Tópicos Recentes
Destaques
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Últimos assuntos
II - Sombras em SteveltyHoje à(s) 5:45 ampor  KerigusVoice of the SoulHoje à(s) 1:38 ampor  YamiOperação T.N.C.T.O.N.I.Hoje à(s) 12:17 ampor  VincentMary Van TasselOntem à(s) 11:57 pmpor  KerigusSharp Teeth and Hard Fists.Ontem à(s) 11:25 pmpor  ÀsManae LiebeOntem à(s) 8:42 pmpor  RyomaCatherine Petit Barozzi Nero BellarosaOntem à(s) 8:36 pmpor  RyomaHizumy Mizushiro MayanOntem à(s) 8:35 pmpor  RyomaPedidos de CargosOntem à(s) 7:56 pmpor  Arthur LancasterAs Crônicas dos Scavenger: A Leoa, o Louco, e o MudoOntem à(s) 7:45 pmpor  Arthur Lancaster
Revescream
Ver perfil do usuário
Imagem : [Ficha] Akira Harukawa Templa15
Créditos : 00
Localização : Em seu coração.
[Ficha] Akira Harukawa Ter Set 14, 2021 11:47 pm



Akira Harukawa








Sobre o Personagem


Nome: Akira Harukawa
Idade: 18 anos
Gênero: Masculino
Mão Predominante: Destra
Risada: Puhuhuhu!
Altura: 1,60 cm
Peso: 48,25 kg
Raça: Humano — Celestial
Origem: Aether Paradise — Grand Line
Localização: Sirarossa — West Blue
Grupo: Civil

Complementos



Aparência:
Devido a sua aparência andrógena e jovial, Akira confunde as demais pessoas sobre seu gênero; apresenta uma fisionomia magra e sem muitas curvas, contradizendo sua demasiada força e desenvoltura atlética, com média estatura e pele clara como porcelana, possuindo diversos traços suaves e delicados, além de um semblante meigo e atraente. Seus grandes olhos dourados são acentuados pelos cílios femininos de cor azulada, junto dos longos cabelos azul-prateados que chegam a altura de suas costas, com duas madeixas emoldurando seu rosto e uma terceira caindo no centro do mesmo. Um pequeno par de asas angelicais também é perceptível em suas costas, sendo bastante salientes e fofas como algodão.

No vestuário, Akira demonstra uma afeição maior pelos trajes mais largos e aconchegantes, além de uma preferência notória para as cores mais frias. Geralmente está vestindo um casaco de pele azul escuro, com um cachecol do mesmo material envolta do pescoço, sob um kimono justo de coloração azul mais clara e uma camisa branca simples, calças cinzentas folgadas e botas de cano alto também azuis.

Personalidade:
Quase como um espírito livre, uma sede por aventura e conhecimento se apoderam do corpo e mente de Akira, não conseguindo controlar seus impulsos nervosos. Como um bisbilhoteiro, sendo alguém extremamente curioso ao ponto de explorar toda uma ilha apenas para saciar seu espírito, ou espionando e intervendo na vida alheia mais por capricho do que por objetivo, embora esse último possa leva-lo a situações um tanto cômicas e embaraçosas, ou a situações de intenso conflito e gravidade severa, visto que o celestial quase não respeita a privacidade alheia.

Não terminando com seus impulsos contra terceiros, outro hábito praticado, porém mal visto até pelo próprio Harukawa, é o de furtar objetos sem nenhum motivo aparente. Sua condição de cleptomaníaco foi uma das principais razões pela qual Akira decidiu seguir o caminho da pirataria, uma característica que ele considera como seu pior defeito, sentindo-se envergonhado e até ressentindo quando o pratica involuntariamente, mas que passou a aceita-la como parte de si e até a divulga abertamente quando precisa explicar suas razões. Entretanto, como na maior parte das vezes espera receber uma correção violenta pelo seu furto, Akira o faz de maneira discreta e quando descoberto parece encarar a situação com total zombaria e deboche, para aliviar seu próprio sentimento de ansiedade e tensão no momento.

Em sequência dos problemas, um terceiro a ser destacado - mas erroneamente rotulado como uma qualidade ou então uma fraqueza pessoal do celestial - é o seu amor fraternal por Shizumi Ikama. Apesar de ser muito desapegado a objetos e pessoas no geral, Akira é muito apegado a híbrida de mulher-lula, sendo uma importante companhia emocional e até profissional quando ocorre algum fenômeno. Akira tem plena confiança das capacidades de Shizumi, e por isso não chega a ser super protetor com a mesma e a respeita como uma igual, mas ainda sim o sentimento de responsabilidade para com ela continua a movê-lo na intenção de protegê-la e não permitir que a mesma se esforce demais. Não consegue sequer imaginar a hipótese de alguém machucando Shizumi e saindo sem perder um braço após essa atrocidade, pois certamente era uma realidade que todos estavam avisados de que iria acontecer pelo próprio espadachim azul. Somente, apensa, única e exclusivamente a Shizumi pode ser chamada de "melhor amiga", visto que ninguém além dela conviveu e aceitou a pessoa que é o Akira durante tantos anos de forma afável, sendo então um carinho mútuo de irmandade que o mais velho protege com suas asas e lâminas.

Prosseguindo em outro tópico, Akira é um inimigo declarado da organização Centelha, visto que o mesmo é considerado um traidor e potencial produto de tráfico para escravização. Os longos anos sob as mãos sujas da organização foram suficiente para que Akira enraizasse um grande antagonismo pela mesma, não conseguindo tolerar as intenções e atitudes nefastas que essa praticava, aproveitando-se da excelente oportunidade que surgira no futuro para se livrar de suas correntes e libertar todos que estavam prestes a serem comercializados no Mercado Negro. Entretanto, é visto que Akira não generaliza todos os associados a essa organização - tanto que sua fuga só fora bem sucedida com a ajuda de um individuo interno na Centelha - sempre que possível o celestial tenta confrontar e até estabelecer algum acordo com seus carrascos, apesar de regularmente seus esforços continuarem sendo rejeitados.

Contudo, ninguém é feito somente de defeitos, embora tudo falado até então, surpreendentemente, Akira é um jovem muito otimista e determinado em relação a vida, não possuindo medo ou vergonha de declarar suas convicções, expectativas e objetivos que deseja alcançar e parece manter o coração no lugar correto. Seu comportamento educado e sereno, em primeira instância, pode fazer as pessoas duvidarem de que ele realmente é um criminoso, sendo atencioso e generoso com aqueles que chama de "camaradas". Akira tem dificuldade em rejeitar alguém que implore sua ajuda, fazendo com que muitas vezes termine com mais trabalho do que pode suportar, o que Shizume costuma repreendê-lo; em contrapartida, Akira tende a reagir muito severamente quando há perigo para seus colegas e conhecidos, não hesitando em provocar danos e ferimentos pesados a ameaça predominante.

Seu grande objetivo, torna-se o Rei dos Piratas, está diretamente ligado ao seu desejo de viver em liberdade das amarras que lhe impuseram quando novo, na descoberta dos segredos mundanos que tanto continuavam a lhe intrigar e na vontade de desbravar os mares sentindo as mais diversas emoções; a fama, o tesouro e o título de rei são apenas uma recompensa que ele julga ser aceitável para dedicar tanto esforço numa jornada de tão longo prazo, visto que sua principal recompensa seria a conquista de marcar seu nome na história. Ele também não demonstra medo em relevar suas asas angelicais, inclusive se diverte assistindo a reação de outras pessoas; no entanto, curiosamente, o celestial sente um verdadeiro prazer ao ter suas asas acariciadas ou então puxadas em provocação, fazendo-o corar subitamente pelo embaraço que sente.

E por fim, Akira também leva os relacionamentos muito a sério, sejam de amizade ou românticos. Isso é notório quando ele chama a maioria dos conhecidos como "colegas" e outros apelidos pequenos, mas dificilmente usa o termo amigo para designar alguém e tampouco teve alguma experiência prática de um romance verdadeiro. Quando confundido como uma menina, mil e uma janelas de possibilidades se abrem na mente do celestial que pensa em como reagir; as vezes com uma gargalhada e revelando a verdade de cara, ou então continuando a enganação e tirando proveito da forma que achar melhor, fato é que Akira não liga de ser tratado como uma mulher - pelo contrário, demonstra gostar de receber essa atenção que o universo feminino possui a disposição e muitas vezes age como no sexo oposto por livre espontânea vontade, sendo mais dominante ou submisso dependendo exclusivamente da ocasião.

História:
Nascido em Aether Paradise, uma mitológica Ilha do Céu localizada dentro da Grand Line, o pequeno Akira cresceu junto as outras crianças que também viviam naquele lugar até a sua adolescência. Como todos os celestiais que habitavam aquele paraíso, desde muito cedo, Akira esteve familiarizado com a principal arte marcial de sua raça, o Kami no Tekken, e sua futura profissão na arqueologia, visto que o primeiro era ensinado como aulas de autodefesa pessoal enquanto o segundo era a principal matéria de estudos no conhecimento entorno das Ilhas do Céu e na formação de seu povoado.

No entanto, Akira era muito diferente dos outros estudantes, em muitos aspectos; destacava-se muito pela sua facilidade na gravação, compreensão e por fim domínio das informações e conhecimentos precisos de sua grade estudantil, sendo rotulado por muitos como "o gênio prodígio que nasce uma vez a cada nova geração"; seu interesse pela arqueologia ia muito além do conhecimento de Aether Paradise, ele se estendia principalmente a história do mundo fora daquele paraíso, mergulhando na leitura desses marcos históricos que deixaram seu registro para toda uma eternidade. Entre todas as histórias que encontrou, uma em particular sempre chamava a atenção de Akira: O Dia da Execução de Hazar D. Calic, que deu início a infame Era dos Piratas.

Quanto mais acompanhava as histórias do primeiro homem a ser intitulado como Rei dos Piratas, mais fascinado pelo desejo de aventura o Harukawa ficava e mais curioso o pequenino se sentia em relação ao mundo exterior. De alguma forma, essa idolatria foi o que levou a desenvolver o seu maior defeito; num dia para outro, vários itens e objetos de valor começaram a serem roubados, o perfil do ladrão o resignava como alguém experiente no ato do furto, porém, o que ninguém sabia era que o tal ladrão não passava de jovem garoto que agora tentava aliviar sua ansiedade praticando esses delitos, com esse sintoma sendo provocado pela sua nova condição de Cleptomaníaco.

Desamparado, sem saber como tratar de sua nova condição, e ainda mais curioso para descobrir quais segredos o Rei dos Piratas havia deixado para trás com seu tesouro, primeiramente, decidiu procurar ajuda com seus próprios familiares; gravíssimo erro, ao descobrirem seu histórico de furtos, a expulsão de seu colégio foi inevitável e o que mais houve foram sermões ao invés de um auxílio médico, agravando ainda mais os sintomas que se derivavam da abstenção de roubos, o que resultou na sua fuga de casa e saída de Aether Paradise. Esse seria apenas o recomeço de uma nova história e um novo mundo para aquele Celestial.

Em primeira instância, a sorte parecia estar sorrindo para Akira com o universo dando-lhe a solução para seus problemas; poucos dias após decolar naquele estranho mundo, devido ao seus status como celestial, um estranho e nobre homem abordava o Harukawa e perguntava-lhe se precisava de ajuda. Ouvindo seu relato, o homem sorriu e lhe fez a proposta de se juntar a uma organização a qual o mesmo fazia parte, revelando ser um tenente que buscava por novos recrutas. Estando ainda desamparado, emocionalmente instável e sem conhecimento do que fazer após sua saída do paraíso, Akira aceitou a oferta e se tornou um soldado do que viria a ser explicado como uma das organizações mais poderosas do mundo: a Centelha.

Seus longos anos como soldado da Centelha foram repletos de altos e baixos, no que diz respeito a visão de Akira. Para a organização, o celestial era um membro valioso em diferentes aspectos, mas o seu trabalho e serviço competentes sempre lhe propuseram a recompensação de continuar sendo bem tratado dentro da organização. Na Centelha, sendo treinado como um soldado, Akira se especializou no estilo de combate dos ceifadores, recebendo uma foice como sua principal arma, e sendo acolhido como um soldado, Akira desenvolveu ainda mais seus conhecimentos como arqueólogo e veio a se tornar proficiente em diversas outras áreas além de História, como Criptografia, Investigação e até Armadilhas. Além disso, foram através das informações concedidas pela organização que Akira descobriu a existência dos Poneglyphs, o mistério do Século Perdido e seus tesouros, sendo todos eles de vital importância para o descobrimento de onde estaria o maior tesouro deixado pelo Rei dos Piratas Hazar D. Calic: o One Piece.

Entretanto, mesmo com o sentimento de aconchego fornecido pela Centelha, Akira continuava não se sentindo bem consigo mesmo, ainda parecia estar sendo privado de poder explorar aquele mundo e ir atrás daqueles mistérios; seus problemas de cleptomania não eram tratados e os superiores não se importavam com essa característica, apenas toleravam e o aceitavam desde que mantivesse distância deles. Não sendo o bastante, logo vinha a descoberta do que seria o trabalho planejado para o celestial, ele seria encarregado de encontrar, capturar e transportar novos "produtos" para o comércio mais rentável da organização - o tráfico e exploração de raças exóticas. Tudo estava começando a fazer mal para o Harukawa, novamente, ele se via estando prestes a ruir de sua própria mente e espírito com tamanho desgosto pela sua vida... Então Deus teve misericórdia, e lhe enviou uma outra espécie de "anjo" para aquele inferno.

Enjaulada dentro de uma gaiola de ferro, como todas as "mercadorias" ficavam no armazém, uma pequena menina de cabelos azuis - que também pareciam ter vida em suas extremidades - atraia a atenção dos olhos do outro azulado. Em primeira instância, o diálogo era uma tarefa quase impossível, visto que era proibido a todos os membros conversar com uma mercadoria viva e a própria menina não colaborava com seu silêncio recioso, o que machucava cada vez mais o coração do celestial. No entanto, após persistir em suas tentativas, Akira descobria que o nome da menina era Shizumi Ikama, sendo uma espécie híbrida raríssima de mulher-lula, e a partir dali um novo vínculo estaria sendo formado. Coincidentemente, Shizumi era versada na área médica e tinha conhecimento de psiquiatria e psicologia para amenizar os problemas de Akira, e não somente isso, como também foi a primeira pessoa depois de muitos anos que demonstrou o genuíno sentimento de querer ajuda-lo e ser um amigo para toda a vida. Em retribuição a esse novo sentimento, tendo a batizado como sua irmã dali em diante, Akira recuperou seu juízo graças a pequena tritã e a prometeu que a tiraria daquela situação desumana.

Numa oportunidade perfeita, com auxílio de algumas mãos por detrás dos panos, Akira foi encarregado de transportar um grande lote de "mercadoria" para o Mercado Negro com destino ao West Blue, e nele estava sua amada irmãzinha conforme planejado. Assumindo o controle do navio, o celestial seguiu normalmente em direção ao arquipélago dos Blues para não levantar suspeitas de sua eminente fuga, a qual aconteceu no instante que Akira libertava todos os escravos de suas gaiolas e mudava o percurso do navio para cada ilha daquele oceano e deixava os escravos sentirem mais uma vez a liberdade do poder "escolher viver como quer".

Por fim, agora sob a visão de ser um traidor da Centelha, Akira junto de Shizumi partiram e se abrigaram nas profundezas de Sirarossa, ainda no West Blue, buscando se esconder dos olheiros e assassinos que viriam atrás deles eventualmente. Entretanto, mesmo depois de tudo isso, esse ainda era o início de uma longa jornada que seria a vida de Akira Harukawa, na busca pelo One Piece!

Características


Qualidades:
Alado (Subespécie)Os celestiais detém um par de pequenas asas nas suas costas, entretanto, elas não são funcionais ao ponto de permitirem a capacidade de voo. Apesar disso, suas asas permitem que Akira plane curtas distâncias, reduzindo a velocidade de suas quedas e o eventual dano causado por elas.
Profeta (Subespécie)De maneira independente de sua escolha, ao seguir por um caminho do Kenbunshoku Haki, no momento em que Akira alcançar a experiência necessária para adquirir a especialização de " Premonição", Akira irá adquirir esta habilidade mesmo que tenha escolhido outro caminho, entretanto, ela não evoluirá, ficando sempre no nível de especialização.
Meigo (-1 ponto)Por qualquer razão, existe algo na sua aparência que faz com que os seus adversários não consigam lhe levar a sério. Akira não parece representar perigo e, por conta disso, pode ter uma vantagem no início dos combates que travar, subestimá-lo pode ser um erro fatal que seus inimigos tendem a repetir.
Memória Fotográfica (-2 pontos)Akira nunca se esquece de algo que tenha visto ou escutado, mesmo que tenha sido por um breve momento. Ao folhear um livro, por exemplo, ele é capaz de lembrar com exatidão cada frase de cada página que bateu o olho.
Prodígio (-2 pontos)Akira é mais inteligente do que a média e tem facilidade em adquirir novos conhecimentos. Em termos mecânicos, é capaz de aprender uma proficiência extra a cada nível ímpar, além de ter termos menos rígidos para tal aprendizado.
Prontidão (-2 pontos)Akira está sempre pronto para agir ou reagir, alcançando o ápice da sua velocidade ou força em questão de poucos instantes. Mecanicamente, reduz a condição Lento em uma categoria, SE a condição aplicada for categoria III ou inferior.

Defeitos:
Exótico (Subespécie)Akira não sofre preconceito devido a sua aparência ser similar a de um ser humano comum, entretanto, ele ainda é capaz de fascinar ou espantar alguns e possui um alto valor pelo seu corpo no mercado de escravos, o que é sempre um problema.
Bisbilhoteiro (+1 ponto)Akira é extremamente curioso, se jogando sobre qualquer mistério que aparecer e não relaxando até desvendá-lo.
Apegado (+2 pontos)Akira ama sua irmã de consideração, Shizumi Ikama, não medindo esforços para protege-la ou resgata-la devido ao seu apego emocional. Perder alguém que ama é uma experiência traumática que pode deixar sequelas.
Cleptomaníaco (+2 pontos)Akira é viciado em roubar, não importa se ele precisa ou não do objeto ou se tem alguma relevância, ao menos uma vez a cada duas páginas ele deve roubar um item.
Inimigos (+2 pontos)Akira, por um motivo específico, é inimigo jurado de uma organização. Até ser eliminado, esse inimigo vai fazer de tudo o possível para lhe prejudicar quando tiver oportunidade.

A Centelha é uma organização poderosa e influente em todos os mares, tendo ênfase atuando na Grand Line e Novo Mundo. Assim como seu símbolo, a Centelha age nas mais variadas esferas da sociedade, espalhando seus tentáculos como vinhas. Tendo negócios que abrangem uma vasta área, como no ramo farmacêutico, construção civil e até mesmo administrando uma guilda de Caçadores. Não parando por aí, a organização também tem contatos obscuros no Submundo, mas, agindo de maneira cuidadosa, para não ter risco de ser vinculada com a fachada que usa para atuar abertamente. Seus membros são variados: Políticos, pequenos comerciantes, realeza de algumas ilhas, piratas, caçadores e até mesmo marinheiros. Não se sabe o quão enraizado está a influência desta organização, pelo pouco que sabe, eles também estão por dentro de atos ainda mais desumanos, como tráfico e exploração de outros seres vivos.

O ódio da organização para com Akira é extremamente simples: Num ato de traição contra a Centelha, o celestial foi responsável pela libertação em grande massa de escravos que embarcavam para o Mercado Negro do West Blue. Todos, incluindo o próprio azulado, conseguiram fugir e nenhum foi recapturado. Essa ação acarretou em uma série de problemas que abalaram e atrasaram todo o projeto de expansão da Centelha, o que desagradou completamente as entidades no topo da cadeia alimentar do grupo. O valor monetário é algo sem parâmetros, já que o investimento realizado nessa expedição, na qual esperavam um grande retorno de lucro, foi extremamente alto.

Em particular Akira é caçado por um homem apelidado de ”Moriarty”, um dos comandantes mais influentes da organização, uma figura já conhecida pelo celestial em encontros anteriores. Como uma estrela em ascensão, Moriarty viu essa oportunidade para aumentar o seu status dentro do grupo, ao entregar o responsável por toda a bagunça, não economizando soldados e recursos para concluir com esse objetivo.

A divisão do grupo é simples para sua vasta estrutura:

A Caveira: O líder da organização é aquele que detém todo o poder e responsabilidade das ações. Ele é responsável por comandar as operações, age de maneira estratégica e vê todos os membros da sua organização como peões em um tabuleiro, não tendo limites ou escrúpulos para alcançar seus objetivos.

A Mão: O vice-líder é responsável por aconselhar e interagir de maneira mais aberta com a liderança. Esse é o homem responsável por lidar de maneira direta com os outros membros do grupo, além disso, é a peça responsável por subir ou descer o rank dos membros, dependendo unicamente do seu desempenho e potencial.

Os Seis Tentáculos: Os seis são as pessoas com maior poder dentro da organização, obedecendo apenas ao Líder e Vice-Líder. São pessoas com responsabilidades diferentes, trabalhando para um melhor desenvolvimento da estrutura como um todo, sujando até mesmo suas próprias mãos se assim for necessário. Pouco se sabe sobre eles ou suas habilidades, contudo, todos são fortes o bastante para causar o caos pelo novo mundo.

Os Doze: Os doze são os discípulos dos Seis, são treinados em dupla diretamente por cada um deles. Quando necessário um aumento no rank, é feito uma disputa até a morte, assim, apenas o melhor substituí o seu respectivo mestre. Esse grupo é responsável por encabeçar missões de importância, comandando um número variante de soldados e membros de Ranks menores.

Os Carrascos: Composto por 10 membros, são pessoas guiadas unicamente pela destruição. Responsáveis normalmente por missões que envolvem assassinato ou algum tipo de eliminação, detém habilidades variadas que compoem um poderio alto de destruição. Sem um pingo de humanidade, são exímios torturadores, sendo também usados para tirar informações dos seus alvos. Por fim, dentro da estrutura da organização são taxados como monstros, pelas preferências voltadas ao canibalismo.

Os Três Pináculos: Três homens sem qualquer tipo de habilidade marcial, contudo, exímios diplomatas e administradores. Trabalham separados: Um nos Blues, outro na Grand Line e o último no Novo Mundo. São responsáveis pela administração básica das filiais e empresas da organização, atualizando semanalmente ou quando for necessário os superiores

Comandantes: Servem aos Pináculos e são responsáveis pelos trabalhos braçais, comandando os tenentes e soldados simples da organização.

Tenentes: Servem aos Comandantes, agindo com uma extensão dos mesmos. Responsáveis por comandar, treinar e recrutar os soldados simples. Reportando ao seu superior semanalmente.

Soldados: O ranking mais baixo da cadeia alimentar, pode ser dito como os minnions da organização. Responsáveis por fazer trabalhos simples e de baixa prioridade. Não parando por aí, os soldados também são aqueles que trabalham nas respectivas empresas da organização. Enfim, podem ser usados para qualquer coisa. Ao mostrar seu valor passa pela avaliação, que pode variar de um combate a uma missão específica. Sendo necessário o sucesso para subir de rank.


Atributos


Nível: 1
Experiência: 400

PdV: 2500
STA: 100

Força: 81 (+40 Racial) (+40 EdCs) (+40 Arma) = 201 [Regular]
Destreza: 0 [Incompetente]
Acerto: 32 (+40 Racial) (+40 EdCs) = 112 [Regular]
Reflexo: 282 (+80 Racial) (+40 EdCs) = 402 [Hábil]
Constituição: 5 [Regular]

Agilidade: 257
Oportunidade de Ataque: 3
Redução de Dano: 0%

Conhecimentos



Proficiências:
Armadilhas Akira pode confeccionar, armar e desarmar armadilhas simples. Pode ser combinada com outras proficiências, criando assim armadilhas complexas.
Criptografia Akira é capaz de criar e quebrar códigos.
Furto Akira é capaz de retirar pequenos objetos da posse das pessoas sem que elas percebam.
História Akira conhece marcos importantes da história da humanidade, além disso, após uma breve pesquisa, pode descobrir a história da ilha em que se encontra.
Investigação Através de provas e evidências Akira é capaz de deduzir um fato que já ocorreu e seguir pistas existentes para solucionar um enigma.

Profissões:
ArqueólogoProficiências Relacionadas: Armadilhas, Avaliação, Criptografia, Geografia, História, Investigação, Lógica, Ocultismo e Sociologia.
Descrição: Os arqueólogos são aqueles que estudam as sociedades, culturas e a história da humanidade por meio de textos, vestígios e experiências. Arqueólogos conseguem compreender e decifrar linguagens antigas, além de saber identificar artefatos que eventualmente sejam capazes de encontrar.
Bônus: Arqueólogos são os únicos capazes de encontrar o caminho para as ilhas do céu que não tem sua existência divulgada publicamente, além disso, também são os únicos que podem interagir com os Poneglyphs.

Mascotes


Nome do Mascote
Animal: - X -
Altura: - X -
Peso: - X -
Porte: - X -
Raridade: - X -
Aparência: - X -
Personalidade: - X -
Atributos: - X -

Comandos:
- X -

Estilos de Combate



Ceifador:
Nome do EdC: Ceifador
Bônus de Atributo: 40 pontos em Força, 40 pontos em Acerto e 40 pontos em Reflexo multiplicados pelo nível do personagem.
Descrição: Akira é especialista em combates de curta e média distância, podendo utilizar armas como Foice, Gadanha, Kama e similares.

Kami no Tekken:
Nome do EdC: Kami no Tekken
Bônus de Atributo: 40 pontos em Força, 40 pontos em Acerto e 40 pontos em Reflexo multiplicados pelo nível do personagem.
Descrição: Esse estilo de combate é bastante comum nos celestiais que viviam na Red line, mas todos os celestiais têm a capacidade de aprender a controlar sua Piromancia. Com partes de seu corpo concentradas de fogo, o estilo é famoso pelo controle na batalha, para dominar os adversários antes de atingir um golpe fatal, Akira desfere chutes e socos rápidos e giratórios de forma bastante ofensiva, assim como usa de suas asas numa tentativa de espalhar suas poucas chamas pela zona de combate; as chamas, no entanto, abrangem até 1,5 metros do corpo do celestial.

Técnicas


Nenhuma por enquanto.

Haki da Obervação


Não despertado.

Haki do Armamento


Não despertado.

Haki do Rei


Não despertado.

Berries: 00.000 ฿S

Itens


Cabeça:
- X -

Pescoço:
- X -

Tronco:

[Ficha] Akira Harukawa HTB1Mr55a0LO8KJjSZFxq6yGEVXaU

Arma: Crimsoon
Descrição: Uma foice de modelo incomum, com uma lâmina de coloração negra e fio vermelho como sangue, seu bastão possuindo um tom acinzentado junto a figura de quatro luas sobrepostas no topo, seguindo na ordem de cores preto, branco, vermelho e preto novamente. A foice alcança cerca de 1,70 cm de altura, com sua lâmina tendo metade disso em comprimento curvado. Além da própria arma, acompanha-se uma alça para facilitar o seu transporte e ataduras envolta da lâmina para evitar acidentes.
Tipo da Arma: Acuidade
Qualidade: Clássica
Durabilidade: Baixa
Dano: +40 pontos em Força multiplicados pelo nível do personagem.
Estado: Nova

Braços:
- X -

Mãos:
- X -

Pernas:
- X -

Pés:
- X -

Armas:

[Ficha] Akira Harukawa (Coloque o link da imagem escolhida aqui)

Arma: ~x~
Descrição: ~x~
Tipo da Arma: ~x~
Qualidade: ~x~
Durabilidade: ~x~
Dano: ~x~
Estado: ~x~

Inventário


10 U

Nome do Item:
Espaço:
Descrição:

Embarcações


Nenhuma por enquanto.

Menções no Jornal


Nenhuma por enquanto.

Photoplayer



Rimuru Tempest (Tensei Shitara Slime Datta Ken):

[Ficha] Akira Harukawa ?imw=506&&ima=fit&impolicy=Letterbox&imcolor=%23000000&letterbox=false

Universo Envolvente



Aventuras:
1. [url=link da aventura]nome da aventura[/url]
Extras:
1. [url=coloque o link aqui]Tipo (Conto/Inimigo/Evento/etc) - Nome do Tópico[/url]

Relações



Players:
Nome: ~x~ (Nome da Conta)
Conheceram-se: ~x~
Intimidade: ~x~
Descrição: ~x~

NPCs:
Nome: Shizumi Ikama
Conheceram-se: A caminho do West Blue
Intimidade: Irmã (consideração)
Descrição: Uma pequena garota de raça híbrida, entre um humano e uma sereia-lula, que Akira resgatou no momento da grande fuga de escravos do navio pertencente a Centelha. Mostra-se uma pessoa de coração genuíno e infantil, embora ainda demonstre traços de sadismo e zombaria; no entanto, seu apego pelo Harukawa é tanto que ambos passaram a se chamar de irmãos, possuindo desde então uma relação de irmandade e parceira inquebrável.

Nome: "Moriarty"
Conheceram-se: A caminho do West Blue
Intimidade: Inimigo/Rival?
Descrição: Um jovem rapaz humano que trabalha como um dos comandantes mais influentes da organização Centelha. Moriarty demonstra pouquíssima compaixão e tolerância para com o infame traidor, mesmo que tempos atrás tenham sido colegas que trabalharam lado-a-lado, frequentemente enviando assassinos e caçadores para exterminar com a vida do Harukawa. Esse último, por outro lado, não parece guardar nenhum rancor do comandante impiedoso, mostrando até certo ponto querer convencê-lo de que a vingança não trará a recompensação que deseja.

NPCs Importantes:
Nome: ~x~
Conheceram-se: ~x~
Intimidade: ~x~
Descrição: ~x~



Link da sua Instrução ou última ficha: Mizushima Mika.
Skÿller
Ver perfil do usuário
Imagem : ALOU TESTANDO O TESTE TESTADOR DE TESTES TESTADOS
Créditos : 25
SkÿllerSoldado
https://www.allbluerpg.com/t272-annabelle-petit-barozzi https://www.allbluerpg.com/t303-voice-of-the-soul#875
Re: [Ficha] Akira Harukawa Qui Set 16, 2021 4:11 pm

_________________

[Ficha] Akira Harukawa O0yljIK

[Ficha] Akira Harukawa WhdRXxk

Fala Annabelle
Pensamento Annabelle
Fala Lilith