All Blue RPG

Um RPG narrativo baseado no universo de One Piece, obra criada por Eiichiro Oda.
 
InícioCalendárioFAQProcurarMembrosGruposRegistarEntrar
Últimos assuntos
» [Narrada/Fechada] 1 - Vozes
Ilhas do Kenshin Emptypor Ryanletony Sáb Abr 20, 2024 11:15 pm

» [Narrada/Fechada] Força x Magnética
Ilhas do Kenshin Emptypor Shiro Sáb Abr 20, 2024 12:33 pm

» [Narrada/Fechada] Sigam as Borboletas
Ilhas do Kenshin Emptypor Wesker Sex Abr 19, 2024 7:42 pm

» Zulkras
Ilhas do Kenshin Emptypor Takamoto Lisandro Ter Abr 16, 2024 1:40 pm

» [TUTORIAL] - MAURICE
Ilhas do Kenshin Emptypor Maurice Seg Abr 15, 2024 12:06 am

» [Narrada/Aberta] Lia, a Guerreira do Mar
Ilhas do Kenshin Emptypor mestrej Sáb Abr 13, 2024 6:07 pm

» Cap 1 ~ Piratas Indomáveis em Sabaody
Ilhas do Kenshin Emptypor Blind1 Ter Abr 09, 2024 7:00 pm

» [TUTORIAL] - Erj Euclid
Ilhas do Kenshin Emptypor Erj Euclid Ter Abr 09, 2024 3:28 pm

» [Autonarrada/Fechada] - A Duke's Return and a Queen's Will.
Ilhas do Kenshin Emptypor Kenshin Sex Abr 05, 2024 11:58 pm

» RP Player - Ficha Yang (Douglas)
Ilhas do Kenshin Emptypor Takamoto Lisandro Sex Abr 05, 2024 8:44 pm

» Crie sua Forma Zoan
Ilhas do Kenshin Emptypor Jonas Hatake 007 Sex Abr 05, 2024 7:38 am

» [FICHA] - Kuro Dragunov
Ilhas do Kenshin Emptypor OverLord Qua Abr 03, 2024 9:08 pm

» Mr.Joy
Ilhas do Kenshin Emptypor gmasterX Qua Abr 03, 2024 2:46 pm

» [Ficha NPC Companheiro] Meghan Strongbody
Ilhas do Kenshin Emptypor Tanaka Qua Abr 03, 2024 12:10 pm

» Registro de Photoplayer
Ilhas do Kenshin Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:50 am

» [FICHA] Meera
Ilhas do Kenshin Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:45 am

» Meera
Ilhas do Kenshin Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:45 am

» [FP] - Ajaw "Jack" K'iin
Ilhas do Kenshin Emptypor Mizzu Qua Abr 03, 2024 11:12 am

» [Narrada/Aberta] Mei Homi, Mei Fera. Revo Total
Ilhas do Kenshin Emptypor Sagashi Ter Abr 02, 2024 9:51 pm

» Claire Allim Rac
Ilhas do Kenshin Emptypor King Ter Abr 02, 2024 6:21 pm


------------
- NOSSO BANNER-

------------


 

 Ilhas do Kenshin

Ir para baixo 
AutorMensagem
Kenshin
Desenvolvedor
Kenshin


Imagem : Ilhas do Kenshin VB1QKO4
Créditos : 75

Ilhas do Kenshin Empty
MensagemAssunto: Ilhas do Kenshin   Ilhas do Kenshin EmptyDom Mar 03, 2024 7:47 pm

Raijin


Nome: Raijin
Sistema de governo: Monarquia
Regente:  Imperatriz: Morgana Pendragon.  Guardiã: Nyx.
Densidade populacional:  Média.
Religião: Seguidoras da Medusa
Clima: Tropical úmido, caracterizado por tempestades frequentes, névoas densas e ventos fortes.
Temperatura média: Varia entre 25°C e 30°C ao longo do ano, com pouca variação sazonal devido à proximidade da linha do equador.
Geografia: A Ilha Raijin é um lugar marcado por uma geografia única e desafiadora. Suas costas são rochosas e irregulares, com enseadas profundas que oferecem abrigo aos navegantes corajosos. Ao redor da ilha, tempestades perpétuas rugem, lançando névoas densas e relâmpagos ameaçadores, criando uma atmosfera de mistério e perigo.

No interior da ilha, extensas selvas exuberantes se estendem, densas e cheias de vida selvagem. Montanhas escarpadas se elevam em seu centro, com cavernas ocultas que servem de esconderijo para os piratas e renegados que buscam refúgio da lei.

Nas planícies costeiras, pântanos e rios serpenteiam, criando habitats úmidos e pantanosos para uma variedade de animais selvagens. Essas áreas são tão belas quanto perigosas, escondendo predadores à espreita e desafios para os viajantes.




História


A origem de Raijin está envolta em mistério e mito. Diz-se que foi descoberta por um grupo de piratas lendários, liderados por um capitão destemido conhecido apenas como Capitão Raijin, que desafiou os mares turbulentos do Novo Mundo. A bordo de seu navio, a temível Tempestade Negra, eles navegaram através das densas névoas e tempestades perpétuas que cercavam a ilha, eventualmente encontrando um refúgio perfeito para os renegados e desajustados que buscavam escapar da lei dos mundos civilizados.

À medida que o tempo passava, Raijin prosperava como um paraíso para os marginais e aventureiros destemidos. As costas da ilha foram rapidamente ocupadas por gangues de piratas, cada uma liderada por um capitão feroz e ambicioso, determinado a estabelecer seu próprio domínio sobre as terras selvagens de Raijin.

No extremo norte da ilha, os Piratas da  Mamba, liderados pelo infame Capitão Kusho, estabeleceram sua fortaleza em meio a densas selvas e cavernas sinistras. Sua reputação de crueldade e astúcia os tornou temidos em toda a região, e eles rapidamente subjugaram qualquer um que ousasse desafiá-los.

Ao sul, as costas rochosas foram tomadas pelos Piratas da Tempestade, liderados pelo enérgico Capitão Oojobi. Seu navio, o Rugido do Trovão, rasgava os mares com sua velocidade impressionante, enquanto eles estabeleciam seu domínio sobre os portos e enseadas da ilha. Sua reputação de força bruta e brutalidade os tornou uma força a ser reconhecida.

No coração da ilha, nas terras selvagens e montanhosas, os Piratas Escarlate, liderados pela impiedosa Capitã Leone, ergueram sua fortaleza em meio a picos escarpados e gargantas profundas. Conhecidos por sua devoção à arte da guerra e por suas habilidades marciais incomparáveis, eles rapidamente se tornaram a força dominante na região.

Enquanto as facções competiam entre si pelo controle de Raijin, a tempestade perpétua que envolvia a ilha servia como uma barreira natural, mantendo afastados aqueles que não ousavam desafiar seus perigos. Era um lugar onde apenas os mais corajosos e destemidos ousavam aventurar-se, um refúgio para os renegados e criminosos que buscavam escapar da justiça dos mundos civilizados.

Enquanto as facções competiam entre si pelo controle de Raijin, uma nova ameaça emergia dos mares tempestuosos que cercavam a ilha. A pirata Morgana, liderava um bando temido por sua ferocidade e astúcia. Com seu navio, Morgana e seu bando chegaram à ilha determinados a tomar o controle para si.

Em um golpe ousado, os Piratas de Morgana lançaram um ataque coordenado contra as fortalezas das três principais facções que dominavam Raijin. Com uma estratégia implacável e uma força esmagadora, eles derrotaram os líderes de cada região em uma série de batalhas brutais, trazendo a promessa de uma nova ordem para a ilha.

No extremo norte, os Piratas da Mamba foram pegos de surpresa pelo ataque surpresa de Morgana, e o Capitão Kusho foi derrotado em um duelo épico. Sua fortaleza foi invadida e sua tripulação forçada a se render aos invasores.

Ao sul, os Piratas da Tempestade foram pegos em um confronto naval desesperado com o bando da amazona. O Capitão Oojobi lutou bravamente, mas acabou sendo superado pela habilidade tática da imediata Aria. Com seu navio em chamas, os Piratas da Tempestade foram obrigados a render suas armas.

No coração da ilha, os Piratas Escarlate enfrentaram uma batalha de vida ou morte contra os invasores liderados por Morgana. Apesar de sua bravura, a Capitã Leone e seus seguidores foram superados pela determinação implacável de Morgana e seu bando.

Com a queda das três principais facções, Raijin se curvou diante da Víbora Celestial, que agora governava sobre a ilha como sua nova rainha. Os poucos sobreviventes das facções derrotadas foram forçados a se juntar aos Piratas de Morgana ou fugir para o exílio. E assim, uma nova era de domínio pirata começou em Raijin, com Morgana e seu bando estabelecendo-se como os soberanos supremos da tempestuosa ilha dos renegados.


Locais


Fortaleza Mamba: A Fortaleza da Mamba se ergue majestosamente no extremo norte da Ilha Raijin, como uma sombra imponente entre as densas selvas que a cercam. Construída sobre uma elevação rochosa, sua estrutura maciça é feita de pedra escura e impenetrável, uma fortaleza que inspira temor e respeito em igual medida.

Ao redor da fortaleza, as densas selvas se fecham, formando uma barreira natural que protege seus segredos e mistérios. Árvores antigas e emaranhados de lianas criam um véu de escuridão e intriga, escondendo as muitas cavernas sinistras que pontilham a paisagem.

As muralhas da Fortaleza da Mamba são adornadas com esculturas intrincadas e inscrições antigas, testemunhas silenciosas da história turbulenta da ilha. Torres de vigia se elevam acima das muralhas, oferecendo vistas panorâmicas das selvas circundantes e do mar agitado além.

Dentro das muralhas, há pátios espaçosos onde existem algumas casas de familias de piratas que eram das tripulações que estavam sob a bandeira do capitão Kusho. Dentro do prédio principal onde existem vários salões escuros que são iluminados por tochas crepitantes, criando uma atmosfera sombria e solene..

No coração da fortaleza, o Salão do Capitão é o ponto focal, um grande salão decorado com tapeçarias ricas e ornamentos exóticos. Aqui, o Capitão Kusho presidia sobre sua tripulação, seu trono de madeira esculpida um símbolo de seu poder incontestável, agora com a bandeira das piratas serpentes espalhadas pelo local, onde agora se encontra Hikari, a Diplomata responsavel por aquela parte da ilha.

Enseada da Tempestade: Na Enseada da Tempestade, onde antes as águas agitadas embalavam o imponente Rugido do Trovão, agora se ergue uma estrutura imponente e imponente que domina o horizonte. Por ordens de Morgana o antigo navio de Oojobi foi transformado em uma fortaleza que é mais do que uma simples defesa - é o monumento de conquista.

A estrutura é uma maravilha arquitetônica, com os mastros do antigo navio estendendo-se para os céus como guardiões silenciosos. A madeira escura e envelhecida do navio foi reforçada, transformando-o em uma fortaleza inexpugnável que inspira reverência em todos que a veem.

Os portões maciços se erguem como sentinelas inabaláveis, protegendo o Santuário das Amazonas de qualquer ameaça que possa surgir do mar ou da terra.

Dentro das muralhas, os pátios são amplos e bem cuidados, adornados com estátuas de guerreiras amazonas bem como estátuas da Deusa Medusa. Os corredores estreitos são iluminados por tochas que lançam uma luz dançante sobre as paredes de pedra, criando uma atmosfera ao mesmo tempo acolhedora e imponente.

O coração da fortaleza é o Salão das Amazonas, um salão grande e majestoso onde as guerreiras se reúnem para planejar estratégias e treinar em combate. Aqui, as líderes das Amazonas escolhidas a dedo pela capitã Morgana lideram com sabedoria e coragem, garantindo que a ordem e a segurança prevaleçam em Raijin, todas sob o comando de Nyx.

Palácio da rainha dragão: No coração da antiga Fortaleza Escarlate, que antes abrigava os Piratas Escarlate, ergue-se agora o majestoso Palácio da Rainha Dragão, o epicentro do governo de Morgana sobre a Ilha Raijin. Este palácio é muito mais do que uma simples residência - é um símbolo imponente do poder e da autoridade da rainha sobre a ilha.

As muralhas maciças do palácio se elevam em direção ao céu, imponentes e intimidadoras, projetando uma aura de força e proteção sobre os domínios da rainha. Torreões altos se estendem para o alto, como garras afiadas prontas para defender seu território contra qualquer intruso que se atreva a desafiar a soberania de Morgana.

Ao adentrar os portões do palácio, os visitantes são recebidos por uma visão deslumbrante. Os salões são ricamente decorados, com tapeçarias intrincadas e móveis suntuosos que refletem o bom gosto e o requinte da rainha. A luz do sol filtrada pelas janelas de vitrais cria um espetáculo de cores e sombras dançantes, enchendo os salões com uma atmosfera de magia e mistério.

No coração do palácio, o Salão do Trono é o ponto focal, um espaço grandioso e imponente onde Morgana recebe seus súditos e emissários. O trono da rainha, esculpido em madeira de ébano e incrustado com gemas preciosas, é uma obra-prima de artesanato e um símbolo do poder supremo de Morgana sobre Raijin.
Além de ser uma residência real, o Palácio da Rainha Dragão também é o centro do governo da ilha. Aqui, os regentes da ilha coordenam os assuntos políticos, econômicos e militares de Raijin, traçando estratégias e tomando decisões que moldam o destino da ilha e de seus habitantes.


Porto da serpente: O Porto da Serpente se estende ao longo da costa em uma cena pitoresca e convidativa. Este porto, renomeado em homenagem à rainha Morgana após sua ascensão ao poder, é a principal entrada e saída da ilha, oferecendo uma recepção calorosa aos viajantes que chegam.

As águas tranquilas do Porto da Serpente são uma visão bem-vinda para os viajantes após a jornada através dos mares tumultuados que cercam a ilha. O porto tem uma atmosfera mais descontraída e acolhedora, convidando os visitantes a desembarcarem sem obstáculos.

Ao longo das docas de madeira, os navios ancoram em um cenário animado e movimentado. Tripulações descarregam mercadorias enquanto pescadores exibem suas capturas do dia. O ar é permeado com o aroma salgado do mar e o perfume fresco das brisas tropicais, criando uma atmosfera agradável e revigorante.

À medida que os visitantes desembarcam no Porto da Serpente, são recebidos por uma cena de atividade e vitalidade. As ruas estreitas e sinuosas da cidade portuária estão repletas de mercados locais, tabernas acolhedoras e lojas de artesanato, oferecendo uma variedade de produtos e lembranças para os visitantes explorarem.
Apesar de sua simplicidade, o Porto da Serpente é um local de beleza e charme, onde os viajantes podem experimentar a verdadeira essência da vida em Raijin.

Selvas Tempestuosas: As Selvas Tempestuosas são uma característica marcante da paisagem da Ilha Raijin, envolvendo vastas áreas da ilha com sua exuberância sombria e impenetrável. Espalhadas por toda a extensão da ilha, essas selvas densas e tempestuosas são um reduto de mistério e perigo, onde o desconhecido espreita em cada sombra e cada folhagem.

Ao adentrar as Selvas Tempestuosas, os exploradores são envolvidos por uma sensação de claustrofobia e maravilha. Árvores altas se erguem em direção ao céu, seus galhos entrelaçados formando um dossel escuro que bloqueia grande parte da luz solar, criando um ambiente sombrio e misterioso mesmo durante o dia.

O chão da selva é um tapete de folhas caídas e vegetação densa, onde cada passo é acompanhado pelo som abafado de folhagem sob os pés. Cipós pendentes e trepadeiras serpenteiam ao redor das árvores, criando um labirinto verde que é fácil de se perder para os desavisados.

Apesar de sua beleza natural, as Selvas Tempestuosas são também um lugar de perigo iminente. Criaturas selvagens e ferozes espreitam entre as sombras, olhos brilhantes observando atentamente qualquer intruso que ouse invadir seu território. Serpentes venenosas, panteras negras e outros predadores são comuns neste ambiente hostil.

Além de ser um habitat para criaturas selvagens, as Selvas Tempestuosas também servem como esconderijos e refúgios para os piratas mais temidos da ilha. Grupos de renegados e fora-da-lei estabeleceram acampamentos secretos entre as árvores, usando a densa vegetação como cobertura para seus planos nefastos.

Para os habitantes da ilha, as Selvas Tempestuosas são áreas que poucos ousam explorar sem uma boa razão. Aqueles que se aventuram em seu interior devem estar preparados para enfrentar os perigos que lá residem, bem como para desvendar os segredos que as selvas guardam com tanto zelo.


NPC's



Nyx, a Tecelã

Descrição:
Nyx, a Tecelã, é uma presença formidável e respeitada em Raijin, uma figura cujo nome inspira tanto reverência quanto temor entre os habitantes da ilha. Seus traços físicos refletem a sua aura de poder e autoridade, com cabelos negros como a noite e olhos penetrantes que parecem capturar a essência da escuridão e da luz das estrelas ao mesmo tempo. Sua postura é ereta e confiante, revelando a determinação inabalável que é sua marca registrada.
Antes de assumir o papel de Guardiã Interina, Nyx era conhecida como uma pirata amazona, cuja habilidade em combate e estratégia eram notáveis. Sua reputação precedia-a, tanto entre aliados quanto inimigos, como uma guerreira implacável e astuta, capaz de enfrentar qualquer desafio com calma e precisão. Os rumores que cercam sua história apenas aumentam o mistério que a envolve, como uma pirata veterana, mesmo antes de fazer parte das piratas serpentes..
No entanto, apesar de sua reputação como uma guerreira formidável, Nyx é muito mais do que apenas uma mestra em combate. Sua inteligência afiada e sua habilidade estratégica a tornam uma líder excepcional, capaz de tomar decisões difíceis e conduzir seus aliados à vitória mesmo nas situações mais desafiadoras. Graças ao respeito que tem por sua capitã, a guerreira aceita com honra a missão de se tornar a regente interina da ilha representando Ela é conhecida por sua ética inabalável e sua devoção à causa de proteger e governar Raijin com justiça e equidade.
Nível: 18
Estilo de Luta: Lança trovão: Nyx é uma mestra na arte do combate com lança, combinando graciosidade e força mortal. Seu estilo de luta é uma dança fluida entre agilidade e precisão, usando sua lança para atacar e defender com habilidade impecável. Ela é ágil e astuta, capaz de desviar de ataques enquanto mantém seus oponentes sob pressão constante. Nyx também aproveita o terreno a seu favor, surpreendendo seus adversários com emboscadas e ataques estratégicos. Sua habilidade com a lança a torna uma oponente formidável, difícil de enfrentar e ainda mais difícil de derrotar.


Ryu Karsthark

Descrição: Ryu é um ser de mente afiada e presença marcante. Como ex-membro dos Piratas Escarlate e liderando os antigos membros de sua ex tripulação, ele ganhou renome por suas habilidades táticas e astúcia em combate, ganhando o respeito de aliados e o temor de adversários. Seu conhecimento estratégico é tão vasto quanto o horizonte do mar aberto, e sua capacidade de antecipar e responder às situações em constante mudança é incomparável.
Após a queda de sua facção, Ryu não sucumbiu à derrota, mas sim viu uma nova oportunidade de servir a uma líder ainda mais poderosa. Ele reconheceu o potencial em Morgana e rapidamente se uniu a ela, oferecendo seus talentos e lealdade em troca de uma nova causa para defender. Sua transição para o lado de Morgana não apenas reforçou sua posição, mas também trouxe consigo uma nova determinação e propósito.
Agora, como o principal estrategista do exército de Raijin, Ryu é encarregado de proteger o Porto da Serpente, uma tarefa que ele abraça com fervor e dedicação. Sua mente calculista e visão abrangente permitem que ele desenvolva planos complexos e eficazes para defender o porto de qualquer ameaça que se apresente. Ele é o arquiteto por trás das defesas que mantêm a ilha segura, e sua presença é sentida em cada decisão estratégica tomada em nome de Morgana.
Nível: 15
Estilo de Luta: Não Luta.


HIkari

Descrição: Hikari, é uma figura notável e admirada em Raijin, conhecida por sua habilidade excepcional em resolver disputas e negociar acordos entre facções rivais. Anteriormente parte dos Piratas da Mamba, ela ganhou reputação por sua capacidade de encontrar soluções pacíficas para conflitos que ameaçavam a estabilidade da ilha.
Após a guerra da conquista, Morgana tomou conhecimento das habilidades diplomáticas de Hikari. Em vez de uma escolha livre, Morgana ofereceu duas opções: se juntar a ela e servir sob sua bandeira ou enfrentar as consequências fatais de recusar sua oferta.
Percebendo que suas habilidades poderiam ser empregadas para o benefício de toda a ilha sob o comando de Morgana, Hikari prontamente jurou lealdade à rainha recém-coroada. Sua decisão de se unir a Morgana não apenas reforçou sua própria posição, mas também refletiu seu compromisso com a paz e a prosperidade de Raijin.

Nível: 15
Estilo de Luta: Atiradora.



Sakura, a Guerreira das Ondas

Descrição: Sakura, uma jovem sirena e uma pirata novata dentro da frota de Morgana. Anteriormente, ela era uma pirata em ascensão na ilha, conhecida por sua destreza em combate e habilidade incomparável em manobrar em meio às turbulentas águas ao redor de Raijin. Seu domínio sobre o mar e sua ferocidade em batalha a tornaram uma força a ser reconhecida entre os piratas locais.
Após a conquista da ilha, Morgana reconheceu o potencial tremendo de Sakura e a aceitou sob sua bandeira. Em vez de enfrentar a ira da nova rainha, Sakura viu uma oportunidade de expandir seus horizontes e aprimorar suas habilidades como guerreira sob a liderança de Morgana. Ela jurou lealdade à rainha e rapidamente ascendeu nas fileiras da frota, tornando-se uma das guerreiras mais ferozes e respeitadas.
Agora, Sakura lidera as embarcações de defesa da ilha. Seu conhecimento das águas ao redor de Raijin é incomparável, e ela usa isso para sua vantagem em cada batalha.

Nível: 17
Estilo de Luta: Espadachim.


Recursos


Nome: Cristais de Tempestade.
Informações
Tipo: Mineral.
Descrição: Os Cristais de Tempestade são uma rara e valiosa forma de cristal encontrada exclusivamente na Ilha Raijin. Eles são formados pela interação única entre os elementos da tempestuosa atmosfera da ilha e as areias da ilha. Os cristais possuem uma cor azulada intensa e são conhecidos por emitir um brilho suave mesmo na mais profunda escuridão.

Efeito: Os Cristais de Tempestade possuem propriedades elétricas únicas que permitem aos habitantes de Raijin utilizá-los como uma fonte de energia renovável. Eles são usados para alimentar dispositivos e máquinas que dependem da energia elemental da tempestade, como geradores eólicos e sistemas de iluminação. Além disso, os cristais também podem ser refinados e incorporados em armas, conferindo a elas propriedades eletrizantes. Armas encantadas com Cristais de Tempestade são capazes de lançar descargas elétricas em seus alvos, aumentando sua letalidade e eficácia em combate. (Armas com esse cristal podem aplicar paralisado I)
.




_________________

Ilhas do Kenshin J09J2lK
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t360-agatha-harkness https://www.allbluerpg.com/t2343-capitulo-i-poesia-com-uma-espada
Kenshin
Desenvolvedor
Kenshin


Imagem : Ilhas do Kenshin VB1QKO4
Créditos : 75

Ilhas do Kenshin Empty
MensagemAssunto: Re: Ilhas do Kenshin   Ilhas do Kenshin EmptySeg Mar 04, 2024 10:35 pm

Amazon Lily


Nome: Amazon Lily.
Sistema de governo: Tribalismo.
Regente: Maximilienne Périgord.
Densidade populacional: Alta (85% Kujas, o restante são outras raças).
Religião: Seguidoras da Medusa.

Clima: Tropical.
Temperatura média: Variantes de 25º a 35º.
Geografia: Amazon Lily é uma ilha de verão com duas principais divisões. A primeira é uma extensa e intensa selva de plantas tropicais que dão lar a diversos animais, sendo a segunda uma zona totalmente urbanizada pelas mulheres. Na sua maioria as praias são rochosas e de difícil acesso, no entanto, as melhores e mais belas praias são acessíveis para qualquer pessoa na ilha, podendo desfrutar com orgulho a água cristalina e a areia branca. Na ilha existem alguns pequenos montes com mais vegetação no seu topo, no entanto, o principal monte encontra-se no centro da ilha: o monte Kuja. Ele tem enormes cobras esculpidas, visíveis de bem longe e o nome da tribo nativa da ilha. Ainda no Monte Kuja, existe um enorme vale que abre espaço para toda a cidade e população das Amazonas.



História


A história da lendária ilha das mulheres tem em sua origem a base de sua religião, onde as seguidoras de Medusa venera a figura de mesma, uma mulher extraordinária que desafiou os próprios deuses em um passado distante, quando as mulheres eram menosprezadas. As Kujas são inspiradas pela coragem de Medusa e se comprometem a lutar contra qualquer injustiça perpetrada contra mulheres, independentemente de sua origem, posição social ou crenças. Sob os olhos da Deusa, todas as mulheres são consideradas irmãs e merecem igualdade e dignidade.

Conta-se na tradição religiosa que, diante da resistência dos deuses em reconhecer a igualdade das mulheres, Medusa buscou um local onde pudessem viver com justiça. Segundo a crença, ela separou a ilha sagrada da Red Line e a transportou para um lugar seguro no mundo, longe da opressão masculina, com a ajuda de Rag, uma grande cobra milenar. Inicialmente, alguns homens habitavam a ilha, mas foram banidos por terem mostrado ser indignos da confiança das Amazonas.

Os ensinamentos sagrados da religião não proíbem o contato com os homens, mas recomendam cautela extrema. É ensinado às Kujas a não confiarem cegamente nos homens, mas também a não julgá-los por crimes cometidos por outros. No entanto, como em todas as religiões, alguns seguidores extremistas podem interpretar erroneamente os ensinamentos, manifestando um preconceito injustificado contra todos os homens.

A essência de Medusa e de Rag é considerada residir dentro de todas as mulheres, tornando-as excepcionalmente fortes em comparação com mulheres comuns.

As escrituras profetizam que um dia uma poderosa Amazona emergirá para mostrar ao mundo que a busca por um mundo melhor para todos é capaz de superar qualquer obstáculo e inimigo. Embora haja poucos detalhes sobre essa Amazona, algumas histórias sugerem que o termo "Amazona" pode se referir a alguém, independentemente do sexo, que possui a força e a coragem de Medusa, embora a maioria dos seguidores acredite que essa figura seja uma mulher.

Durante séculos, a Ilha Amazon Lily permaneceu isolada do resto do mundo, protegida por sua localização remota e pelas lendas que a cercavam. As mulheres viveram em harmonia com a natureza, cultivando a terra e honrando os espíritos que a habitavam.

No entanto, tudo mudou quando Maximilienne Périgord ascendeu ao papel de líder da ilha. Ambiciosa e visionária, Maximilienne via além das fronteiras da ilha e sonhava em estabelecer laços com outras terras além do Calm Belt. Ela acreditava que a Ilha Amazon Lily tinha muito a oferecer ao mundo e que poderia prosperar através do comércio e da diplomacia.

Mas seus planos de abrir as fronteiras da ilha e negociar com outras ilhas fora do Calm Belt foram vistos como uma traição pelo Governo Mundial. O pacto de não invasão que mantinha a ilha segura há tanto tempo foi considerado quebrado, e a Marinha foi enviada para tomar controle da ilha e punir aqueles que desafiavam sua autoridade.

Maximilienne e as guerreiras da Ilha Amazon Lily enfrentaram a Marinha com toda a sua força, determinadas a proteger seu lar e sua liberdade. Uma batalha épica se seguiu, onde as mulheres demonstraram sua coragem e habilidade inigualáveis, resistindo bravamente aos ataques da Marinha.

Durante a batalha decisiva entre as guerreiras da Ilha Amazon Lily e a Marinha, enquanto o som dos conflitos ecoava pelas copas das árvores e o rugido do mar cercava a ilha, uma sombra imponente surgiu nos céus. Morgana Pendragon, uma amazona que estava fora da ilha a muito tempo aparecia em sua forma de dragão, desceu dos céus com um estrondo ensurdecedor, seu corpo escamoso brilhando sob a luz do sol.

As guerreiras amazonas, surpresas por sua chegada, viram naquela criatura mítica uma aliada. Com um rugido furioso, Morgana se lançou contra os inimigos da ilha, seus golpes devastadores abrindo caminho através das fileiras da Marinha. Ao lado de suas irmãs amazonas, ela lutava com ferocidade incomparável, suas chamas draconianas iluminando o campo de batalha.

Enquanto a batalha se desenrolava, a líder amazona, Maximilienne Périgord, destacava-se no calor da luta, liderando suas guerreiras com bravura e determinação. No entanto, em meio ao caos da guerra, ela foi atingida por um golpe fatal, caindo no campo de batalha enquanto suas irmãs lutavam ao seu redor.

A morte de Maximilienne foi um golpe devastador para as guerreiras da Ilha Amazon Lily, mas também serviu para inflamar ainda mais sua determinação de resistir à invasão da Marinha. Com o sacrifício de sua líder como inspiração, as mulheres lutaram com uma fúria renovada, defendendo sua ilha com unhas e dentes contra o avanço dos invasores.

Com a morte da líder amazona Maximilienne Périgord, um momento de silêncio pesado caiu sobre o campo de batalha. As guerreiras da Ilha Amazon Lily, envoltas em luto pela perda de sua comandante, viram-se momentaneamente desorientadas, enquanto os marinheiros da Marinha avançavam com renovada determinação.

Neste momento crítico, Morgana Pendragon, em sua forma híbrida de meio dragão, meio mulher, emergiu do caos da batalha. Seus olhos brilhavam com fogo e sua presença imponente causava temor mesmo entre os mais corajosos marinheiros. Com um rugido ensurdecedor, ela avançou impiedosamente contra a almirante da Marinha, que liderava o ataque.

Em uma demonstração impressionante de força e habilidade, Morgana enfrentou a almirante em um duelo feroz, seus golpes rápidos e precisos encontrando seus alvos com uma precisão mortal. Com um golpe certeiro, ela derrubou a almirante, sua determinação inabalável mudando o curso da batalha num instante.

O impacto da morte da almirante e a presença intimidadora de Morgana foram suficientes para afastar os marinheiros restantes, que recuaram em desordem diante da fúria da pirata dragão e das guerreiras amazonas. Enquanto o sol se punha sobre o campo de batalha, a Ilha Amazon Lily estava livre mais uma vez, suas defensoras emergindo vitoriosas de uma batalha que mudaria o curso de sua história para sempre.

Com a almirante derrotada e os marinheiros afastados, uma nova era se iniciava para a Ilha Amazon Lily. Morgana Pendragon, em sua forma híbrida, ergueu-se como uma figura de poder e respeito entre as guerreiras amazonas, sua coragem e determinação tornando-se lendárias em toda a ilha. Sob sua liderança e a memória da falecida líder Maximilienne, as mulheres da Ilha Amazon Lily se preparavam para enfrentar os desafios do futuro com renovada determinação e unidade, determinadas a proteger seu lar e sua liberdade a qualquer custo.
Locais


Palácio da Medusa - Descrito como o local de maior beleza da ilha construída pelas mãos dos nativos, suas esculturas de guerreiras e móveis de mármore dão uma beleza inigualável ao ambiente com guardas protegendo os seus dois grandes portões de pedra. Em seu interior, possui um jardim cuidado com maestria e flores lindas colhidas das selvas perigosas da ilha.[/quote]

Citação :
Coliseu - Uma das principais fontes de entretenimento da região é o principal tribunal de Amazon Lily, após o julgamento, os criminosos são colocados em batalhas para definir a sua punição, normalmente sendo o exílio ou a morte.

Citação :
Orfanato - Um local de grande respeito e amizade em que as crianças são criadas com amor protegidos por Marie-Helene. É o principal lar das crianças das quais perderam a sua mãe e um ambiente acolhedor, sua estrutura tem o tamanho de um grande quarteirão com diversas áreas de aprendizado de diferentes técnicas e estilos, sendo também um local de acesso ao estudo para as crianças mais novas.

Citação :
Dra. Stein Shop - Os melhores da tecnologia são encontrados aqui, desde ferramentas mais aprimoradas como serviços de diferentes tipos por preços que cabem em seu bolso. Em uma loja localizada no centro da ilha, a Dra. Stein coloca alguns de seus produtos para vender e devido ao sucesso, formou-se um pequeno bloco de comércios ao seu redor que vendem diferentes tipos de produtos.

Citação :
Prisão - Um bloco dentro da cidade com dezenas de jaulas em que os prisioneiros se encontram acorrentados e vigiados vinte e quatro horas por dia, é aqui que Lucy se encontra presa. O local é de difícil acesso devido as montanhas que o cercam e protegido por dezenas de amazonas com um portão de aço de dez metros de altura e muralhas tão grandes quanto.

Selva

Ocupando metade da ilha, uma selva perigosa e traiçoeira existe e onde há perigo, também há recompensas que podem valer o risco. Para alguns, é o local em que é possível se esconder das amazonas sem que sofra uma terrível busca, para outros, é o local perfeito para o estudo da biodiversidade da ilha.

Citação :
Toca das Górgonas - Em meio a selva e não tão distante da cidade, as Górgonas tem um acampamento camuflado que leva a um nível do subsolo em que elas podem se organizar e planejar com mais segurança e sigilo. Essa toca contém diversas armadilhas que apenas os integrantes sabem como passar por elas e conta com guardas furtivas para proteger de qualquer invasor desavisado.

Citação :
Laboratório Secreto da Dra. Stein - Um local protegido por máquinas e animais artificiais é o principal ponto de pesquisa da Doutora sobre tudo e todos os que existem na ilha. O local em si é bem camuflado para evitar qualquer visita desavisada e contém cinco níveis, três superiores sendo o térreo e dois andares e dois no subsolo onde as pesquisas mais perigosas são conduzidas.

Citação :
Ruínas Proibidas - As ruínas antigas encontram-se no coração da selva. São a única zona proibida para toda e qualquer pessoa que não seja a regente, a conselheira e os seus convidados. As máquinas de Stein têm ordem para atacar qualquer pessoa que tentar entrar no local. A lei sobre as ruínas existe há séculos, segundo a lenda a ruína é tão velha quanto as próprias amazonas. Reza a lenda que a própria Medusa descansa nas ruínas, esperando pelo dia que voltará a acordar para purificar o mundo dos homens impuros, petrificando aqueles que possuem maldade em seus corações.

NPC's


Marie-Helene Deschamps
Descrição: Marie-Hélène tem cerca de 190 anos, sendo assim a Kuja mais velha da ilha apesar da sua aparência jovial e bela. Quando nova, Marie viu de perto os horrores do envelhecimento e isso a deixou bem preocupada, estudando e inventando formas novas para manter a sua aparência para a eternidade, mas nunca se viu bem sucedida. Até que um dia teve a sorte de comer uma Akuma no Mi que tornou o seu sonho em realidade, nunca mais envelhecendo.

Marie apenas teve uma filha, no entanto, quando descobriu que ela não herdaria a sua benção de não ser afetada pelo envelhecimento, já era tarde demais. Desde o funeral da sua primeira filha, Marie nunca mais teve outra criança, mas isso não a impediu de desenvolver um forte afeto pelas outras crianças da ilha, tratando-as como filhas, especialmente Maximilienne, Marcelline e Lucy.

Desde a morte da sua filha, a mulher decidiu se tornar a mulher mais sábia na ilha, estudando sobre tudo e todos, especialmente as Akumas no Mi e as armas lendárias, para que pudesse passar o seu conhecimento para as suas irmãs Amazonas. Ela nunca teve interesse em se tornar líder da ilha devido ao enorme respeito que tinha pela regente anterior, contudo, com a morte dela muitas Amazonas incentivaram que a mulher tentasse se tornar líder desafiando Maximilienne, mas o interesse em ter o poder era 0, preferindo deixar essa tarefa nas mãos de uma pessoa capaz.

Marie-Helene, age como conselheira de Maximilienne, sendo completamente imparcial e pensando unicamente no melhor para as Amazonas e no que é certo. Além disso, é responsável por assegurar que o orfanato da ilha se encontre em condições para que nenhuma criança tenha que sofrer.
Nível: 14
Estilo de Luta: Artista Marcial
Akuma no Mi Yume Yume no Mi - Fruta dos Sonhos
Tipo: Paramecia
Descrição:  Esta Akuma no Mi permite o seu usuário ter não só o seu sonho/desejo mais profundo tornado realidade, como também ter total acesso e controlo sobre o mundo dos sonhos, manipulando-os e tendo acesso ao subconsciente da pessoa em questão de minutos.
Bônus:

  • Yume No Megami

    Quando num raio de 50 metros, o usuário torna-se capaz de invadir os sonhos de qualquer pessoa à sua escolha, sem mesmo precisar de ver ou conhecer a pessoa, apenas necessitando de entrar num estado de meditação profundo, onde nenhum fator externo consegue tirar, com a excepção de danos físicos extremamente fortes. O usuário ainda pode escolher deixar um grupo de pessoas presas no mesmo sonho.

    Quando entra no mundo dos sonhos, a realidade se torna distorcida e tudo que o usuário desejar se torna real naquele sonho, dobrando as leis do universo e podendo até mesmo criar um novo. Enquanto neste universo, o usuário tem total acesso ao subconsciente dos alvos, adquirindo TODO o conhecimento e vivências da pessoa, podendo até mesmo apagar ou distorcer fatos.

    Todo o dano sofrido no mundo dos sonhos é refletido no corpo real das pessoas, sendo ou não o do próprio usuário, permitindo assim a morte durante um sonho.

  • Yume No Miko No Me

    O usuário ganha no centro da sua testa um olho que pode ler todos os movimentos com extrema precisão e velocidade, auxiliando não só na luta como também na leitura corporal das pessoas no dia a dia, tornando-a capaz de identificar rapidamente as intenções das pessoas.


Dra. Erika Stein
Descrição: Dra. Erika Stein sempre buscou o progresso, desde muito nova estudava e já tinha as suas primeiras invenções. Para se tornar a melhor entre as melhores, a jovem nos seus 18 anos alistou-se na marinha, trabalhando como uma cientista e melhorando as armas e tecnologias do governo, no entanto, as suas experiências começaram a se tornar duvidosas, usando piratas capturados para realizar testes considerados desumanos. Após ser descoberta, a Dra. foi convidada a se afastar do governo e da marinha permanentemente.

Domada pela fúria de não ser compreendida, Stein decide começar a vender todo o seu conhecimento militar e tecnológico para piratas, revolucionários e alguns Caçadores em ascensão, tornando-se rapidamente uma criminosa procurada pelo governo. Aos 26 anos decide refugiar-se em Amazon Lily, terra natal de sua mãe, onde faz um acordo com a nova regente. Ela ajuda a ilha com novas tecnologias e armas, desde que possa continuar a fazer testes científicos. Com a presença de Stein na ilha, Amazon Lily tornou-se a par do resto do mundo a nível militar.

A Dra. tem um laboratório na cidade, onde é acessível para qualquer pessoa na ilha, no entanto, aqui não realiza nenhum teste, apenas vende artigos e presta alguns serviços. Todo o seu processo de criação e estudo ocorre no coração da selva, sendo fortemente protegido pelas suas máquinas com aparência de animais. Com ela anda sempre uma pequena máquina de modelo único chamada Spy Spy, uma máquina em forma de aranha de 15cm que consegue virar uma bola.
Nível: 8
Estilo de Luta: Atiradora (Prefere não lutar).

Máquinas Criadas Modelo: Watchers (Level 2)
Descrição: Máquina de Patrulha
Spoiler:

Modelo: Sawtooth (Level 6)
Descrição: Máquina de combate
Spoiler:

Modelo: Glinthawk (Level 5)
Descrição: Máquina de Combate
Spoiler:

]Modelo: Jäger (Level 10)
Descrição: Máquina de Combate
Spoiler:

Modelo: Sea Queen (Level 14)
Descrição: Máquina de Patrulha
Spoiler:

Jade Martell
Descrição: Jade foi salva pelas Najas (quando ainda estavam a mando da Regente anterior) quando era bem jovem. Ela era uma ex-escrava prestes a ser vendida para um Dragão Celestial no arquipélago Sabaody, mas acabou por ter a liberdade graças a um grupo de Najas. O grupo de mulheres libertou apenas as mulheres do leilão e as crianças, deixando os homens presos e à sorte do destino. Jade tornou-se grata às Amazonas, aceitando viver e aprender com elas na ilha e, quando chegou à idade adulta, decidiu retribuir o favor aos Deuses, juntando-se aos revolucionários e libertando escravos por todo o mundo.

Por quase se ter tornado numa propriedade do governo, Jade criou uma grande aversão ao mesmo, simpatizando bastante com os revolucionários. Acabou por se tornar uma revolucionária aos 16 anos, procurando a verdadeira paz no mundo, odiando o governo como instituição, compreendendo os marinheiros e alguns agentes, pelo menos os de patentes mais baixas. Quando descobriu que a regente havia falecido e estaria prestes a ser substituída por uma regente “modernista”, Jade voltou para a ilha das Amazonas para proteger a ilha de eventuais ações do Governo, não confiando nem um pouco nele.
Nível: 12
Estilo de Luta: Ladina.

Marcelline Bélanger
Descrição: A família Bélanger era uma das famílias nobres das Amazonas, pela disciplina, força e mira, mas após o abandono da filha mais velha das Bélanger da ilha com um homem, a família foi rebaixada pela regente anterior. Contudo, mesmo a família sendo mal vista, as Bélanger restantes continuavam de cabeça erguida e ajudavam jovens Amazonas que perdiam as mães numa idade jovem, acabando por acolher Annabelle num momento de necessidade.

Marcelline é uma jovem de 15 anos inteligente e focada que, mesmo se tornando a última da sua família na ilha com apenas 2 anos, continuou a lutar e indo atrás de superar todos os desafios impostos por ela. A garota sonha um dia encontrar a sua tia e perguntar para ela o real motivo de ter traído as amazonas, mas até lá precisa ser forte o suficiente para se virar sozinha.

Marcelline, por vezes, parece ser capaz de entender e falar com vários animais, especialmente cobras. Graças a essa habilidade, Marcelline domou várias cobras por toda a ilha que a protegem de invasores, contudo existem 3 que se destacam. Atualmente a garota trabalha para a Dra. Stein na sua loja e, muito raramente, no seu laboratório como uma mera assistente. Ninguém, nem mesmo a própria Marceline sabe que é uma usuária de Akuma no Mi.
Nível: 6
Estilo de Luta: Atiradora.
Akuma no Mi Teian Teian no Mi (Akuma dos Olhos)
Tipo: Paramecia
Descrição:  Esta Akuma no Mi permite o seu usuário induzir certos sentimentos e até mesmo pensamentos em outros seres vivos, sendo bem mais eficaz contra animais. Muito dificilmente esta akuma permite ao usuário induzir sentimentos ou vontades completamente contra a sua personalidade, como por exemplo ordenar o alvo se jogar num vulcão.
Bônus:

  • Apenas uma sugestão

    O usuário, apenas realizando contato visual, é capaz de dar pequenos comandos para o alvo. Quanto mais suscetível ele for, ou quanto menos racional ele for, maior será a facilidade em acatar o comando. Esta habilidade é passiva.

  • Toque Caloroso

    O simples toque deste usuário em outros seres vivos faz com que ele transfira algum tipo de sentimento para ele. Deixar a pessoa triste, feliz, com medo ou cheia de confiança. Em certos casos, consegue mesmo até deixar pessoas sonolentas ou cheias de energia. Assim como a habilidade anterior, esta habilidade é passiva.

Descrição: Lucy, assim como muitas Amazonas, não teve o luxo de ter uma mãe devido à escolha da mesma em viajar pelo mar sob a bandeira das Kujas, morrendo tragicamente numa luta contra piratas escravagistas. Márie-Helene rapidamente acolheu a mesma e cuidou dela como uma filha, treinando-a também para se juntar às Najas.

Dentro da organização, Lucy era considerada um prodígio e uma forte concorrente a se tornar futura líder do grupo. Lucy e Maximilienne cresceram como irmãs dentro e fora das Najas, a jovem de cabelos negros admirava a sua irmã adotiva e a respeitava acima de todas as coisas, talvez um pouco mais do que respeito e admiração. Um amor unilateral que nunca foi correspondido.

Quando Maximilienne se tornou a nova regente, Lucy já imaginava os novos planos que a sua amiga teria para a ilha e, embora discordasse deles, prometeu sob-juramento que jamais tentaria tirar a sua amiga do trono, sabendo que ela apenas pretendia o melhor para a ilha.

Contudo, muitas pessoas dizem que Lucy, após encontrar as suas Meitous durante uma missão de resgate, começou a enlouquecer, como se tivesse sido possuída por um espírito maligno causador de discórdia e guerra. Como se isso não bastasse, Lucy nutria um ódio pelos homens que era totalmente incompreensível até mesmo para as outras Amazonas. Um ódio irracional que apenas crescia a cada dia, chegando ao ponto de odiar e querer matar homens de qualquer raça e passando para mulheres que não fossem humanas em outras ilhas. Eventualmente acabou por tomar más decisões, atraindo em segredo inimigos poderosos para a ilha para que apenas pudesse ver todo mundo lutando até a morte. Isso acabou por causar a morte de várias Amazonas que tentavam proteger a sua ilha.

O império de terror de Lucy chegou ao fim quando perdeu para Maximilienne após a desafiar, sendo prisioneira após a sua derrota. Para ser mantida sob controle, a comida de Lucy é constantemente drogada todos os dias, para evitar que a mulher tente fugir. Mesmo algemada, é incrivelmente poderosa.

Lucy é uma pessoa mentalmente instável, falando sozinha e por vezes até na terceira pessoa. Por algum motivo, Lucy é a única pessoa na ilha que Marie não consegue invadir os sonhos, quase como se a mente dela fosse dividida entre duas ou mais pessoas. As suas Meitous ainda estão na ilha, em cima do trono da regente onde ninguém na ilha tem permissão de tocar ou usar. São mantidas como um símbolo para que todas que entrarem na sala para falar ou pedir algo a Maximilienne, se lembrarem que nem mesmo a sua melhor amiga foi perdoada de uma traição.
Nível: 15
Estilo de Luta: Nitoryu.

Descrição: Ishikawa Nao é uma mulher 100% tradicional, embora respeite e siga Maximilienne, a mulher ainda acredita que amazonas deveriam ser todas piratas, inimigas do governo e da marinha, organizações lideradas por homens. Nao ainda tem o costume de adaptar métodos extremos para proteger a imagem da ilha. Nao acredita que a única forma de ter o respeito dos homens é tirando aquilo que eles mais gostam e logicamente isso acabaria por rotular elas como piratas. Na sua juventude, Nao invadia navios marines e piratas, saqueando o máximo e deixando todos os homens à deriva no navio, enquanto dava às mulheres a oportunidade de a seguirem.

Nao é a general do exército Kuja, as guardas da ilha. Nao controla todos os movimentos dos navios na ilha, seja entrada ou saída, quando um navio não autorizado se aproxima na zona da ilha, Nao movimenta todas as soldadas para os navios para que eles tenham a oportunidade de voltar para trás antes de serem completamente destruídos.

Quando era mais nova, Nao entrou nas ruínas proibidas em segredo. Havia feito uma birra em casa e pensava em fugir da ilha, no entanto acabou por descobrir o conteúdo sombrio que existia dentro das ruínas. Nao nunca comentou com ninguém o que viu lá dentro, mas aquilo que viu fez com que ela seja extremamente contra as novas políticas. Por vezes, a mulher ainda tem pesadelos com as visões daquela noite.

Existem suspeitas de que Nao conspira com as Górgonas e que até mesmo é a líder delas na ausência de Lucy, no entanto não existem provas para comprovar isso e muitas preferem acreditar que isso são rumores para manchar a imagem da general.
Nível: 10
Estilo de Luta: Bárbara.

Rag

Descrição: Rag é uma cobra marinha com cerca de 900 anos. Ele não é um Rei dos Mares, mas é inegável que ele é o Rei daquele mar. Nenhum Rei dos Mares, pelo menos não após muitos anos virando comida de cobra, tem coragem ou motivo para entrar naquelas águas. Rag é uma criatura extremamente inteligente que vive no fundo do mar e protege a ilha dos Reis dos Mares, permitindo que os navios entrem e saiam da ilha em segurança.

Rag não aceita ordens de ninguém além da própria Medusa que, infelizmente, não se encontra mais viva. É uma criatura orgulhosa, tão orgulhosa que vê as criações da Dra. Stein (principalmente as Sea Queen) como uma forma patética de proteção. Por vezes, apenas por pura diversão, Rag joga uma ou outra Sea Queen fora do mar, cerca de 30 metros fora de água com um único golpe, claro que nunca jogando diretamente para a ilha, sempre mirando no próprio mar.

Em situações raras em que a ilha está sofrendo um ataque massivo, Rag aparece como último recurso, enrolando-se em volta da ilha e criando um escudo de carne. As suas escamas são mais duras que Kairoseki, o seu corpo tem cerca de 100 km de distância e os seus dentes poderosos conseguem devorar navios em questão de segundos. A sua voz é tão alta que faz o mar tremer, claro que o que ele fala está além da compreensão humana mas dá para compreender quando ele está furioso ou não.
Nível: 20


Recursos




_________________

Ilhas do Kenshin J09J2lK
Ir para o topo Ir para baixo
https://www.allbluerpg.com/t360-agatha-harkness https://www.allbluerpg.com/t2343-capitulo-i-poesia-com-uma-espada
 
Ilhas do Kenshin
Ir para o topo 
Página 1 de 1

Permissões neste sub-fórumNão podes responder a tópicos
All Blue RPG :: Além do game :: Área Off-
Ir para: