Tópicos Recentes
Destaques
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Vago
Últimos assuntos
Ascensão Pirata - O início.Hoje à(s) 12:01 pmpor  FormigaRaavaHoje à(s) 11:36 ampor  RemenufRegistro de PhotoplayerHoje à(s) 9:58 ampor  FormigaOperação T.N.C.T.O.N.I.Hoje à(s) 2:25 ampor  PepeTerra em TranseHoje à(s) 2:10 ampor  AchilesAnjo CaídoHoje à(s) 1:25 ampor  KojiRelações Beni : )Hoje à(s) 1:19 ampor  BenisuzumeOs Monarcas - I Efeito BorboletaHoje à(s) 12:34 ampor  O TaverneiroSolomonOntem à(s) 11:43 pmpor  RangiAs Crônicas dos Scavenger: A Leoa, o Louco, e o MudoOntem à(s) 11:42 pmpor  Koji
Página 1 de 2 Página 1 de 2 1, 2  Seguinte
Oni
Ver perfil do usuário
Imagem : https://imgur.com/jdWyY7Q.gif
Créditos : 00
[TUTORIAL] - ONI Dom Maio 30, 2021 1:44 pm
Nome: Saruhel
Idade: 14
Raça: Celestial
Gênero: Masculino
Localização: Minion Island - North Blue
Estilo de Combate Básico: Bárbaro
Mão Predominante: Esquerda
Qualidade: Carismático
Defeito: Atormentado
Photoplayer:
[TUTORIAL] - ONI A47be7920b46e7488ee00447b13bd994
TheRealBlind1
Ver perfil do usuário
Imagem : [TUTORIAL] - ONI OKuPL6l
Créditos : 05
Re: [TUTORIAL] - ONI Ter Jun 08, 2021 11:43 am
TUTORIAL APROVADO

Bem vindo ao All Blue RPG, a partir de agora eu serei seu Instrutor, irei lhe ensinar o básico sobre o fórum. O primeiro post é seu e peço desde já que se atente a sua mini ficha para trabalhar bem suas qualidades e defeitos durante a narrativa. Qualquer dúvida que tiver pode mandar MP que irei responder o mais rápido possível. Segue abaixo algumas informações importantes:

● A ficha usada para o tutorial é exclusiva dele e não precisa ser reaproveitada na sua ficha oficial, que pode ser completamente diferente. Mas nada lhe impede de usar o mesmo personagem.

● O fórum parte da premissa de evitar ao máximo God Mode, ou seja, que o jogador, controle NPCs e cenários. Em resumo evite descrever coisas como “O sol estava forte”, “Era uma manhã fria”. Não é um problema você dizer que acordou ou que está em casa, porém evite criar coisas.

● Uma dica importante para todos é que apesar de não se poder narrar cenários, ou controlar NPCs você pode procurar coisas e interagir com elas colocando a possibilidade de encontrar tais coisas. Exemplo: “Iria levantar e ir até a geladeira da casa, procuraria dentro dela uma maçã e se encontrasse uma já metia aquela bela mordida”

● Recomendo que consulte o Guia de Narração, Guia do Novato e Guia de Combate. antes de realizar o primeiro post.

● Por fim, sempre atente-se ao post de seu Instrutor e as dicas que ele der com cuidado, elas podem ajudar muito você a se guiar no fórum.
Oni
Ver perfil do usuário
Imagem : https://imgur.com/jdWyY7Q.gif
Créditos : 00
Re: [TUTORIAL] - ONI Qua Jun 09, 2021 10:45 am


''Você não é nada sem ele'' Foi a voz que lhe despertou.

Piscou devagar, confuso. Ainda não havia sido apresentado para aquela voz em específico, e isto era algo que costumava lhe acontecer de tempos em tempos.

As vozes simplesmente surgiam e só desapareciam quando ele conseguia provar que elas estavam erradas. Algumas lhe acompanhavam fazia anos. Outras duravam apenas alguns meses. Diversas apenas sumiam após conversar com seu mestre, que lhe mostrava a forma de certa de calá-las... Mas ele sumira já havia uma semana.

''Você sempre pedia a ajuda dele pra tudo. Desde que caiu do céu... E agora ele foi embora.''

Saruhel levou a mão às têmporas em desespero, pregando as pontas dos dez dedos na cabeça como se buscasse arrancar a voz dali de dentro.

- Cala a boca... - Falava cansado. Seus olhos eram de cansaço e tristeza. Os ombros pesavam. Mas a voz não tinha pena... Apenas persistia. Não na forma de sons, mas na exata forma dos pensamentos não traduzidos em palavras, coçando sua têmpora por dentro, a própria sensação mal-assombrada do fracasso.

''Não ouça esse novato idiota.'' Uma voz antiga lhe retrucava. Ele tinha medo de batizá-la com receio de fazê-la sentir-se bem-vinda. Ela lhe acometia de tempos em tempos, e apenas o deixava em paz quando fazia algo de radical e extremo. ''Quero dizer... Você nunca precisou dele. Ele sempre te fez esconder as asas. Nunca te deixava comer feijão depois da meia-noite. Sempre discordava de mim..''

Em mais uma disputa matinal, Saruhel tinha de decidir em qual das duas vozes acreditar; Ou na novata que o impedia de seguir em frente, ou na antiga, insana e ousada que lhe atormentava como um diabo no ombro.

- E qual a sua sugestão? - Ficou durante alguns segundos a ouvindo. Calculando suas sugestões. Franzindo o cenho e apertando as pálpebras conforme era convencido... - Érm... Acho que sim. Aham... É, talvez... Bom, se for para você parar de me encher o saco....

Sairia em rumo de uma loja de armas. Procuraria por machadinhas dentro de um preço que julgasse justo e as pagaria. - Você sabe onde posso arranjar um cartaz de recompensa? - Falaria exatamente na ordem em que a voz lhe mandara falar para o atendente, após comprar as armas. Costumava fingir não estar ouvindo nada, usando o seu carisma para não transparecer o completo louco que era.

Seguiria a indicação ou procuraria por algum outro local onde pudesse conseguir a informação. Uma vez diante dos cartazes, os encararia, avaliando... ''Ele era um ótimo caçador. Você sempre precisava da avaliação dele antes de se adaptar à caça... E então, quem você vai escolher hoje? Talvez o mais fraco? Para começar?'' A voz nova lhe escarnecia.

''Não, Nimbus.'' a Ousadia lhe falava, chamando-o por um apelido que seu antigo mestre, aquele que o criou desde que caiu do Céu e o ensinou tudo o que sabia costumava usar. ''É melhor que escolha a mais divertida de todas.'' sem perceber, o garoto sorria ouvindo aquela voz. Perigosamente animado. ''Pois nós seremos os maiores caçadores do mundo. E para isso, precisamos nos adaptar a qualquer presa.''

Escolheria um cartaz aleatoriamente. ''Você vai morrer hoje...''

TheRealBlind1
Ver perfil do usuário
Imagem : [TUTORIAL] - ONI OKuPL6l
Créditos : 05
Re: [TUTORIAL] - ONI Qua Jun 09, 2021 10:51 pm


[TUTORIAL] - ONI DkI2H3
Narração

As vozes na mente de Saruhel se digladiavam para ver qual delas assumiria a preferência do celestial. A mais nociva insistia no argumento de que "sem ele" Saruhel não era nada e a outra, em contrapartida, amenizava dizendo que ele nunca dependeu de ninguém para ser capaz, nem mesmo do seu mestre. Seria esse o momento de seguir com a sua jornada e imaginar como ele gostaria de ser visto por seu mestre e como poderia honrar suas memórias.

O céu estava claro e ensolarado, mas a neve continuava intocável e a temperatura estava na casa dos 10º graus quando o celestial resolveu deixar a sua casa e procurar uma loja de armas. Ao chegar ao seu destino inicial, uma loja de nome Zeus. Ali pôde se deparar com um vendedor em uma cadeira recostado em uma parede lendo uma edição do Seagull Newspaper. — Histórico alguém ter conseguido vencer os portões da justiça com tanta facilidade. — Comentou dobrando o jornal em algumas partes com a interrupção do bárbaro.  

Sem a intenção de ver sobre as principais noticias que repercutia no mundo o celestial foi direto ao ponto e indicou para o homem através de gestos a arma de sua preferência. — 125.000 ฿S. — Anunciou o valor do machado, de aproximadamente 40 centímetros, e recolheu a quantia. Com a pergunta feita por Saruhel o vendedor pareceu se espantar. — P-por que eu saberia de uma informação como essa? S-sou um mero vendedor de armas. — Tratou de dispensar o caçador, retornando para a sua cadeira e tampando o seu rosto com o jornal.

Devidamente armado, mas com uma quantia restante de 125.000 ฿S, o bárbaro saiu em busca de alguém que pudesse fazer a mesma pergunta. Foi quando interrompeu o sono de um homem do lado de fora de um bar, homem esse que tinha uma barba cheia, de serralheiro, usava uma toca que cobria suas duas orelhas e fumava um charuto e grande aliado naquela cidade quando o assunto é aquecer o corpo. — Zhao da loja de armas Zeus. — Respondeu meio que ainda sonolento, talvez nem tivesse entendido a pergunta, mas isso poderia explicar o porque do homem ter gaguejado.

Retornando à loja Saruhel notava que a placa antes voltada para o lado Aberto agora estava como Fechado, mas ao olhar para o interior pela porta de vidro ele conseguia ver a luz acesa e o homem arrumando suas prateleiras. Ao abrir a maçaneta e ter a certeza de que estava aberta, foi confrontado pelo homem. — Eu imaginei que pudessem dar o meu nome, só achei que levasse mais tempo, pelo menos serviu como um teste. — O homem foi para trás do seu balcão e retirou três cartazes de trás de uma pilha de edições do Seagull. — Você é um caçador de recompensas? Qual rank você pertence? — Perguntou. — Tenho disponível os seguintes cartazes, Asa "Deslizamento de Terra" com nível de Rank-A, Tominaga Norie "Pequena" Rank-B e o mais fácil, mas não menos perigoso, Dalius "o Prefeito". — Colocaria os cartazes na altura do balcão para a sua escolha e para sanar as dúvidas que tivesse.
 

Considerações:
Olá! Primeiramente quero registrar as minhas boas-vindas, espero que você desfrute do fórum e se divirta em primeiro lugar. Sem mais, vamos ao trabalho.

Gostei do personagem, achei que ficou fantástica a interpretação do Defeito, meus parabéns. A única dica que eu tenho é que explore mais as falas do personagem, senti falta pelo menos no momento de comprar o item e quando o personagem sai em busca de um local que encontrasse informações. Do mais, vamos pra cima!

Oni
Ver perfil do usuário
Imagem : https://imgur.com/jdWyY7Q.gif
Créditos : 00
Re: [TUTORIAL] - ONI Sex Jun 11, 2021 2:12 pm


Conforme Zhao falava sobre fugir e não voltar mais e demonstrava uma atitude extremamente paranoica, o garoto celestial franzia o cenho e arrastava o pé para trás, prestes a fugir. A ponta da sola deslizava devagar, como se ainda incerto sobre o que fazer... A mão flutuava cuidadosa conforme girava a cintura em direção à porta, os ombros suspensos em atenção como um animal selvagem. ''Isso... Fuja.'' ''Não!! Mate-o...''

As vozes apenas serviam para deixá-lo ainda mais confuso. Entretanto, o que realmente foi confuso foi receber o dinheiro de volta e poder continuar com a arma. - Han.. Hm... Obri-Obrigado... - Disse e então saiu correndo da loja.

''Que espécie de Caçador você vai ser assim?'' a ousadia enojada contestava o garoto assustado, que apenas mantinha uma expressão de confusão com a testa completamente enrugada andando sobre a neve.

As coisas aconteceram rápido demais logo que chegou na Cidade Fantasma. Ficou apenas batendo os dentes de frio e olhando para a criança que estivesse falando no momento, sem emitir muitas reações.

- Obri..Obri...Obrigado.... - Diria tremendo enquanto aceitava o casaco. Logo o vestiria e buscaria respirar e alisar os próprios membros afim de espantar o frio. - Eu não quero ir até o Porto. - Diria.

''O que vai fazer, moleque? Caçar o prefeito que cuida dos órfãos mesmo assim?''[i] perguntava a voz que buscava impedi-lo de continuar a caça. [i]''Você já esteve na mesma posição que eles. O Agente cuidou de você, te enchia de ensinamentos idiotas e regras estúpidas e então um dia sumiu. Se matá-lo, estará libertando eles. É um favor.''

- Eu soube que se viesse aqui.... Poderia conseguir uma família. - Responderia sem pensar, ignorando as duas vozes. Sequer sabia se queria começar a caça naquele momento, ou realmente encontrar crianças novas. Tudo o que sabia era o que seu mestre lhe ensinara: O primeiro passo para capturar uma presa era entender a sua natureza. As vozes queriam controlar muito o futuro... Saruhel apenas queria compreender o presente. Talvez, quem sabe, terminasse caçando o Prefeito. Mas antes precisava compreender a presa. O que disse sobre a família não era totalmente mentira, muito embora tenha dito principalmente por saber que seria exatamente aquilo que iria querer ouvir se estivesse na situação deles (na qual já esteve). - Eu quero conhecer o que fazem aqui. - Falaria com seu carisma natural.

Seguiria os garotos para onde quer que fossem, os ouvindo e observando. Pareciam ter bastante em comum.



Última edição por Oni em Qua Jun 16, 2021 12:25 pm, editado 1 vez(es)
TheRealBlind1
Ver perfil do usuário
Imagem : [TUTORIAL] - ONI OKuPL6l
Créditos : 05
Re: [TUTORIAL] - ONI Seg Jun 14, 2021 9:40 pm


[TUTORIAL] - ONI DkI2H3
Narração

Um fato raro. Sim, aquelas duas vozes que comumente se opõe pela preferência de Saruhel pareciam concordar que aquele vendedor era o perigo em pessoa. — Primeira caça?! Não sei não, talvez você deva procurar outra carreira, filho. — Ponderava o homem, segurando o cartaz sob o balcão. — Famoso? E porque eu nunca ouvi falar sobre você, hein? E onde estão essas pessoas poderosas? — Eram algumas das contradições encontradas pelo experiente caçador.

— O Prefeito é um criador de soldados do Exército Revolucionário que atua recrutando jovens exilados socialmente, como órfãos e delinquentes juvenis, e onde suas próprias famílias acabam não enxergando futuro neles, ele as torna altamente capazes. Se fosse para eu arriscar, diria que ele se encontra na Cidade Fantasma ou em sua proximidade. Acredito que se você usar a sua pouca idade e um pouco de criatividade pode chegar até ele. — Acrescentava mais informações sobre o seu alvo.

— Se você ver que vai falhar fuja imediatamente, corra e não pare mais, corra até que o seu pulmão pare. Não se preocupe comigo, eu sei como me defender, mas se por ventura... — Ele fazia uma pausa dramática. — ...Alguém vier até mim eu saberei quem foi que me entregou. — Disse em um tom ameaçador. — Siga para Oeste e quando não ouvir nada e nem ninguém saberá que chegou ao seu destino. — Sem mais para informar, Zhao devolveu a quantia que cobrou pela arma junto ao cartaz como um sinal de cortesia.    

[...]

Como deixado subentendido por Zhao, o caminho se mostrou tranquilo, rasgado em pedaços pelos elementos. A cidade de aparência nítida e limpa agora parecia mais uma selva enquanto árvores e jardins cobertos por neve cresciam além de seus limites. A maioria das portas ainda estava em seus quadros como se nada tivesse mudado. Algumas estavam entreabertas, talvez pela pressa da partida. O silêncio só foi quebrado pelo som animal ocasional, rajada de vento e a criatividade de algumas crianças.

— PLAC-PLAC! BRRRRRR! GRRR! — Logo em sua chegada, Saruhel poderia ouvir alguns barulhos que poderiam fazer alusão a de um fantasma, como o nome da cidade sugeria.

— HAHAHAHAHA! — Um estraga prazeres quebrou o clima de suspense. — Me desculpem galera, mas eu nunca resisto. — Completou.
— Idiota. — Lamentou uma voz feminina.
— Não vejo ninguém com ele, capitão. — Disse uma terceira voz do alto de um telhado, muito provavelmente uma sentinela.
— Ele deve estar morrendo de frio. — Disse a mesma voz feminina de antes.

Se ignorasse o frio que fazia e parasse para prestar atenção nas vozes poderia confirmar não mais do que três vozes diferentes e todas infantis. Verdadeiramente Saru havia acabado de cair em uma peça de um grupo de crianças.

— Me dê isso aqui. — Um garoto maior e mais forte saiu de dentro de uma construção abandonada com uma blusa em mãos e se aproximou de Saru. — Como veio parar aqui nesse fim de mundo? — Olhando em suas órbitas você poderia enxergar um mar escuro de vazio. Paralelamente a ele, outras três crianças davam as caras. O mais velho, aquele que lhe entregou o agasalho, não tinha mais do que quatorze anos de idade.

— Se você seguir para o Norte, não mais do que quinze minutos, chegará até Porto, a condição de vida lá é melhor. — A blusa foi entregue na altura do seu peito.
— Ele pode fazer parte do nosso grupo, capitão, que tal? Podemos apresentá-lo para o Prefe... — Foi interrompido um garoto gordinho, o mesmo que havia quebrado a peça de antes. — Não devemos dizer esse nome, idiota. — A garota deu um safanão no seu colega.
— Isso aqui não é vida, é um castigo, e eu não aceitarei que mais ninguém faça parte disso. — O mais velho insistia para que Saruhel fosse embora o mais rápido.  
 


Considerações:
Muito bem, vamos seguir!

Oni
Ver perfil do usuário
Imagem : https://imgur.com/jdWyY7Q.gif
Créditos : 00
Re: [TUTORIAL] - ONI Qua Jun 16, 2021 12:26 pm


Conforme Zhao falava sobre fugir e não voltar mais e demonstrava uma atitude extremamente paranoica, o garoto celestial franzia o cenho e arrastava o pé para trás, prestes a fugir. A ponta da sola deslizava devagar, como se ainda incerto sobre o que fazer... A mão flutuava cuidadosa conforme girava a cintura em direção à porta, os ombros suspensos em atenção como um animal selvagem. ''Isso... Fuja.'' ''Não!! Mate-o...''

As vozes apenas serviam para deixá-lo ainda mais confuso. Entretanto, o que realmente foi confuso foi receber o dinheiro de volta e poder continuar com a arma. - Han.. Hm... Obri-Obrigado... - Disse e então saiu correndo da loja.

''Que espécie de Caçador você vai ser assim?'' a ousadia enojada contestava o garoto assustado, que apenas mantinha uma expressão de confusão com a testa completamente enrugada andando sobre a neve.

As coisas aconteceram rápido demais logo que chegou na Cidade Fantasma. Ficou apenas batendo os dentes de frio e olhando para a criança que estivesse falando no momento, sem emitir muitas reações.

- Obri..Obri...Obrigado.... - Diria tremendo enquanto aceitava o casaco. Logo o vestiria e buscaria respirar e alisar os próprios membros afim de espantar o frio. - Eu não quero ir até o Porto. - Diria.

''O que vai fazer, moleque? Caçar o prefeito que cuida dos órfãos mesmo assim?'' perguntava a voz que buscava impedi-lo de continuar a caça. ''Você já esteve na mesma posição que eles. O Agente cuidou de você, te enchia de ensinamentos idiotas e regras estúpidas e então um dia sumiu. Se matá-lo, estará libertando eles. É um favor.''

- Eu soube que se viesse aqui.... Poderia conseguir uma família. - Responderia sem pensar, ignorando as duas vozes. Sequer sabia se queria começar a caça naquele momento, ou realmente encontrar crianças novas. Tudo o que sabia era o que seu mestre lhe ensinara: O primeiro passo para capturar uma presa era entender a sua natureza. As vozes queriam controlar muito o futuro... Saruhel apenas queria compreender o presente. Talvez, quem sabe, terminasse caçando o Prefeito. Mas antes precisava compreender a presa. O que disse sobre a família não era totalmente mentira, muito embora tenha dito principalmente por saber que seria exatamente aquilo que iria querer ouvir se estivesse na situação deles (na qual já esteve). - Eu quero conhecer o que fazem aqui. - Falaria com seu carisma natural.

Seguiria os garotos para onde quer que fossem, os ouvindo e observando. Pareciam ter bastante em comum.

Spoiler:
Sem querer eu editei meu último post ao invés de citar....................... Não sei se tem como recuperar. Erro de noob

_________________

[TUTORIAL] - ONI NHviKSD
TheRealBlind1
Ver perfil do usuário
Imagem : [TUTORIAL] - ONI OKuPL6l
Créditos : 05
Re: [TUTORIAL] - ONI Qui Jun 17, 2021 10:27 pm


[TUTORIAL] - ONI DkI2H3
Narração

Ante a hesitação do mais velho, a menina e o gordinho do grupo abraçaram cada um os braços de Saruhel e mostraram animação com o desejo apresentado pelo celestial. — Sim, vamos formar uma família. — Esboçavam levá-lo a explorar a Cidade Fantasma, mas eram intimados pelo mais velho. — Eu estou falando grego por um acaso?! — Salientou. — Para fazer parte disso você vai ter que passar, antes de qualquer coisa, por cima do meu cadáver. — Insistia o mesmo. — Gen-n-nai. — Mostrava surpresa o gordinho. — Roku-san... Vamos, é melhor não contrariá-lo. — Assentiu a garota, engolindo sua animação a seco e distanciando ambos do caçador.

Para mostrar que estava falando sério o líder do grupo retirava de seus bolsos duas adagas pequenas de 40 centímetros e 19 de lâmina cada. Seu nome era Gennai e ele foi um dos primeiros a ser resgatado das ruas pelo Prefeito. Mas ainda que seja extremamente agradecido por ter pela primeira vez em sua vida um lar para chamar de seu, irmãos que a vida lhe deu e um objetivo a ser seguido, ele ainda se sente injustiçado por não ter tido outras opções na vida ou o amor dos seus pais e não deseja que nenhuma criança tenha o mesmo destino que ele.

Ao convidar Saruhel para o combate, ele não estava nem um pouco preocupado que fosse interpretado como alguém rude ou invejoso, e seus companheiros não se opuseram em demonstração de respeito a ele, pois entendiam seus reais sentimentos. — Se me derrotar eu o deixarei em meu lugar e os meus companheiros te levarão até o Prefeito. Mas caso contrário, você deixará essa cidade e irá para Porto. — Gennai era um garoto alto para a sua idade, possuía 170 centímetros de altura e 68 quilos e as adagas em suas mãos poderiam denunciar um estilo agressivo de sua parte. — Darei o beneficio do primeiro movimento para você, então faça valer. — Preparava-se para o combate.   
 

Considerações:
Não se preocupe com o edit, acredito que o importante é ter tido o post avaliado e aprovado, vamos seguir! Como vejo que você tem alguma facilidade, vamos logo introduzir o combate e superarmos esse tópico. Reafirmo a necessidade de ler o Guia de Combate indicado no post inicial.

Oni
Ver perfil do usuário
Imagem : https://imgur.com/jdWyY7Q.gif
Créditos : 00
Re: [TUTORIAL] - ONI Sab Jun 19, 2021 10:10 pm


- Se eu ganhar, eu viro seu irmão mais velho. - Contrariaria a proposta de Gennai. ''Ei, está falando sério??'' nem mesmo Saruhel saberia dizer. Mas sabia que dizer aquilo poderia significar um alívio para o irmão mais velho daquele pequeno grupo... Ter alguém para suportar o peso com ele... - E, bem, como seu irmão mais velho... Eu deixo o primeiro ataque para você. - Aquela segunda fala seria para desmoralizar o garoto irritadiço e vê-lo tomar a dianteira.

Caso ele caísse na isca do Celestial, Saruhel giraria em torno de si e faria uma movimento diagonal com o machado, de baixo para cima, segurando a arma bem na ponta do cabo, visando usar toda a extensão da mesma para acertar o inimigo antes mesmo de ele se aproximar. Ora, o cabo de um machado era bem maior do que as adagas do adversário, e, se preciso, usaria desta injusta vantagem para derrubá-lo.

Acertando ou não o primeiro ataque, Saruhel giraria mais uma vez em torno de si e desta vez o movimento seria horizontal, visando usar novamente a extensão da arma para criar uma distância entre si e o inimigo.

Caso o mesmo se aproximasse e conseguisse desferir um golpe, visaria deixar a lâmina da arma de lado para que o machado servisse como um escudo, bloqueando os possíveis golpes das adagas usando a extensão do ferro, apoiando a mão na parte não cortante da arma, do lado de trás, para resistir aos golpes.

Se o oponente não avançasse contra ele, Saruhel daria de ombros e tomaria a iniciativa. ''Não, não, não... Ele queria que você atacasse primeiro..''

Ignoraria a voz e mergulharia aos poucos no combate. Agiria por impulso, antes mesmo que qualquer voz pudesse lhe dizer algo... Esta era uma das vantagens de lutar: Aos poucos se libertava das reverberações mentais e se aprofundaria em uma silêncio onde só se podia ouvir aço.

O celestial giraria em torno de si com toda a sua força visando acertar o inimigo com um golpe horizontal na altura da cintura, tornando o mais difícil possível para ele se esquivar. Caso, mesmo assim, o inimigo conseguisse, Saruhel giraria novamente buscando não desacelerar e atingi-lo antes de ser atingido.


_________________

[TUTORIAL] - ONI NHviKSD
TheRealBlind1
Ver perfil do usuário
Imagem : [TUTORIAL] - ONI OKuPL6l
Créditos : 05
Re: [TUTORIAL] - ONI Ter Jun 22, 2021 7:48 pm


[TUTORIAL] - ONI DkI2H3
Narração

Gennai ignorava por completo a provocação de Saruhel e se mostrava irredutível. Como o anfitrião, deveria ser ele a colher o primeiro golpe. Ao não confirmar a sua expectativa, Saruhel investiu dominado pelo impulso e também como uma forma de se tornar menos imprevisível e não permitir que as vozes em sua cabeça o colocassem em dúvida e comprometessem assim o seu resultado em combate.

Como um lenhador prensa a lâmina do seu machado na raiz de um tronco, Saruhel efetuou aquele golpe visando acertar a cintura do seu adversário, mostrando que não estava para brincadeiras. Ainda que as armas fossem muito semelhantes no tamanho, o mesmo não poderia ser dito do peso e as adagas tinham a vantagem de ser mais leves. Em resposta a essa iniciativa, Gennai desapareceu em um rompante, deixando em sua última localização uma deposição de cortina de neve, surgindo atrás do celestial com a lâmina de sua destra no comprimento do seu pescoço. — Você não pode vencer. — Provocou.

Mas Gennai não estava satisfeito, pelo contrário, ao provar e tomar o gosto pela batalha queria deixar claro perante os seus irmãos de pacto a unanimidade de sua vitória. Assim sendo, com a sua experiência em brigas de rua como um delinquente que era, aproveitou da posição vulnerável de Saruhel e realizou um chute com a lateral externa do pé esquerdo na altura do tornozelo esquerdo de Saruhel, vindo a colocá-lo de joelho naquela perna e na sequência emendou um chute horizontal, da direita para a esquerda, com a sua perna direita, na altura do pescoço do celestial que só não o trouxe um prejuízo maior para o caçador de recompensas, pois ele tomou o cuidado acertado ao colocar a lâmina de sua arma na altura do golpe inimigo diminuindo em muito a eficácia do ataque.

Gennai agora se reposicionava a dez metros de distância do caçador, fazendo malabarismos com suas adagas em um ato de exibição. — Eu prometo acabar com tudo no próximo ataque, então se tiver a chance, não a desperdice. — Prometia o seu adversário.
  


Considerações:
Gostei do que eu vi inicialmente, minha expectativa é que finalmente superemos essa mini no próximo turno, para isso capriche bem nesse seu próximo post, belezera? Tente desenhar como o personagem usa o machado, se a pegada é feita com uma única mão ou as duas, procure também sempre pensar em um desfecho para a batalha, favorável ou não. Vamos lá, manda ver!