Tópicos Recentes
Destaques
Klaus
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Akira
Sasha
Ás
Shiori
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Últimos assuntos
Perpétuos I - Malfeito FeitoHoje à(s) 9:02 ampor  MakaRegistro de PhotoplayerHoje à(s) 5:40 ampor  RyomaRenHoje à(s) 5:30 ampor  Ryoma[Criações] - RenHoje à(s) 5:29 ampor  RyomaZaynHoje à(s) 5:26 ampor  RyomaAgatha HarknessHoje à(s) 5:20 ampor  RyomaAnnabelle Petit BarozziHoje à(s) 5:17 ampor  Ryoma''Sir'' Douglas WhitefangHoje à(s) 5:04 ampor  Ryoma[Criações] - ''Sir'' Douglas WhitefangHoje à(s) 5:04 ampor  RyomaJoe SinsHoje à(s) 5:01 ampor  Ryoma
Página 2 de 4 Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte
Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Capítulo I - Treina y Treina Qui Fev 03, 2022 2:07 pm
Relembrando a primeira mensagem :

Capítulo I - Treina y Treina

Aqui ocorrerá a aventura do(s) Agente Aizawa Mikagi (Formika D. Smilinguida). A qual não possui narrador definido.

_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7


Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Ter Fev 08, 2022 12:14 am









Formika D. Smilinguida




O treino tinha dado uma pausa e Roy começava com o falatório, explicando alguns pontos de suma importância para o meu desenvolvimento com aquelas novas habilidades - ”Então é possível usar com outros dedos, será que é possível unir com outras técnicas? Bom, isso só irei descobrir depois.” - Era um pensamento interessante e algo que seria ainda de maior utilidade para minhas pretensões, afinal, ter força era algo necessário para concluir o meu objetivo, digo, aquilo era minha única necessidade. Pouco tempo após o meu pensamento o homem aplicou aquela técnica em todo seu punho, perfurando perfeitamente o papel e BOOM! Isso realmente me surpreendeu! Se aquilo podia ser feito com o Shigan, claramente podia ser feito com os outros Rokushiki básicos - ”Interessante, isso é algo que preciso pensar com mais calma.” - Era isso, algo um novo leque de habilidade estava aberto para mim.

Aprendizado do Rokushiki: Shigan

E então o treinamento começou novamente, o papel estava em minhas mãos e todo meu corpo estava pronto para voltar ao ritmo novamente. A princípio tentava equilibrar o meu corpo, principalmente a minha base, já que era algo necessário para aplicar toda minha força na ponta do meu dedo, digo, em todo o dedo. Algumas tentativas foram feitas para estabilizar a minha base, alcançando a firmeza necessária para me dar estabilidade em meu movimento, usando a cintura para girar no momento necessário e lançar meu corpo com toda minha força, focando unicamente em meu dedo para perfurar o papel. Sim, eu consegui naquele momento, mas ainda sim não era igual ao feito por Roy, ainda tinha algumas imperfeições nas laterais e também o “rasgo” feito de maneira imprópria, não, ainda não era assim.

Repeti por mais algumas vezes, usando da minha habilidade de atingir o ápice da minha velocidade para me ajudar naquele momento, tentando atingir o único ponto de uma vez só, perfurando aquele papel por mais algumas vezes antes de trocar e então continuar seguindo o mesmo ritmo sem parar. Aos poucos pude notar a circunferência melhorando aos poucos, as imperfeições pareciam sumir e o contorno do meu dedo ia ficando cada vez melhor, sim, eu estava conseguindo pouco a pouco controlar e aperfeiçoar aquela técnica - Isso! - Comemorei no final do aprendizado, o esforço é recompensador, mesmo que aquele corpo aprendesse mais devagar.

Fim do Aprendizado

Finalizar aquele treinamento me deu um gostinho doce na boca, um passo a mais para meu objetivo ser concluído e aquilo era gratificante. Claro, eu ainda precisava de informações sobre todo o ocorrido na minha cidade natal, sua localização e informações sobre como as coisas estavam lá, afinal, não sei quanto tempo se passou desde aquele dia... acredito que pouco, mas preciso confirmar. Roy estava por ali e eu esperava que ele me pagasse aquela gelatina, estava cansado de todo o treino e encher a barriga era só o que me restava naquele momento - Podemos comer? Treinar demais me deu fome. - Comentei com meu professor ajeitando novamente minha máscara e também as vestes em meu corpo.


Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos:




Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Re: Capítulo I - Treina y Treina Ter Fev 08, 2022 2:08 pm


      Narração

O treino havia terminado e mesmo Roy demonstrava sinais físicos de que havia algum cansaço, o levantamento da questão por parte de Aizawa o fez sorrir - Claro, vamos pro refeitório, hoje eu soube que a Vivi tá inspirada. - Ele comentou já caminhando a frente todo pimpão, quando chegaram no refeitório poderiam ver uma variação de máscaras grandes sendo possível indicar as organizações apenas pelo uniforme.

Havia uma fila em frente a um balcão self service, haviam pelo menos quatro tipos de arroz diferentes, três deles sendo temperados e um deles sendo o branco normal, além disso haviam quatro balcões com carne, frita, assada, cozida e desfiada pra se colocar no pão, haviam pães, variações de batata em seus modos de preparo e algumas massas, com molhos diferentes também.

Havia uma extensão de saladas e frutas e se serviam três tipos de suco além da água, sendo manga, limão e laranja, mas o que mais chamou atenção sem dúvida teria sido a sobremesa que era toda estilizada e tematica , tudo era a vontade, com exceção das sobremesas que eram apenas duas por cabeça, era uma espécie de maçã do amor e quando Roy foi se servir ele separou uma das que ele tinha direito e teria entregue para a sua aluna - Não tinha gelatina mas, tome isso como um agrado pra continuar se esforçando. - O rapaz teria a deixado se servir e sentou em uma das mesas, a deixando livre para poder se servir e sentar onde quisesse, sem se tornar invasivo.

Histórico:


_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7

Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Qua Fev 09, 2022 9:51 pm









Formika D. Smilinguida




O treino tinha acabado e não restava muito a fazer além de repor as energias, todo aquele esforço repetitivo tinha cobrado o seu preço. Acompanhei Roy sem falar muito, estava imerso em meus próprios pensamentos confabulando meus próximos passos - ”Preciso manter um vínculo com o Roy, ele pode me ensinar muito mais coisa. Segundo passo é encontrar aliados, sejam fortes ou com potencial para se tornarem fortes no futuro. A questão é encontrar alguém com ambições semelhantes, será que irei encontrar ou serei obrigado a percorrer esse caminho até minha vingança sozinho? Essa segunda opção torna tudo mais difícil.” - Aquilo seria complicado, eu sabia, mas não irei deixar que nada me pare.

Bom, ao chegar no refeitório pude notar toda sua estrutura organizada do lugar. Não demorei a me servir, pegando algumas porções de arroz temperado, carne frita e alguns pães de batata, finalizando com alguns molhos. Algumas saladas e um suco de laranja, o meu preferido por sinal! Enfim, busquei com meus olhos uma mesa vaga, enquanto pude observar Roy chegando com uma maçã do amor? Que porra é essa? Ele tinha confundido tudo? Que merda! - ”Devo recusar? Mas aí perco a oportunidade de conseguir outras habilidades... mas não, não é apenas ele que ensina por aqui, ou será que sim?” - A dúvida percorria minha mente... espere! Tem um jeito disso tudo ficar de certa forma “OK” - Não posso comer maçã, tenho uma leve alergia. - Era uma desculpa esfarrapada, eu sei, mas tenho os dons necessários para atuar, certamente isso faz minha desculpa passar uma certa credibilidade.

Esperei por breves momentos alguma resposta do homem, tentando manter o “clima” ameno entre a gente, já que precisava daquela facilidade de ensinamentos no futuro. Se tudo continuasse bem, sentaria na mesma mesa que ele, tentando ficar de frente para ele, levando a máscara até a altura do meu nariz e começando a comer sem muita demora - Roy, sabe onde consigo uma missão simples? Preciso de dinheiro, mas estou cansada para fazer algo muito extenso. - Talvez ele pudesse me ajudar com isso? Era isso que esperava. Eu sei, eu sei! Agentes fazem missões longas, complicadas em sua grande maioria, mas ainda existiam aquelas mais simples. Bom, permaneci por ali tentando interagir com o homem com perguntas simples e suaves, buscando entender um pouco mais sobre sua história no quartel.


Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos:




Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Re: Capítulo I - Treina y Treina Qui Fev 10, 2022 1:11 am


      Narração

Roy havia ouvido o que a moça havia dito e nunca tendo ouvir falar de algo como uma alergia a maçã ele teria arqueado a sua sombrancelha… Se ele tivesse uma, onde ele teria comentado - Ta certo, desde que continue animada você vai longe, só não exagere.- O rapaz teria dito pegando e mordendo a maçã sem se importar muito com aquilo onde ele comentou - Mas coma frutas que você não seja alérgica, vai te dar energia e regula o corpo! - Ele fez um joinha com a mão livre já colocando o resto na boca com palito e tudo e depois puxaria o palito limpinho.

- Hm… Missões mais tranquilas, procure pela Whitney, ela sempre tem uma grande papelada pra organizar, é trabalho chato, sem ação mas é um dinheiro de pouco esforço físico mas mental.- Ele teria dito como alguém que já ouviu essa pergunta algumas vezes provavelmente mas com o seu jeitão mais de boa não parecia ser implicante com esse tipo de coisa.

- Saindo do refeitório, contornando pela esquerda você vai ver o almoxerifado, é onde você vai conseguir o seu uniforme e equipamentos caso precise também, então é bom de decorar, vai ter uma escadinha, vai seguindo reto até o final que tem a biblioteca, bom lugar pra estudar, tranquilo mas sempre cheio de papelada,, olhos azuis máscara preta, casaco de artes marcial preto, sem erro.- Ele comentou dando a ela uma boa direção.

Histórico:


_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7

Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Qui Fev 10, 2022 10:47 am









Formika D. Smilinguida




Roy tinha achado estranho, mas entendeu o meu lado e aquilo estava ótimo pra mim - Certo, irei comer sim. - Respondi enquanto comia tranquilamente, prestando atenção em suas palavras e também em suas dicas. Existia alguém ali com missões tranquilas, o que eu buscava naquele mesmo, conseguir dinheiro era importante para o futuro, além de claro, me inteirar ainda mais com o Quartel General. Além disso, acabei esquecendo de algo importante: agora podia conseguir armas e um novo uniforme, era algo que precisava, afinal, só tinha um que peguei há algum tempo atrás.

- Entendi, farei isso. - Finalizei a refeição e também o papo com Roy, precisava adiantar esse lado das missões, isso é, se tivesse serviço para mim. Talvez voltasse aqui mais tarde para aprender um truque ou outro sobre cozinha, isso também foi algo que atiçou meu interesse, mas não era algo de extrema necessidade por enquanto - Obrigada pelos ensinamentos! Assim que estiver de recuperada, irei lhe procurar para mais uma rodada de treinos. - Falei levantando da mesa e pegando meu prato - Até mais Roy! - Finalizei com uma pequena reverência em respeito ao homem que me ensinou. Procurei um lugar para colocar o prato sujo, deixando-o no lugar para isso e logo em seguida parti para fora do refeitório.

Fui me localizando com base nas palavras de Roy, primeiro deveria passar no almoxarifado, afinal, não sabia que tipo de missão seria passada para mim. Caminhei pelo Quartel observando o lugar, seguindo as indicações do professor até chegar no lugar certo - Olá! Sou nova por aqui, vim pegar meu uniforme e algumas armas. - Minhas garras já eram fortes o bastante para me proporcionar um bom combate, mas um recurso extra nunca era para ser dispensado - Preciso de um par de soco inglês e uma bota, de preferência algo discreto, mas resistente. - Parte do pedido definido, só faltava falar sobre a vestimenta um número maior - Quero um uniforme um do mesmo tamanho que esse. - Falei mostrando a etiqueta, não queria nada muito apertado - Obrigada. - Se precisasse assinar algo, assinaria sem pensar duas vezes, usando o nome de Formika é claro.

Enfim, após tudo pronto parti em direção a biblioteca em busca da figura que me passaria as missões. Segui os comandos ditos por Roy, buscando me guiar também por placas de localização que estivessem pelo lugar, em último caso, iria parar alguém para buscar informações. Assim que chegasse no lugar, observaria toda a região e o ambiente em si, buscando saber quantas pessoas estavam ali e também encontrar a pessoa com as descrições ditas por Roy - Olá! Fui enviada por Roy, ele disse que você tinha missões mais simples para serem feitas, estou à disposição para realizá-las. - Seria direto e reto assim que encontrasse a figura, mesmo que para isso fosse necessário esperar ou caminhar pelo lugar em busca de Whitney.


Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos:




Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Re: Capítulo I - Treina y Treina Qui Fev 10, 2022 1:42 pm


      Narração
- Até mais, se cuida menina. - Comentou o careca que continuaria a comer, sendo possível para a moça ver ele entrando na fila novamente  pra repetir  a refeição, a deixando livre para seguir por onde ele havia instruído e lá, poderia ver que havia uma pessoa a frente ao qual não demorou no atendimento até que saisse e chegasse a sua vez.

A atendente era uma moça de máscara de raposa negra e ela tinha consigo uma espada ornamentada bonita em suas costas - Certo preencha aqui essa fichinha aqui com o que você me falou e assine embaixo enquanto eu vou pegar as coisas… Sobre o uniforme, vou ser honesta com você, com suas proporções, sem um ajuste vai ficar  muito largo ou muito apertado sem um ajuste. - A moça era bem direta, deixando as coisas para Aizawa fazer enquanto foi buscar o que ela pediu.

- Passe aqui mais tarde que eu ajusto pra você, pega essa mais lega por enquanto, com esse cinto aqui não deve ficar tão ruim. - Teria dito a moça deixando acima do balcão todos os itens, incluindo um cinto ao qual poderia ajudar caso ela já quisesse se trocar com as vestes novas.

Com isso seguiu até a biblioteca, vendo que os corredores eram bem sinalizados com placas e tudo mais, chegando no local, poderia ver em umg rande explendor uma biblioteca com fileiras altas e ao centro um balcão onde havia   uma Moça que cabia perfeitamente na descrição dada por Roy Exceto que hoje ela vestia uma roupa bem colada no corpo. - Certo, qual seria o seu nome? - A moça aguardou e então disse -  Quero que você me ajude a colocar esses livros no lugar e então preencher os seus registros, na lateral da capa tem a fileira e a posição, você deve conseguir ver na frente de cada uma das fileiras a indicação certinha. - A garota teria dito apontando para um carrinho que tinha  pelo menos uns 100 livros.


Histórico:


_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7

Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Qui Fev 10, 2022 2:32 pm









Formika D. Smilinguida




Não teve muita burocracia para pegar os itens, a única negativa foi o uniforme, mas isso eu já sabia lidar - Certo, posso voltar aqui depois também. Obrigada! - Tentei ser animado, não fazia sentido não ser educado, era necessário manter o disfarce. Disfarce? Não Aizawa, essa também é sua vida, você decidiu no passado aproveitar todas as novas chances, não volte com aquela "neura" desnecessária. Sim, isso era um problema que eu tinha que lidar, a dualidade entre duas vidas já foi mais intensa, porém, hoje consigo lidar com isso de forma mais saudável.

Com os novos itens em mãos, caminhei em direção a biblioteca, enquanto observava no caminho meus novos itens. A bota parecia confortável, mas precisava provar para ter certeza, o soco inglês ficou bom, seria uma adição maior ao meu estilo de combate, mesmo que estivesse pensando em outras opções para o futuro - "Quando tiver um tempo preciso pensar um pouco sobre o que aprendi em minha primeira vida, talvez com esse corpo, seja possível colocar aquela ideia em prática." - Meu corpo anterior era frágil e minha vida foi ceifada logo na adolescência, mas a ideia ainda vive… talvez eu consiga.

De qualquer forma, o lugar era grande e o acervo literário tão grande quanto, algo realmente bom, talvez ali eu pudesse encontrar algumas informações sobre minha Ilha natal? Ela não estava no mapa, no entanto, talvez o governo tenha feito isso por baixo dos panos? Era uma opção viável. Mas não tinha tempo para isso naquele momento, logo encontrei a figura descrita por Roy e ui! Ela estava usando um traje muito sexy, será que eu tenho alguma chance? Quem sabe eu não tento outra hora? Sua máscara era bonita, não tanto quanto a raposa de antes, aquela sim deve ter gastado uma nota para criarem uma coisa tão bonita quanto aquela - Formika D. Smilinguida! - Respondi com convicção - Ótimo, pode deixar comigo! - Completei observando o montante de livros que estavam por ali.

Não tinha preguiça de fazer nenhum tipo de serviço, sabia que se quisesse mais informações sobre minha Ilha natal, era necessário subir na hierarquia do governo. Sem mais delongas, comecei a realizar todo o serviço, registrando todos os livros e colocando-os no lugar certo. Independente do tempo, pouparia esforço registrando e separando inicialmente sem ordem alfabética, assim que notei a demora em ir de um lado para o outro. Sem descanso continuei colocando e separando por ordem, para que pudesse passar de uma única vez os colocando em seus devidos lugares. Observei o lugar enquanto isso, sem pressa e com a máxima atenção para evitar erros, já que podia facilmente acabar pegando algo errado apenas pela cor, por isso, reli todos antes de guardar, confirmando que era mesmo aquele local. Por fim, retornei até Whitney mesmo que cansado, mas eu quem busquei aquele tipo de missão, certo? - Acabei! Foi um pouco cansativo, mas está feito. - Conclui na esperança que tivesse tudo certo, tentaria verificar se não tinha mais uma missão para ser feita, caso não, voltaria em busca do dormitório, caso já fosse noite.

Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos:




Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Re: Capítulo I - Treina y Treina Sex Fev 11, 2022 10:37 pm


      Narração

Organizar os livros não era lá uma atividade emocionante mas certamente demandaria tempo e esforço, algo que era necessário de se fazer visto que a manipulação de informações por muitas vezes era como alguns diriam mais poderosa até mesmo que a maior arma bélica. Mas… Uma missão simples não seria algo que Aizawa poderia lembrar-se certo? Afinal, se queria aproveitar todas as chances que a vida havia para dar, o destino teria que fazer a sua contraparte para criar algo que pelo menos poderia lhe dar uma história pra contar.

Enquanto diminuiu mais e mais a sua grande quantidade de livros, indo para as prateleiras mais distantes falas suspeitas poderiam ser ouvidas - Azumi-san… Mas estamos no trabalho…. Vamos esperar pro nosso dia de folga…- Era o que dizia uma voz masculina então um pequeno barulho de livro sendo derrubado e recolocado era ouvido, enquanto ao aproximar-se mais do dialogo misterioso poderia ser ouvido.

- Linlin… Se eu esperar até a nossa folga eu sinto que não vou aguentar… Se formos discret-- E era nesse momento em que Aizawa Inconvenientemente teria presensiado a cena, onde havia um casal mascarado em uma situação em que… Bem, a garota estava carregando o rapaz como um princeso evidenciando-se a diferença entre seus tamanhos de forma que no desespero ela acabou soltando ele que só rolou como se fosse um tollete até próximo de Aizawa. - Por favor moça, não conte a ninguém, ele só torceu o tornozelo!- Clamou a garota onde os dois estavam vermelhos como tomate, o rapaz no chão, estava paralisado e duro como um cadaver.


Bem… Quando ela se livrasse daquela situação, fosse qual fosse sua atitude, de piedade pela vergonha alheia ou qualquer coisa do tipo, quando chegasse a Whitney ela teria dito - Obrigada pela ajuda, amanhã eu vou te recomendar pra uma missão de campo pra você ficar mais familiarizada com a ilha. Amanhã cedo eu arrumo um envelope com seu pagamento. - Ela teria dito com um sorriso no rosto.


Mal poderia esperar que já era beeem tarde da noite, o que explicou o motivo dos pombinhos acharem que seria uma boa.


Histórico:


_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7

Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Sex Fev 11, 2022 11:03 pm





Formika D. Smilinguida




Que chatice! Sim, eu sei que procurei por isso, mas organizar todos esses livros era algo muito monótono de se fazer. Queria estar treinando? Sim! Buscando informações sobre a ilha natal? Óbvio! Mas as coisas não eram tão fáceis assim. Por ali permaneci etiquetando e organizando toda a livrada, enquanto o tédio tomava conta do meu corpo e ao mesmo tempo eu lutava para evitar que isso acontecesse, já que não podia vacilar e dar brecha para coisas ruins acontecerem. Sem muito mais o que fazer, já estava chegando ao fim quando escutei algumas vozes por perto, esse povo não sabe que na biblioteca não é permitido falar? O pessoal precisa se concentrar para ler.

Eu já estava pronto para dar um bronca! Mentira, não faria isso, vai que são superiores interagindo e eu pago esse mico? De qualquer forma, quando pude entender do que se tratava o teor daquela conversa, já era tarde. Peguei os meliantes no flagrante pronto para movimentos libidinosos, mesmo que as proporções fossem um pouco estranhas, mas cada um sabe da sua vida, certo? Se Deus fez é porque cabe e também se ele fez, é por que o cara aguenta - Se vocês fingirem que não me viram, eu finjo que não vi vocês. - Falei enquanto guardava o bendito do livro - E se forem continuar, sejam silenciosos, tem gente por vagando por aqui. - Mentira, nem sabia se tinha outra pessoa por ali, mas precisava deixar os pombinhos alertas não é? Antes que pudesse sair, tentei observar se em suas vestes tinha algo, como seus nomes completos ou patentes... vai saber quando vou precisar de alguma coisa? Claro, não ia ameaçá-los assim, mas era bom ter uma carta na manga.

Dei meia volta fingindo que eles não existiam por ali, voltando até minha chefia com tudo acabado - Certo! Obrigada pela chance de mostrar serviço, lhe vejo amanhã. - Falei em um tom formal, ignorando a parte que deveria citar sobre o casal, será que isso foi a melhor saída? Que seja, agora já foi. O pagamento seria feito no dia seguinte e pelo jeito realmente já era noite, aliás, bem tarde da noite – ”Agora tudo faz sentido” - Pensei ao lembrar do casal, pelo jeito aproveitaram o horário para se divertir. Por fim, não tinha muito o que fazer além de ir descansar, o dia foi puxado, bastante aprendizado e uma missão feita, só restava descansar meu corpo e aproveitar da mordomia dos agentes, se bem que o último alojamento não era um dos melhores - Senhora, onde fica o alojamento? - Indaguei a mulher de maneira tranquila, realmente não sabia onde ficava tudo no quartel.

Assim que fosse respondido, partiria rumo ao lugar sem mais delongas, seguindo as indicações ou me baseando em placas de sinalização que pudessem existir por ali. No entanto, caso realmente não conseguisse chegar até o lugar sozinho, procuraria por alguém do governo para pedir informações sobre o alojamento e/ou dormitório. Torcendo para que chegasse no lugar, a princípio passaria um tempo apenas observando, vendo se era algo compartilhado ou cada um tendo seu quarto. Enfim, minhas ações se resumiam a simplesmente tomar um banho, buscando ficar o mais sozinho possível, já que não gostava que olhassem para o meu corpo. Minha cauda finalmente estaria livre, assim como minhas orelhas pontiagudas que estavam presas pela máscara que cobria todo meu crânio, era uma sensação libertadora para ser sincero.

Voltaria ao lugar para dormir, deitando em uma cama livre ou se estivesse sozinho no quarto, ficaria de maneira mais confortável, com poucas roupas cobrindo o meu corpo. Demorei a dormir como sempre, minha cabeça não parava de pensar no futuro e memórias antigas vinham à minha mente naqueles momentos de descanso - ”Pai...mãe...” - Sim, eu teria minha vingança custe o que custar. Se tudo ocorresse bem naquela noite, levantaria logo de manhã para fazer a higiene básica, buscando primeiro observar o andamento da coisa, era necessário pegar alguma fila? Onde ficava o refeitório? Tentaria seguir algum grupo que fosse para lá, isso é, se ouvisse algo sobre isso. Ah espere! Eu sei onde fica, fui lá ontem... que tapado! Por fim fui até o refeitório, buscando comer algumas coisas mais leves, como frutas por exemplo.


Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos:




Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Re: Capítulo I - Treina y Treina Sab Fev 12, 2022 6:25 pm


      Narração
Mal Aizawa Sabia mas naquele momento em que sua piedade e coração cresceram dez vezes, o casal que não teve nenhuma bronca ou possível punição por aquilo, seriam eternamente gratos a piedade da grande Formika, onde epetiram diversas vezes “ Obrigado o grande Deusa”, de forma quesó ela ouviu até que ela decidisse seugir seu rumo… Seus corpos? Paralisados pelo choque ainda, o que teria tornado difícil de explicar caso alguém mais chegasse mas, ninguém mais chegou.

Quando indagou sobre onde era o alojamento ela teria dito - Duas salas de distância daqui, o silêncio da bibliotaca o faz conveniente.- Era a resposta que teria de maneira simples direta e bem simpática. Quando chegou até o alojamento, poderia ver que na parte destinada aos agentes era diferente essencialmente da destinada aos marinheiros, haviam poucas camas individuais de lençol branco, junto a uma estrutura de madeira, havia ao lado da cama um pequeno criado-mudo pra guardar os pertences e uma espécie de busto com formato de cabeça pra pessoa repousar a máscara pra dormir.

Próximo havia uma porta que dava vazão para dois banheiros individuais, levando a entender que realmente como haviam poucos agentes, havia também um menor espaço para eles. O quarto estava bem vazio e… Aqueles dois provavelmente só arrumariam algum quarto depois de tudo aquilo, não iriam correr riscos no quartel.

A noite de sono havia sido no geral tranquila e solitária, onde poucos passos no corredor talvez pudessem ser ouvidos de maneira distante até que o sono viesse. Quando acordou, indo até o refeitório poderia ver que a sua frente havia apenas uma moça bem bonita que vestia sua máscara na lateral do rosto, com o formato de um meio oni, algo bem discreto. Para sua escolha haviam muitas frutas já picadas e em potinhos para que ela escolhesse e pudesse montar a própria salada de frutas se quisesse, se sentia o cheiro de pão quente que logo mais iria sair da ofrnada a invadir os narizes e logo mais outras pessoas começaram a chegar na cozinha para ajudar a preparar com mais variação o self service.



Histórico:


_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7

Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Sab Fev 12, 2022 6:44 pm





Formika D. Smilinguida




Aquele casal foi engraçado, mas isso não vem ao caso. O dormitório não era longe da biblioteca e lá pude ver uma estrutura bem simples, mas aconchegante o bastante para me sentir confortável. Estava claro que ali não tinha muitos agentes, mas pouco me importava também, não era como se eu fosse encontrar amigos dentro do governo. A noite de sono foi revigorante, meu corpo realmente estava precisando daquele, por mais divertido e complicado que tenha sido, não podia negligenciar o cansaço acumulado após os treinamentos, o pior era saber que daqui pra frente as coisas iriam complicar ainda mais. De qualquer forma, não demorei para pegar no sono e tão pouco para acordar, parecia que tudo tinha passado em um piscar de olhos.

Assim que acordei – e após me arrumar – parti em direção ao refeitório sem muitas delongas, caminhando em passos lentos e tranquilos, observando o lugar como um todo. Eu tinha sido o primeiro? Pelo jeito sim, já que apenas uma moça estava na minha frente, usando uma máscara lateral - ”Frutas, vamos de frutas.” - O pensamento cortou minha mente enquanto pegava uma quantidade considerável de frutas, exceto maçãs, já que tinha usado como desculpa para Rony no dia anterior. Procurei um lugar para sentar sentindo o cheiro de pão quente, que certamente iria esperar para degustar daquela belezinha - ”Depois de ontem novas portas se abriram, sempre fiz uso desse corpo voltado para batalha de maneira simples, usando as garras como principal arma. Mas agora tudo muda, acredito que possa usar os conhecimentos da minha antiga vida, mas não sei como posso usar de fato tudo isso... agulhas? Sim, acho que é a melhor opção, mas preciso ver como me saio com aquela técnica nesse corpo.” - Alguns ideias surgiam em minha mente e era interessante, ainda na minha ilha natal fui treinado por diversos mestres diferentes, um deles era um hábil acupunturista e usuário de agulhas no combate, foi algo que me interessou na época.

Por fim, observei o restante dos moradores do quartel invadirem o refeitório enquanto permaneci comendo aquele montante de frutas, novamente, evitando as maçãs por motivos citados anteriormente. Sem muito mais o que fazer permaneci ali esperando apenas o resto da comida ficar pronta, não sabia muito bem o que teria como missão naquele dia, mas pelo que a bibliotecária falou ontem a noite, teria que sair pela cidade? Era bom encher bem essa barriga.


Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos:




Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Re: Capítulo I - Treina y Treina Dom Fev 13, 2022 12:02 am


      Narração


As portas que Aizawa estava abrindo naquele QG, naquela ilha como um todo eram um reflexo de suas escolhas e até mesmo de seu carisma, que morava na simplicidade de as vezes, só não ser babaca, algo que nos tempos atuais mostrava-se um diferencial absurdo de como as pessoas lhe enxergavam.

No refeitório, ao seu lado um rapaz com uma máscara de tengu e cabelos rosas havia tropeçado, parecia estar tão apressado que logo levantou-se e seguiu para a fila, que começou a aumentar conforme mais pessoas foram terminando seus treinos matinais e foram tomar café, no entanto este seria só mais um caso nada memorável e plenamente esquecível, não fosse por um fato, fora do seu campo de visão, da mochila do homem, um fato estranho havia ocorrido. Como um emaranhado do destino, uma fruta espiralada havia feito uma queda que quase lembrou um salto olimpico para a bandeja da moça sem que ela ou ele percebessem que aquilo não estava lá o tempo todo.

Entre as pessoas que haviam adentrado, ela reconheceria O casal, que dava um oizinho sem graça com as mãos, sentando em uma mesinha perto e o próprio Roy que estava bem distraído na fila assobiando bem alto.


Histórico:


_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7

Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Dom Fev 13, 2022 12:24 am





Formika D. Smilinguida




O refeitório começava aos poucos a ficar mais cheio, sendo tomado por alguma figuras conhecidas como Roy e aquele casal da noite anterior, que por sinal deram um “oizinho sem graça”, coisa que respondi de forma educada, dando um “tchauzinho”. Precisava logo terminar meu prato, para minha infelicidade não tinha tempo de permanecer ali e aprender mais algumas coisas com Roy, então voltei minha atenção para bandejas de frutas que ainda restavam - ”Que porra é essa? Alguém jogou uma maçã do amor aqui de novo? Não! Isso vai acabar com minha farsa!” - Que porra de fruta estranha era aquela? Que Quartel complicado! Antes que Roy pudesse ver aquela fruta na mesa, minha mente só conseguiu pensar em uma maçã, o que me fez agir por impulso, engolindo completamente aquela fruta de uma única vez.

Sim, eu estava aliviado e... acho que essa fruta está estragada? O restinho em meu dente tá com um gosto ruim, pelo jeito isso vai bater errado em meu estômago, que merda... provavelmente essa palavra se torne literal daqui a alguns minutos. De qualquer modo, continuei por ali comendo e observando o ambiente, voltando a atenção para as frutas na mesa, levantando logo que terminasse tudo - Bom dia Roy! - Falaria de maneira menos informal caso passasse por perto do homem, já com a máscara cobrindo todo o rosto novamente. Sem delongas, só me restava ir até a biblioteca em passos leves e tranquilos, não estava com tanta pressa assim, tinha uma leve sensação que pelo horário, ela ainda estaria fechada, mas queria pagar para ver. Ao chegar lá e meu palpite estivesse errado, entraria sem pensar duas vezes buscando pela mesma figura da noite anterior, indo em sua direção rapidamente - Bom dia! Estou pronta para mais uma missão. - Falei batendo continência e aguardando as próximas ordens.

Agora no caso de meu palpite estar correto, iria permanecer na porta do lugar por alguns minutos na expectativa que alguém abrisse, no entanto, havendo uma demora exacerbada tentaria procurar por algum superior, talvez em uma sala ou uma área de recepção, onde pudesse buscar informações sobre como conseguir uma nova missão - Bom dia! Sou nova por aqui, como posso conseguir uma nova missão? - Não queria falar sobre o pagamento, já que poderia voltar na biblioteca mais tarde para receber. Por fim, só me restava esperar que uma das duas opções desse resultados.


Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos:




Sasha
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 Giphy
Créditos : 17
Localização : Rota 6 - Piutôv
SashaRank B
https://www.allbluerpg.com/t340-sasha-sparks#1002 https://www.allbluerpg.com/
Re: Capítulo I - Treina y Treina Dom Fev 13, 2022 3:15 pm


      Narração
A sensação que comer aquilo lhe passou era terrível quando comeu, não só o gosto, a testura e a sensação que auqilo trazia a sua boca de forma duradoura a teria feito arrepender-se rapidamente de sua ação impulsiva. Logo que o fez, algo que talvez fosse uma alucinação de tão ruim que era o gosto daquela fruta, haviam sido sinais físicos os quais tornaram a ponta de suas unhas mais afiadas, quase como se fossem siringas e na pontinha da falange de seus dedos, sentiu alguma rigidez, como se fosse algo difícil de mover, muito mais pelo costume do que qualquer coisa.

Aquela sensação logo passou e suas mãos dessa vez aos poucos quando ela se concentrasse poderiam voltar ao normal, tal como suas unhas. - Bom dia! - Acenou Roy com um pouco mais de vida no olhar enquanto ele logo voltou atenção para a fila, já que havia andado um pouquinho.

Quando chegou enfim na biblioteca, Whitney já estava lá bem cedo, a movimentação era surpreendentemente alta mesmo sendo bem cedinho, um sinal de que muitos liam antes de começar suas rotinas. - Você veio bem cedo mas, hoje eu já tenho ajuda aqui, eu comentei que te recomendaria pra uma missão de campo e aqui esta, pegue. - Ela teria entregue um envelope, que estava propositalmente aberto para que Aizawa pudesse ver o dinheiro de seu pagamento, enquanto na sua outra mão havia uma espécie de chave azul.

- Aqui esta seu pagamento por hoje, a chave é o item que eu uso pra recomendar boas pessoas, entregue a Simon, você provavelmente deve vê-lo nessa hora próximo do campo de treinamento, ele sempre procura por candidatos para ajudá-lo na coleta de impostos, não é a missão mais emocionante do mundo mas, vai te ensinar muito sobre a ilha. - Ela antes de Aizawa ir, teria descrito o rapaz - Ele tem uma màscara preta, com um óculos também preto com alguma letra ornada , cabelos castanhos e sempre porta consigo uma faca rosa choque, provavelmente o item mais chamativo. - Ela teria dito, desejando boa sorte a Aizawa, do momento em que ela fosse atrás.


Histórico:


_________________



Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 WN4Utd7

Formiga
Ver perfil do usuário
Imagem : Capítulo I - Treina y Treina - Página 2 OFj4cNo
Créditos : 45
FormigaDesenvolvedor
https://www.allbluerpg.com/t1194-aizawa-mikagi#11079 https://www.allbluerpg.com/t768-capitulo-i-o-espetacular-takeshi-isamune
Re: Capítulo I - Treina y Treina Dom Fev 13, 2022 8:18 pm





Formika D. Smilinguida




A expressão de surpresa ao sentir o gosto de merda logo se transformou em uma cara de nojo, se pudesse cuspir aquela fruta eu faria isso nesse exato momento - "Que merda é essa?" - Aquilo não estava estragado, já tive o desprazer de comer fruta estragada e o gosto não era aquele. Para minha sorte tinha engolido só invés de mastigar, mas mesmo assim o pedacinho preso no dente foi forte o bastante para acabar com a vontade de comer que eu tinha naquela manhã. Ao pegar a bandeja pude perceber meus dedos estanho, onde estavam as garras daquele corpo? O que? Seringas? Agulhas? Que merda é essa? - "Espere… uma fruta e em seguida poderes? Só pode ser uma Akuma no Mi! Sinceramente pensei que só fossem lendas…" - Então as histórias que ouvi no meu tempo como caçador eram verdadeiras? Existem frutas que concedem poderes, a questão é como posso descobrir que tipo de poder é esse?


Essa dúvida ficou martelando em minha mente enquanto caminhava em passos largos na direção da biblioteca, Whitney tinha uma missão para mim e também o pagamento pela de ontem - "Talvez existam alguns livros que possam me ajudar na biblioteca." - Pontuei mentalmente baseado no puro achismo, será que tinha algo com os detalhes daquelas habilidades? De qualquer forma, como uma fruta como aquela estava junto com as outras? Aquilo era muito estranho. Não era ruim, eu buscava por força e aquilo era um plus em todas minhas habilidades, a questão era descobrir o que aquela fruta fazia e como poderia usar aquilo para meus fins. De qualquer forma, ao chegar na biblioteca avistei rapidamente a minha superior, indo em sua direção e logo ouvindo suas palavras, mesmo que dividisse minha atenção entre ouvir e ficar imerso em meus pensamentos.- Certo, obrigada! - Respondi meio aéreo a toda situação, pegando a chave e o pagamento - "Não irei conseguir ficar na missão antes de entender o que aconteceu." - Minha cabeça estava voando com tudo aquilo, precisava de respostas o quanto antes.

A melhor opção era tentar de alguma forma testar aquelas habilidades, com essa ideia em mente parti em direção ao dormitório, me certificando que estava em meu quarto sozinho novamente, trancando a porta sem pensar duas vezes. Sentado na cama forcei aquela coisa aparecer novamente, abrindo e fechando minhas mãos, tentando de alguma forma transformar as garras em pequenas agulhas. Continuaria com as tentativas independente do tempo, espalmando as mãos, apontando dois dedos como uma arma na tentativa de disparar alguma coisa. Por fim, caso conseguisse transformá-las iria observar a sua estrutura, mexendo devagar e tentando entender se serviam apenas para furar ou se liberavam alguma coisa, como líquido ou até mesmo um gás. Nesse caso, saindo alguma substância a primeira ideia que vinha em minha mente era ser algum tipo de ácido, com isso evitaria o contato com meu corpo e morava no chão ou na própria cama, esperando que o colchão e lençol derretesse.

Tendo a certeza que não era nada corrosivo, continuava observando imaginando o que podia ser aquilo - Será? - Questionei receios com a ideia mirabolante que surgiu em minha mente - Espero que não perca o braço! - Falei com um pouco mais de convicção enquanto enfiava as agulhas no braço, tentando injetar aquele líquido em meu próprio corpo e torcendo para que ele não ficasse podre, que loucura é essa? A surpresa tomaria conta de fosse algo bom que acontecesse e o desespero se fosse algo ruim, já que nesse último caso, provavelmente meu braço tinha ido pro brejo.

Descobrindo algum efeito daquelas agulhas nos dedos, só me restava ter mais embasamento para entender aquilo tudo. Tentaria aplicar novamente para voltar ao normal, repetindo o processo e torcendo para que desse certo ou simplesmente esperando o que quer que acontecesse passar e o membro voltasse ao normal. Por fim, retornaria a biblioteca em passos largos e rápidos, atravessando toda a extensão da mesma em busca da categoria com livros que pudessem me dar algum indicativo do que era aquilo, como substâncias químicas, hormonais ou até mesmo livros que tivessem informações sobre Akumas no Mi - Acabei não dormindo direito pensando em algumas coisas ontem, antes de ir pra missão resolvi sanar minhas dúvidas, não quero fazer nada sem estar focada. - Responderia um possível questionamento de Whitney sobre não ter ido diretamente até Simon, voltando minha atenção aos livros em busca de algo que fizesse sentido.


Legendas:
Fala
"Pensamento"

Formika D. Smilinguida - Histórico/Objetivos: