Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte
Achiles
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II Bf3w3iH
Créditos :
25
Localização :
Farol - Grand Line
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1735-caitlyn-g#18385 https://www.allbluerpg.com/t2060-iv-you-ll-never-see-me-cry#22235
Achiles
Pirata
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Aqui ocorrerá a aventura do(a) Civil Ineel Bitencourt. A qual não possui narrador definido.
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II




Uma nova jornada se iniciaria no momento em que colocasse os pés para fora do navio que me trouxera até o País de kano, era uma grande sensação de caminhada e superação por minhas ambições como aspirante ao maior arqueólogo que o mundo já vira, foram anos de estudos e trabalhos para chegar ao momento em que finalmente colocaria os pés nesta terra milenar de kano. Inesperadamente após aportarmos, recebia uma constatação de Annie.- Nós vamos nos separar um pouco, eu conversei com meu irmão e desejo conseguir aprender a como domar o Billy primeiro, depois disso nós voltamos a procurar pistas do tesouro... Então agora vamos seguir caminhos diferentes, mas logo nos encontraremos outra vez, arqueólogo! - Noticiava a jovem loira, me presenteando uma saudade instantânea por saber que não estaria mais acompanhado nessa nova etapa e após uma breve despedida e enfim com os dois pés em terra firme após recolher todos os meus pertences da velha escuna, buscaria por algum assento naquele cais onde começaria a refletir toda minha trajetória até então, para que pudesse elaborar meus próximos movimentos com mais clareza.

'' Eu conheci a Annie em uma taverna, totalmente embriagada e sem condições consistentes para um dialogo, porém a história que a moça bradava aos ventos era motivo de chacota pelos homens no bar, fiquei bastante curioso e tentei extrair o máximo que pude de Annie mas seu estado no momento era realmente péssimo.. Então acabei por decidindo que faria uma investigação própria e encontrei a gruta mencionada por ela, um lugar certamente excêntrico que de fato poderia abrigar um tesouro pirata.'' - Começaria a refletir, em quanto elevaria minhas mãos ao rosto e inclinando a cabeça para baixo buscando um estimulo em minhas reflexões.''É verdade.. Depois que me embrenhei naquela floresta eu havia conseguindo encontrar aquela gruta, ah! também havia conhecido uma caçadora de recompensas um pouco esquisita que me ensinara alguns conceitos de sociologia no caminho mas depois nos separamos, mas acredito que o apice dessa caçada ao tesouro lendário que annie havia me contado, foi quando encontrei o baú do quebra-ossos em uma fossa marinha junto de um cadáver esquelético, foi bastante trabalhoso levar o baú para fora mas o levei até a casa de Annie e seu irmão Kanil.''- Concluiria, e então voltaria o olhar para o céu de kano me sentindo mais bem disposto e eufórico para o novo objetivo. - E então abrimos o baú e vimos um papel! RICHARD GRIM!!! ONDE ESTÁ VOCÊ?! HUESHUESHUEHUES - Bradaria impulsivamente, apenas percebendo que estava elevando o tom de voz após a fala. - Ops! - Murmuraria, tentando amenizar qualquer incomodo.

Richard Grim era o motivo de minha viagem até kano, precisava encontrar este homem custe o que custar e portanto meu objetivo já estava claro, me levantaria e então checaria mais uma vez se todos meus pertences estavam no mesmo lugar, regularia a bandoleira presa a meu rifle e então o jogaria nas costas para seguir caminho. Um porto ou cais poderia ser uma oportunidade para iniciar uma investigação, e também para conhecer o fluxo de culturas e povos que se encontravam neste País até então desconhecido para mim, e por isso optaria por realizar abordagens calmas e extremamente educadas para civis que eu selecionaria com base em suas vestimentas que não esbanjassem muitas características de uma classe da elite, pois não queria chamar a atenção em minhas buscas. - Olá! Eu sou um viajante de Las camps e vim para kano em busca de um homem chamado Richard Grim, o senhor(a) tem alguma informação que poderia me ajudar por favor? - Indagaria em minhas abordagens, agradecendo ao final realizando uma breve reverência curvada ao abordado e então seguindo caminho. Caso não encontrasse nenhuma informação útil no porto, me limitaria a pedir informações locais sobre os principais pontos de encontros da ilha, assim como a localidade mais próxima de algum centro urbano, praça ou taverna já que poderiam ser maiores fontes de informação também, agradeceria da mesma forma e então me direcionaria para o local definido analisando a arquitetura local e o dia a dia da população local pelo caminho para me entreter em quanto caminharia.

Objetivos:
Spoiler:

Histórico de posts: 01

Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~


Última edição por Ineel em Sex Maio 06, 2022 4:42 pm, editado 7 vez(es)
Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II BEYGIHj

Prologo

O país de kano se tratava de um conjunto de ilhas que renunciava apresentações. As diversas ilhotas, ligadas por pontes de diversos comprimentos e tamanhos, fazia que a área territorial fosse tão ampla - se não mais - quanto as diversas outras ilhas dos blues. O clima estava tão quente quanto as histórias e contos do país - se o nosso protagonista tivesse feito o dever de casa, antes de andar à torto e a direita por outras ilhas naquela imensidão de água azul - relatavam.

Também, era esperado que durante a tarde, como na maioria dos dias daquela época do ano, tivessem pancadas de chuva, depois de um dia de céu azul e sol infernal. De certo, era um clima tão louco que, talvez e só talvez, se tornasse nostálgico para o nosso aventureiro, que em outras vidas - ou naquela mesma, em uma outra parte do mundo - tivesse vivenciado experiências parecidas.

A viagem, foi como se esperava naquela embarcação, velha, mas não tão velha o suficiente para que não conseguisse cumprir seu propósito. E após atracar no porto e o grupo de outrora se dividir, cada um com suas próprias ambições e objetivos. Tudo deveria estar certo, mas, com toda a certeza, não permaneceriam assim por muito tempo. O destino, adora pregar peças!

Atualmente

A procura por um nome tão específico quanto aquele não se fez fácil, desde o início até o fim da procura. Ineel, procurou por todos os cantos, abordou quantas pessoas que fosse, e não encontrou nenhuma pista se quer. No entanto, no fim da tarde, após uma longa manhã e tarde de procura, e após uma viagem como aquela, viu seu estômago roncar pedindo por comida, afinal, de certo era algo que fisiologicamente todos precisavam. Fossem eles, celestiais, humanos, homem peixe, ou quaisquer raças, das mais diferentes possíveis!

No entanto enquanto talvez, procurasse por algum lugar pra comer, ou continuasse sua busca por Richard Grim, notaria de relance algo que chamou sua atenção e ficou registrado em sua memória, como uma fotografia. Marcada, como se algo lhe falasse para começar sua busca naquele momento. Não existia nome, ou coisa parecida, mas sim um conjunto de letras que não pareciam fazer sentido algum. Além da foto de desaparecido de um nobre senhor.

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II Og3pPWb
Qui . Jaz. Ri . Gri . rdm . A . cha.



Considerações:
Histórico:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II DxdTgnc
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II




O País era surpreendentemente belo ao meus olhos, não esperava encontrar tamanha simplicidade e uma arquitetura tradicional perfeitamente combinadas em ilhotas ligadas através de pontes, me relembrava culturas orientais em que havia lido em algumas obras durante meus tempos de estudos, mas de fato nada se equiparava em presenciar de perto tudo aquilo - Nossa!- Diria, em quanto continuava brevemente a admirar a paisagem. Mas logo retornando ao meu foco principal que me trouxera até Kano. As abordagens não traziam algum progresso, apenas a sensação de estar começando a ficar faminto já que estava por algumas horas caminhando sem um rumo certo neste novo país, até que por um breve relance de percepção algo chamava minha atenção - Qui . Jaz. Ri . Gri . rdm . A . cha...Hmmmm isso me parece familiar- Pararia olhando o cartaz, observando o homem em questão da foto.


Não era preciso muito esforço para encontrar uma ligação racional entre aquele emaranhado de palavras e logo minha dedução formava aquela que possivelmente seria a mais lógica para minha mente - Aqui jaz Richard Grim! AHA! Eu soube assim que bati o olho, onde será que você está?!- Indagaria, já que não havia mais informações completas sobre o homem, porém também seria deduzível que se tratava de Richard e que era um nobre pois ficava evidente pelo seu aparente traquejo e vestimenta pela foto do cartaz, também ficara evidente que o homem estava desaparecido ou estaria sendo procurado e com certeza demandaria uma investigação mais detalhada sobre o caso a partir de agora, pois a princípio precisaria de informações de pessoas próximas de Richard ou pistas de seu paradeiro a partir dos lugares que frequentava - Isso não será nada fácil.. - Diria, com um leve suspiro.


Sabendo-se que possivelmente se tratava de um desaparecido ou procurado, não restava outra opção a não ser retirar o cartaz do local e leva-lo comigo em mãos para iniciar uma investigação sobre o caso, começaria pela regra de ouro de qualquer fonte de informação, bares, tavernas, comércios ou praças públicas, estes eram os principais locais de encontros e concentração de pessoas que poderiam fornecer alguma informação sobre Richard. Com o cartaz em mãos, abordaria de uma maneira o mais conservadora possível qualquer pessoa próximo a um dos locais citados. - Olá senhor(a) eu estou a procura deste homem, seria possível me fornecer alguma informação? Este homem tem algum familiar ou amigos por aqui? - Questionaria, e caso tivesse algum respaldo positivo buscaria aumentar a extração de informações perguntando sobre onde poderia encontrar pessoas próximas ao homem, e onde teria sido seu último local que fora visto ou lugares que o mesmo frequentava, agradeceria e então buscaria algum local limpo para me sentar e traçar uma nova linha de investigação em quanto descansaria.

Objetivos:
Spoiler:

Histórico de posts: 02

Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~


Última edição por Ineel em Sex Maio 06, 2022 4:37 pm, editado 1 vez(es)
Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II BEYGIHj

O meio tritão pegou o cartaz de desaparecido e começou a perguntar sobre aquele homem que tinha sua foto registrada naquele folder. No mais, começou a notar um certo ponto de discriminação enquanto tentava arrecadar informações: olhares, e até mesmo, algumas pessoas que respiravam mais fortes quando perto daquela espécime única. Depois de mais uma hora andando e procurando falhamente informações seu estômago começou a roncar de forma ainda mais intensa e poderosa, sentiu seu corpo ficando mole pela falta de alimentação, e logo, as sensações de náusea - que também estava sentido - tornar-se-iam ainda mais fortes.

De qualquer forma, talvez por sorte, ou coisa do tipo, rodando uma mulher que passava pelo local escutou e mesmo receosa - talvez devido a aparência peculiar do rapaz - se aproximou.

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 4d6b8a5836b99a20033ae4d61b053de5

— Você não parece ser daqui, forasteiro. - comentou, ajeitando uma katana a mostra na sua cintura. — Ou saberia que esse senhor é o senhor Yo. Ele tem um pequeno dojo na vila mais a oeste do nosso arquipélago. E sim, ele está desaparecido à seis meses, e provavelmente agora deve estar morto por piratas ou coisas do tipo. Ele era do tipo de pessoa que gostava de ser exaltado pelos outros.

Fechou os olhos, balançando a cabeça negativamente, com um sorriso sereno nos seus lábios. — Ele atraiu muitas pessoas até aqui falando sobre um tesouro, coisa do tipo. E no final, quando descobriram ser falso, provavelmente lhe mataram. Mas, ninguém nunca achou o corpo. Deve ter sido coisa dos tritões, existem casos que eles devoram a presa ainda viva, aqueles seres monstruosos, e geralmente, problemáticos.

A mulher, com seus dois metros e trinta de altura, cumprimentou o jovem e tocou na sua cabeça. Continuando andando para onde quer que estivesse indo, parecia patrulhar a área qual estava, e com toda a certeza, tanto pela pressão que exercia mesmo que sem querer, quanto pela forma que se portava, que aquela mulher era perigosa. Talvez mais do que qualquer outra pessoa que um dia Ineel devia ter visto.




Considerações:
Histórico:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II DxdTgnc
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



A sombra da fome acompanhara cada passo, mesmo começando a sentir os efeitos extremos da condição, não havia muito do que ser feito no momento já que eu não era nada mais e nada menos do que um andarilho sem dinheiro nesta terra, o ronco no estomago talvez tivera assustado as pessoas nas quais haviam abordado pois não teria passado despercebido alguns olhares tortos sobre minha aparência indicando um leve preconceito em suas mentes. E logo em meio a algumas náuseas e fraquezas causadas pela fome, uma mulher que aparentava ter seus dois metros e trinta de altura tomava a liberdade de me abordar e me esclarecer algumas de minhas dúvidas, e então misteriosamente se voltava para seu caminho indicando que estava realizando algum tipo de patrulha - Tritões é? - Indagaria, observando de relance a mulher se afastar.

A fala da mulher em questão não me parecera consistente, ao menos em minha percepção havia algo a mais de significância em suas afirmações porém estava faminto de mais para aborda-la novamente, além de que a mesma me passara um tom de periculosidade por sua forma de se expressar, em definitivo logo tomaria a conclusão de que se tratava de alguém forte ou muito influente neste país e não queria ter grandes problemas em minha fase inicial de investigação, meu maior problema agora seria a fome já que havia conseguido uma nova pista sobre um Dojo onde Richard não só frequentava como era o dono, em uma vila ao oeste do arquipélago '' Talvez eu consiga algum prato de comida nesse Dojo, afinal também pratico uma arte marcial e poderia trocar algum conhecimento sobre isso, além de investigar mais o paradeiro de Richard Grim! Dois coelhos em uma cajadada só '' - Pensaria, em quanto me voltava ao Oeste em direção a vila mencionada procurando pelo dojo, murmurando brevemente por todo o caminho a cada roncar de meu estomago, elevando as mãos ao bucho para tentar suavizar ou amenizar a terrível sensação.

Seguindo caminho até encontrar o Dojo, ficaria atento em qualquer sinalização ou placa indicando o trajeto correto porém não me limitaria em abordar a população local novamente, da maneira mais educada possível, para pedir informações de qual caminho era o correto. Chegando ao local buscaria observar onde seria sua entrada e então me aproximaria - Olá, me chamo Ineel e sou um andarilho de Las Camps e  também sou praticante do Karatê dos homens peixes! Eu gostaria de pedir algumas informações e se não for muito incomodo um prato de comida, pois estou faminto.. - Diria, anunciando minha chegada e intenções ao estabelecimento.

Objetivos:
Spoiler:
Efeitos ativos:
Spoiler:

Histórico de posts: 03

Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~
Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II BEYGIHj

O caminho até o dito dojo foi feito da melhor forma possível, depressa, com acumulação de passos que se tornaram em uma grande trilha logo. Foram cerca de uma hora e trinta minutos, a fome apertava a cada passo e a sensação era excruciante. Em rápida sucessão de passos no entanto, se fez presente logo de fronte a enorme estrutura, que parecia caindo aos pedaços quando viu pela primeira vez.

As portas e tecidos que as revestiam, eram feitas da forma mais clássica possível, tendo seu interior bem iluminado, tanto pelo sol durante o dia, quanto pela lua durante a noite. Um homem, com seus dois metros e meio, olhou para o viajante. Ele estava sentado em forma de lótus, bem acima de um pedestal. Ele desceu e olhou com um olhar poderoso. Estava aparentemente desarmado, vestia um kimono branco e uma faixa preta, todos pareciam bem surrados e desgastados pelo tempo. Sua face, ao contrário da maioria das pessoas ali, não era apática. Estava vivo, transpirava juventude, mesmo parecendo mais velho do que qualquer outro popular que o meio tritão deveria ter encontrado no caminho.

Karatê dos Homens Peixe. Pode me mostrar? Se você conseguir acertar, ou ao menos encostar no meu peito, a gente conversa sobre lhe dar comida. Acontece que, nós não lidamos muito bem com forasteiros. Sendo assim, caso não consiga encostar em mim, eu vou quebrar um dos seus braços. Não parece mal negócio, não é? Um prato de comida por um braço quebrado. Ele riu, parecia estar se divertindo com aquilo, não era maldoso no entanto, parecia tão honesto quanto qualquer outra pessoa, não transparecia maldade.

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 2315540_18513443



Considerações:
Histórico:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II DxdTgnc
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



Após certo tempo caminhando finalmente chegava ao dojo, em quanto meu embate com a fome permeava ainda mais meu semblante, de forma totalmente inusitada me parecera que teria outra luta para se confrontar. Adentrando o local de arquitetura clássica e simples não pude deixar de notar que estava desgastado e aparentemente caindo aos pedaços, porém seu interior era belo revelando um jogo de luzes com sua arquitetura e espaçamentos seja com a luz do dia ou com o luar, até que então encontrava um homem trajando um kimono branco que prontamente descera de sua meditação e logo tratava de me oferecer um acordo assim que havia ouvido minhas indagações, exalando uma forte vontade para lutar. - Um prato de comida por um golpe? Está feito! - Responderia imediatamente, expressando um leve sorriso de alívio por saber que poderia eliminar de vez a fome que começara a me assolar nesta aventura.

Mostrando um breve respeito pela academia, me curvaria em sua porta de entrada em forma de reverência e então retiraria meus calçados os levando em minhas mãos, acompanhando o lutador marcial até o tatame ou o local do desafio, e então largaria meus calçados ao chão e retiraria cuidadosamente a bandoleira que assegurava meu rifle de meus ombros. - Tudo bem deixa-lo aqui? Uma arma de fogo não é apropriada para isso huehuehueshue - Diria, escorando a arma com seu cano apontado para cima em alguma parede ou superfície sólida. Tomaria a liberdade de subir ao tatame ou me aproximar do local simbolizado e então tomaria minha posição de guarda flexionando a perna direita para trás de meu corpo, em quanto flexionaria a perna esquerda para frente garantindo uma maior sustentabilidade corporal, elevando o punho esquerdo fechado a frente de meu peitoral deixando-o perpendicular a minha linha de visão, por último posicionando o punho direito fechado horizontalmente a linha da cintura. - Podemos começar? - Questionaria ansiosamente pelo inicio do desafio.

Guarda-base:
Spoiler:

Assim que recebesse positivamente a resposta para o inicio do combate, não pensaria duas vezes em realizar o primeiro movimento.''Estou morrendo de fome, tenho que acabar com isso logo..'' - Pensaria consistentemente ganhando um certo estimulo para a decisão, tentando observar a guarda de meu oponente e avançando contra o mesmo e buscando desferir um soco frontal com o punho direito contra o alvo, girando o antebraço até o momento do impacto potencializando a pressão do soco para empurrar ou desequilibrar o carateca em quanto que o punho esquerdo elevado a altura de meu rosto buscaria bloquear qualquer ataque visado a altura de meus olhos até a cintura, porém o movimento não acabaria assim pois exploraria alguma abertura de sua guarda e logo em seguida me moveria para  uma das laterais do mesmo, realizando minúsculos saltos pelas horizontais e então desferiria um segundo soco do mesmo calibre em seu tórax, se afastando imediatamente com pequenos saltos para trás para evitar um possível contra ataque ou ter meu punho agarrado.

Golpe e defesa:
Spoiler:

 

Objetivos:
Spoiler:
Efeitos ativos:
Spoiler:

Histórico de posts: 04

Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~
Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II BEYGIHj



Hahahahaha! Pode vir! A postura do seu oponente, lembrava se não era idêntica ao usuário de karatê tritão, suas mãos se mantinham em uma guarda baixa, e este parecia se divertir, degustando de cada sensação como aquela, e foi ao ápice da adrenalina quando Ineel se aproximou rapidamente dele, conseguiu acompanhar com os olhos facilmente no entanto, e sem tirar o sorriso no rosto recebeu o golpe de punho cerrado com um bloqueio característico, com o joelho defletindo o ataque para cima e recebendo-o no seu ombro esquerdo.

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 2315540_18513443

Não existiu agressão propriamente dita, a deflação do golpe foi feita com uma maestria sem tamanho. Pareceu como se estivesse sendo alvejado por almofadas. — É o punho gentil! Seguido de diversos golpes em diversas partes do corpo de Ineel, que com tamanha velocidade de golpes pôde apenas assistir ser golpeado sessenta e quatro vezes seguidamente, em algo em torno de dois segundos. Não existiu, por falar nisso, qualquer dano sobre seu corpo, no entanto, foi violentamente empurrado para trás, e quando se viu, perdeu o ar, todos aqueles golpes haviam punido alguns pontos de pressão no seu corpo, responsáveis inclusive pelo seu equilíbrio.

Momentaneamente, se viu no chão, sem ar. Sensação que logo passou, enquanto seu oponente, com um sorriso no rosto e uma intenção extremamente amigável parecia ansiar por que ele levantasse e continuasse o embate.



Considerações:
Histórico:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II DxdTgnc
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II




O segundos conseguintes da ação era um caos total em minha mente, não havia conseguido acompanhar quantos golpes havia recebido, apenas tinha a certeza de que  de alguma forma aquele homem me repeliu com um ataque maciço que me tirava o equilíbrio e me dava uma estranha falta de ar momentânea.'' Mas o quê foi aquilo?! Quantos golpes ele fez?'' - Questionaria quanto me reergueria, aproveitando para analisar por mais alguns segundos todos aqueles movimentos confusos buscando em minha memória um replay da cena.''Então foi isso.. Eu fui atingido 64 vezes e empurrado para trás em dois segundos, ataca-lo frontalmente não me parece a melhor opção!'' - Finalizava o raciocínio, refazendo sua guarda base e se colocando em posição de avanço novamente. - Isso vai ser interessante.. - Diria ao carateca, após espirar todo o ar preso nos pulmões.

A primeira experiência fora mais do que suficiente para mostrar que um ataque frontal contra meu oponente não seria a melhor opção, já que seu contra ataque é rápido o suficiente para me lançar para trás, logo a melhor opção seria ataca-lo em seus pontos fracos onde não seria possível realizar aquele mesmo movimento com facilidade, dito isto só me restava a tentativa. Com alguns pequenos pulos de alongamento seguido de uma rápida corrida até o carateca, tentaria finta-lo armando um soco de punho cerrado contra seu peito porém ao me aproximar realizaria um salto por uma de suas laterais de preferência ao lado mais alto de sua guarda, e então tentaria efetuar um chute baixo em forma de rasteira visando tirar-lhe o equilíbrio e trazendo sua atenção para sua guarda baixa, com isso buscaria rapidamente me projetar para sua retaguarda acompanhando a rotação do mesmo e efetuando um soco de punho cerrado no centro de suas costas, jogando meu próprio peso corporal em cima do carateca para empurra-lo ou faze-lo perder o equilíbrio mais uma vez com a pressão do golpe, que caso seja um sucesso, buscaria realizar uma pequena investida contra o carateca e desferindo um pontapé na altura de sua cintura para joga-lo ao chão de vez.

Caso a estratégia falhe em alguma de suas ordens de comando, tentaria imediatamente me esquivar de qualquer contra-ataque ou  sequência de golpes projetando meu corpo diagonalmente contrário a guarda do carateca cedendo menor massa e pontos do corpo para serem alvejados, tentando encaixar bloqueios com os punhos cerrados visando o choque com o antebraço do oponente evitando seu eixo de contato. Para golpes abaixo da minha linha de cintura, tentaria imediatamente bloquear o ataque movendo o joelho para o eixo de contato do golpe, projetando o mesmo como se fosse uma joelhada para repelir qualquer chute ou golpe baixo, porém caso seja vários golpes ou uma rasteira buscaria realizar pequenos saltos ao alto para me esquivar. Assim que fosse possível arranjar um espaço para o recuo da linha de ataque do oponente, me afastaria do mesmo para repensar o próximo movimento.

Objetivos:
Spoiler:
Efeitos ativos:
Spoiler:

Histórico de posts: 05

Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~
  
Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II BEYGIHj

Sobre um oponente de força avassaladora, existiam apenas duas reações que eram únicas, e uma fazia tanto sentido quanto a outra: correr ou guerrear. No entanto, mesmo que seus golpes não tivessem dano realmente - ou ele se manteve assim para que o meio-tritão não se machucasse realmente - a sua velocidade era tamanha que, a primeira mão, não seria possível notar a sucessão de golpes, que havia acontecido num piscar de olhos.

No entanto, quando se levantou, Ineel relembrou, cena a cena, movimento por movimento, como fotografias que emparelhadas pareciam constituir um real sentido, contou um por um, totalizando sessenta e quatro golpes. Não se abalou, e após recobrar seus movimentos em ampla plenitude, tal como seu fôlego, o Hibrido partiu para combate novamente, tentando rivalizar aquela velocidade assustadora.

O sorriso no rosto do monstro que se fez frente a Ineel era o mais pertubador, ele parecia estar extremamente tranquilo com aquilo tudo. O meio tritão, conseguia sentir no meio do movimento seu corpo pouco mais fraco, trepidava e sua destreza não era mais tão rebuscada quanto antes, seu reflexo, seu acerto, parecia que seu corpo havia se entregado de vez a fome.

O primeiro golpe que foi feito como finta foi defletido com uma palmada no pulso do híbrido, seguido por um golpe com palma aberta sobre seu peito. Esquivou, lançando-se para cima com um pulo. Subiu cerca de dois metros, e girou com um chute horizontal que deveria atingir, a altura do ombro do seu oponente. No entanto, também foi bloqueado sem maiores dificuldades com um movimento que entregou rapidos 12 golpes em diversas articulações, tendões e pontos de pressão na perna direita de Ineel, que naquele momento, pareceu fraquejar, e provocou uma queda.

Quando estava no chão, era como se sua perna houvesse sido estilhaçada, mesmo que não sentisse efetivamente o dano daqueles golpes. Depois de pouco mais de dois minutos sem conseguir lutar, o enorme brutamontes olhou bem para o rosto do jovem e lhe disse: Você aceitou perder quando não demonstrou seu estilo de combate em seu máximo. Não deveria ser difícil me atingir, caso você lutasse como aquele cara lutava. Mas, bom, não importa. Dentro de dez minutos sua perna vai re-ligar. Depois disso, vamos lá pra trás, vou preparar algo pra você comer, pode ser?

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 2315540_18513443



Considerações:
Histórico:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II DxdTgnc
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



Por mais que havia tido algum deslumbre de como vencer meu oponente, sua agilidade era insuperável e não me permitira ter algum sucesso com meus ataques, embora estivesse me sentindo bem quando era atingido logo notava em mim mesmo o dano dos golpes, com as narinas escorrendo sangue e percebendo que já estava com algumas escoriações, minhas perna atingida quase que imóvel com uma sensação completamente sem explicação, e com a fome cada vez mais apertando não me restava outra opção a não ser aceitar a derrota por hora. - De que homem você estaria falando? Alias, muito obrigado pela luta e pela oferta de refeição, irei aceitar sim! - Comentaria, em quanto esfregaria levemente o antebraço pelo nariz para limpar o pouco do sangue, e então diria rapidamente antes do lutador sair. - Pode me ajudar com meus ferimentos? Não tenho nenhum conhecimento médico huehuehuehuehue-  Indagaria.

Confiando nas palavras do carateca, tentaria mover minha perna aos poucos após o tempo passado até ter certeza de que conseguiria me manter em pé, e então levantaria em direção aonde havia deixado meu rifle escorado, pegando-o e em seguida passando sua bandoleira em minhas costas, procurando o lutador novamente logo em seguida ou aguardando seu chamado caso não o encontrasse. Pedindo licença como forma de respeito e disciplina as instalações, adentraria os cômodos e salas seguindo o homem, e então me assentaria no local previsto para a refeição, agradecendo mais uma vez pela comida e não pensando duas vezes em mandar todo o rango para dentro. - Sua técnica de combate é incrível! Eu nunca tinha visto algo parecido antes, alias como se chama? Como posso chama-lo?- Indagaria o lutador com uma certa empolgação, em pequenas pausas durante a refeição.

Caso seja perceptível que as relações com o lutador estivesse indo bem, começaria ali mesmo o meu pacote de perguntas relacionadas a minha investigação e o real motivo de ter vindo até o Dojo, calmamente pedindo mais detalhes do tal homem misterioso que havia lutado neste dojo citado anteriormente pelo carateca, assim como o paradeiro de Richard Grim, sobre a lenda de um possível tesouro pirata na região e também sobre o aviso que havia recebido mais cedo no porto daquela mulher misteriosa me alertando sobre tritões, progrediria com as perguntas na medida que o interrogado fosse abrindo certas brechas ou demonstrando pouca resistência para a conversa.

Objetivos:

Spoiler:

Efeitos ativos:

Spoiler:


Histórico de posts: 06


Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~
Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II BEYGIHj

Não demorou muito, e apenas mexendo levemente a perna do meio tritão voltou a se mexer, como se nada houvesse acontecido realmente. Estava como nova, como se tivessem virado uma chave de liga e desliga. De qualquer forma, o homem grande se manteve parado, esperando com que Ineel se recuperasse, e enquanto isso, resolveu responder sua primeira pergunta, como havia sido indagado.

Certa vez, Richard encontrou um homem peixe. Ele tinha em torno de um metro e meio de altura, pequeno, feroz e rápido. Ele começou a lutar conosco, e sua técnica era impecável. Ele tinha seu estilo único de combate, e pouco a pouco, aquele estilo assustador começou a ser postulado. Ferozmente, ele manipulava água enquanto estávamos nas margens da ilha, e um dia, sobre o véu escuro e transparente do ódio, conseguiu até mesmo manipular água e parecia criar a partir do nada, do zero absoluto.

Comentou, enquanto realizava movimentos suaves, como alguém que estava realizando um aquecimento leve, antes de voltar seu corpo para um estado de repouso. Afinal, parar bruscamente de se movimentar, enquanto estava lutando com tudo, não era saudável e com certeza, alguém com tamanha experiência, sabia como desligar o próprio corpo, para que ele se mantesse o mais saudável possível.

Depois que com pesar, meu mestre conseguiu derrotar esse monstro em combate direto, ele começou a fazer pequenos crimes pela ilha. Há relatos que ele desafiava todo e qualquer homem ou mulher que julgasse ser minimamente forte. E depois da luta, os deixava em um estado de coma profundo de tanto os bater. Mas, isso é história pra outro momento. Se quiser saber, procure perguntar sobre O Andarilho Maldito.

Quando indagado sobre os seus ferimentos, o enorme lutador riu, gargalhou e rolou no chão. Rapaz, isso não é bem um ferimento que precise ser tratado, são só uns arranhõeszinhos por você vir afobado de mais. Eles vão sarar por si só. Kakakakakakakakaka. Caçoou da situação. E fico feliz que tenha gostado do meu estilo! É um derivado da arte de luta do meu mestre, se chama Punho Gentil! e o meu nome é Ragnar. Mas pode me chamar pelo meu segundo nome, Grim!

Comentou, enquanto se deslocou até os fundos do local, sendo seguido pelo perneta, que custava a pisar no chão, estranhando o descompasso da sua perna. Dava lugar a um pequeno quarto, com fogão, uma cama, uma vassoura e uma pá. Existia um balde no canto que cheirava mal. Mas, não o suficiente para empestear todo o cômodo. Ali, Ragnar preparou um pequeno prato de culinária típica. Composto por um punhado de arroz e frango.

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 2315540_18513443



Considerações:
Histórico:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II DxdTgnc
Ineel
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II LS8W0HZ
Créditos :
18
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1424-ineel-bitencourt https://www.allbluerpg.com/t1427-curiosidades-em-serie-a-alvorada-das-cacas-ao-tesouro-act-i#14827

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II



Apesar da icônica cena do lutador rolando ao chão em gargalhadas, tentaria manter a cordialidade e o foco em meu objetivo, porém com aquele delicioso frango clamando por meu estomago sedento era um tarefa impossível então sem pensar duas vezes devoraria toda a comida ofertada enfim matando a guerra contra a fome. - Licença! - Diria, em agradecimento antes de mandar tudo para dentro, saboreando cada pedaço, cada grama, pois saberia aliviado que estaria ao menos satisfeito e com energias renovadas para continuar e embora conseguisse notar que havia um balde com um cheiro nada agradável no recinto, não era o suficiente para estragar o aroma da refeição.

Após a refeição, começaria por refazer alguns movimentos leves com minhas pernas para observar e se certificar mais uma vez que todos os movimentos estavam em perfeito estado, em quanto que refletiria brevemente nas palavras de Ragnar.''Um homem peixe que manipulava água e conseguia cria-la do zero absoluto? Tenho que recolher mais informações sobre esse Andarilho maldito, mas antes acredito que seja melhor continuar no encalço de Richard Grim.. Não é uma ironia do destino eu ter encontrado um parente próximo?! HueHueehuehshue Ragnar Grim!'' - Completava a linha de raciocínio, observando brevemente o lutador e imaginando a imagem de Richard Grim sobre o mesmo.

Me levantaria, e então buscaria por Ragnar mais uma vez para iniciar uma nova conversa investigativa já com maior foco agora que não havia a fome martelando minhas ideias. - Qual foi a última vez que você viu Richard Grim? Onde foi? - Ouviria atentamente, e então retomaria - Esse Andarilho que utiliza um karatê misterioso manipulando a água, você poderia conhecer mais alguém que fora sua vítima? Você acredita que o paradeiro de Richard Grim pode estar associada a imagem desse tritão misterioso?! - - Indagaria, e caso me fosse questionado o motivo de minha investigação, não veria problemas em contar a verdadeira motivação por trás de tudo - Estou a procura de um tesouro pirata chamado de Quebra-Ossos, o nome de Richard Grim estava dentro do baú desse suposto pirata morto, quando cheguei a Kano uma mulher, aparentemente forte que estava fazendo algum tipo de patrulha próximo ao porto havia me alertado sobre tritões perigosos dizendo que possivelmente Richard havia se colocado em alguma enrascada por esse tesouro. Acho que podemos nos ajudar, o que acha? - Completaria, estendendo a mão ao lutador ao final para selar um acordo com o mesmo.



Objetivos:


Spoiler:



Spoiler:


[/color]
Histórico de posts: 07



Legenda:
~Fala NPC~
~Pensamento~
~Fala Ineel~

Nekkyoto
Imagem :
Curiosidades em série, novos horizontes! Act II 200
Créditos :
10
Localização :
Las Camp - West Blue
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1493-maramune-nekkyoto-robin-son https://www.allbluerpg.com/t1496p45-cidade-do-pecado#21227


Curiosidades em série, novos horizontes! Act II

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II BEYGIHj

A ultima vez que vi Richard lutando foi contra o andarilho maldito. Mas, devo dizer que está perguntando pra pessoa errada, Richard só me disse uma única coisa antes de sair: cuide do meu dojo enquanto eu estiver fora. O enorme homem olhou com dúvida para o meio tritão, coçando a cabeça em seguida. Continuou escutando cada palavra, até o pedido de união feito por seu antagonista.

Ele abaixou a mão, olhando nos fundos dos olhos do explorador. Sinto em te dizer, Richard provavelmente não quer ser encontrado. Ele não deve ter tido problemas também, ouso dizer que ele é o maior lutador que eu já vi lutando. Ele não seria derrotado, em hipótese alguma. Sendo assim, que mal há em deixa-lo curtir seu paradeiro desconhecido em paz? Acaba que aquele velho, gostava de ficar sozinho no final. Comentou, sorrindo em uma expressão saudosista.

O homem então esperou, pacientemente por mais uma pergunta ou coisa do tipo, e se não houvesse apresentaria a saída para o dojo, que daria em direção a mesma rua que outrora nosso aventureiro havia passado. Ele voltava ao marco zero, o que fazer com o pouco de informações que tinha? O que poderia ser feito com as coisas que possuía em mãos? Seriam informações relevantes? Ou apenas abobrinha? Apenas o tempo poderia dizer.



Considerações:
Histórico:

_________________

Curiosidades em série, novos horizontes! Act II DxdTgnc