Bem-vindo ao

All Blue

É com muito prazer que lhes damos os comprimentos ao nosso RPG. All Blue se trata de um RPG narrativo com o ambiente principal centrado em One Piece, obra de Eiichiro Oda.
Se divirta nessa nova aventura e se torne o novo rei pirata... Se puder!

Últimos assuntos
[Ficha] Dimitri RomanovOntem à(s) 11:31 pmporRedPandaÚltimo Baile Antes da GuerraOntem à(s) 11:06 pmporMendoncaBad KarmaOntem à(s) 11:06 pmporMendoncaIII - RagnarökOntem à(s) 10:45 pmporJean FragaNoturno ArtificialOntem à(s) 10:38 pmporShioriAkane NanamiOntem à(s) 10:28 pmporNoskire3 - Don't Stop Me NowOntem à(s) 10:28 pmporNoskireGrupo 6 - Akane, Agni e Aika Ontem à(s) 10:05 pmporNarrador De EventosCabras da Peste, Vol 5 - A face da desordemOntem à(s) 9:57 pmporSubaéZayn & suas gostosas!Ontem à(s) 8:37 pmporAki

Anjo Caído

Página 2 de 2 Anterior  1, 2
Kenshin
Imagem :
Anjo Caído - Página 2 Ahri
Créditos :
00
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t360-agatha-harkness https://www.allbluerpg.com/t2343-capitulo-i-poesia-com-uma-espada
Kenshin
Desenvolvedor
Anjo Caído Sex Set 17, 2021 9:51 am
Relembrando a primeira mensagem :

Anjo Caído

Aqui ocorrerá a aventura do(a) Civil Akira Harukawa. A qual não possui narrador definido.

_________________

Anjo Caído - Página 2 J09J2lK

"Ah, mas eu não quero ter dois caminhos ou ah, mas eu não quero ter caminho nenhum. Ué, você já pode porra, a única coisa que te impede de fazer isso é ser zé metinha e querer ficar comparando o tamanho do pau com o coleguinha pra compensar o ego frustrado." - Luquinhas, 2022

Revescream
Imagem :
Anjo Caído - Página 2 6702d0767608844f05048b08507ee065f13a5097
Créditos :
24
Localização :
Na Federal.
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t1996-shin-d-ousama#21275 https://www.allbluerpg.com/t1999-episodio-i-entre-o-paraiso-e-o-submundo#21318
Revescream
Associado
Re: Anjo Caído Ter Out 19, 2021 8:39 pm
Akira Harukawa


ANJO CAÍDO
Falas | Pensamentos | Técnicas

O celestial arqueava uma sobrancelha em reação ao que escutava, não somente pela extensa lista de pedidos e itens questionáveis do funcionário, como também buscava compreender para quais finalidades cada uma daquelas coisas serviria. "Para três pessoas? Isso é muita coisa..." Relutava internamente, porém, ao ouvir as condições que o mais velho impusera a tensão aumentou rapidamente entre ambos, levando-os a empunhar suas armas no auge da situação. "Merda... Até essa noite... Não tem dúvidas, ele também vai..!"

Acoplaria sua foice novamente às costas, sinalizando que não iria mais continuar com aquela hostilidade, embora não afrouxasse seu aperto da sacola com os frutos de seus roubos dentro. Um suspiro de insatisfação acompanhava o aceno de comprovação, além do revirar de olhos que seguia com a permissão concedida de sair dali rumo a outro local desconhecido. — Sua disposição a continuar me aborrecendo é incrível; espero que outros ladrões estejam assaltando aquela maldita loja durante sua ausência. — Esbravejava em murmúrios, o suficiente para que suas palavras fossem ouvidas pelo mais alto. Mesmo que não fosse um gênio, Akira ainda era um prodígio, bastava ligar as informações que acumulou durante todo aquele dia para deduzir o propósito do moreno pelo qual já desprezava completamente. Com uma de suas mãos Akira pegava os dois objetos que havia provocado todo aquele incidente, entregando-os ao outro rapaz com muita má vontade. — Enfim, vamos logo, já disse que não tenho o dia inteiro...

Sem rodeios, o celestial rumaria na direção em que o humano indicasse; vindo de Akira, o silêncio era uma escolha insuportável de engolir, mas pela primeira vez não encontrava nenhuma razão para acrescentar em sua fala. No entanto, enquanto prestaria atenção em sua trajetória e cenários que lhe fossem revelados, com o sangue esfriando da adrenalina, outro detalhe que parecia estar anestesiado até aquele momento começaria a lhe arrancar alguns grunhidos: as escoriações. Durante a caminhada, Akira pressionaria seus braços nas regiões que lhe causavam tal ardência dolorosa, visando amenizar sua aflição durante a transição, e começaria a jogar mais peso da sua perna ruim para a boa, tentando não piorar ou angustiar ainda mais o ferimento maior, mesmo que isso lhe custasse a visão de estar um pouco manco.

Quando chegasse ao local, Akira se viraria para o moreno com outro seus semblantes meigos aborrecidos. — Então, o que exatamente vai me ajudar aqui?


Considerações:

Ponto-Situação do Personagem:

Técnicas/Habilidades:


_________________

Anjo Caído - Página 2 Imagem19

"Eu não sou arrogante. Arrogante é você que pensa estar no mesmo nível que eu."
Koji
Imagem :
Anjo Caído - Página 2 LwWfclL
Créditos :
45
Localização :
Sirarossa
Ver perfil do usuário https://www.allbluerpg.com/t764-harvey-abgnalle#6176 https://www.allbluerpg.com/t1500-perpetuos-i-malfeito-feito#17594
Koji
Avaliador
Re: Anjo Caído Sex Out 22, 2021 2:34 am


Anjo Caído - 8
13:59 / Sirarossa



Insatisfeito com a própria situação, Akira não podia fazer nada na sua situação atual. Com o corpo ferido e sua movimentação comprometida, uma luta contra alguém visivelmente experiente não seria a melhor das opções a ser tomada pelo garoto de cabelos azuis. Vivido o suficiente para ver o que deveria fazer em seguida, Harukawa não hesitava em abaixar a própria arma e seguir os pedidos de seu tirano, entregando-lhe, além de tudo, os itens roubados na sacola após ouvir as exigências do homem. O seu humor, apesar de sempre descontraído e meigo, se mostrava hostil e desgostoso em relação àquele homem.

— Nós somos os ladrões, rapaz. — retrucava de maneira serena o moreno que agora o seguia pelas costas. Seu olhar alto e nariz empinado não podiam ser abalados por nada senão o estado deplorável do menino que se deixava mostrar a mancada enquanto distribuía seu peso de maneira desigual entre as pernas. Além disso, tentava engolir o desconforto dos arranhões e lacerações no resto de seu corpo como ombros, mãos e quadril; toda aquela situação não ajudava em nada a deixar seus pensamentos mais pacíficos.

Pior ainda para si mesmo, caía a ficha da verdade: aquele homem e mais algumas pessoas iriam roubar a joia naquela noite, e isso era um fato imutável. Disposto a engolir suas palavras - pelo simples fato de não edificar em nada mais expressões saindo de seu sangue fervido -, o jovem apenas seguia o caminho que aquele ladrão misterioso lhe indicava. Talvez até mesmo ficasse um tanto impressionado ao ver que estavam retornando à loja de anteriormente, com seu vidro sendo varrido por um terceiro indivíduo nunca antes visto: um garoto careca, de aparência franzina e meiga que acenava para a dupla antes que entrassem pela porta, ouvindo seu característico sino.

— Mary! Feche a loja por enquanto. Tampe com plástico o buraco na vitrine. — comandava a bela loira atrás do balcão, que apenas seguia as ordens sem dizer nada. O moreno não parava por um segundo sequer, levando Akira para uma porta ao lado do balcão que levava até um cômodo mais guardado do resto dos clientes. Este era da metade do tamanho da loja, possuindo uma mesa oval no meio com cinco cadeiras dispostas de maneira desleixada por ali. Em cima dessa grande bancada, cigarros mal apagados exalavam fumaça que impregnava o ar e alguns copos mostravam o resto de uma confraternização.

Estando na sala, assumia uma postura mais relaxada, sentando-se na extremidade e colocando seus pés calçados sobre aquela mesa de mármore negro. Olhava atentamente para Akira, permitindo-o ter uma visão mais privilegiada da sala, vendo agora paredes repletas de manchetes de jornal e traços para planos que não cabiam ao conhecimento de Harukawa naquele momento. — Carol, por favor, cuide do pé desse moço. — falava, ainda calmamente, para uma mulher ruiva e de beleza incomparável, que aparecia de um canto obscuro da sala.

A mulher saía do local no momento que a ordem era lhe dada, mas por algum motivo, não causava estranheza no moreno que ainda não se identificara. — Sente-se e relaxa. Eu tenho uma proposta para fazer. — pegava uma adaga de seu bolso e começava a brincar com a lâmina entre os dedos, enquanto inclinava a cadeira em que sentava, mostrando ter uma hierarquia elevada pelo local. — Considere leniência. — terminava, denominando seu tom durante aquela conversa. — Você tem duas opções aqui. — agora fitava, novamente, os olhos amarelos de Akira, esperando uma reação diferente da de ódio.

— Roube seu uniforme e equipamentos e seja nosso quinto membro nessa operação. Você pega seu foguete e telescópio, além da joia se quiser. — desviava um pouco seu olhar, voltando-o para o garoto antes de dizer a última proposta. — Roube os itens que eu falei e leve o que você deseja, mas fica sem a joia. — se levantava do seu assento agora, ainda brincando com sua adaga. Seu metal brilhava em contato com a luz fraca que iluminava aquele lugar obscuro, mostrando um cuidado maior com essa peça.

— Pode parecer estranho... sim. Mas o que queremos passar é uma ideia. — enquanto falava, virava as costas e caminhava tranquilamente pela sala, sem contato direto com seu novo conhecido. — Os ricos, abastados, torturadores e estupradores que estão naquele evento hoje são vulneráveis. A joia é apenas... uma pedra. — pausava para analisar a expressão do menino com madeixas azuladas. — O que nos importa aqui é o pensamento de base que nossa ação pode proporcionar aos inúmeros desprivilegiados de Sirarossa. — terminava, ao mesmo tempo em que o resto da equipe entrava pela sala; inclusive a ruiva com um kit de primeiros socorros que se dirigia diretamente para Akira. — O que você prefere, garoto? — seus olhos, agora mais profundos que nunca, encaravam o garoto à procura de uma resposta.


Histórico:

Legenda / Npc's:

Considerações:

   Code by Arthur Lancaster

     
    

_________________

Anjo Caído - Página 2 HOpKYkQ


Curso narrador All Blue, turma de Janeiro 2021: