaseries.com%2Fbanners%2Fepisodes%2F81841%2F1069791
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1419-nero-vil-gax https://www.allbluerpg.com/t1652p30-curiosidades-em-serie-novos-horizontes-act-ii#20786
Jupges
Pirata



É o Vilgaxxx


Tudo aconteceu muito rápido, mais rápido do que Gax podia esperar. Primeiro que tudo deu certo sem muitos problemas, tirando a maca quebrando e a dor que sentia após o procedimento tudo parecia muito melhor agora. O polvo se levantaria segurando sua cabeça como se ela fosse cair, a tontura era algo que ainda estava presente mesmo que de forma distante, e o zumbido continuava ainda que muito mais ameno do que antes.

Tudo que se passava na cabeça de Nero era que ele precisava encontrar um lugar calmo para descansar, quanto menos barulho melhor seria. Pensando nisso ele imaginava que uma refeição também cairia muito bem agora, infelizmente ele podia pensar em poucos lugares em um vilarejo que seriam calmos e que teriam comida de graça.

Ao olhar para o horizonte Nero poderia ver montanhas, pronto, era ali que precisava estar, tanto para descansar quanto para caçar comida de alguma forma. O polvo então começaria a caminhar até seu destino sem prestar muita atenção aos seus arredores, mesmo que algum dos veterinários chamasse por ele, o mesmo não poderia ouvir então a culpa nem mesmo seria dele.

Caso conseguisse chegar até as montanhas por algum caminho, Nero primeiro começaria a procurar por arbustos. Se os encontrasse, Gax desmancharia os arbustos para pegar gravetos e pedaços de madeira, também procuraria algum pedaço de madeira mais robusto, um galho caído de uma árvore ou até mesmo uma casca. Após coletar os recursos, Nero montaria uma fogueira e morderia um pedaço de madeira para fazer faísca usando seu Bracket F., criando uma fogueira simples.

O polvo então começaria a tentar desfiar um pedaço de suas luvas, tudo que ele precisava era de um fio do material elástico do qual suas roupas eram feitas, nada que fosse destrui-las, usando seus conhecimentos em costura isso deveria ser fácil. Após fazer o fogo e conseguir o fio, Nero se distanciaria do local aonde montou sua fogueira e procuraria por alguma pedra pesada, caso encontrasse o tritão posicionaria o pedaço de madeira mais robusto encontrado anteriormente embaixo da pedra, então utilizando seus conhecimentos em mecatrônica, usaria o "elástico" obtido para montar um sistema de ativação único que puxaria o graveto caso algo mais pesado esbarrasse nele, uma armadilha super simples que visava capturar pequenos animais.

Apesar de montar a armadilha, o homem-peixe sabia que demoraria até que algo a ativasse, então ele olharia para o céu e procuraria pela fumaça sendo emitida de sua fogueira para retornar até o local de seu equipamento. Chegando lá o polvo deitaria, com uma dor de cabeça imensa devido a perfuração do ouvido, e tiraria um cochilo.

objetivos:
Atributos, vantagens e perícias:

Histórico:




Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



Seguia caminho, mesmo que não tivesse certeza para onde estava indo, até que pelo calor da ação acabara de efetuar um disparo e uma pobre criatura indefesa, me encarregando de um certo remorso moderado pela ''caça'' que havia feito sem necessidade, pensava em enterrar a criatura mas o momento não parecia apropriado para tal. De repente, me deparava com algo que até então jamais tinha visto, uma escadaria me guiava até o centro de um precipício e sem perder tempo realizaria o trajeto bem intuitivo até, e para minha surpresa me deparava com um sistema que me saltara aos olhos. - Mas o que é isso?! UAU! - Exclamaria, em alto tom, completamente entusiasmado com o que vira.

Se assemelhava com um sistema de desvios de luz, refletindo a própria luz solar através da lua e moldando diversas cores sobre aquelas coisas, me esforçava um pouco para lembrar o nome técnico desse fenômeno através de algum livro recente mas as cores formadas desviavam minha atenção por completo. Não perderia tempo e logo percebia que havia mais surpresas, se assemelhando com hieróglifos contendo certas vogais que não tinham alguma lógica. - A S M O U L D A S A D L U O M S A? Hmmmm, posso formar Asmoulda dos dois lados colocando o S como divisor entre as palavras.. Mas o que significaria Asmoulda? Se é que isso significa mesmo uma palavra, provavelmente não tem ligação, é melhor eu procurar por mais pistas no ambiente. - Concluiria, ao tentar resolver o enigma.

Dito isto, tentaria me aproximar a uma melhor distância dos espectros de luzes, buscando realizar uma analise de suas tonalidades para procurar alguma lógica ou combinação por trás de suas luzes, não me pouparia o esforço para tocar os recipientes e levemente tentar mover os mesmos, que caso fosse possível, observaria se havia alguma mudança no resultado final das luzes como sua trajetória ou tonalidade se eu as colocasse apontadas para outras extremidades e diagonais diferentes, testaria com o solo, diferentes posições da lua ou até mesmo contra outros espectros se possível, quem sabe até contra os próprios hieróglifos misteriosos. Porém caso não obtivesse nenhum sucesso, me voltaria aos hieróglifos para analisar novamente as propriedades daquelas vogais, tocando cuidadosamente suas extremidades e realizando uma leve forçada para se moverem, que caso fosse possível, começaria a tentar move-las até encontrar algo novo ou alguma pista.









Objetivos:
Spoiler:



Histórico de posts: 12



Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~

Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227

O tritão com seus talentos e jeitinhos conseguiu criar tanto a fogueira quanto a arapuca que queria. E seu caminho até as montanhas demorou um tempo. Eram por volta das nove horas da noite, e a lua cheia iluminava o céu. Ele se manteve num ponto a baixo, e quando olhou para cima, eventualmente, visualizou um estranho show de luzes vindo do topo da montanha qual estava.

Ao mesmo tempo, Ineel tentou achar algo que deveria estar faltando. Não conseguiu mexer os espectros, mas, notou um espelho no solo, e uma pequena placa escrito: Quando as duas se encontrarem, você finalmente descobrirá o que abre a porta infernal. Mexendo no entanto no prisma, recebeu uma voltagem alta, que o fez ficar de cabelo em pé, além de sentir a eletricidade passar por seu corpo. Quem quer que havia feito aquilo, com certeza era um engenheiro de mão cheia.

Estava no solo, e precisava agir, antes que a lua perdesse como astro dominante na terra que andava.


Considerações:
Históricos:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II - Página 2 DxdTgnc