Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3
Sasha
Imagem :
Berserker
Créditos :
24
Localização :
Rota 6 - 4ª Ilha Vedde
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Sasha
Rank B
Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei Seg Abr 11, 2022 8:08 pm
Relembrando a primeira mensagem :

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei

Aqui ocorrerá a aventura da Civil Lenore Granhiert. A qual não possui narrador definido.

_________________



Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 9g2joTh


Chloe Kaminari
Imagem :
Chloe Kaminari
Créditos :
03
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t374-chloe-kaminari#1140 https://www.allbluerpg.com/t1362-2-de-dawn-a-shells-uma-viagem-para-conhecimento#14003
Chloe Kaminari
Estagiário


Não tardou para que a meretriz achasse seu algo, a casa pequena feita de madeira mofada, um tanto diferente da casa que aparentava em outrora. Dentro, apesar de escuro, as pequenas frestas da madeira davam iluminação suficiente para aquele horário, mesmo não havendo muita luz natural do lado de fora. Haviam três cômodos do local que aparentemente estava vazio -É aí que você vai pegar a encomenda?- o ladrão perguntou com uma visível cara de nojo enquanto entrava logo atrás de Lenore.  Aos poucos a mesma foi relaxando, até o momento presente não havia outra presença a não ser a estranha dupla que havia entrado.

No centro era possível perceber uma mesa com quatro cadeiras que parecia que logo quebraria. No fundo, uma cama mal feita é constituída apenas de um colchão bem magro no chão.  Lenore, parecia ter um misto de sentimentos e com isso acabou por investir em cima de Domingues, que por sua vez, assustado, quase não cedeu aos encantos da mulher -Você quer realmente atrasar sua missão para isso?- mas não tardou para que se entregasse completamente aos encantos e carícias da mulher.

Do lado de fora nada se ouvia por ninguém, os barulhos e perturbações que vinham de outros locais, deixavam abafados os sussurros e gemidos do recém casal. Não tardou muito para que terminassem o Ato, Não havia um banheiro propriamente dito, mas um balde com água não muito limpa, mas seria o suficiente para a mulher se limpar caso desejasse. Domingues estava desacordado, talvez pelo relaxamento? talvez pelo prazer que havia recebido e cedido a Lenore. Não havia sido sua melhor noite, mas o homem havia feito um bom trabalho.

Lenore não teve dificuldade para pegar as roupas e se vestir com as mesmas. Uma calça um pouco apertada para suas curvas e uma blusa que por pouco não fechou em seus seios. Procurando por cada canto da casa, a mulher infelizmente não achou tal artefato, Não havia qualquer sinal do pacote. Ao menos não naquele lugar decrépito.


legendas:

”Histórico:


_________________

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 Bc5w0lykuse71

Tanaka
Imagem :
Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 350x120
Créditos :
07
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1270-lenore-granhiert https://www.allbluerpg.com/t1537-pede-me-o-que-quiseres-e-eu-dar-te-ei#16249
Tanaka
Civil



POST

16


PEDE-ME O QUE QUISERES E EU DAR-TE-EI
Lenore Granhiert




Alguem vai pagar caro por isso!


Após uma pequena diversão Lenore olha para Domingues totalmente desacordado e dá um leve sorriso, ela realmente acabou com ele, mas o trapaceiro aguentou bem e pode da um pouco de prazer a meretriz, ela vê o balde de água parcialmente limpa e pena um pouco com as mãos para tirar a sujeira do corpo, além dos fluidos corporais, não era nada comparado a um banho, mas deveria servir paliativamente.

- Agora, onde está essa maldita encomenda?

A roupa de Domingues estava um pouco apertada, principalmente no peito o que fazia seus seios praticamente saltarem por qualquer espaço que achassem, ela procura incansavelmente pela encomenda, revira cada móvel, cada cômodo e não encontra nada, até mesmo vai até o quarto e com suas unhas rasga o colchão velho em pedacinhos, mas mesmo assim nada encontra o que faz ela ter uma explosão de raiva.

- AQUELA VAGABUNDA!!!

Lenore começa a quebrar todo o lugar descontroladamente por alguns instantes até que então controla seus sentimentos, respira profundamente e se acalma novamente, era a segunda vez que alguém havia a enganado dessa forma. Ela então decide voltar a casa de banho, ao passar pelo corpo de Domingues desmaiado o deixa lá e segue em direção a saída tomando o caminho de volta.

Ela caminha a passos firmes e apressados, novamente não dando a mínima para todo o caos que estava acontecendo naquele lugar, somente uma coisa estava em sua mente agora, confrontar Silvana, se não encontrasse nenhum obstáculo no trajeto chegaria na casa de banho já a procura de Silvana, iria até a Sala de Tio Jack já que provavelmente ela estaria junto ao mafioso.




------------


ADICIONAIS :

PROFICIÊNCIAS:

Sedução, Etiqueta, Lábia, Ameaça, Administração e Avaliação.

Qualidades:

Versátil, Intuitivo, Atraente, Voz melodiosa, Impassível, Carismático e Prodígio.

Defeitos

Devasso, Vaidoso, Narcisista, Sadista e Infame.

Histórico:







CRÉDITOS Roevs

_________________

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 XXEZSHA
Chloe Kaminari
Imagem :
Chloe Kaminari
Créditos :
03
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t374-chloe-kaminari#1140 https://www.allbluerpg.com/t1362-2-de-dawn-a-shells-uma-viagem-para-conhecimento#14003
Chloe Kaminari
Estagiário


O estresse causado por não encontrar a encomenda na casa que pensava ser a correta acabava assustar o homem que outrora estava adormecido. Seus olhos tentavam se acostumar com a pouca claridade do local - Lenore? tá tudo bem? - sua pergunta era genuinamente verdadeira e preocupada,  o berro foi o suficiente para o homem levantar rápido da cama e ir em direção ao som de destruição - Ei, Ei, calma. - ele tentava segurar Lenore pelos ombros, mas a mulher parecia mais decidida a destruir o local do que conversar. Vendo que havia perdido as roupas, o mesmo não reclamou, apenas deu espaço para que a meretriz fizesse o que desejava, mas em meio as roupas largadas da mesma, Domingues havia buscado o foto-mapa que a morena antes segurava com tanto afinco.

O papel estava um pouco mais desbotado e úmido do que antes, mas ainda dava para ver claro o caminho que o mesmo demonstrava. Ele se aproximou da furiosa com um olhar mais doce do que antes - Toma você vai precisar disso… É sua missão… Se quiser, eu vou ficar aqui.-

Domingues ficou na porta apenas observando a mulher voltar por todo o caminho escolhido. Já longe, Lenore não pode perceber que a figura que outrora a observava estava o tempo todo dentro da casa, não havia a sensação de ser observada, mas aquilo foi o suficiente para que com um único golpe, Domingues voltasse a dormir. Lenore não teve dificuldade em retornar a casa de banho, mas a mesma estava completamente silenciosa, mesmo com as luzes acesas e os costumeiros barulhos de roletas sendo ouvidos. Passando pela porta, Lenore era capaz de ver, Silvana estava com o rosto cheio de hematomas, o homem que antes havia andado com Tio Jack tinha diversas lacerações e dois tiros no braço esquerdo sendo tratados por um médico. O clima era pesado e com um enorme sentimento de Luto.

Quando entrou, Silvana a olhou sem brilho, seus lábios não se abriram em um sorriso, apenas a raiva e tristeza nos olhos. Não havia qualquer empecilho para Lenore chegar até o escritório, mas ao entrar… o mesmo estava vazio. Tio Jack não encontrava-se sentado em sua luxuosa cadeira, as luzes do local não estavam acesas e o cheiro do charuto não perfumava mais o local. Estava tudo mórbido demais e ninguém dizia uma única palavra.

legendas:


”Histórico:


_________________

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 Bc5w0lykuse71

Tanaka
Imagem :
Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 350x120
Créditos :
07
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1270-lenore-granhiert https://www.allbluerpg.com/t1537-pede-me-o-que-quiseres-e-eu-dar-te-ei#16249
Tanaka
Civil



POST

17


PEDE-ME O QUE QUISERES E EU DAR-TE-EI
Lenore Granhiert




Hora das respostas


Enquanto Lenore destruía o local em uma explosão de raiva Domingues que havia acordado tentava acalmar a meretriz a segurando pelos ombros, mas não adiantou muito por ela continuou por mais alguns segundos até que parou por conta própria de repente, como se recobrasse a consciência, mas ela na verdade não havia perdido o controle, ela mais uma necessidade consciente de quebrar tudo e extravasar um pouco sua raiva.

Domingues se aproxima dessa vez muito mais cauteloso e doce com a meretriz, provavelmente não queria irrita-la ainda mais e a entregou a foto com a casa, ela segura a foto e aperta com força amaçando a mesma, mas guarda consigo. Quando ela saiu Domingues permaneceu no local avisando que estaria ali quando a mesma retornasse, Lenore não responde nada ao trapaceiro, só vai embora e não vê quando o mesmo é nocauteado pela figura misteriosa que a seguia.

Quando retorna a casa de banho a meretriz se depara com uma cena que definitivamente não esperava, tudo estava muito silencioso, ela caminha lentamente pelo local bastante cautelosa por não saber o que havia ocorrido até que vê Silvana e sua expressão de raiva vem à tona, perto dela estava o homem que antes estava com Tio Jack e ele estava bastante ferido e sendo tratado por um médico. Lenore caminha rapidamente a passos firmes em direção a Silvana e a agarrou pelos cabelos puxando sua cabeça para perto e ficando face a face com a mulher.

- Eu não gosto quando brincam comigo dessa maneira. – Diz Lenore olhando para a meretriz nos olhos de forma que a mesma pudesse ver de perto a fúria que a morena carrega. – O que aconteceu aqui?- Pergunta Lenore puxando o cabelo dela com mais força e com sua outra mão aperta o rosto da mulher fazendo a ponta de suas unhas penetrarem em seu rosto lentamente – Onde está Jack?

Faz suas perguntas de forma bastante ameaçadora, Lenore é uma mulher que sabia dar prazer e também dor e pavor quando queria. Tendo suas perguntas respondidas ou não, a mesma mão que antes puxava o cabelo de Silvana agora vai para seu pescoço e Lenore começa a apertar novamente sufocando a mulher aos poucos.

- Agora porque você me mandou praquele fim de mundo atrás de nada? E é bom que eu goste da resposta.




------------


ADICIONAIS :

PROFICIÊNCIAS:

Sedução, Etiqueta, Lábia, Ameaça, Administração e Avaliação.

Qualidades:

Versátil, Intuitivo, Atraente, Voz melodiosa, Impassível, Carismático e Prodígio.

Defeitos

Devasso, Vaidoso, Narcisista, Sadista e Infame.

Histórico:







CRÉDITOS Roevs

_________________

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 XXEZSHA
Chloe Kaminari
Imagem :
Chloe Kaminari
Créditos :
03
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t374-chloe-kaminari#1140 https://www.allbluerpg.com/t1362-2-de-dawn-a-shells-uma-viagem-para-conhecimento#14003
Chloe Kaminari
Estagiário




O clima era pesado demais, as roletas aos poucos paravam de rolar, os risos de outrora não se faziam mais presentes e todos ali tinham um pesar tão enorme nos olhos que era quase impossível não sentir a tristeza que todos emanavam. Lenore parecia decidida com seu andar forte em direção a morena que tinha o olhar mais vazio dentre os presentes daquele lugar. Ao lado da mesma tinha um pequeno emaranhado de panos ensanguentados, os quais Lenore não fora capaz de ver antes de se aproximar da mulher.

Sem pudor, a meretriz puxou os cabelos de Silvana, que não demonstrou resistência para o ato. Seus lábios se fecharam em um bico com o aperto de Lenore em seu rosto e sua voz, outrora delicada e suave, agora parecia mais abafada e fina -Eu não brinquei com você Lenore. Eu te mandei para o lugar certo.- Ela pegou um pequeno papel no bolso enquanto falava, era idêntico ao mapa que havia dado a Lenore horas mais cedo, o que mostrava que a mulher, que não prestou a atenção, havia entrado na casa errada.  -Fomos emboscados, estávamos esperando você, era um Teste, sua estúpida, mas você não soube seguir uma instrução simples.- Silvana se demonstrava agora mais ríspida e cheia de ódio na direção de Lenore, mas essa também chorava pela dor de uma perda ainda não anunciada -Infelizmente fomos emboscados e agora Jack está lutando pela vida dele.- Silvana puxou o rosto deixando que as afiadas unhas de Lenore lhe causasse arranhões na bela face -Ou será que fomos emboscados por sua culpa? Onde você estava? E porque essas roupas ridículas?-

A dúvida pairava agora sobre a cabeça de todos daquele lugar, Jack havia entrado por um canto remoto da casa de banho ao qual apenas Silvana apenas tinha visto. - Se Jack morrer, a culpa é sua Lenore. E eu vou fazer questão de pegar você e mostra do que os sobrinhos dele são capazes.-


legendas:


”Histórico:


_________________

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 Bc5w0lykuse71

Tanaka
Imagem :
Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 350x120
Créditos :
07
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1270-lenore-granhiert https://www.allbluerpg.com/t1537-pede-me-o-que-quiseres-e-eu-dar-te-ei#16249
Tanaka
Civil



POST

18


PEDE-ME O QUE QUISERES E EU DAR-TE-EI
Lenore Granhiert




Estupidez sem tamanho


Quando percebe a burrada que fez Lenore imediatamente solta a mulher, estava completamente cega, talvez tenha sido a raiva que sentia ou os incômodos que surgiram durante o caminho ou simplesmente uma falta de atenção por parte dela, não importava agora pois havia falhado em um teste simples.

Ela fica estática por alguns segundos enquanto olha o mapa que estava em suas mãos e depois o amassa fechando os olhos e apertando os dentes em uma clara expressão de raiva, mas dessa vez contra si mesmo, em seguida ela soca uma mesa com toda sua força se acalmando em seguida.

- Onde está Jack?- Pergunta a Silvana dessa vez com muito mais calma.

- E quem fez isso? Quem foi responsável pelo ataque?

Ela queria ver Jack, caso Silvana a levasse até o mafioso ela se aproximaria do mesmo e colocaria a mão sobre o homem estando ele desacordado ou não – Me desculpe, eu irei concertar isso. – Era a primeira vez que essa palavra saia da boca da meretriz em muito tempo.

- Peço perdão a você também, eu não devia...- Ela então tenta levar sua mão ao rosto da mulher para tentar acaricia-la. – Eu..eu não costumo confiar em ninguém, mas cometi um erro e peço para que me deixe corrigir. –

Pela primeira vez o coração da meretriz estava sendo corroído por culpa, ela fodeu uma simples tarefa e pensar que havia sido enganada a cegou completamente e agora estava tentando concertar.

- Agora me diga novamente, quem fez isso e onde encontra-los, posso garantir a você que eles vão pagar caro por isso. -




------------


ADICIONAIS :

PROFICIÊNCIAS:

Sedução, Etiqueta, Lábia, Ameaça, Administração e Avaliação.

Qualidades:

Versátil, Intuitivo, Atraente, Voz melodiosa, Impassível, Carismático e Prodígio.

Defeitos

Devasso, Vaidoso, Narcisista, Sadista e Infame.

Histórico:







CRÉDITOS Roevs

_________________

Pede-me o que Quiseres e Eu dar-te-ei - Página 3 XXEZSHA